Intercâmbio na Espanha, veja como fazer sozinho ou com agência

Como fazer intercâmbio na Espanha

Espanha  / 

Fazer intercâmbio na Espanha pode ser uma grande experiência. Muito estudantes brasileiros optam por fazer um curso nas universidades espanholas e isso se deve ao fato de o país europeu ser o 9º que mais gasta com educação no mundo. Para se ter uma ideia, os gastos públicos anuais com um único aluno que esteja cursando um curso de ensino superior é maior que 10 mil dólares.

Além disso, um intercâmbio na Espanha pode lhe proporcionar experiências inesquecíveis. Com uma vida universitária agitada, o país da Europa é muito receptivo com estrangeiros e em algumas cidades “o entorno” das universidades são como corações, pulsam e exalam vida.

A universidade mais antiga do país é a Universidade de Salamanca, fundada em 1218, mas outras instituições de ensino também são reconhecidas e não é pela idade. O país espanhol é reconhecido por abrigar as escolas de negócios com mais prestígio no mundo, sendo um destino de grandes empresários de diversas partes da Europa e de outros continentes em busca de conhecimentos na área dos negócios.

Intercâmbio na Espanha

Para fazer um intercâmbio na Espanha, é preciso levar em consideração a proficiência no idioma. A maioria das universidades e instituições de ensino pedem que os candidatos tenham um nível de espanhol C1, além disso para permanecer no país por mais de 6 meses é necessário visto de estudos tipo D.

Para os interessados em fazer um intercâmbio na Espanha e que pretendem estudar, existe a possibilidade ainda de conseguir uma bolsa de estudos. A Fundação Carolina oferece com frequência, bolsas de estudo para professores e pesquisadores brasileiros. A Capes também tem bolsas no país europeu, assim como as próprias universidades espanholas disponibilizam bolsas de estudo.

Agências de intercâmbio na Espanha

Alguns candidatos preferem contratar agências de intercâmbio para agilizar as coisas, porém é possível fazer o processo todo sem ajuda de ninguém. Importante é ter em mente que contratar serviços custa dinheiro e se suas possibilidades econômicas e financeiras não são as melhores, o caminho pode ser buscar informações sobre como fazer um intercâmbio na Espanha ou até mesmo entrar em contato com as universidades e instituições de ensino de interesse de maneira solitária.

Pode ter certeza que você não é o único e nem o primeiro a fazer perguntas e mais perguntas sobre como estudar na Espanha. As empresas e instituições de ensino já estão acostumadas a lidar com interessados e até disponibilizam atendimento e kit’s de ajuda. Corra atrás dos seus sonhos e não tenha medo, a experiência de viver uma nova cultura e ainda sair dela com um diploma pode ser inesquecível.

COMPARTILHE

Amanda é jornalista brasileira e faz Mestrado em Ciências da Comunicação em Braga, Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.