Como nômades digitais ganham dinheiro: 4 soluções

Europa  / 

Um viajante do tempo, que tivesse pulado da década de 80 para os dias atuais, ia se surpreender com as profissões que são comuns atualmente. Youtuber, digital influencer, life coach e nômade digital são só alguns exemplos de trabalhos remunerados que nasceram e cresceram na era da internet. O home office está até ultrapassado, já que hoje é possível trabalhar enquanto viaja pelo mundo. Como nômades digitais ganham dinheiro é a pergunta que muita gente se faz, e nesse artigo nós vamos responder.

O que são e como nômades digitais ganham dinheiro?

Primeiro, vamos explicar o que são: os nômades digitais são profissionais que trabalham por vias digitais e de forma remota. Diferente do home office, onde o profissional trabalha em casa, o nômade digital não tem base fixa e pode realizar suas tarefas em qualquer lugar do mundo, desde que tenha acesso à internet.

Esse tipo de trabalho ganhou força nos últimos anos, graças tanto ao avanço da tecnologia quanto à necessidade de um estilo de vida mais flexível.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Cada vez mais as pessoas estão priorizando qualidade de vida a uma carreira sólida, e para isso muitos não se importam em largar um emprego estável, mas no qual se sentem infelizes, para viajar o mundo e continuar seu trabalho.

O que os nômades digitais fazem?

Basicamente, quem vive como nômade digital está sempre com o pé na estrada, conhecendo cidades, vilarejos e países e desfrutando da cultura local, mas ao invés de curtir como turista dedica um tempo diário para trabalhar remotamente.

E esse trabalho pode ser feito no quarto de um hostel, em uma cafeteria ou até dentro de um trem, desde que o local ofereça acesso à internet, pois é como nômades digitais ganham dinheiro.

Profissionais da área de comunicação, como jornalistas, designers e publicitários, estão entre os que mais aderem ao nomadismo digital devido à facilidade de trabalhar remotamente.

No entanto, muitos blogueiros, influenciadores digitais, professores, consultores e profissionais de diferentes áreas também estão achando seu espaço na internet e conseguindo trabalhar à distância.

Nômade digital vs Trabalhar no exterior vs Período sabático

Vale frisar que trabalhar pela internet é bem diferente de aceitar bicos como trabalhar em hostels, ser babá em casas de família ou lavar pratos em restaurantes.

O nômade digital faz seus trabalhos online e pode realizar as mesmas tarefas tanto dentro de casa quanto numa cidadezinha da Rússia, desde que tenha acesso à internet – diferente de quem vai para o exterior com a intenção de juntar dinheiro e trabalhar em qualquer área.

Além disso, muita gente (por desconhecimento ou ignorância) atribui o estilo de vida nômade a um período sabático e afastado do trabalho.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Não poderia ser mais diferente: o nômade prioriza sua carreira, mas de uma forma não tão tradicional, tanto que mesmo de longe dedica-se às atividades da mesma forma que faria presencialmente.

como nomades digitais ganham dinheiro

Como nômades digitais ganham dinheiro: 4 casos

Listamos as áreas mais comuns nas quais nômades digitais costumam atuar. No entanto, como toda profissão, é preciso experiência, qualificação e responsabilidade para conseguir bons resultados, e dificilmente você conseguirá ganhar dinheiro viajando amanhã começando hoje – portanto, paciência e persistência!

1. Blogs

Blogueiros existem aos montes, mas é preciso ter uma boa audiência e textos de alta qualidade para ganhar dinheiro através de um blog.

Para isso é necessário dedicação diária, temas que chamem a atenção do leitor e, principalmente, algo que faça com que o internauta volte mais vezes e assine a newsletter.

Blogueiros de moda, viagem, gastronomia e outros temas que fazem sucesso conseguem parcerias e fecham acordos de publicidade através daqueles banners dispostos no site.

Cada vez que uma pessoa clica nos banners o blogueiro recebe uma determinada quantia de dinheiro, e a mesma regra se aplica a canais no Youtube com aqueles anúncios que você pode até achar incômodo, mas que são o ganha pão daqueles profissionais na frente das câmeras.

2. Aulas e consultoria online

Graças ao Skype e até FaceTime é possível oferecer aulas à distância, e essa é uma das explicações de como nômades digitais ganham dinheiro.

Esse formato de ensino é mais popular para aulas de idiomas, principalmente entre aqueles que estão estudando a língua oficial do país onde residem e veem nas aulas online um meio de ganhar dinheiro e treinar.

Ao mesmo tempo, também é possível oferecer aulas de matemática, língua portuguesa, culinária e até consultoria sobre suas experiências viajando pelo mundo – pessoas querendo fazer o mesmo não faltam!

Aliás, a consultoria online também é um campo popular que explica como nômades digitais ganham dinheiro. Especialistas em determinada área ou profissionais contratados por empresas costumam atuar em projetos de curto ou médio prazo, o que permite vivenciar o nomadismo digital e ganhar uma grana com isso.

3. Freelas

Redatores, designers, tradutores, roteiristas e publicitários têm grandes chances de conseguir freelas e trabalhar em qualquer lugar do mundo. Sites como 99 Freelas, Get Ninjas e 99 Jobs oferecem oportunidades diversas.

Profissionais de TI, desenvolvimento web e marketing, além de fotógrafos e videomakers, também são bons concorrentes a trabalhar de forma remota como nômades digitais.

4. Empreendedorismo

Muitos nômades digitais começaram o próprio negócio através de e-commerces, investimento em ações ou mini franquias que permitem o trabalho remoto. Tendo acesso à internet e outras ferramentas é perfeitamente possível viajar e manter o negócio funcionando.

Dá para pagar as contas?

De início, é bom contar com uma reserva financeira para garantir a estadia no exterior sem maiores problemas.
Com o tempo e a experiência os trabalhos vão chegando, e mesmo que o retorno financeiro não seja dos melhores, a situação pode se normalizar aos poucos.

Blogueiros com bom público que estão dando os primeiros passos na publicidade online, por exemplo, podem ganhar até R$ 500 por mês, e aos poucos esse valor pode aumentar conforme os resultados apareçam.

É importante lembrar, no entanto, que assim como nômades digitais ganham dinheiro exercendo os trabalhos listados e outras profissões, a experiência dos outros nem sempre se aplica a todo mundo.

Na internet são muitos os exemplos de pessoas que tiveram sucesso nesse tipo de carreira e estão satisfeitas com a própria vida, mas o planejamento é essencial para não ser pego desprevenido e para ter onde correr caso as coisas não corram como gostaria.

Descubra ainda quais os melhores países para nômades digitais.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.