Ajuda para morar fora, veja as vantagens e desvantagens de contratar

Contratar ajuda para morar fora

Europa  / 

Quando decidimos morar no exterior, surgem muitas dúvidas. São dezenas de documentos e detalhes que precisamos preparar, reunir e organizar.

Muitas vezes é possível fazer tudo sozinho, mas em alguns casos contratar ajuda para morar fora pode facilitar, e muito, a vida. Mas que tipo de ajuda é possível contratar, será que vale a pena? Vamos esclarecer todas as suas dúvidas a seguir.

Quais tipos de ajuda para morar fora existem?

Existem profissionais de diversas áreas que oferecem assessoria e consultoria para quem deseja morar fora. O profissional mais comum é o advogado.

Advogados ajudam na parte legal

Muitos advogados são especializados em direito de imigração e oferecem serviços de vistos, cidadanias e abertura de empresas ou startups no exterior. O profissional é o mais indicado por ter conhecimento nas leis e legislações do país estrangeiro.

Outros profissionais que ajudam a tornar essa mudança mais suave

Além dos advogados, existem diversas pessoas que já moram no exterior há anos e oferecem serviços de consultoria para quem está iniciando o processo de morar fora.

Precisando abrir uma conta bancária na Europa?

Literalmente, em 5 minutos, você pode ter a sua conta bancária no banco N26, um banco digital que funciona na Europa toda.


Você não precisa de comprovar que está trabalhando nem que tem recebimentos mensais. Precisa apenas ter um endereço na Europa e o seu passaporte em mãos. Confira:

CRIAR CONTA NO N26 »

Como funciona a assessoria para cidadania

Os profissionais que oferecem assessoria para cidadania (italiana, portuguesa, espanhola, entre outras) facilitam o processo de busca de documentos, certidões de nascimento, casamento e óbito, além de darem entrada no pedido de cidadania.

Assessoria para nacionalidade portuguesa, veja se é mesmo necessário contratar.

Assessoria no Brasil ou na Europa?

O processo de cidadania pode ser feito, tanto no Brasil com ajuda de profissionais da área, ou então já no país onde a cidadania está sendo solicitada.

Assessoria no país de destino é mais rápido

O que diferencia a contratação da ajuda para cidadania no Brasil ou já no país estrangeiro são dois fatores: dinheiro e tempo. As cidadanias podem levar anos quando solicitadas no Brasil e apenas semanas ou meses já no país de destino.

Mas, um fator a ser levado em conta é que, ao contratar uma assessoria para cidadania você precisará investir um dinheiro maior do que se fizesse tudo sozinho.

Assessoria para visto

A assessoria para o visto pode ser algo mais simples e mais barato, dependendo do país ou tipo de visto que você busca.

Muitos profissionais auxiliam na documentação necessária para entrar com o pedido de visto no Consulado do país estrangeiro, indicam o melhor consulado e, muitas vezes conseguem acelerar o processo, por estarem ligados nas informações consulares e, inclusive, podem indicar a melhor época e cidade para a solicitação do pedido de visto.

Consultoria para morar fora

A consultoria para morar fora é uma ajuda para quem ainda está pensando em sair do país. Os profissionais que oferecem consultoria analisam seu perfil, tiram dúvidas sobre o país, informam como está a sua profissão por lá e dão dicas de quem já passou por todo esse processo.

Saiba mais sobre como funciona a consultoria para morar fora e se vale a pena ou não contratar.

Busca de certidões

Busca de certidões no exterior
A busca de certidões para fazer a cidadania pode ser algo extremamente complicado e demorado para quem está no Brasil.

Mas existem profissionais especializados nesse serviço e que você pode contratar. Normalmente são advogados, que possuem uma equipe no país estrangeiro. Esses profissionais localizam os locais de nascimento, igrejas ou cartórios e encontram as certidões necessárias para o processo de cidadania.

Confira um guia para fazer a busca de certidões em Portugal.

Despachante

O despachante é o profissional pago para fazer um serviço que você não quer, não pode ou não consegue fazer. Ele leva documentos, vai aos consulado, cartórios, ou órgãos para emissão ou entrega de documentos.

Agência de emprego no exterior

As agências de emprego no exterior podem auxiliar na obtenção de um emprego fora do país. Elas verificam as vagas abertas e analisam seu perfil profissional, dessa forma elas agendam entrevistas e podem facilitar o processo.

Também já compartilhamos várias dicas para conseguir emprego no exterior.

Vantagens e desvantagens da ajuda para morar fora?

Vale a pena ajuda para mora fora?
Entre as vantagens de contratar ajuda para morar fora estão a rapidez e agilidade do processo, a diminuição ou anulação de erros que sozinho você poderia cometer, a economia de dinheiro em possíveis enganos com certidões, documentos ou idas desnecessárias ao cartório.

Facilita muito a mudança, mas pode custar caro

Além disso, os profissionais que trabalham com esse segmento possuem experiência e podem facilitar, e muito, a sua ida para o exterior.

Já entre as desvantagens de contratar ajuda para morar fora estão o dinheiro do trabalho e das horas desses profissionais (que dependendo da experiência/renome podem ser caros).

Veja também quem têm direito e como obter a:

Mas saiba que é possível ir para o exterior sem ajuda

Agora, se você planeja ir para o exterior sem ajuda, você precisará de muita organização e planejamento. É possível fazer tudo sozinho, mas você precisará ler bastante, imprimir uma lista com um check-list, ir atrás dos documentos e estar bem atento para não deixar passar nenhum detalhe na documentação exigida.

É preciso visto para a Europa? Entenda em que situações pode ser necessário um visto para ir para a Europa.

Vale a pena usar ajudar para morar fora?

Com certeza vale a pena. Ter ajuda de bons profissionais pode aliviar muito seu estresse e ansiedade para resolver tudo. Contratar ajuda para morar fora pode te fazer poupar tempo e evitar erros.

Se você está pensando em morar fora, faça um planejamento, junte dinheiro e verifique todos os documentos e informações que você irá precisar. Quanto mais esclarecido e informado você estiver, mais tranquilo passará por todo esse processo, que é burocrático, mas com certeza vale a pena.

Qual a sua opinião? Vale ou não vale a pena contratar ajuda para morar fora?

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.