Você já precisou ou precisa enviar dinheiro para o exterior? Então vou compartilhar com você a minha experiência na “saga” de enviar dinheiro para o exterior de uma maneira que fosse prática, legalizada e que não me cobrasse taxas absurdas. Saiba então como enviar dinheiro com taxas baixas.

Enviar dinheiro com taxas baixas: tudo o que precisa saber

1. As dificuldades de enviar dinheiro para o exterior

A primeira grande dificuldade que temos quando vivemos fora e precisamos transferir dinheiro entre países, é que mesmo que seu banco tenha sede nos dois países, você não consegue movimentar a conta do outro país. Eles na prática são bancos completamente diferentes.

Burocracia dos bancos tradicionais

A primeira coisa que tentei fazer, foi enviar dinheiro do meu banco do Brasil para Portugal, e me deparei com uma burocracia que nunca tinha imaginado. Acessei a minha conta online e descobri que não conseguia enviar dinheiro para o exterior pela internet, e que precisaria ligar para o meu banco no Brasil (alguns bancos já fazem a transferência online).

Liguei para o meu banco (mesmo sendo uma ligação internacional caríssima), falei com o gerente e ele me explicou que eu tinha que ter uma autorização escrita para fazer transferências internacionais. Depois desse problema resolvido, voltei a falar com o gerente para fazer a transferência, e toda vez que fosse realizar a transferência teria que ligar para o banco e solicitar a transferência.

Taxas altas e câmbio inflacionado

Depois de passar por toda a burocracia, veio o susto: eles cobravam um valor fixo por cada transferência, mais uma porcentagem do valor enviado. Se eu fosse enviar quantias baixas, as taxas podiam ser superiores a 10% do valor enviado.

Além das taxas abusivas, tem outra coisa que os bancos fazem para cobrar mais. Eles tem o preço do euro/dólar inflacionados para envio de dinheiro ao exterior, significa que você sempre está pagando mais do que a moeda vale e vai receber menos dinheiro no final, assim eles conseguem mais margem de lucro em todos os envios.

Tempo de espera pelo dinheiro

Mesmo que eu aceitasse passar por toda a burocracia de ligar e solicitar a transferência por telefone todas as vezes, e que aceitasse pagar todas as taxas e o preço inflacionado da moeda, ainda teria que esperar para receber o dinheiro em um período de 7 a 10 dias úteis.

2. Como eu envio dinheiro para Portugal atualmente

Atualmente eu envio dinheiro para Portugal pela Transferwise e vou te explicar por que foi a melhor opção que eu encontrei até o momento.

Online e fácil

O primeiro ponto, é que eu posso fazer tudo online, sem precisar ligar para gerente de banco, e não preciso contar com a ajuda/disponibilidade de alguém no Brasil para me enviar dinheiro.

Você faz um cadastro simples, com os seus dados e coloca as informações da sua conta no exterior. Depois insere a quantidade em R$ que quer enviar, o site informa uma data estimada para o dinheiro chegar (sempre chega um pouco antes da data estimada) e gera um boleto.

Você paga o boleto através do seu banco online e pronto. O dinheiro vai cair na conta do exterior informada (você pode cadastrar várias contas).

Seguro e certificado

Outra coisa que fui ver antes de enviar dinheiro com taxas baixas, era se o serviço/empresa eram seguros e se era legalizados. O site é completamente seguro, e o melhor de tudo é que gera um boleto, ou seja, não precisa pagar nada no site da Transferwise.

A TransferWise é autorizada pela FCA (Autoridade de Conduta Financeira) sob a Regulamentação de Dinheiro Eletrônico de 2011, para a emissão de dinheiro online. Ou seja, legalmente eles estão autorizados para prestar esse serviço e são a melhor forma de enviar dinheiro com taxas baixas.

Taxas justas e transparentes

Além dessa facilidade de enviar online, esse foi o serviço que encontrei com melhor taxa de envio. Eles cobram uma comissão de 2.5% do valor enviado (incluíndo o IOF obrigatório do governo brasileiro) e nada mais. O valor do euro/dólar é o valor do momento, eles não trabalham com um valor próprio (e inflacionado) como os bancos.

3. Alternativas para enviar dinheiro ao exterior

MoneyGram, Western Union e Correios

MoneyGram, Western Union e Correios tem um serviço muito semelhante para o envio de dinheiro para o exterior. Funciona assim: você precisa ir até a loja física, com o dinheiro em reais (R$) e indicar o país/cidade e o nome completo/documento da pessoa que vai retirar o dinheiro no exterior. O valor cobrado no câmbio já é um pouco mais realista do que o banco, e tem uma taxa aceitável (mas não é atrativa).

Depois de enviado, você recebe um código que informa para a pessoa que está no exterior e ela vai na loja e retira o dinheiro usando seu documento e o código informado. A parte boa é que o dinheiro fica disponível para sacar no exterior minutos depois.

O meu maior problema nesse serviço é que eu ficava dependente de algum amigo/parente ir mensalmente sacar uma quantia alta (o que é perigoso no Brasil) e levar até a loja para me enviar o dinheiro.

4. Economize já na sua próxima transferência

Como eu testei e comparei diversas alternativas e cheguei a conclusão que a Transferwise é atualmente a melhor maneira de enviar dinheiro com taxas baixas para o exterior, eu recomendo que você Transferwise para enviar dinheiro.

Simule um envio pela Transferwise

Comparador de envio de dinheiro para a Europa

Comparar

Valores obtidos em tempo real e concedidos pelos próprios serviços listados abaixo, sob responsabilidade dos mesmos.

Nota: os valores apresentados são para envio de dinheiro para o mesmo titular, sendo aplicado um IOF Imposto sobre Operações Financeiras, retido pela Receita Federal de 1.1%.
Os valores apresentados para a Remessa Online podem ser diferentes do site oficial, pois no mesmo é aplicado um IOF de 0.38% (envio entre 2 titulares).