Como é morar na Inglaterra?

Inglaterra  / 

É claro que o Brasil tem cidades com uma qualidade de vida excelente, mas morar na Inglaterra é sim, muito bom. Ficar longe da família é o lado negativo de morar fora, mas pelo menos até agora a minha experiência tem sido enriquecedora.

Quer saber um pouco mais sobre como é viver em solo inglês? Então não deixe de acompanhar esse artigo especial.

Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil.


Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem. Faça uma cotação online sem compromissos e confira as várias opções de seguro para a sua viagem.

FAZER COTAÇÃO »

Quais as melhores cidades para morar na Inglaterra?

Todo mundo conhece as melhores cidades inglesas para morar e trabalhar, mas você já ouviu falar das chamadas “market towns? São pequenas cidades localizadas em áreas rurais da Inglaterra e que atuam como uma espécie de centro de negócios para as vilas vizinhas e fazendas ao redor. Elas também receberam o histórico direito legal de manter um mercado semanal. Eu moro em uma e amo!

Cidade da Inglaterra

Segundo o mais recente estudo encomendado pelo Royal Mail, essas cidades oferecem um bom equilíbrio entre vida pessoal e profissional, boas escolas e um número baixo de pessoas que trabalham longas horas. O resultado da pesquisa foi baseado em ganhos médios da população, valor das casas, acesso a serviços, números de crimes, escolaridade da população local e número de desemprego.

Além de serem super charmosas, na minha opinião, elas oferecem uma excelente qualidade de vida, com dezenas de parques, atividades ao ar livre típicas do interior da Inglaterra, e uma porção de pubs bem ingleses e cafés super charmosos. O relógio anda mais devagar por aqui, mas para quem gosta de tranquilidade, é o lugar para morar.

Se você quer morar na Inglaterra, segue a lista das melhores “market towns” para se viver e trabalhar:

  • Egremont;
  • Wotton-under-Edge;
  • Ulverston;
  • Wigton;
  • Todmorden;
  • Clitheroe;
  • Elland;
  • Broughton in Furness;
  • Sowerby Bridge;
  • Bingley.

É preciso visto para morar na Inglaterra?

A resposta é sim! Você vai precisar de visto para morar na Inglaterra, a não ser que tenha cidadania europeia. Nesse caso, e pelo menos até a saída oficial do país da União Europeia, (Brexit) você pode entrar e sair sem problemas do país.

Mas apenas com o passaporte brasileiro, para morar na Inglaterra, você vai precisar de um visto específico de acordo com o motivo da sua residência. O procedimento deve ser feito ainda no Brasil e com pelo menos três meses de antecedência da sua viagem.

Se você tiver alguma dúvida, basta entrar no site do Governo Britânico e preencher as informações necessárias que a própria página te direciona para o visto que você deve aplicar. Os vistos básicos para morar na Inglaterra são:

Visto de família

Se você for casar ou é casado com um cidadão britânico. Leia aqui mais detalhes.

Visto de trabalho

Você pode solicitar um visto de trabalho para trabalhar legalmente na Inglaterra.

  • Tier 1 – visto para empreendedores; empreendedores recém-formados; investidores; talentos excepcionais,
  • Tier 2 – trabalhadores de alta capacitação profissional que possuem suporte da empresa; serviços prioritários; transferência de empresa estrangeira para a Inglaterra; trabalhadores de ordem religiosa,
  • Tier 5 – trabalhadores temporários – intercâmbio, voluntariado, participação em eventos esportivos ou religiosos; treinamento e pesquisa.

Veja mais informações sobre o visto de trabalho

Visto de estudante

Há também a possibilidade de estudar por uma temporada na Inglaterra:

  • Tier 4 – estudantes que desejam morar na Inglaterra por um período inferior ou superior a seis meses,
  • Tier 5: estudantes que estejam vinculados a algum programa de mobilidade com duração máxima de dois anos.

Saiba mais sobre o visto de estudo.

Documentos necessários

De forma geral, os documentos necessários e comuns a todos os casos são:

  • Passaporte atual e válido (com pelo menos um folha em branco);
  • Fotografia;
  • Extrato bancário;
  • Comprovar fluência no Inglês;
  • Atestado Médico (teste de tuberculose)
  • Seguro de Saúde

Todos os documentos devem ter tradução juramentada e autenticados pelas autoridades competentes para o inglês ou galês. Em caso de dúvidas, consulte aqui as informações para realização deste processo. Para solicitar o pedido de visto você precisa acessar o link oficial do governo.

Quanto custa morar na Inglaterra?

O custo de vida na Inglaterra vai depender bastante da cidade onde você vai morar e do seu estilo de vida. Londres é, sem dúvida, o lugar mais caro para morar na Europa. De todos os gastos, 42,7% é com aluguel, 20,3% supermercado e 12,3% transporte? Enquanto Leeds, no norte da Inglaterra, o custo mensal é de £615 e em Liverpool £576.

Com base em informações do site Numbeo, o custo de vida médio mensal para uma pessoa é de £771,8, considerando gastos básicos com mercado, transporte, comida, serviços e lazer, sem levar em conta o valor do aluguel. É possível comparar outros gastos aqui.

Comparação de custo de vida
  Londres Leeds Liverpool
Apartamento (1 quarto) 1,608 £ 672£ 648£
Despesas (água, luz, aquecimento, lixo) 139£ 131£ 137£
Internet 31£ 34£ 26£
Transporte (passe mensal) 132 £ 60£ 65£
Mercado 75 £ 55£ 50£
Academia 47£ 26£ 28£

Você pode consultar o site do governo para tirar duvidas em relação a impostos, benefícios e outras informações. E também não deixe de ler mais detalhes sobre como alugar apartamento na Inglaterra

Há emprego na Inglaterra para brasileiros?

Se você planeja morar na Inglaterra e precisa de um emprego, a boa notícia é que há empregos para brasileiros por aqui. O tipo de trabalho e o salário vão depender claro, do seu nível de inglês ou experiência anterior. Mas você não fica sem trabalho, com certeza. Se quiser uma ajuda para pesquisar vagas no exterior, leia nosso artigo.

É preciso inglês?

Bem, a resposta depende muito do tipo de trabalho que você procura. Inglês é sempre importante, mas para alguns empregos não é requisito essencial. Vagas como diarista, babá, serviços gerais, garçom/garçonete são alguns dos exemplos de trabalhos que não exigem fluência na língua. Nós também já demos dicas para fazer uma entrevista de emprego em inglês.

Mas quanto melhor for o seu nível de inglês, com certeza melhores serão as suas chances de conseguir um emprego com um ótimo salário, e na sua área de qualificação. Então porque não aproveitar a chance para aprender inglês?

Quais as áreas profissionais em falta?

Segundo especialistas, alguns setores Inglaterra terão mais dificuldade em achar profissionais qualificados depois do Brexit, como na agricultura, setor de hotéis e restaurantes, construção, indústria e saúde. Acompanhe aqui mais detalhes.

Saiba também como ligar para a Inglaterra pagando menos.

Como é o clima na Inglaterra?

Falar do clima por aqui é praticamente inevitável. Todo mundo comenta sobre isso o tempo todo. Para começar a explicar, as estações do ano são opostas às brasileiras. De dezembro até meados de março é o inverno, de março até junho é a primavera, junho a setembro temos o verão e de meados de setembro até dezembro é o outono.

Mas se você pretende morar na Inglaterra, eu preciso dizer que o clima aqui é bastante imprevisível. Ou seja, no meio do verão você pode ter um dia bem frio e, de repente, temperaturas altas no dia seguinte. Mas claro que cada região tem suas características particulares. No geral, no entanto, as variações de temperatura são menores durante o verão, entre 16° C a 21° C. Já no inverno, os termômetros podem variar em torno de 5° C a 10° C.
Como morar na Inglaterra
As chuvas são bem regulares durante todo o ano, mas são mais frequentes no verão, chovendo mais na costa oeste do que na costa leste. No entanto, ao contrário do que muitos pensam, a média de chuvas em Londres é menor do que em muitas outras capitais. A diferença é que aqui você vai ter muito mais dias nublados e com garoa do que na maioria das outras cidades.

Como é a Saúde na Inglaterra?

O Sistema de Saúde Público (National Health System – NHS) é muito eficiente e organizado. É gratuito para residentes legais, incluindo cidadãos europeus e seus dependentes. Você deve se inscrever no posto local, determinado pelo seu endereço, portando passaporte e comprovante de endereço.

Após preencher um formulário básico, em poucos dias você receberá uma carta com seu número de registro e o nome do seu médico de família, mais conhecido como GP (General Practitioner).

Caso você não se encaixe em um desses casos, você vai precisar pagar uma taxa para acessar o sistema de saúde. Dê uma olhada no site do governo para saber os valores. Mas os valores geralmente são bem acessíveis.

Saiba mais sobre a saúde na Inglaterra.

Como funciona o Sistema de Saúde?

Em casos simples, ele será o primeiro contato em caso de necessidade médica e poderá te passar uma receita para adquirir os remédios a custos muito baixos, muitas vezes até de graça. Para agendar o atendimento você precisa ligar no início da semana.

Já em situações mais graves, o GP fará uma primeira triagem e vai informar o hospital e a especialidade em questão. Uma carta será enviada para a sua casa com a data marcada para a consulta com o especialista. Você será atendido pelo médico que estiver de plantão no dia.

Em alguns casos, se você não tiver tempo de ir ao GP, pode ir diretamente ao hospital e será atendido por um plantonista. Aqui a comunicação é toda feita via carta.

Remédios

A maioria dos remédios é gratuita e dada diretamente ao paciente. EM alguns casos você pode retirar na farmácia, também sem custo ou pagar um valor muito baixo por ele. Pílulas anticoncepcionais são gratuitas. Menores de 18 anos e aposentados também não pagam.

É importante ter um plano de saúde privado?

A diferença para o sistema público é que no plano de saúde particular você tem a possibilidade de escolher o seu médico, mas é claro que você paga por isso. O Bupa é o maior e mais conhecido da Inglaterra.

Vantagens e desvantagens de morar na Inglaterra

Bem, levando em consideração a minha experiência como brasileira, acho que posso destacar alguns pontos positivos e negativos de morar na Inglaterra.

Vantagens

Impostos

os impostos não são baratos, mas você vê para onde seu dinheiro está indo. Buraco na rua não dura mais que um dia; serviço social, sistema público de saúde eficiente, ensino público de qualidade são apenas alguns dos exemplos de dinheiro bem empregado.

Segurança

é claro que existem problemas, especialmente nas grandes cidades, mas no geral você se sente muito tranquilo na maioria das cidades na Inglaterra. E sabe uma coisa bem engraçada? Onde eu moro já cansei de perder meu casaco na rua e encontra-lo exatamente onde estava dias depois. Raramente as pessoas pegam as coisas que não são delas.

Transporte público

eu não tenho carro e, sinceramente, não é necessário. Você tem a opção de trem e ônibus nas cidades menores e Londres, por exemplo, tem o famoso metro. É muito fácil andar por aqui.

Organização

tipicamente inglês, todos os serviços aqui funcionam muito bem.

Desvantagens

Clima

para quem gosta de sol e calor, como eu, pode ser um pouco complicado a adaptação inicial. O verão é uma delícia, mas no resto do ano você vai viver com longos dias de frio, garoa e céu nublado.

Custo de moradia

em geral o custo para alugar um apartamento ou casa, especialmente nas grandes cidades, é bem alto. Londres então, nem se fala.

Costumes e hábitos

durante o tempo que estou aqui pude perceber que há uma boa diferença entre brasileiros e britânicos. O que é engraçado para nós, muitas vezes não é para eles, o que é aceitável no Brasil é totalmente inadmissível na Inglaterra. A gente aprende a entender e aceitar, mas muitas vezes não é fácil.

Sistema de saúde

a saúde no sistema inglês não é preventiva, diferente do Brasil. Eles evitam a qualquer custo realizar tratamentos até que seja realmente necessário e é muito raro você realizar exames de rotina.

Morar na Inglaterra depois de se aposentar

A grande maioria das cidades na Inglaterra é excelente para viver depois que você estiver aposentado. O sistema público de saúde funciona muito bem em boa parte delas, assim como praticamente todas oferecem tudo o que você precisa em termos de supermercado, farmácia, serviços, atividades culturais e muito mais.

Claro que o lugar onde você irá ter seu endereço fixo depende muito do seu estilo de vida, mas se você quer morar na Inglaterra depois de se aposentar, eu recomendo procurar algumas dessas cidades do interior onde o ritmo é muito mais calmo e a qualidade de vida, sem dúvida, muito maior do que em cidades grandes.

Onde eu moro, por exemplo, é possível fazer tudo a pé. A facilidade de se viver em uma “market town” é tão grande que você fica até mal acostumado.

Vale a pena morar na Inglaterra?

Muitos amigos perguntam se vale a pena morar na Inglaterra. E eu digo: com certeza. Lógico que algumas cidades são melhores do que outras e nem tudo são flores, mas o saldo geral é super positivo.

Qualidade de vida, segurança – especialmente nas cidades menores -, sistema público de saúde eficiente, ensino de excelência desde o primário até a universidade, boas oportunidades de trabalho, entre outros fatores.

Eu vim morar na Inglaterra e não me arrependo. Você tem tudo o que precisa aqui e com uma facilidade surpreendente. Mas se precisar, leia nossas dicas para morar no exterior.

Dicas para se mudar para a Inglaterra

A primeira dica para morar na Inglaterra é fazer um bom planejamento. Pesquisa nessa hora é primordial. Você precisa pensar em qual cidade quer viver, dependendo de onde é o seu trabalho ou faculdade, por exemplo, ou considerar o equilíbrio entre custo e qualidade de vida.

Faça uma lista e pesquise as melhores cidades para morar na Inglaterra, conheça as características de cada região, o que elas oferecem em termos de oportunidades de trabalho, infraestrutura, facilidade de transporte, custo de vida – valor de aluguel, alimentação e outros gastos devem ser considerados.

Com o visto em mãos e a cidade escolhida, o resto do processo é praticamente o mesmo para ir morar em qualquer outro lugar: escolher casa e etc. Então se você quer morar na Inglaterra, não deixe de ler tudo sobre o país.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.