Reino Unido poderá ter novo confinamento: veja a situação atual da Covid no país

Apesar de o primeiro-ministro Boris Johnson afirmar que fará o possível para evitar um novo lockdown no país, este não está totalmente descartado. E pode ser anunciado em breve. Entenda por que o Reino Unido poderá ter novo confinamento.

Reino Unido poderá ter novo confinamento

A suspeita de que um novo confinamento no Reino Unido está em vias de ser decretado vem, primeiramente, do elevado número de novos casos. Segundo o ministro da saúde do Reino Unido, Matt Hancock, os casos de Covid-19 voltaram a aumentar em um ritmo semelhante ao do início da pandemia, em março.

Cerca de 3 mil a 4 mil testes positivos são registrados diariamente. Em termos comparativos, a França vem registrando número superior: 10 mil por dia. Mas Hancock confirmou que as internações hospitalares estão dobrando a cada oito dias, o que é o dado mais alarmante.

Novo lockdown está sendo estudado

Segundo o jornal Financial Times, ministros britânicos já estariam discutindo novas medidas nacionais para conter o vírus, o que poderia conter definições quanto a um lockdown nacional.

Em algumas regiões, lockdowns parciais já estão sendo adotados e o país adotou, recentemente, a regra de proibir reuniões com mais de seis pessoas. No entanto, foram mantidos pelo governo a volta ao trabalho e a reabertura das escolas.

Por que escolhemos a Goldenergy em Portugal?

Previsões alarmantes para os próximos meses

Para complementar, na segunda-feira (21), dois conselheiros do governo, Chris Whitty e Patrick Vallance, apresentaram à imprensa previsões ainda mais preocupantes: que o número de casos diários poderia passar de 3.105, registrados no dia 15 de setembro, para 49 mil em 13 de outubro. E que o número de mortes poderia subir para 200 ao dia até o mês de novembro.

O Reino Unido vive, atualmente, o outuno, que favorece a proliferação das infecções respiratórias. Para eles, quando o inverno chegar será “muito desafiador”.

“Se não fizermos o suficiente, o vírus decolará, e neste momento está claro que é este o rumo no qual estamos, e se não mudarmos de direção nos veremos com um problema muito difícil”, afirmaram, segundo a Reuters.

Ainda assim, o ministro da saúde considera o bloqueio como último recurso, mas admite que o governo terá que fazer o necessário para conter o vírus. “Não tenho a resposta agora”, limitou-se a afirmar.

O Reino Unido registra, atualmente, o quinto maior número de mortes por COVID-19 no mundo.

Panorama da Covid-19 no Reino Unido

No dia 21 de setembro, o Reino Unido contabiliza 41.877 mortes por Covid-19, ficando atrás de Estado Unidos (199.552), Brasil (136.895), Índia (87.882) e México (73.493).

Já em número total de infectados desde o início da pandemia, ocupa a 14ª posição, com 396.744 casos, segundo a Universidade Johns Hopkins.

O país fica atrás de EUA (6.816.046), Índia (5.487.580), Brasil (4.544.629), Rússia (1.105.048), Peru (768.895), Colômbia (765.076), México (697.663), África do Sul (661.211), Espanha (640.040), Argentina (631.365), França (491.553), Chile (447.468), Irã (425.481).

Restrições e multa

Autoconfinamento

Uma medida já tomada pelo governo é a exigência do autoconfinamento em caso de teste positivo de coronavírus. A pessoa infectada deve se autoconfinar por 10 dias.

Já quem convive com pessoa infectada deve cumprir quarentena de 14 dias. A regra passa a valer a partir de 28 de setembro.

Multas elevadas

A multa para quem não cumprir corretamente a quarentena pode ser de mil (mais de seis mil reais) até 10 mil até libras esterlinas (mais de 60 mil reais), dependendo da gravidade e da reincidência. O ministro Boris Johnson afirmou que “a melhor maneira de combater o vírus é que todos sigam as regras e se isolem, caso corram o risco de transmitir o coronavírus”.

“Ninguém deve subestimar a importância dessas medidas. As novas regras significam que você é legalmente obrigado a aplicá-las”, frisou.

Reino Unido poderá ter novo confinamento estação

Brasileiros podem viajar para o Reino Unido agora?

Sim. Pessoas que embarcam no Brasil podem ir para o Reino Unido, mas precisam cumprir autoconfinamento de 14 dias ao chegar no país.

Precisa fazer quarentena para entrar no país?

Sim. Todos que chegam ao Reino Unido vindos de localidades consideradas ainda em situação crítica devem cumprir uma quarentena de 14 dias. O Brasil faz parte desta lista.

Para saber quais países não fazem parte da lista restritiva britânica, confira no site do governo –  a lista é atualizada conforme o avanço da doença entre as diferentes regiões.

Reino Unido considera aumentar impostos por causa da Covid-19?

Segundo a agência AFP, o governo britânico estuda ainda a possibilidade de aumentar impostos. O que serviria para lidar com o rombo causado no orçamento do país com os gastos da pandemia. O aumento pode chegar a 30 bilhões de libras. Mas o governo ainda não confirmou nenhuma informação.

Covid reacende a discussão da independência escocesa

Outra questão levantada pela pandemia é o retorno do desejo de independência da Escócia. Durante a crise, por inúmeras vezes ficou evidenciada a necessidade de que as decisões sejam tomadas de maneira independente. Isto por Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte.

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, vem buscando uma autorização de Londres para fazer um novo referendo sobre a independência, intenção que já tinha desde o Brexit – na ocasião, a maioria escocesa votou contra a saída da União Europeia.

Já houve uma votação sobre a questão da independência, em 2014. Foi quando 55% dos escoceses optaram por permanecer no Reino Unido. Agora, depois do Brexit e da pandemia, a resposta pode ser diferente, acredita.

Cláudia Zucare Boscoli trabalha como jornalista há 20 anos, tendo se formado na Cásper Líbero, com extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), especialização em Marketing Digital pela FGV e pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP. Já trabalhou para IstoÉ Online, O Estado de S. Paulo, Diário de S. Paulo e Editora Abril, entre outros veículos. Adora viajar, conhecer novas culturas e contar o que descobriu.

Artigos relacionados

Morar na Inglaterra: tudo o que deve saber para morar no país

Quer saber como é morar na Inglaterra? Saiba detalhes sobre tipos de visto, melhores cidades, mercado de trabalho, custo de vida e muito mais

Profissões mais bem pagas na Inglaterra: conheça o top 10

Descubra aqui quais são as profissões mais bem pagas na Inglaterra, como encontrar vagas de trabalhar e estabelecer a carreira no país.

Emprego na Inglaterra: tudo o que precisa para encontrar a sua vaga

Saiba como encontrar um emprego na Inglaterra, as áreas, os salários, o custo de vida no país, dicas e sites para encontrar a sua vaga.

Visto para Inglaterra: principais tipos e como solicitar

Entre os vistos na Inglaterra encontramos o que chamamos de Tier 1, Tier 2 e o Tier 5. Cada um deles possui algumas subdivisões.

Documentos para morar na Inglaterra: saiba o que vai precisar

Você planeja sair do Brasil e viver no Reino Unido? Leia nosso artigo completo e saiba quais são todos os documentos para morar na Inglaterra.

Cidades da Inglaterra: as 10 melhores e maiores do país

Você quer morar na Inglaterra mas não conhece o país e não sabe onde morar? Preparamos um guia detalhado sobre as melhores e maiores cidades da Inglaterra.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube