Seja para fins profissionais ou pessoais, a carteira de motorista traz mais conforto e praticidade para quem vive no exterior. Se você quer saber como tirar a carteira de motorista na Espanha, neste artigo explicamos como funciona o processo e os custos envolvidos.

Apesar da Espanha contar com transporte público acessível e de qualidade, muitas pessoas preferem a liberdade de poder se locomover quando e para onde quiserem. Ficou interessado em dirigir na terra de Cervantes? Continue a leitura.

Como tirar carteira de motorista na Espanha?

Se você planeja ficar na Espanha por um período superior a 180 dias e deseja dirigir no país, solicitar a carteira de motorista espanhola será necessário. Esta solicitação é processada e concedida pela Dirección General de Tráfico (DGT), o organismo responsável pela emissão das carteiras de motoristas do estado espanhol.

Se você ainda não possui habilitação no Brasil e deseja obtê-la diretamente na Espanha, confira abaixo os requisitos mínimos necessários:

  • Ser residente regularizado na Espanha, ou estudante, por um período mínimo de 6 meses contínuos;
  • Ter, no mínimo, 18 anos de idade;
  • Ser considerado apto psico e fisicamente;
  • Não estar privado do direito de dirigir por decisão judicial.

Carteira nacional de habilitação

O reconhecimento de aptidão física e psicológica é concedido por um centro de Reconocimiento de Conductores autorizado. Você pode consultar os centros disponíveis em todo território espanhol no site oficial do DGT. E não esqueça: este documento é válido por apenas 90 dias.

Além disso, lembramos que portadores de necessidades especiais também são elegíveis para a obtenção da habilitação de motorista.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Procura assessoria para morar na Espanha?

Para solicitar a sua cidadania espanhola, visto, documentos, validação de diploma ou acompanhamento jurídico recomendamos o Escritório Madeira da Costa. Agende a sua consultoria e mude para a Espanha com segurança e tranquilidade.

SABER MAIS →

Como dar início ao processo?

Caso você opte por frequentar uma autoescola, ela ficará encarregada por gerir a solicitação do exame teórico e prático junto à Dirección General de Tráfico. De qualquer forma, saiba que os seguintes documentos serão necessários:

  • Formulário de solicitação do exame preenchido e assinado;
  • Atestado de aptidão física e psicológica expedido por um Centro de Reconocimiento de Conductores autorizado;
  • Comprovante de pagamento da taxa referente ao procedimento.

Além disso, no dia do exame teórico, você vai precisar de uma foto original 32 x 26 mm.

Posso não frequentar uma autoescola?

Caso você escolha não frequentar uma autoescola, é possível realizar este processo por conta própria. Entretanto, esteja preparado para enfrentar algumas burocracias adicionais. Se esta for a sua opção, você pode apresentar a sua solicitação:

  • Presencialmente: em diferentes sedes de Jefaturas e Oficinas de Tráfico disponíveis por todo o território espanhol. Neste caso, o pagamento da taxa pode ser feito diretamente no local, com cartão de crédito ou débito;
  • Pela Internet: Caso possua um certificado digital, o processo é feito através do serviço de Registro Electrónico Común de la Administración. Para isso, o pagamento da taxa deve ser feito com antecedência, através de um dos canais disponibilizados pela Dirección General de Tráfico.

Não deixe de conferir o passo-a-passo desta solicitação no site oficial da DGT para ficar por dentro de todos os detalhes.

A carteira de motorista brasileira é válida na Espanha?

Sim!

Os estrangeiros titulares de uma carteira de motorista brasileira podem dirigir na Espanha por até 6 meses, a contar do início da residência no país. Para brasileiros, o país não exige a Permissão Internacional para Dirigir (PID). Ou seja, apenas com a sua CNH você estará motorizado em terras espanholas. Esta vantagem também se aplica aos visitantes que estão na Espanha como turistas e querem alugar um veículo no país.

Para desfrutar deste direito, basta possuir um passaporte válido e carimbado, para comprovar que a sua entrada em território espanhol não ultrapassa 180 dias. E, claro, é preciso que a sua carteira de motorista brasileira ainda esteja em vigor.

Para mais de seis meses em território espanhol

Entretanto, se você planeja residir na Espanha por mais de 6 meses, será necessário obter a habilitação no país. Esta regra também se aplica para motoristas que possuem a Permissão Internacional para Dirigir (PID).

Sendo assim, você pode iniciar todo o processo do zero, como explicamos no tópico anterior, ou realizar a troca da sua carteira de motorista brasileira pela carteira espanhola. A seguir, contamos em detalhes como fazer esta transferência.

Como transferir a carteira de motorista brasileira para a Espanha?

A troca da CNH brasileira, ou Canje del Permiso de Conducir, como é conhecida na Espanha, é exigida para os estrangeiros que estão no país há mais de 6 meses. A transferência da carteira de motorista brasileira pela espanhola mantém todas as permissões de condução originalmente obtidas com a CNH no Brasil.

Entretanto, a sua habilitação brasileira só poderá ser transferida caso você a tenha tirado antes de se tornar residente na Espanha. A boa notícia é que, no caso das habilitações de categoria A e B (motocicletas, carros e veículos leves), não são exigidos exames teóricos ou práticos. A transferência é direta.

Para dar início ao processo, você vai precisar de:

  • Formulário de solicitação da transferência preenchido e assinado;
  • CNH brasileira em vigor;
  • Documento de identidade válido;
  • Documento de residência espanhola, de cidadão comunitário ou de estudante;
  • Documento que acredite que a carteira de motorista brasileira não foi obtida após o início da residência na Espanha;
  • Atestado de aptidão física e psicológica expedido por um Centro de Reconocimiento de Conductores autorizado;
  • Comprovante de pagamento da taxa referente ao procedimento;
  • Uma foto original 32 x 26 mm.

Uma vez reunidos os documentos acima, você pode agendar a data da sua transferência.

Nesta etapa, parte dos documentos é verificada de forma remota. Uma vez confirmado que sua habilitação brasileira é autêntica, você deverá apresentar a documentação original presencialmente, no dia e horário em que for convocado.

Se tudo for aprovado, você vai receber uma habilitação provisória diretamente. A carteira de motorista definitiva é enviada para o seu endereço.

Quanto custa tirar carteira de motorista na Espanha?

O custo para ter a sua tão aguardada habilitação na Espanha pode variar a depender dos dois cenários a seguir:

Para quem faz todo o processo no país

Se você pretende tirar a carteira de motorista na Espanha começando do zero, terá um custo administrativo de 93,12€, referente à taxa paga à Dirección General de Tráfico. Além disso, lembramos que o atestado de aptidão física e psicológica custa, em média, 35€, a depender do centro escolhido para a sua realização.

Prova prática de direção

Finalmente, você deve ter em mente o valor da autoescola, que pode variar entre 600€ e 800. Não existe número mínimo ou máximo de aulas teóricas e práticas exigidas. Muitas autoescolas incluem o valor das aulas teóricas no custo da matrícula, como uma oferta.

Com relação às aulas práticas, é comum que se realize em torno de 30 aulas, que tem o valor aproximado de 25 € cada.

Para quem transfere a carteira brasileira

Felizmente, quem opta por transferir a habilitação brasileira das categorias A e B não precisa refazer as provas teórica e prática. Entretanto, o atestado de aptidão física e psicológica continua sendo obrigatório.

O custo administrativo do Canje del Permiso de Conducir, atualmente, é de 28,58€.

Dicas para tirar a carteira de motorista na Espanha

Agora que você está por dentro de todas as possibilidades para dirigir na Espanha, dúvidas podem surgir. Caso você já esteja habilitado no Brasil, a gente recomenda que você faça a troca da sua CNH brasileira pela carteira de motorista da Espanha. O custo da transferência é inferior, quando comparado a tirar a habilitação do zero, passando por uma autoescola. Além disso, você estará apto a dirigir antes, visto que este é um processo mais curto.

Seja como for, o importante é regularizar a sua situação como motorista. Uma vez habilitado na Espanha, você pode dirigir por todo o Espaço Schengen. Ao mesmo tempo, pode ficar tranquilo com relação à data de vencimento do documento, já que a carteira de motorista espanhola é válida por 10 anos.

Por fim, a gente garante que, apesar das burocracias cotidianas, viver na terra de Cervantes é uma experiência única e enriquecedora. Quer conhecer mais dicas? Para te ajudar, criamos o e-book Como Morar na Espanha, um guia completo e atualizado, que reúne tudo o que você precisa saber para tirar este projeto do papel.

Queremos simplificar a sua chegada e adaptação na Espanha, para que você se concentre no que realmente importa: aproveitar ao máximo esta aventura no exterior!