Exames de Proficiência: conheça os mais requeridos e saiba como se preparar

Europa  / 

A palavra “proficiência” significa demonstrar que você tem domínio em determinado quesito, competência e capacidade.

Neste artigo, vamos falar sobre os principais exames de proficiência, para que são necessários, descrever para que línguas eles são mais comuns, como estudar para esses testes, bem como o que consta neles.

Exames de proficiência: o que são

Os exames de proficiência são testes que avaliam sua fluência, sua capacidade em se comunicar (por meio da fala, audição, escrita e leitura) em determinada língua.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Muitas universidades no exterior exigem os exames de proficiência para aceitar estudantes internacionais, assim como diversas companhias internacionais também exigem que você comprove que sabe o idioma do país onde pretende trabalhar.

Para que línguas há exames de proficiência

Os exames de proficiência mais comuns são os da língua inglesa. Também são feitos exames para testar conhecimentos na língua espanhola, francesa e alemã. Dependendo da universidade e da língua que será ministrada a aula, você deverá fazer um desses.

Principais exames de proficiência para a língua inglesa

proficiencia exames

O TOEFL e o IELTS são os exames de proficiência mais conhecidos para testar seu nível de inglês.

Eles podem ser exigidos também por universidades de países que não têm o inglês como idioma oficial, mas que possuam cursos que são ministrados na língua inglesa.

Antes de escolher qual exame fazer, é necessário decidir em que universidade pretende estudar.

Veja o guia completo sobre como fazer mestrado no exterior.

TOEFL

Com base no inglês americano, o teste mede sua capacidade de falar e de compreender o idioma inglês em nível universitário e é aceito em mais de 9 mil universidades e mais de 130 países de todo o mundo. É muito utilizado por países que possuem a língua inglesa como oficial (predominantemente nos EUA).

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

O TOEFL serve, dentre outros motivos, para o aluno estudar graduação, pós, MBA, mestrado ou doutorado em instituições no exterior, concorrer a bolsas de estudo e certificações e requerer visto de estudo ou de trabalho.

Sobre o teste

O TOEFL é composto de compreensão auditiva, textual, exame escrito e oral, e tem duração total de quatro horas. Saiba mais sobre cada uma das avaliações:

Avaliação auditiva: questões de múltipla escolha (4 alternativas) relacionadas ao ambiente acadêmico.

Avaliação de leitura: textos acadêmicos, com vocabulário inserido em um contexto. Se o estudante entender sufixos e prefixos, o teste fica mais simples.

Avaliação escrita: desenvolver duas redações (uma relacionada a reading e listening – lendo e ouvindo –, onde caberá a leitura de um texto pequeno e a audição de um trecho de listening. Após isso, o estudante deverá responder o que cada texto adiciona ao outro, sem a necessidade de opinar. A outra redação deve ser feita com base em sua opinião e ambas devem ter organização clara de ideias e boa gramática).

Avaliação oral: entrevista realizada por computador. O estudante deve mostrar que sabe, por exemplo, utilizar comparativos e estruturas gramaticais avançadas.

Inscrição

O TOEFL é realizado pela internet, em um computador das instituições que são credenciadas para aplicá-lo. No site, há opções de centros autorizados para aplicar os testes em todo o Brasil e muitas datas disponíveis.

A inscrição deve ser feita diretamente no site e o custo informado para a realização do teste é de 215 dólares (cerca de R$ 800,00, de acordo com a cotação de outubro de 2018).

O resultado é divulgado depois de 15 dias da realização do teste.

O resultado do teste varia de 0 a 120 pontos. Você deve obter, no mínimo, 61 pontos. Porém, boas universidades, como Harvard, por exemplo, exigem que você tenha mais de 100 pontos. As notas para os cursos de mestrado e doutorado podem ser ainda maiores.

O estudante pode realizar o TOEFL quantas vezes quiser, porém dando um intervalo mínimo de 12 dias entre os testes.

Como se preparar

Há muitos sites que ajudam o estudante a se preparar para o TOEFL. Um deles é o ETS, que possui o TOEFL: The Insider’s Guide. Trata-se de um curso online e gratuito de seis semanas. O site oferece materiais para treinar suas habilidades no inglês.

Uma dica é se inscrever com um tempo de antecedência (pelo menos dois meses) para ter tempo para se preparar, estudar todos os dias e fazer provas anteriores.

IELTS

Com base no inglês britânico, o IELTS mede sua proficiência, caso você deseje estudar ou trabalhar em países que falem inglês (mais comum na Europa e nos demais países que têm curso de inglês).

O teste serve para fins de estudo (é aceito em mais de 9 mil universidades e centros de treinamento no mundo), trabalho (várias companhias internacionais usam o exame como critério de seleção) e imigração (países como o Reino Unido, por exemplo, exigem).

Veja o que fazer em Londres.

Sobre o teste

A pontuação do IELTS varia de 0 a 9 e é baseada nas seguintes avaliações: compreensão auditiva (30 min.), interpretação de texto (60 min.), redação (60 min.) e conversação (15 min.).

Avaliação auditiva: questões de múltipla escolha e preenchimento de lacunas. As questões vão do nível pré-intermediário ao avançado.

Avaliação de leitura: as questões necessitam de um bom nível de compreensão de texto, vocabulário e gramática.

Avaliação escrita: desenvolver duas redações: a primeira de interpretação de dados, com duração de 20 minutos. Conhecer verbos específicos e saber comparativos é essencial nessa fase, em que não é para o estudante opinar. Na segunda redação, com duração de 40 minutos, o estudante deve apresentar seu ponto de vista sobre determinado tema. Para melhorar sua nota, procure se aprofundar no assunto e apresentar argumentos.

Avaliação oral: haverá 3 etapas nessa fase. Uma avaliação oral com um entrevistador, que fará perguntas específicas ao estudante, como, por exemplo, se ele estuda, se trabalha, o que gosta de fazer etc., com participação menos ativa do estudante. Serão avaliadas as estruturas gramaticais, bem como os tempos verbais.

Saiba mais sobre a prova.

Inscrição

No Brasil, os estudantes podem realizar o IELTS praticamente todo mês (uma vez por mês) em instituições cadastradas no Rio de Janeiro, em São Paulo e em outros estados.

O agendamento pode ser feito nos postos credenciados ou pela plataforma do British Council. O custo do IELTS regular é de R$ 840,00.

Como se preparar

É preciso estudar muito para passar no IELTS. Veja algumas dicas para se preparar melhor para o exame:

  • Treine sua conversação com alguém fluente em inglês. Selecione alguns temas e desenvolva-os;
  • Escute e leia textos em inglês e os resuma;
  • Descreva seu ponto de vista de alguns gráficos e imagens.

Exames de proficiência para outras línguas

Vimos os exames de proficiência mais comuns na língua inglesa. Conheça, também, outros que são procurados por quem pretende, principalmente, estudar e trabalhar em um país que tem outro idioma oficial.

Língua espanhola

O DELE e o SIELE são os exames que medem o seu grau de proficiência na língua espanhola.

O DELE são diplomas de língua, com validade por tempo indeterminado, concedidos pelo governo espanhol. Há seis avaliações diferentes de DELE, que verificam seu domínio da língua de acordo com níveis (do A1 ao C2). Esses exames são os mais conhecidos na língua espanhola.

Saiba mais informações no site do Instituto Cervantes.

Porém, em 2015 surgiu o SIELE, exame que testa seu nível de espanhol e é equiparado ao TOEFL, que testa a proficiência no idioma inglês. O SIELE é válido por dois anos. No SIELE, são testadas suas competências de audição, leitura, escrita e fala no idioma e você pode escolher ser avaliado em somente uma ou algumas dessas competências.

Os exames são realizados nos computadores de centros autorizados. Saiba mais informações no site oficial do SIELE.

Confira tudo sobre a nova lei de cidadania espanhola para netos de espanhóis.

Língua francesa

Os exames para testar seu nível de conhecimento no idioma francês são o DELF (destinado para os estudantes de nível intermediário) e o DALF (apenas para estudantes de nível avançado). Os diplomas têm validade vitalícia.

Há seis diplomas oficiais; seis níveis diferentes ao todo. Normalmente, as instituições de ensino superior pedem, pelo menos, o nível C1 para aceitar estudantes de outros países. É necessário que o estudante faça uma avaliação prévia para descobrir seu nível.

A Aliança Francesa é a única instituição que é autorizada a aplicar o exame no Brasil. O calendário de provas (as avaliações são aplicadas duas vezes ao ano: uma no primeiro semestre e outra no segundo) e o valor de inscrição são os mesmos para todo o país.

Leia o artigo que eu fiz sobre curso de francês e descubra várias opções para aprender ou treinar o idioma.

Língua alemã

Estudantes que querem assistir a aulas em universidades ministradas em alemão precisam fazer o Goethe-Zertifikat, que é o exame que comprova seu conhecimento em alemão.

No Brasil, as avaliações são aplicadas pelo Goethe Institut. Existem diversos níveis de teste, que vão desde o A1 até o C2. O nível exigido varia de acordo com instituição de ensino onde se pretende estudar.

Principais fontes de pesquisa: sites específicos dos exames de proficiência e Portal Estudarfora.org.

Se você pretende estudar no exterior, deve, primeiramente, escolher a instituição de ensino superior que melhor atende às suas expectativas. Em seguida, é importante saber o nível de exigência da universidade e se ela requer que seja feito algum teste de proficiência.

Se sim, verifique a nota e o nível que são exigidos, que variam de acordo com a instituição, e estude para passar no exame de proficiência.

Se você procura estudar a distância, não deixe de conferir, também, o artigo que eu fiz sobre a Universidade Aberta de Portugal.

Em destaque na Euro Dicas
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é a TransferWise. Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Nós usamos o Seguros Promo para comparar várias opções e economizar.

    COMPARAR SEGUROS »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.