Intercâmbio, uma experiência que pode mudar a sua vida

Mas afinal, o que é um intercâmbio? Podemos considerar o intercâmbio, toda e qualquer experiência no exterior que tenha como objetivo principal , morar fora do Brasil e viver uma experiência de cidadão local.
Existem intercâmbios de Ensino médio, para estudos específicos, de trabalho voluntário e até um “mochilão” pode ser considerado como um intercâmbio.
O tipo preferido e mais comum pelos brasileiros é o intercâmbio de línguas, onde o estudante vai para fora do país estudar um idioma estrangeiro.
Qualquer pessoa pode fazer um intercâmbio, a idade mínima para cursar um idioma no exterior costuma ser 16 anos, e não tem idade máxima. Aliás, esta é uma categoria de experiência internacional que tem crescido muito é para pessoas acima de 40 anos.

Intercâmbio é um divisor de águas

Costumo dizer que o intercâmbio é um divisor de águas na vida de quem vai para fora do país. Assim como foi para mim.
Eu era uma jovem de 16 anos, cheia de dúvidas e inseguranças sobre a minha carreira, sobre qual caminho seguir tanto na vida pessoal como profissional, foi quando em uma tarde de quarta-feira, não posso esquecer, meu pai me “avisou” que eu iria morar nos Estados Unidos por um ano, ou seis meses. E meu embarque seria no mês seguinte.
Foi um choque.
Para uma menina jovem como eu, que não falava inglês, e nunca tinha saído da minha zona de conforto, por mais que uma experiência internacional pareça algo simples para os mais desapegados, para mim foi um verdadeiro desespero.

Medo de não aprender

Medo de não aprender a falar inglês, de não me dar bem com a família hospedeira, de não tirar notas boas no colégio, de não fazer amigos, de não gostar da comida, de perder os meus amigos do Brasil, de deixar o namorado, de me formar muito tarde.
Todos esses medos são na verdade muito frequentes por quem vai fazer intercâmbio. Para os mais velhos, outros questionamentos vem a tona, como “Será que vale a pena? Não vou me arrepender deste tempo e dinheiro investido nesta experiência?

Desafio do primeiro intercâmbio

Depois de ter vencido o desafio do primeiro intercâmbio, garanto para você que definitivamente, esses medos e questionamentos não são reais. A maioria dos motivos que impedem muitas pessoas de ir realizar este sonho de viver uma experiência fora, são medos criados pela nossa mente. Temos medo de sair da nossa zona de conforto.
Foi graças a este primeiro passo, e nunca é tarde para você fazer o seu primeiro, que criei coragem e adquiri conhecimento para viver outras 3 experiências como estas. Aquela menina que antes não conseguia nem se virar no “verbo to be” aprendeu a falar 5 idiomas e esteve por mais de 30 países.
E eu nunca tive facilidade para aprender um novo idioma.
Não deixe de ler nossas dicas de como aprender espanhol, melhores maneiras.

O intercâmbio do meu pai

Meu pai, inspirado com a transformação que a experiência proporcionou para a minha vida, e da minha irmã mais nova, decidiu realizar o sonho dele também.
Morou em Boston, nos Estados Unidos por 3 meses e estudou na escola de Inglês ao lado de Harvard. Ele morou com duas senhorinhas e um gato. Minha mãe apoiou a decisão dele e foi uma experiência também muito inspiradora para os dois.
Roberto Stier
A grande vantagem que vejo no intercâmbio, é que temos a possibilidade de vivermos em uma completa imersão do idioma.
A língua nova está presente no mercado, nas placas de rua, na televisão, em casa com a família ou amigos hospedeiros, na padaria. Esse contato intenso proporciona um aprendizado muito mais rápido tanto da cultura quanto do local.

Por que escolhemos a Goldenergy em Portugal?

Mas o intercâmbio não é só mil maravilhas

Por mais que pareça que é só alegria, uma experiência como essa exige preparação e planejamento. Pode também ser difícil. Em um intercâmbio, onde tudo é muito novo, devemos ter muito mais jogo de cintura para entendermos os outros pontos de vista da outra cultura, e precisamos ter paciência também.
Costumo dizer que é uma grande oportunidade de autoconhecimento: Você viaja para longe de casa, mas para dentro de você mesmo. E isso nem sempre é fácil. Mas a boa notícia é que saímos sempre de situações difíceis, mais fortalecidos.
Entenda quais são as vantagens e desvantagens de morar fora do Brasil.

O intercâmbio exige preparação

É muito importante buscar referências na internet ou de pessoas que já passaram por esta experiência, ou conhecem o destino que você pretende morar.
É necessário ter um cuidado especial também com a documentação e o visto para cada país e cada tipo de intercâmbio. Alguns destinos exigem vacinas e documentações especiais.
Só tem uma coisa que eu garanto para você: o intercâmbio é uma verdadeira transformação e um belo convite ao autoconhecimento.
Para quem tem interesse em saber mais sobre intercâmbio está disponível para download gratuito o meu ebook 5 passos para fazer intercâmbio já, que escrevi para quem fazer o primeiro intercâmbio e não sabe por onde começar.

Escritora e Administradora de empresas cursando psicologia transpessoal, é fundadora do blog Sobre intercâmbio. Teve sua vida transformada depois do seu primeiro intercâmbio, e aprendeu que ama desbravar o mundo para aprender sobre a felicidade humana. Em sua jornada aprendeu a falar 5 idiomas, morou nos EUA, França, Alemanha, e Italia e esteve em mais de 30 países.

Artigos relacionados

Family Search: saiba se é seguro e como funciona

Para ajudar a conectar familiares existe o Family Search, ferramenta que coleta, preserva e compartilha registros genealógicos no mundo todo.

Apostila de Haia: o que é, como fazer e quanto custa

Entenda o que é a Apostila de Haia, por que ela ajuda quem quer morar fora do Brasil, quais documentos pode apostilar e onde apostilar.

Carta de motivação: modelos e dicas para preparar o documento

Confira dicas para preparar uma carta de motivação, um modelo desse documento e veja exemplos de como escrevê-la para intercâmbio, mestrado e universidade.

Países fáceis de imigrar: veja os 4 mais receptivos da Europa

Confira a lista de países fáceis de imigrar e descubra o porquê da facilidade. Veja como é a adaptação, visto e burocracias para brasileiros nesses países.

Cidades que pagam para morar: 10 regiões encantadoras

Confira a lista de cidades que pagam para morar ou dão moradia ou terreno e veja quais são as condições para isso. Há várias na Europa.

Conseguir emprego no exterior ainda no Brasil: dicas úteis

Conseguir emprego no exterior não é uma tarefa fácil, mas temos dicas para fazer um bom currículo, onde procurar vagas e os melhores países para trabalhar.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube