Portugal

Tomadas em Portugal: como é o encaixe dos pinos e qual a voltagem

Uma questão muito importante e que às vezes (quase sempre) esquecemos de levar em consideração como são as tomadas dos lugares para onde vamos viajar. Por exemplo, as tomadas em Portugal são diferentes das tomadas do Brasil, você sabia disso?

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança na TransferWise, que funciona em toda a Europa.


A TransferWise não exige comprovação de rendimentos, você só precisa ter um endereço na Europa.

ABRIR CONTA »

Se você está planejando viajar para Portugal, veja aqui como são as tomadas em Portugal, para evitar que os seus aparelhos elétricos queimem ou não funcionem.

Como são as tomadas em Portugal

As tomadas em Portugal são de dois pinos redondos, no chamado padrão europeu, e tem dois modelos que se diferem na sua profundidade: modelo C e F.

Ou seja, os plugs de três pinos (agora comuns no Brasil) não se encaixam nas tomadas em Portugal.

tomada do brasil

Qual é a voltagem?

Em Portugal a voltagem é 220v, em todo o país, incluindo Madeira e nos Açores.

Algumas regiões do Brasil também possuem essa voltagem, mas outras são 110v. Por isso verifique o seu aparelho antes de levá-lo para Portugal. Se ele for 220v ou bivolt pode usar tranquilamente.

Como usar as tomadas em Portugal

Se você tem um aparelho com plug de três pinos, que seja bivolt ou 220v, pode comprar um “T” ou um adaptador de tomada. Eu uso um para o meu computador e funciona muito bem e é fácil de encontrar em Portugal.

E se o aparelho for 110v?

Aí já temos um outro problema… para poder usar um aparelho de 110v nas tomadas em Portugal, que são 220v, será necessário comprar um “adaptador de tensão“ ou “transformador de potência” para evitar que o seu aparelho queime. Esse adaptador, em Portugal, custa mais ou menos 10€, dependendo do modelo que você escolher.

Quando a situação é contrária (usar um aparelho 220v em uma tomada 110v) não há risco de queimar o aparelho. Ele poderá funcionar, porém não vai estar em sua capacidade total (por exemplo, se for um carregador não irá carregar com tanta velocidade).

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com toda segurança.

VER COTAÇÃO »

Saiba como é o padrão de tomada na Europa.

O que fazer antes de sair do Brasil

Para que você não tenha problemas durante a sua viagem, o ideal é comprar um adaptador universal para tomadas (assim se você visitar vários países não vai precisar comprar vários adaptadores).

Não se esqueça de conferir a voltagem dos seus aparelhos. Normalmente os carregadores de celular, tablet e notebook são bivolt, mas os secadores, chapinha e barbeadores não.

Sabia que as tomadas na Inglaterra são diferentes do resto da Europa? Veja aqui.

Algumas dicas para relembrar

Se você for ficar em um hotel, normalmente eles têm adaptadores para emprestar e também secador de cabelo nos quartos. Entre em contato com o hotel antes de arrumar as malas para tirar essa dúvida.

Quer saber como morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar a planejar e concretizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

Se você costuma viajar muito, o ideal será mesmo comprar um adaptador universal, para te acompanhar em todas as suas aventuras.

Sempre que você for comprar algum aparelho para levar na viagem, verifique a voltagem e compre de preferência um que seja bivolt, para funcionar em qualquer lugar.

Veja dicas sobre o que nunca esquecer numa viagem para a Europa.

Você já teve algum problema com aparelhos eletrônicos e tomadas durante a viagem? Eu já!

Meus problemas com tomadas em Portugal

Quando me mudei para Portugal, comprei um rádio relógio (sim, isso mesmo), para poder usar como despertador em Portugal pois não tinha certeza se meu celular ia funcionar. Como comprei no Brasil, fiz questão de comprar bivolt para garantir que funcionaria (muito esperta eu!), porém, quando eu cheguei aqui, empolgada para arrumar as coisas, liguei logo o rádio relógio e ele deu um estalo e queimou!

Resultado: ele era bivolt, mas tinha que alterar a voltagem manualmente, coisa que eu não fiz. No primeiro dia já fiquei sem despertador… depois disso comecei a ter sempre atenção a essas coisas!

Você já teve alguma experiência dessas? Conte aqui nos comentários!

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas.
Compartilhe

Julia Discacciati

Julia é brasileira, formada em Turismo e mora em Portugal há 6 anos. Tirou o mestrado em Empreendedorismo na Universidade da Beira Interior e atualmente está terminando o doutorado em Gestão. Apaixonada por viagens, baladas e por fazer novas amizades, gosta de usar o tempo livre para conhecer novos países e culturas.

Artigos Relacionados

Fechar