Contas bancárias no exterior

WB21: um banco digital ou uma fraude global?

O que parecia muito bom para ser verdade, está sendo acusado de fraude nos Estados Unidos e causando centenas de reclamações em diversos países do mundo. Mas você já ouviu falar no banco WB21? Hoje vamos te contar tudo sobre o primeiro banco digital totalmente online do mundo e as dúvidas que rondam em torno dele.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança na TransferWise, que funciona em toda a Europa.


A TransferWise não exige comprovação de rendimentos, você só precisa ter um endereço na Europa.

ABRIR CONTA »

O que é o WB21?

O WB21 é uma startup, um banco digital global, criada em dezembro do ano de 2015 em Singapura. O banco é regulado pelo Banco Central de Singapura e tem mais de 3 milhões de clientes, movimentando US$ 2 bilhões de dólares a cada mês.

É a empresa financeira com o crescimento mais rápido do mundo. O banco aceita clientes de 180 países do globo (particulares e empresariais), faz movimentações em 22 moedas e já possui escritório no Brasil, na cidade de São Paulo.

Descubra se receber dinheiro do exterior paga imposto.

Acusações de fraude

O banco online com abertura de conta em tempo real que parecia um sonho, se tornou a dor de cabeça de muitas pessoas. O banco WB21 está sendo acusado de fraude em diversos países do mundo, inclusive no Brasil.

Muitos usuários fizeram reclamações em sites de avaliação afirmando que a empresa não transferiu o dinheiro prometido e acusando-os de roubo. Muitos brasileiros se disseram enganados pelas promessas de transferências fáceis, rápidas e baratas de envio de dinheiro para o exterior.

Veja também como usar uma conta digital no exterior.

Ação civil nos Estados Unidos contra o WB21

Em outubro de 2018, a Securities and Exchange Commission (SEC) dos Estados Unidos da América informou que está movendo uma ação civil contra Michael Gastauer, fundador e CEO da WB21. De acordo com agência federal norte-americana de Comissão de Títulos e Câmbio, Michael ajudou na venda fraudulenta de US$ 165 milhões de dólares em ações. A ação civil está registrada na cidade de Boston.

Para a agência americana, a empresa não é um império bancário, mas sim uma forma de contornar regulamentações dos países e disfarçar a identidade dos seus clientes. Através de pagamentos e remessas internacionais de dinheiro, o banco digital WB21 tem sido acusado de diversas fraudes.

Uma delas, de acordo com o SEC, é mentir para os bancos e fazer alegações falsas em diversas organizações, se afirmando uma empresa de software.

De acordo com a Fintech Futures, uma fonte afirmou que o banco WB21 retém os fundos sem nenhuma explicação e que diversas transferências para terceiros não foram feitas.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com toda segurança.

VER COTAÇÃO »

As acusações ao banco de Michael Gastauer não param por aí. Há alguns anos diversas acusações têm sido feitas nas redes sociais e em sites especializados de avaliação de empresas, como o Twitter, Reddit, Quora, Trustpilot, Reclame Aqui (no Brasil).

Muitos clientes reclamam de suas transações não terem sido executadas pelo banco e que o dinheiro simplesmente “sumiu”. Ainda de acordo com a Fintech Futures, essas acusações não tornam a empresa automaticamente criminosa ou culpada, mas levanta muitas suspeitas. Porque tem tanta gente reclamando que perdeu seu dinheiro?

Outros tantos clientes também afirmaram terem pedidos comprovantes bancários de que o seu dinheiro estava seguro, porém a empresa não tinha comprovantes para dar.

Como enviar dinheiro para Portugal: melhores formas e cuidados a serem tomados.

Suspeita de fraudes

A Financial Times afirmou em uma matéria que a SEC diz que o banco WB21 não era inovador e tecnológico, mas sim um veículo de fraude maciça. De acordo com o jornal, Michael Gastauer não cometeu apenas irregularidades no mercado financeiro, mas se vendeu como uma solução fantástica, usando as ferramentas da internet para se promover.

Além desse processo nos Estados Unidos, Michael Gastauer recebeu uma sentença suspensa de 18 meses no ano de 2010 na Suíça, por fraude comercial e falsificação. E também foi processado na Inglaterra por uma empresa de jogos, afirmando que ele roubou milhões de libras da mesma.

Por isso, a recomendação é que os clientes aguardem o resultado do processo do Securities and Exchange Commission (SEC), antes de colocar seu dinheiro em um banco pouco confiável, de acordo com todas as acusações.

O fundador e CEO da empresa

O fundador e CEO, Michael Gastauer, do banco WB21 é um empreendedor alemão, tem 43 anos e se intitula um “gênio”, “lenda” e “Mister do Universo” em suas redes sociais. Em 2016, ele afirmou que mudaria o escritório de Londres para Berlim por conta do Brexit. A empresa também conta com um escritório nos Estados Unidos.

No Instagram, ele tem uma conta verificada e possui 1,2 milhões de seguidores. Sua descrição de perfil é: “empreendedor, investidor e gênio”. Recentemente, Gastauer publicou um vídeo no Youtube onde recebeu o prêmio “Banker Award 2018”. No seu discurso, ele afirmou ser um “magnata bancário, que construiu um império”.

Além disso, ele conta com uma assessoria de imprensa que o tentar promover na Alemanha, para se tornar um empreendedor respeitado e reconhecido.

Conheça o banco N26, um banco digital de confiança.

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas.
Compartilhe

Amanda Corrêa

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.

Artigos Relacionados

Fechar