Mapa da Espanha completo, conheça as cidades e as regiões do país

Mapa da Espanha

Espanha  / 

Com mais de 46 milhões de habitantes, a região de Espanha sofreu muitas alterações ao longo dos anos. Vamos conhecer o mapa da Espanha e como este está divido?

Evolução do território espanhol

Foram os lusitanos que deram a partida na expansão marítima, sendo que a primeira viagem financiada pela Espanha ocorreu em 1492 com Cristóvão Colombo.

As navegações marítimas expandiram o território Espanhol

As grandes navegações levaram à expansão do território espanhol e modificaram para sempre o mapa da Espanha, além das influências externas sofridas desde os tempos pré-históricos pelo país europeu.

Veja como o território europeu é dividido e como o mapa do país foi modificado desde a sua criação.

Como é a divisão da Espanha

O artigo 137 da Constituição Espanhola de 1978 diz que “o Estado organiza-se territorialmente em municípios, em províncias e nas Comunidades Autônomas que se constituam. Todas estas entidades gozam de autonomia para a gestão dos seus respetivos interesses”.

As comunidades autônomas são, como o próprio nome indica, entidades territoriais dotadas de autonomia legislativa e competências executivas, bem como a capacidade de se administrar através da eleição de representantes próprios.

17 comunidades autônomas

O mapa da Espanha é dividido em 17 comunidades autônomas, além das cidades autônomas Ceuta e Melilla.

  • Andaluzia;
  • Aragão;
  • Ilhas Baleares;
  • Canárias;
  • Cantábria;
  • Castilla-La Mancha;
  • Castela e Leão;
  • Catalunha;
  • Comunidade de Madrid;
  • Comunidade Foral de Navarra;
  • Comunidade Valenciana;
  • Extremadura;
  • Galiza;
  • País Basco;
  • Principado das Astúrias;
  • Região de Múrcia;
  • La Rioja.

Praças menores de soberania

As praças menores de soberania são territórios situados ao norte da África e administrados pelo governo espanhol. São elas as Ilhas Chafarinas, Ilha de Alborán (pertencente à Andaluzia), Ilhas Alhucenas e Peñón de Vélez de la Gomera.

Comunidades autônomas

Regiões da Espanha
As comunidades autônomas são formadas por uma ou várias províncias, sendo 50 províncias espalhadas pelo país, e cada uma delas é dividida em um número variável de municípios – mais de oito mil. Os municípios, assim como no Brasil, são as entidades territoriais básicas na organização do mapa da Espanha.

Você pode ver em detalhe quais são as regiões da Espanha.

Como começou o território espanhol

No início do século XV o mapa da Espanha era dividido entre as regiões independentes de Galícia, Astúrias, Leon, Castela, Navarra, Aragão e Catalunha.

A Espanha só começou a se tornar a Espanha quando Isabel I, do reino de Castela, e Fernando II, do reino de Aragão, se casaram e uniram as coroas.

Casamento foi com o propósito de criar uma aliança

O casamento não teve propósitos românticos. Castela e Aragão eram os reinos católicos mais influentes da região e lideravam os hispânicos contra os invasores mouros desde o início do século VIII, quando houve a Guerra da Reconquista.

Isabel se uniu a Fernando porque precisava de um aliado poderoso para governar e não se deixar influenciar pelos conspiradores.

Expansão espanhola

Em 1469 deu-se início à formação do Reino da Espanha. Não foi imediatamente que os reinos perderam sua autonomia, mas eles mantiveram-se sob a mesma monarquia. Os Reis Católicos canalizaram os interesses militaristas e hispânicos para a Guerra da Reconquista contra os mouros.

A expansão marítima espanhola começou em 1474 em direção às Ilhas Canárias. O reino da Espanha assinou, em 1479, o Tratado de Alcáçovas, que garantia o domínio marítimo espanhol até esse arquipélago no oceano Atlântico; a partir do sul das ilhas o direito era de Portugal.

Veja também como fazer curso de espanhol grátis.

O território de Granada foi tomado

Granada, que era território dos mouros, foi tomada em 1492 e deu início ao processo de unificação do território espanhol.

Inquisição espanhola

Como a Espanha era católica e muito ligada ao papa espanhol Alexandre VI a Inquisição se instaurou com força no Estado e atuou como unificadora dos interesses dos Reis Católicos.

A Universidade de Salamanca desempenhou influência na centralização política do país

A tradicional Universidade de Salamanca também exerceu importante influencia na criação de leis que garantiam a centralização política do país, além dos estudos náuticos e geográficos que tornaram a expansão marítima um sucesso.

Unificação do território espanhol

Entre outras estratégias de unificação do mapa da Espanha, os Reis Católicos expulsaram judeus e mouros que não aceitaram se converter ao catolicismo após a conquista de Granada e reforçavam a identidade cultural entre os hispânicos.

Intolerância e perseguição

A intolerância religiosa, a perseguição da Inquisição e o militarismo marcaram o reinado dos Reis Católicos em busca da centralização espanhola.

Expansão do território espanhol além fronteiras

As expedições militares rumo à Itália e a conquista de Nápoles e Sicília, bem como o envio de Cristóvão Colombo rumo a terras prontas para serem exploradas e colonizadas. Começou, então, o Império Espanhol, o maior da Idade Moderna.

Mapa da Espanha, na atualidade

Mapa da Espanha na atualidade
Situada na Europa meridional, na Península Ibérica, o mapa da Espanha é delimitado a sul e a leste pelo mar Mediterrâneo, ao norte pela França, Andorra e golfo da Biscaia e ao noroeste e oeste por Portugal e pelo oceano Atlântico.

Confira também uma lista com as melhores cidades da Espanha para morar.

Estado de Autonomias

O país é denominado atualmente como um “Estado de Autonomias”, o que significa que funciona como uma federação descentralizada de comunidades autônomas – cada uma delas com algum nível de autonomia, algumas mais e outras menos.

Veja também um guia completo de como morar na Espanha.

Cada comunidade usufruiu de um certo grau de responsabilidade política

Nesse sistema, as responsabilidades são descentralizadas do governo e transferidas para as comunidades.

As comunidades autônomas de regime especial possuem maior poder e capacidade de decisão eu as comunidades autônomas de regime comum. Fazem parte do primeiro grupo:

  • Andaluzia;
  • Ilhas Canárias;
  • Catalunha;
  • Aragão;
  • Comunidade Valenciana;
  • Ilhas Baleares;
  • Galiza;
  • País Basco.

Se você achou esse texto útil, também pode ser interessante saber qual é o custo de vida na Espanha.

COMPARTILHE

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.