Quando você está fora do seu país e utiliza os serviços de internet, ligação e SMS da sua operadora, pode pagar taxas altíssimas e que, muitas vezes, poderiam ter sido evitadas. Por isso, nesse artigo, saiba como o roaming internacional funciona e veja alternativas para economizar dados durante sua estadia no exterior. Saiba também como ativar o roaming e se o oferecido pela sua operadora vale ou não a pena. Aproveite a leitura!

O que é roaming internacional?

Quando você usa os serviços da sua operadora de celular (como internet, ligações e SMS) fora da área de cobertura do Brasil, o roaming internacional é ativado. Ele é uma espécie de taxa extra que você paga à sua operadora, que costuma ser um tanto quanto alta.

Isso acontece porque, quando você sai do território nacional, sua operadora precisa pagar pelos serviços em outro país, e consequentemente, você precisa pagar de volta. Saiba mais detalhes sobre como funciona o roaming na Europa aqui.

Como ativar roaming internacional?

Para ativar o roaming internacional da sua própria operadora, o processo é bem simples.

Em celulares da Apple, você deve:

  • Clicar em “ajustes”, “celular”, “dados do celular” e ativar a opção de roaming de dados.

Em celulares Android, por sua vez, você deve:

  • Clicar em “configurações”, “configurações da rede”, “redes móveis” e ativar o roaming de dados.

Vale lembrar que, conforme os modelos de celular mudam e avançam, o processo para ativar o roaming de dados pode ser diferente. Entretanto, de qualquer maneira, a opção de ativar o roaming estará sempre disponível na aba de dados do celular, independentemente de onde essa aba esteja nas configurações do aparelho.

Comprar euro mais barato?

A melhor forma de garantir a moeda europeia é através de um cartão de débito internacional. Recomendamos o Cartão da Wise, ele é multimoeda, tem o melhor câmbio e você pode utilizá-lo para compras e transferências pelo mundo. Não perca dinheiro com taxas, economize com a Wise.

Cotar Agora →

Tenha atenção com a ativação do serviço

Outro ponto de atenção é o seguinte: às vezes, pode acontecer de você ativar o roaming de dados acidentalmente, apenas ao utilizar os serviços de internet, ligação ou SMS em outro país.

Como os serviços de roaming costumam custar caro, é super importante ficar de olho e verificar se você ativou ou não essa opção sem querer.

Qual a melhor operadora para roaming internacional?

A melhor operadora para roaming internacional é a America Chip, que oferece o melhor serviço de chip internacional. Ela possui as melhores taxas do mercado, além de cobrir mais de 200 países diferentes.

A empresa também entrega os chips em todo o Brasil, e oferece atendimento em português através de WhatsApp, garantindo que você tenha assistência em casos de problemas com os serviços.

Pessoa tirando foto de um prédio histório europeu através de um smartphone preto
Na América Chip, todos os planos te dão direito à acesso ilimitado às redes sociais.

Com a America Chip, você tem várias opções de planos ilimitados. Para viagens internacionais, os planos ilimitados são as melhores opções para você não perder a conexão em momentos críticos.

Uma das maiores vantagens dessa empresa é que todos os planos possuem acesso às redes sociais ilimitado (Facebook, Instagram, WhatsApp, YouTube e Twitter), o que garante que você não fique sem compartilhar os momentos da sua viagem com as pessoas.

Como contratar um plano?

Para contratar um plano de roaming internacional, você deve primeiro avaliar o tempo da sua viagem e as características do seu passeio: se você vai usar muita ou pouca internet, se vai precisar fazer ligações, etc.

Em seguida, antes de comprar seu chip, você irá escolher um plano condizente com a sua viagem e selecioná-lo. Ao efetuar a compra, seu chip já virá configurado com o plano que você escolheu. Depois disso, é só inserir o chip no celular e o plano estará ativo.

Como comprar um chip internacional?

Você pode comprar seu chip de celular online, sem sair de casa. A maioria das empresas de chips internacionais vendem seus produtos em lojas virtuais, com algumas variações de tempo e abrangência de entrega.

Na América Chip, por exemplo, basta você acessar o site oficial da empresa e escolher o plano que melhor se encaixa na sua viagem. Em seguida, você irá escolher as especificidades do seu plano, como apenas internet, internet e ligações e maior quantidade de Gigas disponível.

Print do site da América Chip, na aba de comprar chip com roaming internacional aberta
Analise bem o tipo de plano que você vai escolher, sempre considerando as características da viagem.

Em seguida, escolha o número de dias da sua viagem e a data de ativação. A data de ativação é importantíssima, porque ela define quando o seu plano começará a funcionar. Portanto, escolha essa data pensando não apenas no dia em que você chegará no seu destino, mas também pensando em possíveis escalas ou conexões que você irá enfrentar.

O próximo passo é inserir o seu endereço e o tipo de entrega. Por exemplo, a entrega na America Chip pode ser feita em até 10 dias úteis, em até 5 dias, ou até mesmo no mesmo dia, se você morar no Rio de Janeiro ou em São Paulo. Por fim, basta inserir seus dados pessoais e finalizar o pagamento. No prazo determinado, o chip chegará no seu endereço.

Se você não conhece a marca, veja esse artigo completo que escrevemos sobre a America Chip.

Como funciona o roaming internacional de dados?

O roaming internacional de dados funciona graças à parceria da sua operadora de celular ou da empresa de chip internacional com operadoras estrangeiras.

No caso das operadoras de celular brasileiras, elas pagam às operadoras estrangeiras uma taxa pelo uso dos serviços acessados por você em outro país. Consequentemente, você também paga essas taxas à sua operadora. Com operadoras brasileiras, você paga adicionais a cada Mb de internet usado e a cada SMS ou ligação efetuados.

Chips internacionais

No caso dos chips internacionais, essas taxas por serviço prestado não existem, uma vez que você já paga por um plano fechado. Normalmente, as operadoras brasileiras também oferecem pacotes fechados de serviços para você usar em outro país.

No entanto, esses pacotes custam muito mais caro que os chips internacionais, além de o processo de ativar esses pacotes ser muito mais burocrático, geralmente envolvendo ligações demoradas para a central de atendimento ao cliente.

Vale a pena usar o roaming internacional de operadoras brasileiras?

Não, não vale a pena.

Como você viu, com operadoras brasileiras você paga taxas por cada serviço utilizado, o que pode sair bem caro no final das contas. Afinal, você irá utilizar bastante internet na sua viagem, e pode precisar fazer ligações ou enviar mensagens para se comunicar com alguém. Mesmo que opte por contratar um plano de roaming da sua operadora, esse plano certamente sairá com um valor bem salgado.

Investir em um chip internacional compensa muito mais, tanto por ter melhor custo-benefício, quanto por você não correr o risco de extrapolar os dados e pagar taxas altíssimas por isso. Além disso, se você escolher bem o chip internacional e o plano de dados para a sua viagem, você garante não perder a conexão ou ficar sem comunicação com outras pessoas.

Dicas para não gastar muito com roaming internacional

Independentemente se você escolher usar o roaming da sua operadora ou contratar os serviços de um chip internacional, existem algumas dicas que podem te ajudar a não gastar muito.

Baixe ferramentas no modo offline

Com dados limitados, uma ótima alternativa é você baixar (quando estiver conectado(a) a alguma rede de Wi-Fi) aplicativos no modo offline, e que normalmente consomem muitos dados. Bons exemplos são o Google Maps, GPS, Spotify, Moovit ou qualquer outra ferramenta que possua esse recurso.

Assim, você evita ficar gastando dados sem necessidade, e garante que as informações de que você precisa estejam disponíveis mesmo com a internet desconectada.

Pessoa olhando o telefone, usando um celular com google maps aberto. Para acessar esse serviço, é necessário usar roaming internacional
Aplicativos que consomem internet necessitam de roaming internacional para funcionar em outro país.

Aproveite redes de Wi-Fi seguras

Se você contar com um pacote limitado de internet, use e abuse de redes de Wi-Fi gratuitas. Elas estão presentes nos hotéis, Airbnbs, hostels, restaurantes, museus, cafés e até mesmo em transportes públicos.

Entretanto, é bom relembrar que é extremamente importante tomar cuidado com a procedência desse Wi-Fi. Algumas redes inseguras podem aproveitar da sua conexão para roubar seus dados pessoais, então certifique-se de acessar a internet de locais confiáveis.

Faça ligações através da internet

Se você precisar ligar para alguém e não tem pacote de ligação no seu chip internacional ou na sua operadora de celular, use dos recursos da internet para isso. Faça sem medo ligações de vídeo ou de voz pelo WhatsApp, Skype, Facebook ou Instagram.

Porém, um aviso: tome cuidado com esse tipo de ligação caso você tenha internet limitada. Afinal, ligações costumam consumir muitos dados, então preste atenção.

Fazer chamadas a cobrar para o Brasil também pode ser uma opção para você, a depender do caso.

Invista em chip internacional com internet ilimitada

A principal dica é comprar um chip internacional com internet ilimitada. Além de sair muito mais barato que o roaming das operadoras brasileiras, ter internet ilimitada te garante conexão a qualquer momento. Você pode utilizar a internet para diversos fins, até mesmo para fazer ligações através de aplicativos como WhatsApp e Skype.

Aqui no Euro Dicas, indicamos o chip internacional da America Chip. A empresa conta com os planos com melhor custo-benefício do mercado, além de garantir que você tenha todo o suporte necessário em casos de qualquer intercorrência.

Aproveite todas essas dicas para viajar sem perder a conexão, e não deixe de escolher com cuidado a melhor opção para você. Boa viagem!