É possível sim, viajar conectado. Ter internet no celular para conferir os endereços das atrações, mapas, reservar restaurantes e ingressos e, claro, se comunicar com família e amigos. Saiba como comprar chip de internet na Europa e como usar o 4G em outros destinos.

Como comprar chip de internet na Europa?

Existem duas formas de comprar um chip de celular na Europa: direto com as operadoras, utilizando os planos pré-pagos oferecidos por cada empresa, ou adquirindo um chip internacional de internet, que você pode adquirir antes da viagem e já chegar ao destino com ele habilitado e pronto para usar.

Na maioria dos aeroportos internacionais, como no Aeroporto Internacional de Lisboa, por exemplo, existem lojas que vendem diversos tipos de chip de celular que podem ser utilizados no país no próprio desembarque e em outros países europeus, já que na União Europeia o roaming é gratuito – pelo menos até 2032.

Caso não seja possível comprar no aeroporto, você pode procurar pelas lojas das operadoras que estão espalhadas pela cidade.

Qual é o melhor chip de internet na Europa?

Nós gostamos muito da experiência com o Chip de Internet na Europa do America Chip. Funcionou perfeitamente em todos os países onde a nossa equipe já esteve, a internet é ilimitada e o preço é super justo, e por isso recomendamos também aos nossos leitores.

Mas o que não faltam opções de operadoras nos países europeus, mas vale frisar que a melhor cobertura é oferecida pelas maiores e principais empresas.

Melhores opções para receber o chip no Brasil

Veja uma relação com as quatro melhores opções de chip de celular na Europa para compra antecipada e uso internacional.

1. America Chip

O America Chip é o único chip de internet que garante internet ilimitada a quem acaba de chegar no continente. E o mais bacana é que o preço não é mais alto por isso, pelo contrário, consegue ter preços mais baixos que os concorrentes.

A marca, que começou com chips apenas para os Estados Unidos, hoje tem cobertura mundial e garante conexão 4G no Velho Continente com preços justos a quem já quer sair do avião conectado.

Um chip para a Europa, com internet 4G, pacote de ligações e acesso a redes sociais ilimitada por 10 dias custa USD 52,00 e não tem taxa de ativação. E se você tiver alguma dificuldade, o site possui vários tutoriais de como ativar o serviço e o sistema de apoio ao cliente deles pelo WhatsApp funciona bem.

Por todas essas vantagens, o America Chip é a recomendação Euro Dicas para você já chegar na Europa conectado e transitar entre os países sem precisar se preocupar com troca de chips. Funciona em toda a Europa.

E leitor Euro Dicas tem vantagem, claro. Utilizando o cupom eurodicas10 você ainda ganha 10% de desconto no plano escolhido (desconto não acumulável com outas promoções vigentes no site).

2. Viaje Conectado

O Viaje Conectado é uma plataforma online de vendas de chips para viagens internacionais da marca Yes Brasil. A compra deve ser feita antes da sua viagem e o chip deve ser retirado em um dos parceiros. Para isso, basta acessar o site oficial do Viaje Conectado, escolher o seu destino e inserir as datas de início e final da sua estadia no exterior.

No caso do chip de celular na Europa, o plano oferecido custa USD 69,99 (mais taxa de ativação) e tem um plano de dados de 12GB, ou seja, não é ilimitada, mas é pode ser o suficiente para uso em viagens.

O chip é compatível como todos os aparelhos com tecnologia 3G/4G, é válido por até 30 dias e tem cobertura em todo território Europeu.

3. Easysim4u

Outra opção de chip internacional, o Easysim4u pode ser adquirido também online. A vantagem é já sair do Brasil com ele habilitado. Para isso, acesse o site oficial da marca e monte o plano informando os países por onde você viajará e as datas de início e término da sua viagem.

Para ter um chip de celular na Europa, a empresa oferece 3 opções, com dados ilimitados, sem limite de franquia diária:

  • Voz e dados 4G: plano com duração de 5 a 30 dias, com número europeu que permite efetuar e receber ligações locais e cobertura 4G na Europa. Custa a partir de USD 49,00. Para uma viagem de 10 dias pelo continente com dados e voz, o valor é de USD54;
  • Somente dados: essa opção só oferece a cobertura de dados 4G, com cobertura em mais de 47 países pelo mundo, incluindo a Europa. O plano tem duração de 5 a 30 dias e custa a partir de USD 44,00. Para uma viagem de 10 dias pelo continente o valor é de USD49;
  • Mundi Global: cobertura 4G, cobertura em mais de 164 países pelo mundo, incluindo o continente europeu, e duração de 5 a 30 dias. Custa a partir de USD 64,00.

É importante alertar que a Easysim4u ainda soma uma taxa de ativação de US$8,95 a cada chip e cobra ainda o valor do frete.

Além disso, a empresa adicionou uma taxa de ativação do chip devido à remarcações no período da pandemia, como você pode conferir nos Termos e Condições do Site. Para ativar um chip comprado no período que precisa de remarcação de data é cobrada uma taxa de US$15 e caso o chip tenha passado da validade, há a taxa adicional de US$10 + frete por conta do cliente.

4. mysimtravel

A terceira melhor opção de chip de celular na Europa, o mysimtravel tem suporte técnico 24 horas em português e espanhol e oferece um plano para utilização em diversos países europeus, com validade de 30 dias. É possível, ainda, contratar o plano por região.

Existem três planos para os destinos europeus:

  • Pacote 1G: USD 19,99;
  • Pacote 2G: USD 29,99;
  • Pacote 5G: USD 59,99.

Além disso, o chip pode ser adquirido online, com entrega via carta ou Sedex, em aeroportos conveniados, em revendas autorizadas e serve para grupos ou eventos. No Brasil, a empresa tem loja em São Paulo.

Se você vai viajar e precisa garantir uma conexão constante – seja para se comunicar via WhatsApp ou para consultar o Google Maps – vale a pena pagar mais caro por um chip de internet na Europa de maior qualidade.

Confira também as ofertas do Best Buy SIM.

Melhores opções para comprar no país destino

A seguir, veja boas opções de operadoras nos países mais visitados pelos turistas.

Espanha

As principais operadoras em território espanhol são Movistar, Orange, Vodafone e Yoigo, sendo que as três primeiras oferecem a melhor cobertura no país e as melhores opções em 4G, tanto em qualidade do serviço quanto em preços.

Outras opções não tão conhecidas são o Lycamobile e Lebara, cujos valores são mais baixos por se tratarem de operadoras menores; atente-se apenas à qualidade da cobertura.

Alemanha

A melhor opção são as MVNOs (Mobile Virtual Network Operator), operadoras móveis com redes virtuais que não possuem rede própria e dependem de operadoras tradicionais para oferecer seu serviço.
Na Alemanha, esse mercado funciona muito bem e tem custos baixos para o consumidor, apresentando-se como uma vantagem.

A Vodafone também está presente no país, sendo que além dela você pode recorrer à Blau, O2, Telekon e WinSim.

Itália

Surpresa: a TIM funciona na Itália e é considerada uma das melhores operadoras.
Vodafone e Lycamobile também são populares em solo italiano, sendo possível até comprar um chip assim que descer do avião, no aeroporto de Roma. Outras boas opções são Windtre e Iliad.

Portugal

Vodafone segue como unanimidade de chip internet Europa também em solo português, onde os pacotes de dados são vantajosos para quem faz viagens curtas e a cobertura é de alta qualidade.
Além dessa, outras opções são MEO e NOS, que têm boas coberturas com redes próprias, possuindo boa reputação entre turistas e habitantes. A Nowo é uma operadora menos conhecida, mas que também tem oferta de serviço por carregamento.

França

Ao contrário do que acontece na maioria dos países, as operadoras maiores e principais oferecem tarifas semelhantes às pequenas empresas, porém com cobertura de maior qualidade – logo, compensa investir nas grandes como Bouygues Telecom, Orange, SFR e Lycamobile.

Outra boa opção na França é a Travelwifi, os chips podem ser encontrados nos aeroportos franceses.

Reino Unido

Vodafone e O2 são boas operadoras presentes no Reino Unido, junto de Giff Gaff, EE e Virgin Media.
Uma dica: o Content Lock é uma medida utilizada no país para restringir o acesso a conteúdo adulto, principalmente sites pornográficos.
O problema é que muitos sites acabam bloqueados simplesmente por não receberem a designação correta, portanto quando for comprar seu chip de internet na Europa lembre-se de pedir a remoção desse bloqueio – afinal, tudo que você não precisa é ficar sem acesso durante sua viagem.

Dá para ter o chip ainda antes de sair do Brasil?

Dá sim e existem várias empresas que oferecem o serviço de chip para viagem internacional que funciona em diversos países do mundo e é enviado para a sua casa. Ou seja, você já chega no país destino com a sua internet funcionando, sem complicação.

Entre os serviços oferecidos, nós recomendamos alguns para que você conheça e decida qual a melhor opção para você e suas necessidades:

Todos são de qualidade, cada um deles tem suas vantagens e desvantagens.

Não use o seu plano de celular do Brasil na Europa

Muitas operadoras brasileiras oferecem o serviço de roaming de internet internacional para os chips habilitados no Brasil e que podem ser utilizados no exterior. No entanto, nós não recomendamos: o preço pode sair bem mais caro, pois você estará usando um serviço contratado nacionalmente.

O valor pode ser até 10 vezes maior do que se usar um chip de celular na Europa contratado no próprio destino.

Com certeza, vale muito mais a pena adquirir um chip assim que chegar na Europa. Você vai economizar bastante.

Chip de internet na Europa funciona no Brasil?

Não. O roaming Europa só funciona entre os países que integram a União Europeia, portanto fora do espaço de cobertura o chip não funcionará.

A vantagem é que com um mesmo chip, você pode utilizar os dados em todos os países da União Europeia, caso vá viajar por mais de um lugar.

Desde 2017, o Parlamento Europeu promulgou um regulamento chamado “roaming like home“. Na prática, isso quer dizer que o roaming internacional se tornou gratuito na União Europeia e na Islândia, em Liechtenstein e na Noruega.

Recentemente, no fim de 2021, o regulamento foi renovado pelo Parlamento Europeu e a gratuidade do roaming na Europa ficou garantida até o ano de 2032.

Como resultado, é possível encontrar um chip de celular na Europa que seja válido em diversos países, o que só traz vantagens para quem o adquire já no continente europeu.

Celular na Europa
Ter um chip de internet na Europa facilita a vida de quem viaja

Quanto custa um chip de celular na Europa?

Depende. Na compra direto com as operadoras, os usuários encontrarão opções para todos os bolsos.

Na Vodafone, por exemplo, que opera em diversos países incluindo Portugal, existem opções de chip pré-pago com 1GB de internet mais 500 minutos de ligação ou SMS mensais e aplicativos de chat sem gastar dados por 9,90€. Na Orange, que opera em diversos países, o chip com 10G e chamadas ilimitadas custa 10€.

Em outras operadoras, você vai encontrar a partir de 7,99€, a depender do período de uso e da quantidade de gigas de dados contratados. Uma dica importante é verificar se você vai contratar apenas um plano de internet ou se vai precisar de chamadas também. Os planos que oferecem apenas internet são mais baratos e costumam ser suficientes para quem não tem necessidade de fazer ligações.

Os chips internacionais adquiridos antes da viagem podem ser mais caros, como os que já falamos anteriormente.

Como usar o celular na Europa?

Após escolher o melhor chip de celular na Europa, o uso é simples e automático: ao mudar de um país para o outro, o aparelho móvel muda automaticamente de operadora, seguindo as parcerias entre as empresas.

Ele continuará navegando na internet. Para isso, é preciso que o usuário libere o roaming de dados e o deixe habilitado seguindo as configurações de cada aparelho de celular.

Como cadastrar um chip de celular na Europa?

O cadastro é simples e deve ser feito como no Brasil. Basta inserir o chip no aparelho e seguir as instruções de configuração. Se adquirir o chip diretamente na loja da operadora, você pode pedir ajuda aos atendentes e já sair com ele configurado.

Se escolher um outro chip internacional comprado online, cada um tem uma configuração, mas é simples, basta seguir o passo a passo informado pela empresa. Ele estará habilitado quando você chegar ao destino.

Tanto nas lojas como nas compras via internet, você precisará fornecer documentos como número da identidade e CPF. Se já estiver no exterior e for comprar nas lojas das operadoras, use o seu passaporte para a identificação.

comprar chip na Europa

O valor do chip é em reais?

Não. Se sua opção for comprar direto com as operadoras no país destino, você deverá pagar na moeda do país onde adquiriu o chip de celular na Europa.

Possivelmente em euro, a moeda da maioria dos países da União Europeia, ou em outra utilizada localmente, como é o caso de Suécia, Polônia e República Tcheca.

Caso você adquira os chips internacionais que estão à venda na internet, os preços provavelmente serão em dólar.

Dá para ativar ainda no Brasil?

Depende do chip. No caso do America Chip, por exemplo, a ativação será na data inicial da sua viagem, que deve ser informada no momento da compra.

O ideal é ativá-lo quando chegar ao destino, para que não comece a contar o consumo da sua franquia.

Receber o chip no Brasil

Se escolher adquirir o seu chip de celular na Europa, a compra deverá ser feita diretamente com as operadoras, ou seja, você não receberá o chip no Brasil.
Caso opte pelas opções de chip internacionais, o recebimento terá que ser antes da viagem, no endereço fornecido no momento da compra.

Como fazer recarga do chip de celular na Europa?

Essas opções de chip internacional com compra antecipada normalmente oferecem planos já fechados, como o Viaje Conectado, em que não é possível fazer recarga. Além disso, o chip só funciona no próprio celular.

Caso decida adquirir direto com as operadoras, cada uma viabiliza uma forma de recarga, a depender do tipo de plano e chip pré-pago escolhido. Normalmente, é fácil e simples fazer pela internet.

Cuidados ao utilizar o chip de celular na Europa

O primeiro cuidado que você deve ter ao adquirir um chip de celular na Europa, ou antes de viajar, é conferir o tempo de uso de cada plano, que pode ser de 2 semanas ou até mais, a quantidade de dados e se o plano é limitado ou não.

Atenção à recarga

Caso seja limitado, reserve uma quantia para fazer a recarga, se for necessário. Outra dica é, como já falamos, deixar para ativar o chip apenas quando estiver no destino da sua viagem. Assim, você evita gastar os seus dados antes mesmo de começar o seu passeio.

Os chips internacionais, que são as opções de compra enquanto ainda estiver no Brasil, podem ser personalizados. É possível configurar antes da viagem e ativar apenas no destino. Em alguns deles, é possível escolher o número exato de dias de acesso e a quantidade de tráfego de dados, além de poder incluir chamadas.

Se preferir comprar o seu chip em uma operadora já no destino, confirme se a rede da empresa contratada cobre todos os países por onde vai passar. Mesmo com a autorização do Parlamento Europeu, nem todas as operadoras oferecem o serviço do roaming coberto em todos os países e isso pode fazer com que você tenha que adquirir um novo chip no próximo destino.

Dicas para economizar

Se seu chip de celular na Europa tiver dados limitados, a melhor dica é utilizar sempre o wi-fi gratuito disponível em diversos locais, como atrações, parques públicos, hotéis, restaurantes e, até, em estações de metrô.

Baixar os mapas para conferir offline também é uma boa alternativa para poupar os dados contratados no seu chip. O Google Maps oferece essa opção, por exemplo. Se você já tiver um roteiro pré-definido, baixe as orientações e ative o roaming apenas quando for necessário.

O envio e recebimento de imagens por aplicativos como WhatsApp também costuma utilizar muitos dados. Alguns chips oferecem os dados do aplicativo de conversa gratuitamente: em outros, você irá utilizar a sua franquia. Deixe para baixar e receber imagens e fotos de alta qualidade apenas quando estiver em locais com wi-fi gratuito.

Confira o nosso comparador de seguro viagem e encontre a melhor opção para a sua viagem para a Europa. Lembrando que o seguro viagem é obrigatório e deve ter cobertura médica e hospitalar mínima de 30.000€.