Enviar dinheiro para o exterior pelo banco: veja se vale a pena

Enviar dinheiro para o exterior  / 

Enviar dinheiro para o exterior pelo banco é uma forma tradicional, porém cara e burocrática de realizar transferências para outro país.

Neste artigo, vamos explicar para você como enviar dinheiro para o exterior pelo banco, quais são as suas opções, regras e custos. Além disso, vamos te dar outras alternativas caso você busque meios mais em conta para realizar o serviço.

Como enviar dinheiro para o exterior pelo banco: opções e passo a passo

Além da possibilidade de enviar dinheiro para o exterior pelo banco pessoalmente, em uma agência física do banco, você pode enviar por meio de outros canais.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Cada banco oferece suas formas para facilitar o processo de transferências internacionais, como internet banking e aplicativo, por exemplo. O limite de envio varia de acordo com o canal escolhido.

É possível, ainda, realizar transferência bancária para o exterior ou depósito em conta.

Transferência bancária para o exterior

Para realizar transferência bancária para o exterior, o você e o destinatário do dinheiro devem possuir conta em banco. Não é necessário que seja na mesma instituição.

O procedimento é simples, apesar das taxas elevadas. Basta possuir o código SWIFT, que é a identificação do banco do beneficiário, os dados pessoais (nome completo e endereço do beneficiário) e o número IBAN do destinatário, um código internacional para esse tipo de operação.

O processo pode ser feito por diversos canais, como na agência bancária, pelo aplicativo, pelo internet banking ou de outra forma, dependendo do banco.

As instituições envolvidas devem fornecer um comprovante, identificando as partes, a taxa de câmbio e os valores em moeda estrangeira e nacional, de forma transparente.

Depósito em conta

O depósito na conta internacional do beneficiário é outra maneira de enviar dinheiro para o exterior pelo banco.

Cada banco impõe requisitos para a abertura de conta. A maioria deles pede para apresentar comprovante de renda e residência e documentos pessoais.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Veja neste artigo como abrir conta bancária em Portugal, quais são os principais bancos e condições.

Os custos são os mesmos da ordem de pagamento. E, além disso, o beneficiário ainda deverá pagar o custo da manutenção da conta em moeda estrangeira. Caso opte por efetuar esse procedimento, leia o que escrevemos sobre contas bancárias no exterior.

enviar dinheiro pelo banco

Como enviar dinheiro para o exterior pelo banco: regras

O primeiro passo para fazer remessas para outro país, seja para viagem internacional, doação, compra de produtos ou outros motivos, é trocar a moeda.

Isso significa que se você quiser enviar dinheiro do Brasil para a Espanha, por exemplo, precisará converter reais em euros. Esse procedimento é conhecido como operação de câmbio e é regulamentado pelo Conselho Monetário Nacional e Banco Central do Brasil.

Saiba tudo sobre a taxa de câmbio no artigo que escrevemos sobre o tema.

Conversão da moeda

Essas operações são simples e não exigem autorização governamental. Mas é importante saber que os recursos recebidos do exterior devem ser convertidos na moeda local em instituições autorizadas pelo Banco Central do Brasil, como bancos, casas de câmbio, Correios e plataformas online credenciadas pelo BACEN a realizar operações financeiras.

Saiba tudo sobre comprar euro em casa de câmbio.

Limite

É muito importante entender e respeitar o limite de remessas para o exterior. Podem ser feitas transferências até US$ 3 mil por meio de empresas contratadas.

A moeda estrangeira é comprada em reais em espécie ou em qualquer instrumento de pagamento em uso no mercado até R$ 10 mil. A partir desse valor, apenas em débito em conta, transferência bancária ou cheque.

No Bradesco, podem ser realizadas transferências internacionais até US$ 10 mil por operação e US$ 30 mil (ou o equivalente em outras moedas) por mês.

Já no Banco do Brasil, por exemplo, o limite varia de acordo com o canal utilizado: pelo aplicativo BB, você pode fazer quatro remessas de US$ 3 mil (ou o equivalente em outras moedas) mensalmente. Para pessoas jurídicas (empresa), é possível enviar até US$ 100 mil.

Caso utilize o BB Remessa, pode enviar até 2 mil € para a Europa; o limite mensal é de 12 mil €.

Confira neste artigo como enviar dinheiro para Portugal pelo Banco do Brasil.

Taxas de operação

De acordo com o Banco Central, o agente deve informar todos os procedimentos necessários, além do Valor Efetivo Total (VET), que considera a taxa de câmbio, o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) e as tarifas que podem ser cobradas na operação.

O VET representa o total, em reais, a ser pago ou recebido por cada unidade de moeda estrangeira. Por exemplo: você deseja comprar mil dólares com a taxa de câmbio US$ 3 + R$ 33 de IOF + R$ 50 cobrado pela instituição.

O valor da compra é multiplicado pelo valor da taxa de câmbio e somado ao IOF e à tarifa do banco. A soma deve ser dividida pelo valor da compra, resultando no VET, que, nesse caso, é US$ 3,083.

Cotação comercial

É importante mencionar aqui que a cotação da moeda estrangeiras para enviar dinheiro para o exterior é sempre a comercial.

O artigo que escrevemos sobre comprar dólar explica a diferença entre a moeda comercial, o dólar turismo e o paralelo.

Custos

No site do Banco Central do Brasil, você pode visualizar todas as instituições autorizadas a operar no mercado de câmbio. Entre elas, estão as conhecidas instituições financeiras no Brasil, como: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú e Santander.

Apesar de seguras, as instituições financeiras não praticam taxas baratas. Confira a seguir alguns exemplos que comprovam a informação.

Bradesco

  • Câmbio utilizado: turismo + margem de lucro;
  • Taxa de envio: R$ 450, conforme a tabela de serviços do banco, que você pode conferir aqui;
  • Custo total: R$ 450 + IOF (de 0,38% a 1,1%) + taxa SWIFT + possíveis custos do beneficiário.

Banco do Brasil

  • Taxa de câmbio definida pelo banco (mais os lucros);
  • IOF (0,38% a 1,1%);
  • Taxa de envio (2% da operação – Valor mínimo de R$ 110);
  • Taxa da transferência SWIFT.

Caixa Econômica Federal

  • Taxa de câmbio definida pelo banco no momento da cotação
  • IOF: (0,38% a 1,1%)
  • A tarifa bancária:  1% do valor da operação, sendo no mínimo USD 40,00 e no máximo USD 200,00.

Outros Bancos

  • Itaú: cobra R$ 115,00 de taxa pela internet e R$ 215,00 pelo telefone +  IOF que varia de 0,38% a 1,10%;
  • Santander: cobra R$90 de taxa + câmbio com margem de lucro + 0,38% de IOF por qualquer meio;
  • Citibank: cobra R$ 250,00  + 0,38% de IOF + margem de lucro do câmbio + potenciais custos do beneficiário.

Remessa Online

  • IOF (0,38% a 1,1%);
  • Custo: 1,3%;
  • Tarifa bancária (fixa de R$5,90 para valores maiores que US$ 150 e gratuita para remessas acima de US$ 1.500).

Confira aqui se utilizar Remessa Online é seguro para enviar dinheiro para o exterior.

Como você pode perceber, enviar dinheiro para Remessa Online sai bem mais em conta do que pelos bancos. Além da Remessa Online, há, ainda, outras formas de envio que saem mais barato do que no banco, como: TransferWise, Western Union e PayPal, por exemplo.

Quanto tempo demora para enviar dinheiro para o exterior pelo banco

Os prazos para enviar dinheiro para o exterior pelo banco variam de acordo com a instituição. Geralmente, o dinheiro fica disponível para o destinatário em 48 horas úteis.

A Remessa Online é a solução mais rápida no envio de dinheiro para o exterior. Comprove neste artigo.

Vale a pena enviar dinheiro para o exterior pelo banco?

Enviar dinheiro para o exterior pelo banco é uma opção mais cara, burocrática e demorada. Por isso, apesar de tradicional e confiável, não vale a pena utilizar esse método para fazer transferências internacionais.

Como vimos, há outras maneiras mais baratas, menos burocráticas, mais rápidas e tão confiáveis quanto os bancos para efetuar essas operações.

Descubra aqui se receber dinheiro do exterior paga imposto.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autores

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.