Transferência internacional Banco do Brasil: como fazer e se vale a pena

Precisa enviar dinheiro para o exterior e não sabe como? Neste artigo, vamos te apresentar a opção de transferência internacional Banco do Brasil e mostrar se ela é vantajosa. Acompanhe.

Transferência internacional Banco do Brasil: como funciona?

O Banco do Brasil é uma instituição bastante confiável. Foi o primeiro banco fundado no país, em 1808, com a chegada da família real portuguesa ao Brasil. Atualmente, o Banco do Brasil tem economia mista, isto é, pertence em parte ao governo central e, em parte, à iniciativa privada.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

O Banco do Brasil disponibiliza aos clientes a remessa de recursos para o exterior via internet, com débito em conta-corrente ou conta poupança.

Como o banco explica no site oficial, as remessas podem ser realizadas em valores até US$ 3 mil (ou o equivalente em outra moeda) para pessoas físicas. E em valores até US$ 100 mil para pessoas jurídicas.

Como fazer Transferência internacional Banco do Brasil?

Para fazer a Transferência Internacional Banco do Brasil, você deve, primeiro, acessar seu internet banking. Depois, siga estes passos:

  • No menu à esquerda, selecione a opção “Câmbio – Ordem de Pagamento para o Exterior”;
  • Informe os dados solicitados de quem receberá o dinheiro (veja a lista também abaixo);
  • Informe a natureza da operação (saiba mais sobre ela a seguir);
  • Informe o valor que deseja transferir;
  • Conclua a operação.

Quais os documentos necessários para fazer a transferência internacional Banco do Brasil?

Para enviar seu dinheiro para o exterior com o Banco do Brasil, é necessário que você informe os seguintes dados:

  • Nome completo do beneficiário;
  • Endereço;
  • Código SWIFT do banco beneficiário, que é o número de identificação do banco;
  • Número da Agência;
  • Conta bancária;
  • IBAN (caso a transferência seja para a Europa), que é código-padrão internacional para a identificação de contas bancárias;
  • Naturezas do envio.

O que é natureza do envio?

Na hora da transferência, será perguntada a natureza da transação financeira. Você deverá escolher entre uma delas:

  • Manutenção de residentes;
  • Manutenção de estudantes;
  • Impostos;
  • Serviço educação em viagem;
  • Saúde em viagem;
  • Disponibilidade – transferências de mesma titularidade.

Saiba mais: veja como declarar remessas de dinheiro para o exterior.

Quem pode fazer a transferência internacional Banco do Brasil?

A transferência pode ser feita por pessoas físicas ou jurídicas, desde que clientes do Banco do Brasil. Ela é feita via site do banco ou aplicativo. Se preferir, você também pode fazer a transferência em uma agência do Banco do Brasil, pessoalmente.

O envio pode ser agendado para uma data futura, o que é uma comodidade a mais para quem precisa fazer envios constantes. Este é o caso, por exemplo, de quem precisa pagar mensalidades, aluguel ou transferir dinheiro para a manutenção de dependentes que estão no exterior – pais com filhos estudando fora, por exemplo.

Remessa Banco do Brasil (BB Remessa)

Outra opção oferecida pelo Banco do Brasil, mas para quem quer enviar dinheiro do exterior para o Brasil é o serviço BB Remessa.

O BB Remessa se destina apenas a pessoas físicas que desejam transferir pequenos valores de modo rápido e seguro para o Brasil.

Pode ser feito a partir dos seguintes países:

  • EUA;
  • Portugal;
  • Áustria;
  • França;
  • Itália;
  • Alemanha;
  • Inglaterra;
  • Espanha;
  • Japão.

Para utilizar o BB Remessa, é necessário que um formulário para crédito em conta seja assinado, permitindo que os beneficiários consigam receber o dinheiro em sua conta-corrente, na poupança ou retirar os valores em agências do banco no Brasil.

Ele é indicado principalmente para quem quer enviar dinheiro para amigos e parentes no Brasil para fim de manutenção ou ajuda familiar. Também para o envio de salários e pensões de contas no exterior para contas no Brasil de mesma titularidade.

Os valores e limites são diferentes para cada país de envio. Por isso, é aconselhável que você consulte a página do Banco do Brasil.

Em todos, porém, é preciso fazer um procedimento específico de adesão, que explicamos abaixo.

Passo-a-passo para se cadastrar no BB Remessa

  • Preencha o Formulário de Adesão, disponível no site do banco, imprima, e envie o original, preenchido e assinado, para o Banco do Brasil, via correio ou pessoalmente até a agência mais próxima de onde você se encontra;
  • Também é preciso enviar cópia do passaporte e de comprovante de residência – as exigências de cada país também mudam, por isso é importante checar no site do banco;
  • Estando tudo certo com a documentação, será feito o cadastro no sistema. O prazo estimado é de uma semana;
  • Você receberá um código de referência para fazer a remessa.

Convênio com Western Union acabou

O Banco do Brasil possuía uma parceira com a Western Union para transferências internacionais. No entanto, ela foi encerrada em maio de 2020.

Em seu site, o banco informa que qualquer pendência relacionada à antiga parceria deve ser solucionada diretamente com a Western Union via 0800-707-9330 ou no site da empresa.

Quais são as taxas utilizadas na transferência internacional Banco do Brasil?

Ao fazer a transferência internacional via Banco do Brasil, você vai pagar:

  • Taxa de serviço de 2% (sendo o valor mínimo R$ 110 e o máximo, R$ 490);
  • Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) de 0,38% (transferência para conta de titularidade diferente) ou de 1,1% (transferência para conta de mesma titularidade);
  • Taxa para transferência Swift (plataforma de comunicação financeira entre bancos) de R$ 60;

A conversão da moeda praticada também deve ser levada em conta. O Banco do Brasil afirma em seu site utilizar a cotação do dólar comercial, que é sempre mais favorável do que o dólar turismo.

E para receber a transferência internacional Banco do Brasil também tem que pagar?

Sim. Se você quiser receber quantias do exterior em sua conta do Banco do Brasil, você tem uma taxa a pagar. Ela é de 1% do valor depositado, mas tem uma cobrança mínima de R$ 90 e máxima de R$ 275, conforme o tarifário do banco válido a partir de julho de 2020.

Na prática, isto quer dizer que, para receber qualquer depósito do exterior em sua conta BB você pagará, pelo menos, R$ 90. Mesmo que o valor depositado seja inferior.

Qual o limite para a transferência internacional Banco do Brasil?

Na Transferência Internacional Banco do Brasil, os limites de envio para o exterior variam de acordo com o cliente.

Clientes pessoas físicas podem realizar até quatro remessas de 3 mil dólares (ou o equivalente em outras moedas) todo mês.

Para pessoas jurídicas, este limite é de 100 mil dólares.

Para aqueles que utilizam o BB Remessa, envios para a Europa são limitados a 2 mil euros, com limite mensal de 12 mil euros.

Quais são os prazos para envio e recebimento das transferências pelo BB?

Para envios em ordem de pagamento, independentemente de serem feitos pessoalmente ou pelo aplicativo, o prazo para chegada dos recursos é de 2 a 4 dias.

Por que é caro enviar dinheiro pelo Banco do Brasil?

O câmbio utilizado para a conversão da moeda, como falamos, é o comercial, o que é favorável. E o IOF é o mesmo que será praticado por qualquer outro banco tradicional ou fintech.

Mas a taxa de serviço praticada pelo Banco do Brasil é mais cara do que outras opções do mercado, como as plataformas de remessa de dinheiro, o que onera a transação.

É cobrada ainda a taxa de despesas com código Swift, que é o sistema que faz a comunicação entre os dois bancos – o Banco do Brasil por aqui e outra instituição financeira no exterior. Algumas fintechs dispensam essa cobrança, tornando o serviço mais barato.

Existe uma opção melhor que o Banco do Brasil para enviar e receber dinheiro do exterior?

Sim. As transferências internacionais via bancos tradicionais costumam ser a opção mais cara para a transação financeira.

Para envios internacionais com taxas justas, sem lucros escondidos ou cobranças surpresa, a melhor opção são as fintechs, empresas financeiras digitais, que estão revolucionando o mercado, com envio e recebimento de dinheiro do exterior de forma muito mais simples, rápida e com custos baixos.

Na TransferWise, por exemplo, o dinheiro é convertido com base no câmbio comercial, sem taxa adicional ou cobrança de Swift.

Nestas plataformas digitais você geralmente tem uma taxa de serviço bem mais em conta do que nos bancos tradicionais e ainda consegue simular a remessa antes de finalizá-la, o que torna toda a movimentação mais transparente e econômica.

Há limites na TransferWise?

O limite de transferência da TransferWise no boleto é de R$ 9 mil por mês, que pode ser atingido em diversas transações. Já para transações via transferência eletrônica (TED), o limite é de R$ 1 milhão por transferência.

E não há limite mensal – quando necessário, a plataforma entra em contato pedindo comprovante de endereço e de renda, caso o seu caso se encaixe no de envio de grandes quantidades que precisam ser controladas, segundo determinação do Banco Central.

Quais as taxas cobradas pela TransferWise?

IOF

O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) é de 0,38% para envio de dinheiro para outra pessoa e de 1,1% para a mesma titularidade.

Taxas e tarifas bancárias

O custo da plataforma é:

  • Para enviar dinheiro do Brasil para o exterior: taxa de aproximadamente 2,5%:
  • Para enviar dinheiro do exterior para o Brasil: taxa de aproximadamente 1,4%

A forma de pagamento também altera os custos da transferência.  Para fazer o pagamento via boleto, a TransferWise cobra uma taxa de R$ 33,92. Para pagamento via TED, a taxa é de R$ 27,03. Com os custos acima, a transferência pela TransferWise é até 8 vezes mais barata que a transferência internacional Banco do Brasil.

transferência internacional Banco do Brasil celular

Vale a pena usar a TransferWise?

Sim. A empresa é uma das principais fintechs de transferência de dinheiro. Foi fundada em Londres, em 2011, e está no Brasil desde 2016. Ela é bastante confiável e recomendada pelos clientes.

E faz realmente o dinheiro “render”. Isto é, a mesma quantidade de reais enviada gera uma maior quantidade de dólares, euros ou qualquer outra moeda que você escolher quando você utiliza a plataforma.

Isto acontece porque ela funciona como um correspondente bancário no Brasil, que atua por meio de parcerias com os bancos estrangeiros e isto elimina as taxas de transferência internacional, que são bastante altas. Ela é correspondente cambiam do MS Bank e do Banco Rendimento.

Em outras palavras: o processo é dividido em duas movimentações financeiras locais e não uma grande transferência internacional, cujas taxas incidentes são maiores.

Comparação Banco do Brasil x TransferWise

Para saber se vale mais a pena enviar dinheiro para o exterior via Banco do Brasil ou TransferWise, nós fizemos uma simulação de envio de 9 mil reais para Portugal – considerando um envio para contas de mesma titularidade. Confira.

Envio de 9 mil reais para PortugalBanco do Brasil TransferWise
Taxa de serviço2% (sendo o valor mínimo de R$ 110 e máximo de R$ 490). Neste caso, o valor é de R$ 180.R$ 33,92 (se via boleto); R$ 27,03 (se via TED)
IOF0,38% (se titularidade diferente); 1,1% (se mesma titularidade). Neste caso, vamos considerar a mesma titularidade.0,38% (se titularidade diferente); 1,1% (se mesma titularidade).
Taxa SwiftR$ 60 –
Limite de envio 3 mil dólares (ou valor correspondente em outra moeda) para pessoa física; 100 mil dólares (ou correspondente) para pessoa jurídica. Ou seja, seria preciso fazer três remessas para pessoa física, sendo que o limite é quatro por mês.R$ 9 mil por mês (se via boleto) ou R$ 1 milhão por transferência (por TED), neste último caso sem limite mensal. Poderia ser feita uma única transferência.
Tempo para concluir a transação2 a 4 dias1 dia (se via TED) ou até 4 dias (se via boleto).
Custo da transferênciaR$ 339 (valor calculado com base nos dados de taxas cobradas disponíveis no site do banco)R$ 232,29 (valor exibido na simulação disponível pela plataforma)

Qual vale mais a pena: BB ou TransferWise?

Pelo que podemos concluir da tabela acima, sai mais em conta transferir dinheiro via TransferWise. Isto porque a plataforma não cobra taxa Swift e tem taxa de serviço fixa bem mais em conta do que a do Banco do Brasil.

Além disso, a transferência pode ser feita de maneira mais ágil, se a opção for transação via TED.

Quanto à segurança, as duas empresas são bastante confiáveis e você não deve ter receio em realizar remessas.

Outro fator que pesa bastante é a transparência da TransferWise. Antes de confirmar a transferência, você checa exatamente quanto pagará pela movimentação. Ao passo que, no banco, as cobranças que incidem na transação só são exibidas com a movimentação financeira já realizada. Visite o site da TransferWise e faça a cotação para saber quando vai custar a sua transferência internacional através da plataforma.

Se ainda tem dúvidas sobre a TransferWise, leia esse artigo completo de avaliação da plataforma que fizemos.

Dicas de segurança para transferências

  • Nunca envie dinheiro a um estranho;
  • Não envie dinheiro ao exterior para você mesmo, parentes ou amigos, por orientação de pessoa desconhecida;
  • Não forneça a um estranho dados pessoais ou referentes a transferências efetivadas;
  • Não envie cópia de documentos ou comprovantes de remessas a estranhos;
  • Se você for o beneficiário de uma remessa do exterior, não forneça sua conta-corrente para recebimento de valores cuja origem você desconheça.

Leia também: TransferWise é autorizada pelo Banco Central a atuar como corretora de câmbio

Cláudia Zucare Boscoli trabalha como jornalista há 20 anos, tendo se formado na Cásper Líbero, com extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), especialização em Marketing Digital pela FGV e pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP. Já trabalhou para IstoÉ Online, O Estado de S. Paulo, Diário de S. Paulo e Editora Abril, entre outros veículos. Adora viajar, conhecer novas culturas e contar o que descobriu.

Artigos relacionados

TransferWise: como funciona? Veja nosso guia antes de usar

Será que é seguro enviar dinheiro pela TransferWise? É confiável? Mostramos tudo sobre essa plaforma, como utilizar, preços, vantagens e desvantagens.

Remessa Online vale a pena? Veja como funciona e se é seguro

Saiba como poupar, quais as taxas aplicadas e o passo a passo para utilizar a Remessa Online. Leia ainda o que dizem os utilizadores.

Limite de remessas para o exterior: saiba quanto dinheiro pode enviar

Enviar dinheiro para fora é sempre complicado por causa das várias taxas e regras. Veja qual é o limite de remessas para o exterior e como enviar.

Receber dinheiro do exterior paga imposto? Descubra aqui

Receber dinheiro do exterior paga imposto? Esclareça essa e outras dúvidas que muitas pessoas têm na hora de enviar dinheiro para o exterior.

Western Union: como funciona, taxas e passo a passo para enviar dinheiro

Western Union: como funciona o envio e recebimento de dinheiro, quais são as taxas cobradas e se é confiável fazer transferências nessa plataforma.

Remessa Online ou TransferWise: qual é melhor para enviar dinheiro?

Remessa Online ou Transferwise? Comparamos as duas plataformas de envio de transferência internacional e descobrimos a melhor opção. Confira.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube