Origem do sobrenome italiano: como descobrir e curiosidades

Itália  / 

Antonelli, Bruno, Caruso, Ferrari, Mancini, Ricci, Resende, Rossi e outros tantos nomes são hoje comuns no Brasil. Afinal, o país reúne cerca de 30 milhões de descendentes de italianos, que imigraram entre o final do século XIX e as primeiras décadas do século XX. No entanto, quando buscamos no passado, chegamos a histórias muito interessantes. Elas envolvem a origem do sobrenome italiano, os sonhos de tantas pessoas que buscavam uma vida melhor e as trajetórias percorridas até o presente.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Se você tem interesse em saber mais sobre a origem do sobrenome italiano, siga nesta leitura. Vamos contar como você pode iniciar esta pesquisa, por quê vale a pena ir atrás destas informações, várias curiosidades e muito mais.

Como descobrir a origem do sobrenome italiano?

Antes de tudo, vale saber que a Itália está entre os países com o maior número de sobrenomes no mundo inteiro. Imagine que existem cerca de 350 mil nomes de famílias, isso mesmo. Alguns são mais comuns, outros são bem diferentes e essa quantidade pode ser explicada pela grande quantidade de povos e famílias que compartilharam o território italiano na época do Império Romano e especialmente em períodos posteriores, como na Idade Média.

Para descobrir a origem do sobrenome italiano de forma específica, há vários caminhos. Indicamos basicamente dois:

Conversas com familiares e amigos

Falar com os avós e pais pode ser o primeiro passo de quem está investigando a origem do sobrenome italiano. Normalmente, eles têm algumas informações dispersas, lembram de nomes de antepassados e, a partir de alguns dados, já pode ser possível avançar na pesquisa.

Sem contar que é uma experiência muito rica conversar sobre histórias, recuperar relatos de como os parentes chegaram ao Brasil, de que forma iniciaram a vida no país. Assim, cria-se uma memória e uma consciência de si que podem se fortalecer dali em diante.

Sites de busca de sobrenomes e de árvores genealógicas

Na internet, há um grande número de sites onde é possível pesquisar informações sobre a origem do sobrenome italiano e de outros países, além de compor árvores genealógicas. Confira alguns dos mais conhecidos.

Family Search

O Family Search ajuda a elaborar sua árvore genealógica, facilita a busca de sobrenomes por localidade e também ajuda a localizar antepassados.

Cognomix

O Cognomix é um site em italiano, mas com uma navegação relativamente simples. E nada que um tradutor online não possa resolver. Ele agiliza a localização da origem do sobrenome italiano por região e onde eles estão mais presentes. Outra informação bem interessante é a origem histórica, com indícios que podem chegar aos tempos medievais e inscrições em antigas igrejas.

My Heritage

O My Heritage permite que qualquer pessoa faça uma pesquisa em sua imensa base de dados para construir uma árvore genealógica familiar. O site é pago, mas libera uma avaliação gratuita de 14 dias. Para isso, é preciso incluir dados do cartão de crédito no cadastro.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Forebears

Descubra no Forebears o significado e a origem do sobrenome italiano e de vários países, além da distribuição geográfica. Sua base de dados inclui cerca de 27 milhões de sobrenomes.

Museu da Imigração do Estado de São Paulo

O acervo digital do Museu da Imigração é muito interessante e utilizado, inclusive, por pesquisadores da área de história, antropologia, sociologia e outras áreas. Quando digitamos qualquer sobrenome, ele busca registros de quando alguém daquela família entrou no país, a maioria entre o final do século XIX e início do século 20. Há correspondências e vários documentos da época disponíveis, que são um presente para quem está em busca de vestígios da família.

A importância de descobrir a origem do sobrenome italiano

  • Conhecer a origem do sobrenome italiano de sua família é ampliar sua visão sobre como seus antepassados. Desperta a curiosidade sobre quem eram estas pessoas, o que faziam, o que enfrentaram até chegar ao Brasil;
  • Também é revelador para você mergulhar na sua origem e aprofundar o entendimento sobre quem é você e como sua família se formou. É uma viagem imaginária por terras distantes e pela sua linha do tempo particular;
  • Outro bom motivo para saber da origem do sobrenome italiano é descobrir até mesmo outros parentes pelo mundo, ao pesquisar as cidades e outros países onde o nome mais se concentra.

Neste outro artigo, você encontra mais informações sobre a importância da origem do sobrenome em geral.

Porque as pessoas buscam a origem do sobrenome italiano, na prática?

Pesquisar o lugar de origem do sobrenome italiano e compor sua árvore genealógica são passos importantes para quem deseja requerer a dupla cidadania italiana. Para fazer o pedido, é preciso ter encontrado informações de parentes antigos que estejam em sua linha de ascendência. É deles que você poderá herdar o direito à cidadania.

Este é um processo que costuma ser caro e requer um bom investimento de tempo. Portanto, conhecer o lugar de origem do sobrenome italiano e de qual região vieram seus familiares originalmente ajuda a direcionar os esforços com maior precisão para buscar os documentos. Por exemplo, certidões de nascimento, batismo ou de casamento de avós, bisavós e parentes mais antigos.

Como descobrir meus antepassados? Esta é a pergunta respondida neste artigo já publicado aqui no Euro Dicas.

Quando o sobrenome italiano foi criado

A origem do sobrenome italiano remete à Idade Média (mais ou menos entre os anos 500 e 1500 depois de Cristo). Praticamente todos vêm de uma mesma raiz, que é a expressão latina “filius quondam” (“filho daquele que já se foi”) ou apenas “filius”, quando o pai ainda era vivo. Por exemplo, Paulus filius Petri significava Paulo, filho de Pedro.

Até então, era suficiente usar apenas um nome de batismo. Contudo, quando as comunidades começaram a crescer e a ampliar o contato com o mundo externo, por volta do ano mil, tornou-se uma necessidade determinar a ascendência e definir melhor os grupos familiares. Seria impossível, sem isso, organizar heranças, negócios e outras atividades.

Sem contar que o território italiano, como já dissemos, ganhou diversidade graças ao intenso contato comercial e às invasões de povos considerados bárbaros, entre outros movimentos que envolveram o trânsito e a fixação de milhares de pessoas.

A partir daí, foram se formando nomes acompanhados de um sobrenome da família, como conhecemos hoje. Não por acaso, Veneza – um dos mais importantes centros comerciais e ponto de partida das famosas Cruzadas – foi a primeira cidade a registrar seus cidadãos desta forma. A nobreza inaugurou esta prática e, nos séculos seguintes, a população seguiu a orientação.

Como se formaram os primeiros sobrenomes italianos

Para nomear as primeiras famílias, havia três principais inspirações. O nome do pai talvez fosse a principal, mas a origem do sobrenome italiano também indicam o local de nascimento, uma profissão importante ou mesmo uma característica física. A partir daí, deriva-se boa parte dos sobrenomes. Veja só alguns exemplos.

Nomes do pai

  • Antoninni: o filho de Antonino;
  • Georgi: o filho de Georgio;
  • De Luca: o filho do Luca;
  • D’Angelo: o filho de Ângelo.

Nomes da mãe

Os nomes derivados da conexão com a mãe não eram tão comuns, mas existiam.

  • Donabella: filho de uma bela mulher;
  • De Maria: filho da Maria;
  • Della Veccia: filho de uma mulher velha;
  • Simonetti: filho de Simone.

Derivados de nomes de lugares

  • Di Caprio: que vem das ilhas de Capri;
  • Feltrin: nascido na comunidade de Feltre;
  • Villa: nascido na vila.

Nomes que remetem à profissão ou característica física

Alguns eram usados inicialmente como apelido e depois passaram a ser sobrenomes.

  • Barbarossa: barba ruiva;
  • Barbieri: barbeiro;
  • Bianchi: branco, claro;
  • Casagrande: de crianças que viviam em orfanatos;
  • Martelli: martelo;
  • Pastore: pastor.

Nomes que se tornaram divertidos

Que tal descontrair um pouco? Para muitos brasileiros, estes são sobrenomes italianos que podem ser bem curiosos.

  • Fiappo;
  • Fonfon;
  • Fusca;
  • Malvestito;
  • Meninno;
  • Passarin;
  • Pipino;
  • Tontodimamma.

Como descobrir a popularidade de um sobrenome na Itália?

Descobrir a origem do sobrenome italiano também pode conectar você a uma região que você nem imaginava, mas que reúne diversas pessoas que compartilham do mesmo sobrenome. Saber de onde vem o nome também é importante, conforme já comentamos, para saber de qual região do país vieram seus parentes.

Uma das bases de dados mais interessantes neste sentido está no site Cognomix. Ele ajuda a pesquisar a origem dos antepassados nas regiões e províncias da Itália. Buscando seu sobrenome, você poderá ver a quantidade de famílias em cada região da Itália, com o mesmo sobrenome que o seu.

Por exemplo, na imagem abaixo, localizamos mais de 4 mil famílias Bucci no território italiano.

sobrenome italiano geografia

No Forebears, por sua, vez, você consegue digitar um sobrenome e visualizar no mapa a densidade da distribuição em cada país. Neste exemplo, descobrimos que o sobrenome Bucci está fortemente presente na Itália, claro. Mas também em países como Estados Unidos, Austrália e Brasil.

mapa sobrenome italiano

Não é incrível? Facilmente você fica horas fazendo buscas e cruzamentos de informações, imaginando como estas famílias se formaram e as viagens que realizaram até se espalharem pelo mundo. Além de ser uma curiosidade e uma parte importante da história do país, pesquisar sobre a origem do sobrenome italiano é uma maneira de se conectar às suas origens.

Seguro viagem para Itália

Para os brasileiros sem cidadania italiana, o seguro viagem Itália é obrigatório para entrar no país. Ele custa bem menos do que você imagina, se você utilizar o nosso comparador de seguros viagem para a pesquisa e a compra.

Mesmo que não fosse uma exigência do país, valeria muito a pena contratar esta proteção, que inclui auxílio em caso de extravio de bagagem, reembolso de despesas com médicos e remédios, entre outros itens importantes. Contrate o seu ao melhor preço e boa viagem!

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autores

Luciana Andrade é jornalista, doutora em história, cursa especialização em marketing digital e não cansa de aprender coisas novas. À frente da Flows Conteúdo & Comunicação, escreve para diversos sites e clientes corporativos. Já morou em cinco cidades - no Brasil e na França - e está sempre planejando a próxima viagem.

Dario é italiano (melhor, siciliano!), adotado há 2 anos pelo quente e colorido Brasil! É fundador do Pesquisa Italiana, e com um time de 14 colaboradores ajuda os descendentes de italianos a descobrir as próprias origens! Ama praia, churrasco e obviamente, pizza!