Voar com companhia aérea low cost, como funciona? Vale a pena?

Voar com companhia aérea low cost

Passagens Aéreas  / 

Uma das vantagens de morar na Europa é a possibilidade de voar com companhia aérea low cost e encontrar passagens aéreas muito baratas para destinos incríveis.

Se você ainda não teve a oportunidade de voar com uma companhia aérea de baixo custo, nós vamos lhe contar um pouquinho dessa experiência e acredite, você vai querer experimentar e passar por essa incrível experiência.

Vale a pena voar com companhia aérea low cost?

Vale e muito. Vale a pena porque voar com companhia aérea low cost permitirá que você, mesmo sem muita grana, possa se programar e viajar para um destino fantástico pagando muito pouco.

Obviamente que, em se tratando de Europa, os destinos são relativamente curtos e você não passará mais de cinco horas num avião e, por isso, enfrentar a simplicidade de voar com companhia aérea low cost é bem tranquilo já que é exatamente por serem empresas que cobram muito mais barato por uma passagem aérea, todo e qualquer serviço é cobrado a parte.

Já compartilhamos algumas dicas para comprar passagens aéreas promocionais.

Lista de companhias low cost

Na Europa você consegue voar com mais de 30 companhias aéreas low cost diferentes e nós trazemos a lista completa das empresas que atuam em todo o continente europeu, veja:

Também já escrevemos um guia detalhado para comprar passagem para Portugal e Espanha.

Vantagens e desvantagens de voar em companhia aérea low cost

Voar com low cost na Europa
Obviamente que voar com companhia aérea low cost pode ser excelente, mas como tudo na vida existem os prós e contras, por isso fizemos uma relação com vantagens e desvantagens de se utilizar esse tipo de companhia aérea:

Vantagens

  • Baixo preço das passagens aéreas;
  • Agilidade no embarque e desembarque;
  • Praticidade e pouca burocracia;
  • Excelente para quem viaja com pouca bagagem;
  • Pontualidade.

Desvantagens

  • Distância dos aeroportos operados pelas companhias aéreas;
  • Tudo que não seja a passagem é considerado extra e é cobrado desde a escolha do assento, check-in, despacho de bagagem e etc.;
  • Não existe qualquer serviço incluído (refeições e etc.);
  • A maioria das companhias aéreas low cost oferecem produtos durante os voos e a viagem parece um bingo aéreo;
  • Grande parte das companhias aéreas de baixo custo não permitem que você faça o check-in com antecedência e cobram multas pesadas caso você não consiga realizar a operação no momento determinado.

Quanto custa?

Você vai achar que é mentira, mas os valores para voar com companhia aérea low cost são muito, mas muito, acessíveis e baratos. Por exemplo, você encontra voo da cidade do Porto (Portugal) para Paris (Vatry) por € 40 (quarenta euros) ida e volta pela Ryanair. Também é possível encontrar passagens aéreas de Londres (Reino Unido) para Amsterdã (Holanda) pela Vueling por € 55 (cinquenta euros) ida e volta.

Também é fácil de encontrar bilhetes de Paris (França) para Dublin (Irlanda) por € 80 (oitenta euros) ida e volta ou até mesmo de Bruxelas (Bélgica) para Bolonha (Itália) pela Brussels Airlines por € 68 (sessenta e oito euros) ida e volta.

Além de ser muito barato, eles ainda costumam fazer algumas promoções durante o ano, onde é possível comprar passagens por € 5 (CINCO euros).

Você pode conferir também como encontrar hotel barato na Europa.

Conhecer muitos lugares sem gastar muito

Como você pode ter percebido voar com companhia aérea low cost pode ser um excelente negócio, especialmente para quem quer conhecer diversos países da Europa sem gastar muito dinheiro. Se você tiver calma e fizer um bom planejamento, poderá encontrar bilhetes aéreos muito baratos e aumentar a lista de países e territórios que conhece.

Na sua próxima viagem para a Europa, dê uma boa pesquisada nas companhias aéreas que comercializam voos em rotas low cost, pois se você não dá muita bola para o luxo, poderá ter boas experiências. Boa viagem!

Conheça ainda quais são os destinos mais baratos da Europa.

COMPARTILHE

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.