Custo de vida em Madrid: veja gastos médios para morar na cidade

Espanha  / 

Morar na capital espanhola pode ser um grande sonho. A cultura do país encanta muitos brasileiros, além da qualidade de vida na Europa. Entretanto, é preciso considerar os gastos. Você sabe, por exemplo, qual o custo de vida em Madrid?

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

A cidade com mais de 3 milhões de habitantes não é tão complicada quanto parece! A seguir, você encontrará todas as informações que pode precisar.

Custo de vida em Madrid

Assim como em qualquer outro lugar do mundo que você escolhe para morar, há custos fixos a se considerar. Nisso você deve incluir desde o aluguel até os gastos com as compras no supermercado. E claro que ao morar em Madrid não seria diferente.

A Espanha foi um dos países mais afetados pela crise econômica na última década. Com isso, o desemprego aumentou consideravelmente junto com o próprio custo de vida. Por outro lado, não houve grande avanço no salário mínimo.

Criado para calcular o custo de vida ao redor do mundo, o site Nomad List pode ajudar nos cálculos. De acordo o site, o custo de vida em Madrid, baseado em alguns critérios, é de cerca de 950€ mensais.

custo de vida em Madrid

Principais despesas mensais

Agora vamos explicar os principais gastos em Madrid. Do aluguel à saúde, você poderá ter uma noção de quanto precisa para viver na capital espanhola.

Aluguel

Uma moradia em Madrid pode custar mensalmente cerca de 1.000€. Isso com referência a um apartamento em um bairro central com dois quartos. Um apartamento menor pode ser encontrado por volta de 700€.

Em bairros mais distantes do centro o valor pode diminuir para cerca de 600€. Contudo, ainda é preciso considerar outras variáveis: água, luz, internet, etc. Esses gastos podem variar entre 50€ e 100€.

Você pode utilizar alguns sites espanhóis para fazer a sua própria pesquisa:

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Quer descobrir quais são os melhores bairros de Madrid? Leia nosso guia completo.

Compras

Você não pode esquecer da sua alimentação e compras, certo? Esse valor é importante a se considerar. Por ser uma capital, Madrid possui opções para todos os bolsos. No supermercado você encontra marcas caras, mas também muito baratas.

Se você come muita carne, saiba que esse é um item caro no país. Para ter uma ideia, listamos o preço médio de alguns produtos básicos:

  •  Baguete: de 0,7€ a 0,9€;
  •  1/2kg de tomate: de 0,9€ a 1,1€;
  •  1kg de batata: de 0,8€ a 1€;
  •  Dúzia de ovos: cerca de 2,2€;
  •  1 L de leite: cerca de 1€;
  •  1 kg de frango: de 6€ a 8€.

Podemos estimar, então, que uma pessoa sozinha gastará entre 150€ e 250€ mensalmente com a própria alimentação. É claro que é preciso considerar o seu estilo de vida, mas esse é um valor médio. Um casal provavelmente gastará por volta de 350€.

Saiba mais sobre compras de supermercado na Espanha neste artigo.

Comer fora

Quem pretende cozinhar pouco em casa e comer fora, pode aproveitar a tradição do “prato do dia”. Comum em diversas cidades da Europa, ele é um menu com entrada, prato principal e sobremesa/café. Nele você gasta entre 10€ e 12€, normalmente.

Transporte

Não se esqueça de que você também precisará se locomover pela cidade. Por isso, inclua o transporte entre os gastos mensais do custo de vida em Madrid. Como essa não é uma cidade pequena, você certamente precisará utilizar o transporte público.

A cidade possui diversos tipos de pacotes. O custo total dependerá principalmente da zona em que você escolher residir, já que o transporte público divide o cálculo dessa forma.

A passagem de ônibus unitária, por exemplo, tem um custo de 1,50€. Normalmente, o custo mensal para um morador é de cerca de 56€. Além do ônibus, o metrô de Madrid torna-se um excelente meio de transporte da capital.

Confira também os preços do transporte público em Barcelona.

Saúde

Se você estiver morando legalmente no país, poderá recorrer ao sistema público de saúde após tratar das burocracias para isso. Contudo, se desejar recorrer a um seguro de saúde, os valores podem sair caros e aumentar o seu custo de vida em Madrid.

Há planos de todo tipo no país. A maioria deles, principalmente para pessoas de até 45 anos, varia entre 40€ e 80€ mensais.

Extras

Você sabe que terá gastos extras além dos fixos, não é mesmo? O lazer provavelmente será um deles, afinal, você não ficará apenas trabalhando ou estudando. Por isso, considere esse extra na sua conta!

Ir ao cinema é uma atividade comum, mas que pode ser um pouco cara em Madrid. Os ingressos custam entre 7€ e 9€. Já um combo com pipoca e refrigerante pode chegar a quase 20€.

Sair para tomar um café é mais acessível, já que um expresso sai por cerca de 2,20€.

Apesar de ser a capital, Madrid não está no primeiro (nem no segundo!) lugar das cidades mais caras da Espanha, veja quais são as cidades com maior custo de vida.

Despesas mensais na Espanha

Para você ter uma ideia geral do país, separamos em uma tabela o valor das principais contas na Espanha:

Despesas mensais na Espanha
Apartamento 1 quarto (centro da cidade) 609.75€
Transporte (mensal) 44.35€
Refeição em restaurante simples (1 pessoa) 10,00€
Contas básicas (água, luz, etc) 115.66€
Total 779.76€

Os dados foram retirados do site Numbeo. Ele é um banco de dados que apresenta os custos de vida ao redor do mundo. As fontes dos preços e outros índices apresentados são reportadas pelos próprios usuários.

Cidades com custos menores

Madrid pode ser a capital do país, mas você não precisa optar apenas por ela. Em cidades menores, além de economizar bastante, também pode encontrar uma infraestrutura de cidade grande.

Em La Coruña, por exemplo, a diferença de valores é visível. A cidade litorânea tem cerca de 260 mil habitantes e preços bem mais acessíveis. Na cidade, o aluguel de um apartamento de três quartos pode sair por cerca de 500€.

O gasto com as compras mensais para casa também podem sair pela metade em La Coruña. Lá, com 150€ você faz praticamente todas as suas compras para o mês no supermercado.

Se você prefere morar fora da capital, então acompanhe a nossa lista com as melhores cidades perto de Madrid para viver.

Melhores cidades com custo baixo

Para você que busca uma opção ao custo de vida em Madrid, além de La Coruña há outras cidades no país que podem valer a pena. Confira a lista a seguir com os custos mensais médios:

  • Sevilha: entre 665€ e 895€;
  • Valencia: entre 541€ e 704€;
  • Salamanca: entre 509€ e 686€.

Conheça também a lista de outras cidades mais baratas da Espanha.

Custo de vida X salário mínimo

Para saber se o custo de vida em Madrid vale a pena, é importante considerar quanto é o salário médio que se paga na cidade. Atualmente, o valor do salário mínimo é de 900€ mensais.

Contudo, os valores em Madrid costumam ser maiores. Isso acontece obviamente pelo custo maior de vida na capital. Em média, os trabalhadores na cidade recebem de 1.000€ a 1.400€.

Leia nosso artigo para descobrir sobre o salário da Espanha e as profissões mais bem pagas.

Dicas para poupar

É claro que optar por morar em uma cidade menor na Espanha já seria uma ótima forma de poupar dinheiro. De qualquer forma, se o seu destino for mesmo Madrid, há algumas dicas que podem ajudar!

  • Em primeiro lugar, opte por comer em casa. Você pode sair uma vez ou outra para comer fora, mas prefira cozinhar as suas próprias refeições. Como há muitas opções baratas nos supermercados, certamente vale a pena;
  • Em segundo lugar, aproveite os eventos gratuitos para os momentos de lazer. Especialmente no verão, os espanhóis amam fazer tudo ao livre. A maioria desses eventos é gratuita, então poupe o dinheiro do cinema;
  • Por fim, para poupar no seu custo de vida em Madrid, pesquise muito! Você não encontrará o apartamento com o custo-benefício perfeito em uma semana. Você precisa se planejar e ter paciência para viver a melhor experiência na cidade!

Saiba mais sobre o custo de vida na Espanha e saiba como contratar o seguro viagem para Espanha, pois é obrigatório.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.