Morar em Madrid: saiba tudo sobre morar na capital espanhola

Espanha  / 

Madrid é a maior cidade da Espanha e também a terceira maior cidade da União Europeia, ficando atrás somente de Londres e Berlim. A capital espanhola é uma cidade de abraços abertos para pessoas do mundo todo. Por isso, fica bem fácil se sentir em casa por aqui. Saiba tudo sobre morar em Madrid neste artigo.

Como é morar em Madrid?

O primeiro passo para se sentir em casa em uma cidade é se aproximar da cultura local, entender sua gente e não ficar tentando o tempo todo manter os velhos hábitos.

Madrid é uma cidade que oferece de tudo. Você pode escolher ter uma vida tranquila, aproveitar da natureza, da arte, da cultura, da boa comida. Como também pode aproveitar a vida noturna, os bares, restaurantes, sair para dançar e fazer amigos.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Madrid é um lugar perfeito para quem gosta de conhecer pessoas do mundo todo. A cidade recebe muito bem os estrangeiros, que se misturam e fazem de Madrid uma cidade cosmopolita.

São muitos os aspectos positivos de se morar em Madrid: o transporte público é uma maravilha, o atendimento nos hospitais públicos é ótimo, a forma como os funcionários em departamentos públicos nos atendem é respeitosa e eficiente. Além disso, é uma das cidades mais baratas para viver na Europa, falando em preço de aluguel e, principalmente, supermercado.

Leia também nosso artigo completo sobre como morar na Espanha legalmente.

Alugar apartamento em Madrid

Alugar um apartamento em Madrid não é nada fácil.  Como dizem os espanhóis o tempo todo “madre mía”, por ser uma missão impossível. Chega a dar a impressão que você não vai conseguir nunca.

Porém, por experiência própria e relato de amigos, o importante é não desistir. Normalmente, o caminho menos difícil é alugar uma “habitación” no início, isto é, um quarto. Depois, com mais calma e muita persistência, continuar buscando um apartamento para chamar de seu.

Eu levei 7 meses para conseguir alugar um apartamento, que prefiro chamar de “cantinho”,” inho” porque é bem pequeno. Porém, cheguei a pagar 550€ por uma “habitación” e agora pago somente 480€ pelo meu cantinho.

Um apartamento pequeno, simples e bem localizado, pode pesar no orçamento e por isso muitos estrangeiros recém-chegados à cidade buscam moradias pela área metropolitana ou em bairros afastados do centro.

Em média, alugar apenas um quarto em Madrid pode custar entre 300€ e 600€ euros, dependendo da localização e gastos incluídos ou não. Um apartamento pequeno gira em torno de 700€ euros, sem gastos incluídos. É o gasto mais alto para morar em Madrid.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Há diversos sites para alugar apartamento em Madrid, recomendo a utilização da Uniplaces, uma plataforma que une locadores e locatários e oferece bons preços para aluguel de imóveis na Espanha.

Você pode conferir mais dicas para alugar apartamento na Espanha aqui.

Comprar casa em Madrid

Um brasileiro que vem morar em Madrid pode sonhar com a casa própria. Os juros do financiamento dos bancos aqui são bem menores do que no Brasil. É claro que, como no Brasil, serão exigidas garantias de que você tem como ir quitando o que deve ao banco.

Porém, conversando com alguns brasileiros que estão na fase de ter a casa própria, eles me contam que nem de longe é tão difícil como no Brasil. Veja dicas de comprar imóvel na Espanha.

Quais são os melhores bairros?

A escolha do bairro onde morar em Madrid pode ser feita levando em consideração duas coisas: quanto você pode pagar e que tipo de vida quer levar.

Explicando melhor, Madrid é tão bacana que tem bairro para todos os tipos de bolsos e gostos. Brincadeiras à parte, quem gosta de zonas chiques, pode optar por Salamanca, Chamberí, Retiro, Chamartín. Todos estão muito bem localizados, perto do centro, e claro, com preços bem mais salgados.

Você também pode se guiar pela parada do metrô para escolher onde vai morar, por exemplo: Bilbao, Alonso Martinez, Ruben Dário, são algumas das paradas que estão na zona, digamos, rica da cidade.

Normalmente, os jovens estudantes querem ficar no centro, para ficarem mais próximos das festas e não precisarem voltar para casa às 2 da manhã, horário de encerramento do metrô. Então, Sol, Malasaña, Embajadores e Lavapiés, sendo esta última opção a mais barata, são as zonas procuradas. Eu, particularmente não aconselho e nem gosto de Lavapiés, é um pouco aquele lugar que você pode encontrar de tudo.

Tem opções que estão mais longe do centro, porém, são áreas bem residenciais, como por exemplo, Villa Verde Alto. Neste caso, tenha um pouco de atenção, porque uma parte da área não é recomendada por quem vive no local. Assim como Tetuán, é um lugar que as pessoas que vivem em Madrid não recomendam.

Tem a opção do meio termo, não é centro, não é zona rica e não é ruim. Está a 20 minutos de metrô do centro, bem conectado com outras zonas importantes de Madrid, cujo o preço do aluguel não é caro: Zona Ventas, na saída do metrô El Carmen ou Barrio de la Concepción.

E além disso, tem aqueles lugares que eu costumo chamar de charmosos, como o Barrio de las Letras, por exemplo, que também está bem pertinho do centro e com preços mais salgados para morar em Madrid.

Quer saber mais? Leia nosso artigo completo sobre os melhores bairros de Madrid para morar.

morar em madrid bairros

Transporte Público em Madrid

Esse, sem dúvida, é um dos itens mais importantes para quem vai viver em Madrid. Normalmente, os bairros, mesmo os periféricos, contam com serviços básicos.

Mas, se você necessita se locomover em ônibus ou metrô, a cidade disponibiliza diferentes descontos em um “cartão de transporte”.

O “abono mensal”, por exemplo, gira em torno de 52€, enquanto que o de 10 viagens custa 12,20€ e você pode ir recarregando a medida que vai gastando. Saiba tudo sobre o metrô de Madrid neste artigo.

Como são as contas do mês?

Já tendo vivido na Itália e na Áustria e viajado um pouco, posso garantir que Madrid é bem econômica. Basicamente, o custo da água, luz, calefação, telefone, e internet vai depender diretamente dos hábitos de cada família ou pessoa e também do clima na cidade.

Um estudo realizado pela Universidade Complutense de Madrid, divulgou que em média se gasta em torno de 200€ mensais. Mas, vale lembrar que isso vai depender de muitos fatores, como por exemplo o tamanho da residência, quanto tempo se passa dentro de casa, clima, etc.

Supermercado em Madrid

Quando cheguei aqui, fazia a conta em reais do que eu gastava em euros no supermercado e, pasmem, no Rio gastava mais.

Dá para comer bem, fazendo qualquer tipo de dieta e gastar pouco. O que vai ver de mais caro no supermercado é a carne, e o peixe também não é tão barato. Porém, o frango tem um bom preço.

Produtos como leite, ovos, açúcar, sal, café, isto é, o básico, tem o preço, na minha opinião, em equilíbrio com o que se ganha trabalhando aqui. Os melhores supermercados para comprar são: Mercadona e Dia. Super sol e Carrefour, sem dúvidas, são os mais caros.

Saiba mais sobre compras de supermercado na Espanha no nosso guia detalhado que mostra os preços dos principais itens e compara com os preços do Brasil e de outros países europeus.

Cuidado com a conta de luz

Quando aluguei meu apartamento e pela primeira vez tive que pagar a conta de luz, alguns amigos espanhóis me alertaram em relação ao valor alto da energia elétrica aqui. Aliás, os proprietários da casa também. Principalmente porque eu tinha o aquecedor elétrico. Achei que tinha um pouco de exagero, porém, não, e quase caí para trás quando tive que pagar 90 euros de conta de luz.

Nos meses seguintes, sem o aquecedor, a minha conta caiu para 30 euros. Mesmo assim, considero alta, porque praticamente uso só as lâmpadas. Passo roupa raríssimas vezes, cozinho bem pouco (o fogão aqui é elétrico), enfim, economizo o máximo que posso.

Internet e outras despesas

A despesa da “comunidade”, que seria o nosso condomínio, é sempre incluída no preço do aluguel. A outra despesa mensal seria com internet, e com 30€ por mês dá para ter um bom plano.

Saiba mais informações sobre o custo de vida em Madrid e também o  custo de vida na Espanha em geral.

Trabalhar em Madrid

Depois da grave crise econômica vivida pela Espanha,  a taxa de desemprego no país continua elevada,  15,2% (dados de agosto/2018).

Entretanto, Madrid é o centro econômico da Espanha, portanto é a cidade com a maior oferta de empregos do país, em diversas áreas e com vários perfis profissionais. Uma coisa é certa, ter fluência no espanhol, no inglês e em uma terceira língua será um diferencial na hora de concorrer a uma vaga.

Por ser uma cidade muito turística, as ofertas se concentram principalmente na prestação de serviços. No entanto, é possível encontrar vagas em outros setores. Quer saber mais? Leia esse artigo que ensina como encontrar emprego na Espanha.

Clima em Madrid

Outra coisa que faz a diferença no momento de viver em Madrid, é conhecer um pouquinho do clima da capital espanhola. Verões quentes e invernos frios, isso tudo banhado por um clima seco e agradável. A temperatura média anual beira os 20ºC, perto da perfeição.

Para mim que sofro muito com o frio, Madrid é perfeita, porque o inverno não é tão rigoroso como em outras cidades da Europa. E, dizem os espanhóis que é atípico, porém, até outubro ainda não fazia frio.

Por outro lado, me surpreendi com o calor, que não perde em nada para aquele que faz no Rio de Janeiro. Julho e agosto são meses bem quentes em Madrid e com chuva zero.

Confira também como é o clima na Espanha em suas diversas regiões.

Entretenimento e diversão em Madrid

Se você tem muita energia dá para sair de segunda a segunda em Madrid e não repetir programa. Teatro, cinema, shows, bares, restaurantes, eventos, passeios, e muito mais. Seja no inverno ou no verão, Madrid sempre oferece uma ampla escada de atividade noturna e também diurna.

Saiba quais são as principais atrações de Madrid que você não pode deixar de conhecer.

Brasileiros que vivem em Madrid

Madrid conta com aproximadamente 13 mil brasileiros que vivem legalmente em seu território e fizeram da capital espanhola seu novo lar.

Ao caminhar pelas ruas da cidade, por exemplo, não é difícil encontrar estabelecimentos brasileiros ou um conterrâneo falando português do Brasil.

Diariamente chegam centenas de brasileiros a Madrid em busca de diversão, conhecimento e oportunidades. Três itens que nunca faltam na capital do país.

A carta convite para entrar na Espanha é um dos requisitos para entrar no país, veja como funciona e como solicitar.

Vale a pena morar em Madrid?

Como em qualquer outra metrópole mundo a fora, encontrar moradia com um bom custo-benefício em Madrid não é tarefa fácil. Centro econômico do país e querida por milhares de turistas e estudantes, o preço dos alugueis dispararam nos últimos anos, o que dificultou a vida a quem quer morar em Madrid.

Mas morar em Madrid pode ser encantador, só depende de você, pois a capital espanhola tem muita estrutura para receber estrangeiros e você será muito bem-vindo! Se você quer morar na Espanha, mas ainda não decidiu onde, veja também como é morar em Barcelona.

Para entrar em Madrid é preciso contratar um Seguro Viagem para Espanha, é obrigatório. Saiba como contratar o seu e economizar aqui.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Taiana é brasileira, residente e apaixonada pela Espanha. Amante de viagens e da cultura espanhola, compartilha no seu blog Partiu Espanha roteiros, dicas e as impressões de viver no exterior.