Se o seu sonho é morar em outro país, é muito importante conhecer o custo de vida. Neste artigo, vamos falar especificamente sobre o custo de vida na Holanda e os gastos médios para viver no país. É preciso ter em mente que estes custos variam de acordo com a cidade, com seu estilo de vida, se tem filhos ou não, dentre outros fatores. Porém, é possível ter uma ideia geral a partir das médias de valores de aluguel, transporte, alimentação e saúde.
Se você estiver pensando em visitar ou morar em um dos países com melhor índice de qualidade de vida do mundo, continue a leitura que este artigo pode ser útil.

Qual é o custo de vida na Holanda?

Muitos fatores devem ser considerados para definir os custos mensais de uma pessoa ou família. Mas, pensando em um estilo de vida simples de quem vai morar na Holanda, sem compras em excesso e com saídas ocasionais, podemos dizer que é possível viver com 1.500€ mensais. Porém, se você deseja morar no centro da cidade, ter mais lazer, fazer uma academia, entre outras coisas, seus custos mensais podem chegar a uma média de 2.800€.

O custo de vida na Holanda é elevado?

Fazendo uma comparação com países vizinhos, como Alemanha e Bélgica, podemos considerar que o custo de vida na Holanda é elevado e as despesas com transporte, aluguel e alimentação são mais caras.
Porém, dependendo da cidade na qual se vive, os custos podem cair consideravelmente. Morar em Amsterdam, Maastricht, Haia e Rotterdam pode ser bem mais caro, as cidades são mais turísticas e naturalmente, os preços se elevam.
Mas, mesmo comparando entre elas, existe uma diferença relevante. Como comparar as vizinhas Amsterdam e Rotterdam, por exemplo. É bem mais caro viver na primeira do que na segunda. Quando falamos de cidades menores, o custo pode cair ainda mais.
Viver na Holanda
Saiba tudo sobre a Holanda antes de começar a planejar a mudança.

Alterações fiscais 2021: impacto no custo de vida na Holanda

As cobranças de impostos, taxas, ajustes salariais, subsídios e isenções do governo influenciam diretamente no custo de vida de um país e em 2021, a Holanda teve algumas mudanças neste sentido. Confira quais foram elas.

  • Existem previsões de que o poder de compra aumente cerca de 0,8%, sendo 1,2% para os trabalhadores, 0,5% para aposentados e 0,4% para pensionistas;
  • Os prêmios dos planos de saúde vão ficar mais caros. Porém, o subsídio do governo para quem não consegue pagar terá um aumento proporcional;
  • Haverá um aumento do teto do imposto de renda para poupança e outros investimentos;
  • Pessoas que tenham uma renda anual de até 68 mil euros vão pagar menos impostos;
  • Empresas de pequeno e médio porte vão pagar menos impostos sobre os lucros;
  • Jovens de até 35 anos que comprarem seu primeiro imóvel não terão que pagar os 2% de imposto de transferência. Porém, os compradores de segundo imóvel vão pagar 8%, caso usem o imóvel para revenda e não moradia;
  • Um fundo para auxiliar pessoas a sanar dívidas vai receber 30 milhões de euros;

Todas as informações foram retiradas do site da agência governamental Belastingdienst.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →

Qual o salário mínimo na Holanda?

Em 2021, o salário mínimo para maiores de 21 anos aumentou 4,8€ por hora. Este reajuste foi feito em julho de 2020, passando para o valor de 1.684,80€. Outro reajuste será feito em julho de 2021.
Mas, é importante dizer que os valores do salário mínimo variam de acordo com a idade e só se estabiliza a partir dos 21 anos. Veja os valores de acordo com a idade do trabalhador.

Idade Valor por mês Valor por semana Valor por dia
A partir 21 anos 1.684,80€ 388,80€ 77,76€
20 anos 1.347,85€ 311,05€ 62,21€
19 anos 1.010,90€ 233,30€ 46,66€
18 anos 842,40€ 194,40€ 38,88€
17 anos 665,50€ 153,60€ 30,72€
16 anos 581,25€ 134,15€ 26,83€
15 anos 505,45€ 116,65€ 23,33€

Saiba como é o salário mínimo na Europa e se o holandês se destaca.

Principais despesas do custo de vida na Holanda

Apesar de o custo de vida na Holanda ser muito relativo, é possível ter uma ideia dos valores médios a partir do preço de itens básicos como moradia, saúde e alimentação. Consultamos o site colaborativo Numbeo para fazer uma projeção de quanto dois adultos gastariam para viver nos Países Baixos. Confira a seguir:

Aluguel na Holanda

O aluguel é um dos itens que mais pesa o orçamento, na Holanda não é diferente. Os custos médios de aluguel no país são:

Tipo de apartamento Valor médio mensal
1 quarto no centro da cidade 1.096,44€
1 quarto fora do centro 876,44€
3 quartos no centro da cidade 1.724,28€
3 quartos fora do Centro 1.306,92€

Conheça as melhores cidades para morar na Holanda.

Custos básicos da casa

Entre as contas básicas estão as despesas com energia, água, internet, etc. Elas precisam ser contabilizadas no custo de vida. Os valores médios na Holanda são:

Serviço Valor médio mensal
Básicos (Eletricidade, Aquecimento, Arrefecimento, Água, Lixo) para um apartamento de 85m2 164,38€
Internet (60 Mbps ou mais, dados Ilimitados, Cabo/ADSL) 39,48€

Transporte na Holanda

O jeito mais popular e barato de transporte na Holanda são as bicicletas. Em algumas cidades como Blaricum você pode alugar uma bike por dia por apenas 7,50€ e, em Amsterdam, dependendo do local, a locação pode custar até 15€ o dia.
O transporte público na Holanda é bom, mas relativamente caro. Devido ao aumento do BTW, o valor do transporte também subiu. A tarifa de uma hora em Amsterdam passou de 3€ para 3,20€ para um ticket avulso.
Transporte na Holanda
De fato, a tarifa aumentou, mas os bondes (tramns) e o metrô de Amsterdam estão mais sustentáveis e mais verdes. Isso porque a partir deste ano a GVB (Companhia de Transporte Público) passou a utilizar a energia de moinhos de vento para mover o transporte.

Transporte Valor médio
Bilhete de ida (transporte local) 3,20€
Passe mensal (preço normal) 86€
Início do táxi (tarifa normal) 3,50€
Táxi 1km (tarifa normal) 2,22€
Táxi espera de 1h (tarifa normal) 30€
Gasolina (1 litro) 1,64€

Carsharing também é uma opção

Outra opção viável também são os car sharing, um sistema no qual é possível encontrar o carro mais próximo de você por meio de um aplicativo. Funciona da seguinte forma: você liga para o app, paga pelo tempo de uso do carro e devolve em qualquer estacionamento dentro da área de cobertura da locadora.
Além da praticidade, o custo também é acessível e, o melhor, não é preciso devolver o carro abastecido. Basta checar a carga (pois esses carros são elétricos) e se certificar de deixar o carro carregando no estacionamento.

Saúde na Holanda

O seguro saúde pago é obrigatório na Holanda e em 2021, alguns reajustes foram feitos em relação a isso. Veja quais foram.

Sem aumento no risco próprio (eigen risico)

A franquia ou risco próprio (eigen risico) não vai aumentar em 2021. O valor permanecerá igual, 385€. Para quem não sabe, esse valor é pago quando você precisa utilizar o sistema de saúde na Holanda em casos mais específicos. As visitas ao clínico geral ou médico de família (Huisarts em holandês) não são pagas.

A mensalidade do plano de saúde vai aumentar

Infelizmente, haverá um aumento no valor pago mensalmente pelo seguro saúde. Em média, ele custa em torno de 124€. O aumento médio será de 5€ mensais, mas o valor pode variar muito dependendo da seguradora. Portanto, é muito importante pesquisar antes de fechar com alguma.

Auxílio do governo para pagar seguro saúde

Já que o seguro saúde pago é obrigatório na Holanda, o governo possui um auxílio para ajudar cidadãos de baixa renda a pagar, que é chamado de zorgtoeslag.
Em 2021, o valor deste subsídio para uma família que ganha até 31 mil euros por ano será de 1.284€, com aumento de 34€. Para uma família de duas ou mais pessoas, que tem a renda total de até 39.500€, o valor anual será de 2.484€, representando um aumento de 87€.

Seguro viagem para Holanda

Para quem vai para a Holanda a passeio o seguro viagem é obrigatório. Ele deve cobrir pelo menos 30 mil euros em despesas médicas e hospitalares. Utilize o nosso comparador de seguros para encontrar o seguro ideal.
Basta informar a sua data de ida e de volta, destino, nome e contatos e nós iremos ajudar você a selecionar o melhor seguro para sua viagem. Se preferir, pode também fazer a cotação no Seguros Promo, site comparador que nós confiamos e recomendamos aos nossos leitores.

Alimentação na Holanda

O custo de alimentação também é outro fator que pesa no orçamento ao fim do mês. Por isso, apresentamos alguns valores médios, seja para a alimentação em casa o para comer fora.

Restaurantes

O valor para comer em restaurante varia muito, vai depender especialmente do tipo do estabelecimento. Se você está pensando em comer fora, isso dependerá, é claro, do local e do quão sofisticado ele é, se contém bebidas, sobremesas, acompanhamentos, etc. Mas, para que você tenha uma base, uma pizza individual pode sair por mais ou menos 10€, um prato de massa ou risoto por 15€ e uma taça de vinho por 5€.
O preço médio para comer fora na Holanda é:

Tipo de restaurante Valor médio
Restaurante econômico (refeição para 1 pessoa) 15€
Restaurante custo médio (refeição para 2 pessoas) 60€

Supermercado

No site do Albert Hejin – principal mercado holandês – você pode buscar à vontade e pesquisar os valores dos alimentos que a sua família está habituada a consumir. Se for amante de carne, saiba que lá elas são de excelente qualidade, porém caras. É difícil generalizar os gastos com o supermercado também, já que o volume da compra depende do tamanho da família e de seus hábitos.
Normalmente, uma família com 4 integrantes gasta em média 450€ a 480€ em compras de supermercado. Devido ao transporte e locomoção, as famílias costumam fazer compras semanais, e com 50€ a 100€ é possível fazer uma compra “ok” para passar a semana.

Produto Valor médio
Leite normal (1 litro) 0,93€
Pão branco fresco (500g) 1,71€
Arroz branco (1kg) 1,95€
Ovos normais (dúzia) 2,13€
Queijo regional (1kg) 10,80€
Filetes de frango (1kg) 7,72€
Bife de paleta ou carne equivalente (1kg) 14,91€
Maçã (1kg) 1,91€
Banana (1kg) 1,49€
Laranja (1kg) 1,33€
Tomate (1kg) 2,05€
Batata (1kg) 1,32€
Cebola (1kg) 1,24€
Alface (1 maço) 0,86€
Água (garrafa de 1,5L) 0,66€
Garrafa de Vinho 5,99€
Cerveja Nacional (garrafa de 500ml) 1,16€

Descubra as principais comidas típicas holandesas.

Custo da educação na Holanda

Antes de falarmos mais a fundo sobre educação, vale ressaltar que se você tiver um passaporte europeu fica muito mais em conta estudar na Europa.
Os custos são altos para estudantes sem passaporte europeu (cerca de 15 mil euros para um Master), no entanto, existem programas que oferecem bolsas de estudo para brasileiros. As bolsas são para graduação, mestrado ou MBA. Para aqueles que possuem passaporte europeu, o custo é parcialmente subsidiado pelo governo, ficando em torno de 2 mil euros.
Universidade Pública de Rotterdam
Já os cursos de idioma na Holanda ficam em torno de 600€ para um módulo de 40 a 46 horas e 400€ para um módulo de mais ou menos 30 horas. Todavia, isso depende da instituição de ensino também.

Educação infantil no país

Na educação infantil, os custos dependerão da idade da criança e do tipo de educação escolhida. A partir dos 4 anos de idade, a escola pública é gratuita, tendo apenas uma contribuição mensal que varia de 50€ a 200€ o ano, dependendo da escola.
Agora, no caso de creches (de 0 a 4 anos) ou de escolas internacionais (na qual a educação é 100% em inglês), é necessário se preparar para pagar mais.

Compras e vestuário

Falar de compras na Holanda é algo bem abrangente, pois podemos dizer que há itens para todos os gostos e bolsos. Para roupas, é possível encontrar peças super baratas em lojas como a Primark (muito conhecida por só ter brasileiro lá) ou H&M, além das tradicionais lojas Zara e C&A e também a loja Uniqlo. Mas quem prefere comprar online, há lojas como a Next ou Zalando, que entregam rápido.
Para mobiliar a casa você pode ir à loja Ikea. A Hema tem artigos de decoração e roupas também. Já Blokker tem muitas utilidades domésticas, enquanto a Action é super completa (desde roupas a itens de decoração) com preços em conta.
Para eletrônicos, vale a pena conferir os produtos da Amazon. Para comprar bikes, que são muito utilizadas no país, você pode ir na Decathlon. E, antes de comprar qualquer coisa nova, vale sempre a pena pesquisar se não tem algo bonito, barato e usado no site da Marktplaats.
Descubra 11 curiosidades sobre a Holanda imperdíveis.

Resumo do custo de vida na Holanda

Com certeza as pessoas têm estilos diferentes de viver e prioridades diversas. Neste artigo, trouxemos um panorama do custo de vida na Holanda, mas apenas você vai conseguir mensurar quanto iria gastar de fato.
A seguir, apresentamos uma simulação de quanto um casal gastaria com as contas essenciais vivendo na Holanda. Confira abaixo:

Gastos mensais Valores médios
Aluguel apartamento com 1 quarto 1.096,44€
Gastos com água, luz, gás, internet 200€
Transporte (2 adultos) 172€
Saúde 300€
Supermercado 400€
Total 2.168,44€

A capital holandesa é seu destino? Então confira o custo de vida em Amsterdam e compare com a média do país.

Vale a pena morar na Holanda?

Falando de custo de vida, é importante analisar se o gasto para viver no país que pretende morar será compensado em educação, saúde, segurança e melhor qualidade de vida, que geralmente são os fatores que as pessoas buscam ao se mudarem.
Então, a dica é pesquisar muito, entender suas oportunidades de conseguir um emprego na sua área e estudar sobre o custo de vida e economia para estar certo da sua decisão. Assim, você pode avaliar se vale a pena morar na Holanda de acordo com as suas expectativas.
Muito brasileiros que pretendem emigrar agora se frustrando em algumas barreiras, mas saiba que elas existem e podem ser superadas. Para ajudar você a entender melhor como tirar esse desejo do papel, o e-book O sonho de viver na Europa apresenta histórias de brasileiros que recomeçaram no exterior.