Preço do mercado em Portugal: planeje seu orçamento

Portugal  / 

Antes de mudar de país, é comum pesquisarmos o custo de vida, principalmente gastos como aluguel, luz, água, gás, transporte público e alimentação. Neste artigo, vamos abordar exclusivamente a respeito do preço do mercado em Portugal, a partir das opções de compra existentes no país.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

A boa notícia é que, a título de informação, alimentação em Portugal é mais barato do que no Brasil. Sem contar as inúmeras promoções, outlets e supermercados diferenciados baseados em sustentabilidade.

Saiba tudo sobre o preço do mercado em Portugal

Por incrível que pareça, o preço de diversos produtos dos supermercados em Portugal (mesmo convertendo de euro para real) são mais baratos do que em muitas cidades brasileiras, principalmente nas capitais e grandes metrópoles. Vamos te contar tudo sobre como é o preço do mercado em Portugal para você ter um panorama dos gastos que terá no país.

Vivendo em Portugal, o cidadão tem a opção de fazer as refeições em casa e economizar bastante. O preço do mercado em Portugal é, de modo em geral, excelente. Mesmo quando quiser sair para almoçar ou jantar fora, existem opções de restaurantes para todos os bolsos e gostos.

Tendo como referência 2019, confira o valor médio de itens básicos da nossa alimentação no dia a dia, apenas para ter uma noção do preço do mercado em Portugal:

Produtos Preço médio
Pão  1,10€ (kg)  (R$4,99)
Tomate 1,40€ (kg) (R$6,35)
Batata 0,86€ (kg) (R$3,90)
Bacalhau 6,99€(kg) (R$31,74)
Ovos (1 dúzia) 1,68€ (R$7,62)
Vinho  6€ (boa qualidade) (R$27,24)
Queijos (como brie, camembert, gorgonzola, emmental, gouda, etc) 7,10€ (kg) (R$32,23)

*Todas as conversões de moedas foram feitas em setembro de 2019 com a cotação de 1€ = R$4,51.

Qualidade dos produtos em Portugal

Consumir produtos de boa qualidade e ótimo preço é possível em Portugal, conforme mencionamos no início do artigo. Vários produtos são mais baratos em Portugal do que no Brasil, sem contar que diversos itens possuem menos sódio e açúcar em sua composição. Por falar nisso, ainda existe uma maior variedade de produtos diet/light do que no Brasil.

Aperitivos como azeitona e derivados, patês e azeite de oliva também são mais baratos em território português, valendo muito mais a pena adquirir estes produtos em função do preço do mercado em Portugal.

Além da qualidade e preço serem excelentes, podemos mencionar também a variedade de itens alimentícios diversos. Em um rápido tour pelos mercados portugueses, o cliente vai se deparar com uma infinidade de opções desde biscoitos, chocolates, molhos, sorvetes, etc. Além do leque variado de marcas conhecidas, pouco conhecidas e brancas (quando o produto é produzido pelo próprio mercado).

Compras em Portugal

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Confira os melhores supermercados de Lisboa.

Principais mercados de Portugal

Em relação aos preços de mercado em Portugal, é difícil dizer qual é o mais barato, pois todos eles fazem promoções com frequência, dando ao cliente um amplo leque para escolher. De todo modo, os principais e maiores mercados em Portugal são:

  • Pingo Doce (imensa variedade de produtos de marca branca e promoções);
  • Continente (o açougue e peixaria são tidos como excelentes);
  • Lidl (boa padaria e diversos produtos estrangeiros de qualidade);
  • Jumbo (setor de bomboniere variado, itens nacionais e importados a preços bons);
  • Mini Preço;
  • Mercadona (preços não muito competitivos, mas de boa qualidade).

Uma pesquisa realizada há poucos anos apontou o Jumbo e o Continente como os mercados mais baratos do país. No meu ponto de vista, considero o Pingo Doce como o melhor dentre todos. Além disso, a rede portuguesa está presente em quase todo país, vendem de tudo e muitos produtos são produzidos pelo próprio Pingo Doce.

Tabela comparativa: Brasil vs Portugal

Item Brasil  Portugal
Spaghetti Barilla R$6,49 1,39€  (R$6,31)
Cereal Corn Flakes R$20,90 1,88€  (R$8,53)
Ketchup Heinz R$9,19 1,68€  (R$7,62)
Batata Pringles R$12,25 2,49€ (R$11,30)
Shampoo Head&Shoulders R$29,50 5,49€ (R$24,92)
Fralda Pampers R$49,90 8,99€ (R$40,82)
Amaciante Comfort R$8,19 2€  (R$9,08)

*Todas as conversões de moedas foram feitas em setembro de 2019 com a cotação de 1€ = R$4,51.

Observações

Quer saber como morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar a planejar e concretizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »
  • A diferença de valor não é grande. Entretanto, não foram incluídos produtos em promoção em Portugal, quando os preços são muito mais vantajosos;
  • Foi estabelecido a mesma quantidade/peso nos produtos de ambos os países;
  • Não se trata de valores fixos desses produtos no Brasil e Portugal, apenas referência;
  • Não foi utilizado apenas 1 mercado como exemplo, mas diversos em ambos os países.

Uma dica muito interessante, é consultar o site Precious Mundi, que informa o preço de diferentes itens por categoria. Dessa forma, é possível ter uma noção ampla do preço do mercado em Portugal (e de qualquer outro país), desde restaurante, vestuário, lazer, transporte etc.

Se preferir, pode inclusive escolher a opção “comparação” e dessa forma conferir os preços de uma mesma seção (alimentação, por exemplo) entre 2 países diferentes.

Alimentação em Portugal

É possível comer muito bem em Portugal, principalmente se você gosta de peixe e frutos do mar. O bacalhau tem um preço super acessível (em média 6€ o quilo) e os portugueses têm uma alimentação bem saudável, sempre com um peixe ou outro tipo de carne, legumes, saladas e sopas.

É um ótimo lugar para se inspirar e começar a comer mais saudável, sem misturar muitos carboidratos na mesma refeição (coisa que nós brasileiros adoramos). Além disso, o azeite de oliva e as azeitonas fazem parte de quase todas as refeições em Portugal, principalmente em restaurantes.

Supermercado em Portugal

Como o preço é bem acessível, é possível cozinhar todos os dias com azeite de oliva e abandonar o óleo vegetal para preparação dos alimentos. Saiba quais são as comidas mais típicas de Portugal.

Custo de vida em Portugal: afinal, quanto preciso ganhar?

Considerando que a alimentação é um item básico de primeira necessidade, é bom ter ciência de quanto aproximadamente é necessário para pagar todas as contas sem passar apertos. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Rendimento Adequado em Portugal (RAP), apontou que para se “viver razoável” em Portugal, seria necessário para 1 pessoa a quantia de 783€. E, se for um casal com uma criança pequena, precisaria em torno de 1.800 euros.

Baseado nessa informação, as perspectivas não são muito boas, considerando que o salário mínimo em Portugal é 600€ em 2019. Contudo, a média salarial, segundo o site PORDATA, é de 943€, (valor bruto), sendo que esta média é mais aplicável entre aqueles que possuem diploma de universidade/mestrado.

Na ausência de uma qualificação em alguma área específica (ensino superior) a média salarial será em torno de 600€. É claro que o custo de vida varia de uma cidade para outra, viver em uma cidade pequena como Évora ou Barcelos será mais barato do que em Lisboa, Porto e outras.

Saiba o preço de todas as despesas mensais para morar em Portugal no nosso guia de custo de vida em Portugal.

Como economizar nas compras em Portugal

Marcas brancas

Os produtos de “marca branca” são produtos da marca do próprio mercado, algo muito comum em toda Europa. No Brasil temos também em alguns mercados, mas de maneira geral, sempre optamos por marcas conhecidas, já que as marcas brancas costumam ter baixa qualidade.

Na Europa você pode comprar sem receio quase tudo das marcas brancas. A qualidade dos produtos podem facilmente ser comparadas com as marcas famosas. O melhor de tudo é que as marcas brancas são entre 30 e 40% mais baratas que as tradicionais.

Use sites e aplicativos para conferir os panfletos das lojas e supermercados

O blog Poupadinhos e com vales foi criado com o objetivo ensinar a poupar em todos os segmentos de compras. As dicas são nas mais diversas áreas, utilizando vale compras, cupons, promoções, divulgando semanalmente os produtos que estão com preços em conta e suas respectivas lojas.

Além do Poupadinhos e com vales, outro site que também é bastante útil é O Caça Promoções. A plataforma divulga promoções de supermercados e também dá dicas de poupança, tecnologia, lazer, etc.

Na página principal são divulgados principalmente a prévia dos folhetos de diferentes mercados e suas promoções da semana. Dessa forma, o consumidor sabe com antecedência quais produtos estarão em promoção e os preços do mercado em Portugal.

Sites comparadores de preços também são uma boa alternativa na hora de pesquisar pelo produto mais barato. Confira alguns abaixo:

  • Kuanto Kusta: tem de tudo um pouco, mas há mais categorias no ramo de eletro;
  • Kuanto Kusta Supermercado: crie um registro no site, coloque sua localização e então basta comparar os preços dos produtos nos mercados de sua região;
  • Shopmania: uma variedade de artigos para comparar preços.

Cartões de desconto dos mercados

Outra maneira de economizar nas compras é fazer os cartões de fidelidade dos mercados, que não tem nenhum custo e tem algumas vantagens (cada mercado funciona de uma maneira).

Alguns dão descontos em produtos selecionados naquele dia, outros juntam uma porcentagem de tudo que você gasta em créditos para gastar nas próximas compras, por exemplo: “Receba 5€ em cartão nas compras acima de 20€”, se você fizer uma compra de 20€, acumula no seu cartão 5€ para a próxima compra.

Veja as prateleiras mais baixas

Os supermercados de modo geral, colocam as marcas mais caras nas prateleiras que ficam mais visíveis, logo, não deixe de ver aquelas que ficam bem abaixo, geralmente as opções mais baratas estão ali.

Pingo Doce Outlet

Ainda falando sobre a rede Pingo Doce, você sabia que ele possui uma unidade outlet? Todos os produtos a venda tem pelo menos 75% de desconto, para se ter uma noção, os preços das mercadorias começa a partir de 0,20€.

Situado no Barreiro, é o único outlet do país e os itens são os mais diversos, desde vinhos, brinquedos, louça, detergente, copos, travessas, talheres, etc. Antes que o leitor imagine que os artigos são baratos por que estão fora da validade, com defeito ou talvez com a embalagem danificada, cabe ressaltar que são produtos que foram descontinuados, que saíram de “moda” ou mesmo que não foram vendidos pelo valor normal.

Good After – barato e antes do prazo de validade

O Good After é um supermercado português online que vende produtos perto do fim da validade, com até 70% de desconto. O objetivo da empresa é combater o desperdício alimentar investindo em sustentabilidade.

É uma alternativa onde todos saem ganhando e nada vai para o lixo, sem contar que os prazos de validade não são curtos. Alguns produtos são vendidos com 3 meses de validade a vencer, outros menos, depende da mercadoria. De todo modo, o site informa a respeito disso de forma clara e detalhada.

Produtos mais caros em Portugal

Em Portugal também existem diversos produtos que são mais caros que no Brasil. Por exemplo, o mamão (principalmente o papaia), a goiaba, o abacate e a cachaça (uma garrafa de 51 custa em média 9€).

Além disso, a pasta de dente e o fio dental são produtos geralmente mais caros em Portugal, principalmente de marcas mundialmente conhecidas.

Comidas brasileiras em Portugal

Sim, é possível encontrar muitos produtos e alimentos que vem do Brasil ou que consumimos no nosso país. Por exemplo: tapioca, polvilho doce, polvilho azedo, pão de queijo, erva para chimarrão, suco de caju e diversos outros sucos congelados, Guaraná Antarctica, água de côco, leite condensado, entre outros.

Porém, muitas coisas não são iguais ou não lembram as marcas que estávamos acostumados. Mesmo assim, já dá para matar a saudade.

Se está pensando em morar ou visitar Portugal, veja como é a cultura portuguesa.

O que não se encontra em Portugal

Alguns produtos que temos no Brasil não são fáceis de encontrar em Portugal e ficamos mesmo no desejo e na vontade, como requeijão, queijo tipo catupiry, linguiça calabresa, carne de sol, jabuticaba, caldo de cana, pastel de feira (até se encontra, mas é muito diferente).

Se morar em Portugal está nos seus planos, recomendamos a leitura do nosso ebook Como Morar em Portugal. No livro, você confere dicas essenciais e conteúdo exclusivo para tirar suas dúvidas e planejar sua mudança com tranquilidade. Vale a pena!

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autores

Jornalista, vive no Brasil e ama Portugal, tem passagens pela África, Europa e América do Norte/Sul. Além da paixão por viagens, também adora animais e apoia projetos de conservação de vida selvagem na África do Sul e Brasil.

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.