Presidente de Portugal aprova diploma que simplifica acesso ao visto

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou o diploma que facilita a obtenção de visto de residência para imigrantes sem autorização. Para isso, os estrangeiros indocumentados precisam ter descontado, pelo menos, 12 meses para a Segurança Social.

Dessa forma, com o diploma passa a se presumir que os estrangeiros sem documentos entraram de forma legal em Portugal se tiverem, pelo menos, 12 meses de descontos. Com esta alteração, é retirada da lei de 2007 a exigência de que os imigrantes só poderiam ter o visto caso tivessem entrado no país de forma legal.

Emprego na Europa: veja quais são requisitos, os vistos por país, os contratos e suas diferenças.

Entrada, permanência, saída e afastamento de estrangeiros do território nacional português

A lei muda o regime da entrada, de permanência, de saída e de afastamento de estrangeiros do território nacional. Ela foi aprovada no parlamento no dia 22 de fevereiro, com os votos favoráveis do PS, PCP, BE e PAN, e contra do PSD e do CDS-PP.

Confira, ainda, tudo o que você precisa saber para tirar o seu visto para Portugal, caso queira morar no país e não possua cidadania europeia.

Precisa enviar dinheiro para o exterior?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Como o diploma foi aprovado

O diploma é resultado de projetos entregues em 2018 pelo PCP, BE e pelo partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN), com alterações propostas pelo OS.

Os imigrantes sem documentos vão ter o acesso ao visto de residência simplificado, desde que já tenham descontado pelo menos um ano para a Segurança Social, sem passar pelo pedido de visto temporário até a resolução do seu processo, com base no texto aprovado.

A informação foi dada pela página oficial da Presidência da República.

Saiba mais informações sobre o salário mínimo em Portugal e leia também a notícia que escrevemos que tem a ver com o tema de legalização no país luso: Portugal aprova legalização de imigrantes trabalhadores sem documentos.

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Artigos relacionados

Sites de emprego em Portugal: veja a lista com os melhores

Descubra os melhores sites de emprego em Portugal e algumas alternativas para encontrar a sua vaga, seja através de sites, agências ou pelas redes sociais.

Como trabalhar em Portugal: visto, salários e oportunidades

Todos os passos para trabalhar em Portugal: veja como obter o visto de trabalho, média salarial, os melhores sites de emprego e mais.

Visto para Portugal: tipos, custos e como solicitar o seu

Vai se mudar para Portugal?Sozinho ou com a família? Confira o visto necessário, custos e procedimentos passo a passo para viajar tranquilo.

Como morar em Portugal em 2020 (Guia Atualizado!)

Dicas que ninguém te conta sobre como morar em Portugal na primeira pessoa: passo a passo, como conseguir um visto, qual é o custo de vida e mais.

Custo de vida em Portugal 2020: quanto custa viver no país

Conheça o custo de vida em Portugal, quanto custa alugar apartamento, fazer compras do mês, gasto com saúde, transporte e salário para viver no país.

Estudar em Portugal de graça: bolsas de estudo e intercâmbio

Estudar em Portugal de graça pode ser mais comum do que você imagina, basta ser aprovado em programas de bolsas e intercâmbios. Veja como se inscrever!

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube