Europa

Emprego na Europa: requisitos, vistos, contratos e diferenças

Conquistar uma vaga de emprego na Europa é o sonho de muitos brasileiros. A boa notícia é que esse não é um sonho impossível, desde que bem planejado e com a compreensão de como funciona o mercado de trabalho europeu. Se construir uma carreira internacional é o seu objetivo, acompanhe o artigo a seguir. Nele, você terá um passo a passo de como conseguir um emprego na Europa e se vale realmente a pena trabalhar por lá.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Como conseguir seu emprego na Europa

Quem trabalha no exterior ganha uma experiência internacional e cresce pessoal e profissionalmente. E conseguir um emprego na Europa é o sonho de muitos brasileiros. O mercado de trabalho Europeu é bem receptivo a estrangeiros. Inclusive, vários países como Alemanha, Portugal, Espanha e Irlanda, por exemplo, têm investido em programas e benefícios para atrair mão-de-obra qualificada de outros países para suprir a carência de vários setores de mercado.

Por esse motivo, conseguir um emprego na Europa não é tão difícil quanto se imagina. Basta saber por onde começar a busca pela vaga compatível com o seu perfil profissional. Veja mais a seguir.

Decida o país para onde quer ir

O primeiro passo para conquistar uma vaga de trabalho no Velho Continente é definir o país de destino. Embora essa decisão não seja tão fácil, ela é primordial para conquistar uma vaga de emprego na Europa. Isso porque, dessa forma, é possível analisar como funciona o mercado de trabalho no país, as profissões que estão em alta no momento e até mesmo compreender como funcionam as leis trabalhistas por lá.

Como encontrar emprego na Europa

Além disso, cabe ressaltar que cada país europeu possui seus próprios requisitos quanto a entrada de imigrantes. De vistos para trabalhar até mesmo validação de diploma podem ser bem diferentes entre uma nação e outra.

Prepare o seu currículo

Depois de ter definido o país de destino, é hora de preparar o seu currículo para realizar as candidaturas às vagas de emprego na Europa. Aqui cabe salientar que o modelo de currículo adotado no continente é o Europass, um documento padronizado que aborda, de maneira clara e eficaz, as competências e habilidades do profissional.

O currículo Europass consiste no preenchimento de alguns elementos essenciais: competências e qualificações, habilidades linguísticas e experiências profissionais adquiridas em outro país europeu. Além disso, há também educação e formação, no quais devem ser descritos os conhecimentos obtidos com cursos de formação profissional e superior.

Diferentemente do modelo de currículo brasileiro, o Europass deve ser preenchido com uma síntese das suas qualificações acadêmicas e experiências profissionais. Ou seja, você deve descrever seus conhecimentos adquiridos e atividades exercidas em outras empresas de maneira clara e direta. Para elaborar o seu currículo nesse modelo, acesse o site oficial do Europass.

Pesquise vagas de emprego no país

Você pode iniciar as suas buscas ainda morando no Brasil. Nesse caso, você pode enviar o seu currículo diretamente para o site das empresas ou então, acessar os sites de emprego que disponibilizam oportunidades em toda a Europa. Veja a seguir os melhores:

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »
  • Eurojobs: um dos sites mais utilizados por quem busca emprego na Europa. Com layout intuitivo e milhares de anúncios de vagas para diferentes setores de mercado, o site também possui um blog com dicas úteis para os candidatos;
  • EURES: o site faz parte da Comissão Europeia e disponibiliza vagas em todo o continente. Além disso, também oferece dicas sobre tendências do mercado europeu entre outros serviços;
  • Glassdoor: esse site disponibiliza vagas de emprego em toda a Europa. O Glassdor também fornece dicas de como o candidato deve se preparar para uma entrevista de emprego;
  • Reed.co.uk: uma das maiores agências virtuais de empregos do Reino Unido. Entre as áreas com mais demanda, estão as de engenharia, saúde e tecnologia;
  • Monster: além de vagas de empregos para países europeus, esse site também disponibiliza oportunidades para países da América do Norte.

É claro que além dos sites listados acima, você deve manter o seu perfil profissional atualizado no LinkedIn. Além disso, participar de grupos do Facebook também é uma excelente alternativa de se manter atualizado quanto ao mercado de trabalho na Europa.

Carta de apresentação

Muitas companhias no exterior solicitam que seja enviada uma carta de apresentação ou carta de motivação juntamente com seu currículo para sua candidatura. Nela, você vai falar um pouco sobre você, suas características e suas intenções em relação ao trabalho. A carta deve ser bem direta. Muitos recrutadores a utilizam como parte do processo seletivo.

Idiomas

Saber falar inglês e a língua do país onde você pretende morar são requisitos primordiais para você conseguir um emprego na Europa. Mesmo que você pretenda morar em Portugal, é necessário, pelo menos, saber inglês. Em Portugal, os estudantes aprendem, no mínimo, duas línguas além do português.

Diferenciais para conseguir emprego na Europa

Encontrar um emprego na Europa ou, até mesmo, conseguir emprego no exterior ainda no Brasil não são tarefas simples. Além de elaborar um currículo no modelo Europass, outros diferenciais também possibilitam a conquista de um emprego na Europa. Veja mais a seguir:

  • Fluência no idioma do país de destino;
  • Disponibilidade de horário;
  • Formação profissional ou superior na área pretendida;
  • Habilidades tecnologias (uso de computadores, tablets, smartphones);
  • Experiência profissional anterior no cargo desejado ou em cargos similares.

Como são as entrevistas de emprego na Europa

Assim como nos demais países ao redor do mundo, as entrevistas de emprego na Europa consistem em um diálogo entre o empregador e o candidato. No entanto, elas são mais diretas, geralmente focadas em competências e técnicas.

Tipos de trabalho na Europa

As entrevistas por competência avaliam os conhecimentos, habilidades e características pessoais do candidato para ocupar o cargo. Por outro lado, as entrevistas com foco nas técnicas requerem que o profissional demonstre conhecimentos técnicos sobre determinado assunto.

Precisa ter emprego na Europa antes de se mudar para o continente?

Embora embarcar para o continente europeu com uma promessa de trabalho facilite muito a vida do estrangeiro, é possível também procurar emprego diretamente no país em que se deseja viver.

Com a criação do ETIAS (Sistema Europeu de Informações e Autorização de Viagem), brasileiros terão até 90 dias para permanecerem nos países pertencentes ao Espaço Schengen de forma legal. E isso facilita a realização de cursos e a busca por vagas de emprego.

É fácil conseguir emprego na Europa?

Para conseguir um emprego na Europa, é preciso qualificação e persistência. Porém, uma boa preparação para a entrevista de emprego pode ser um grande diferencial para conquistar uma carreira internacional. Confira a seguir as nossas dicas:

  • Pesquise sobre a empresa: ao se candidatar a um cargo, procure saber a respeito da empresa contratante, como por exemplo, sua missão, visão e valores. Além disso, procure compreender quais são os produtos ou serviços que a empresa oferece, além de pesquisar sobre a satisfação de clientes e funcionários;
  • Conheça as exigências do cargo para o qual se candidatou: busque compreender exatamente aquilo o que o empregador procura;
  • Treine o uso do Skype ou de outra ferramenta de comunicação pela internet: provavelmente as primeiras etapas da entrevista serão realizadas online. Portanto, adquirir habilidades com a ferramenta é muito útil;
  • Treine o seu inglês ou o idioma requerido: nesse caso, você deve demonstrar confiança ao responder às perguntas em outro idioma. Para que isso seja possível, treine com os amigos e familiares;
  • Prepare-se para as perguntas mais comuns: ao se preparar para perguntas como “por que deixou tal empresa?”, “cite suas principais qualidades e defeitos” ou “por que você quer esse trabalho?”, você tem a chance de tornar a conversa mais fluída e cair nas graças do empregador.

Como se consegue o visto de trabalho para trabalhar na Europa?

Com a carta convite da empresa contratante em mãos, procure o Consulado ou Embaixada do país de destino para solicitar o visto para trabalhar na Europa. Embora cada país possua sua própria lista de documentos necessários, geralmente eles são os seguintes:

  • Passaporte válido;
  • Documento de identificação (RG e CPF);
  • Formulário de solicitação de visto devidamente preenchido;
  • Comprovante de pagamento das taxas;
  • Carta convite da empresa ou contrato de trabalho;
  • Comprovativos de meios de subsistência;
  • Seguro de saúde;
  • Comprovante de estadia;
  • Atestado de antecedentes criminais.

Vale a pena ir para a Europa antes de ter emprego?

A melhor opção é ir para a Europa com emprego garantido. Assim, você não corre risco de se tornar um imigrante ilegal por não ter conseguido uma vaga de trabalho. E tão pouco de ficar sem recursos para se manter longe de casa. E agora que você já sabe como conquistar um emprego na Europa, já pode começar a sua busca pelo emprego dos seus sonhos. Não se esqueça de validar os seus diplomas e de garantir um bom seguro-viagem internacional.

Quer economizar na contratação do seu seguro viagem? Então utilize o nosso comparador de seguros. Essa plataforma foi desenvolvida pela Equipe Euro Dicas para apresentar os planos mais adequados ao seu destino e ao seu bolso.

Basta informar a sua data de ida e de volta, destino, nome e contatos e iremos ajudar você a selecionar o melhor seguro para sua viagem. Se preferir, pode também fazer a cotação no Portal Seguros Promo, site comparador que nós confiamos e recomendamos aos nossos leitores.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE

Andrea Côrtes

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.

Carolina Carvalho

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Artigos Relacionados

Fechar