Como trabalhar em Portugal: visto, salários e oportunidades

Portugal  / 

Portugal tem sido um dos países mais escolhidos pelos brasileiros que estão imigrando, por isso, se você está pensando em trabalhar em Portugal, leia esse artigo com tudo o que você precisa saber para estabelecer uma carreira do lado de cá do oceano.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Trabalhar em Portugal: salário

Salário mínimo em Portugal

O salário mínimo em Portugal é de 600€ em 2019 (valor bruto, sem tirar os descontos). Se você estiver curioso sobre os descontos, pode fazer uma simulação de vencimento líquido para saber quanto vai ganhar no fim do mês na calculadora que vamos mostrar mais abaixo.

Esse salário normalmente é pago, por exemplo, para quem trabalhar em Portugal em cargos sem exigências acadêmicas ou técnicas, como, por exemplo, atendente em bares e cafés, segurança, call center, pedreiro, etc.

Remuneração média em Portugal

Sabemos que o salário mínimo é aquele estipulado por lei, e que as empresas podem optar por pagar mais aos seus funcionários (mas muitas vezes pagam menos).

De acordo com o INE (Instituto Nacional de Estatística), a remuneração média em Portugal é de aproximadamente 887€ no segundo semestre de 2018.

Profissões mais bem pagas em Portugal

Sem falarmos daquelas profissões em que as pessoas já ocupam o topo das carreiras, como gerentes e chefes executivos, para trabalhar em Portugal e ganhar bem, o ideal é que você trabalhe em uma das profissões mais bem pagas em Portugal:

Nessas áreas é possível receber salários acima dos 1.000€ (aproximadamente). Há também vários profissionais em falta no país e que também ganham acima da média.

Calculadora de salários para Portugal

Existe uma ferramenta muito útil, que mostra a média salarial de cada profissão em Portugal. É interessante dar uma olhada nessa calculadora de salários antes de vir trabalhar em Portugal, para ter uma noção do salário da sua profissão.

Porém, muitas vezes os valores médios são um pouco exagerados, por isso confie nos valores mínimos, para ser mais seguro.

Trabalhar em Portugal com contrato ou com recibos verdes

Ao trabalhar em Portugal, temos a possibilidade de conseguir um emprego com contrato ou então trabalhar a recibos verdes, como autônomos ou trabalhador independente.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Quais as principais diferenças entre contrato e recibos verdes?

Com o contrato de trabalho, você é trabalhador por conta de outrem, e com os recibos verdes, você é trabalhador por conta própria.

Contrato Recibos verdes
Direito a subsídio de férias Trabalha em casa
Direito a subsídio de Natal Trabalha no horário que quiser
Recebe vale-alimentação Pode trabalhar para mais de 1 empresa
Tem salário fixo Não tem salário fixo
Tem vínculo empregatício É um trabalhador independente
Tem direito ao subsídio desemprego Tem direito ao subsídio desemprego em raros casos
Tem horário e local de trabalho Não tem subsídios

Atenção aos falsos recibos verdes

Essas diferenças que citamos sobre trabalhar em Portugal com contrato ou com recibos verdes muitas vezes são ignoradas por alguns empregadores. Muitas empresas contratam trabalhadores a recibos verdes mas os fazem cumprir as obrigações de trabalhadores a contrato, mesmo sem receber as regalias que um contrato assegura. Exemplos de falsos recibos verdes são funcionários que trabalham seguindo um ou mais dos regimes citados abaixo:

  • Precisam cumprir horários e dias determinados;
  • Trabalham obrigatoriamente dentro do espaço da empresa;
  • São pagos com um valor exato por mês, independente do volume de trabalho;
  • Utiliza equipamentos e instrumentos de trabalho da empresa;
  • Desempenha cargos de chefia ou gerência.

Nós fizemos um artigo sobre recibos verdes, explicando direitinho como funciona, vantagens e desvantagens e como emitir.

trabalhar em portugal buscar emprego

Como procurar emprego para trabalhar em Portugal

Se você quer trabalhar em Portugal, o ideal é começar logo a procurar emprego, assim você já começa a ter uma noção das vagas de trabalho, em que região tem mais oportunidades na sua área e pode começar a se programar.

Quer saber como morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar a planejar e concretizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

Melhores sites de emprego em Portugal

A melhor maneira de encontrar vagas de emprego, é fazendo uma busca nos sites de emprego em Portugal:

Mais dicas para encontrar emprego em Portugal

Grupos no Facebook

Muitas pessoas que querem trabalhar em Portugal procuram oportunidades de emprego no Facebook. Essa é uma boa ideia, pois existem grupos específicos com vagas de emprego para algumas cidades, como Porto e Lisboa.

Atualização do CV

É importante colocar as informações necessárias com clareza, sem mentir nas suas aptidões e experiências. Além disso, muitas empresas pedem também uma carta de motivação.

Veja o nosso artigo sobre como fazer e enviar currículo para Portugal.

Linkedin

O Linkedin também é uma ótima plataforma para encontrar oportunidades para trabalhar em Portugal. Muitas empresas colocam suas vagas e procuram colaboradores através do site. Por isso mantenha o seu perfil atualizado e procure as vagas nas áreas que mais te interessam.

Quanto tempo demora para arrumar um emprego e trabalhar em Portugal

Depende da área e da vaga de trabalho. Muitos processos seletivos demoram bastante, principalmente aqueles das grandes empresas, pois têm várias fases, podendo chegar a vários meses de espera.

Porém, existem outras vagas que em uma semana já sabemos o resultado, ou mesmo na própria semana em que fizemos a entrevista. O que pode demorar mais, na minha opinião, é encontrar uma vaga condizente com o nosso currículo ou com a nossa expectativa.

Por isso é muito importante já se mudar para Portugal com emprego garantido ou então com uma reserva financeira suficiente para suportar os primeiros meses sem trabalhar ou mesmo trabalhando em outras áreas até se integrar no mercado de trabalho. Os processos seletivos em Portugal podem demorar até 6 meses.

Existe emprego para brasileiros em Portugal? Em quais áreas?

Existe sim emprego para brasileiros em Portugal, porém o mercado é competitivo e temos que ter competências e experiência para poder concorrer às vagas com todas as outras pessoas (de todas as nacionalidades).

Os empregos existem em todas as áreas, porém existem algumas em que é necessário fazer a validação do diploma para exercer a profissão, como áreas da saúde, por exemplo.

Saiba como pedir equivalência do diploma médico em Portugal.

O mercado é exigente, e é necessário, por exemplo, no mínimo saber falar inglês e espanhol para trabalhar em um bar ou restaurante. Por isso é necessário estar preparado antes de vir trabalhar em Portugal, para correr atrás das vagas de emprego, fazer várias entrevistas e não desistir até conseguir a sua vaga.

Preferência pelos nacionais

Algumas empresas preferem contratar cidadãos portugueses a estrangeiros, isso acontece em qualquer lugar do mundo. A contratação de um português é mais simples e não precisa lidar com o SEF. Entretanto, a maior parte das empresas leva em consideração o currículo e a experiência do candidato antes da nacionalidade, por isso, ter um currículo competitivo pode te colocar na frente dos candidatos portugueses.

Como são as entrevistas de emprego em Portugal

Normalmente, quando somos chamados para uma entrevista de emprego para trabalhar em Portugal, ela ocorre como no Brasil: você entra em uma sala onde estão umas 3 ou 4 pessoas da empresa, que te fazem várias perguntas sobre você, sua vida, seus estudos e sua experiência.

Em uma segunda fase, as entrevistas de emprego em Portugal podem acontecer em grupo, onde fazemos algumas atividades e somos avaliados. E em uma fase final somos novamente entrevistados individualmente.

Você também pode ver o que já escrevemos sobre fazer entrevista de emprego em inglês.

Entrevistas por Skype

Podem ser feitas também entrevistas por Skype, caso você não esteja em Portugal, ou esteja se candidatando a uma vaga em outra cidade.

Como é o ambiente de trabalho em Portugal em relação ao Brasil

O ambiente de trabalho difere de empresa para empresa em ambos os países, e podemos falar que tanto em Portugal quanto no Brasil existem empresas que tratam os funcionários como se fossem membros da família, onde o ambiente de trabalho é ótimo e as pessoas têm prazer em ir trabalhar.

E existem empresas onde acontece exatamente o contrário, e os funcionários são tratados muito mal, e o ambiente de trabalho é péssimo. Tudo depende da empresa.

Trabalhar com pessoas internacionais

Na minha opinião, o que mais diferencia Portugal do Brasil é que em Portugal, independente do tamanho da empresa e do ramo de atividade, você vai acabar trabalhando com algum colega de outra nacionalidade. E eu acho isso o máximo. Assim aprendemos a trabalhar com a diversidade, e o ambiente de trabalho fica diferente, pois temos que nos adaptar.

trabalhar em portugal nacionalidades

É preciso visto para trabalhar em Portugal?

Se você não tiver cidadania portuguesa ou europeia, é necessário ter um visto de trabalho.

Qual o tipo de visto necessário

Para trabalhar em Portugal, você pode solicitar o visto de trabalho, o visto de empreendedor, o Startup Visa ou o Golden Visa. Todos esses vistos dão direito a trabalhar em Portugal, mas cada um deles tem seus pré-requisitos. É possível também trabalhar com o visto de estudante, mediante a autorização do SEF.

Como pedir o visto para trabalhar em Portugal

Normalmente quem vem trabalhar em Portugal solicita o visto de trabalho, que deve ser pedido Centro de Solicitação de Visto mais próximo (desde abril de 2019, os consulados já não são responsáveis pela emissão do visto para Portugal) quando a pessoa ainda estiver no Brasil, ou no SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras) quando a pessoa já está em Portugal.

Para solicitar o visto é necessário que a pessoa tenha um contrato de trabalho ou uma carta convite de trabalho, não esteja ou nunca tenha estado ilegal na Europa e não possua antecedentes criminais.

Além disso, serão solicitados outros documentos. Nosso conselho é que você prefira sair do Brasil já com um visto de trabalho ou promessa de contrato.

Saiba todos os documentos para morar em Portugal legalmente e não se esqueça do seguro viagem Europa.

É possível trabalhar em Portugal sem visto?

Por via de regra, nenhuma empresa irá te contratar se você não tiver um visto de trabalho. Por isso, partimos do princípio que não é possível trabalhar sem visto em Portugal.

Porém, sabemos que nem tudo funciona como manda a lei. Alguns lugares acabam contratando as pessoas que não têm vistos, mas você acaba trabalhando ilegalmente, e além de estar “fora da lei”, você não tem nenhum benefício, pois não terá contrato de trabalho, nem garantias futuras, além de estar correndo o risco de ser pego pelas autoridades.

Além disso, as empresas que contratam pessoas sem visto costumam explorar os trabalhadores com maior carga de trabalho, pois eles não podem se queixar aos órgãos de defesa, pois estão trabalhando ilegalmente. Há ainda relatos de pessoas que sofreram “calote”e não receberam pelo seu trabalho já que estavam trabalhando ilegalmente, por isso nosso conselho é que você nunca venha para Portugal “com a cara e a coragem” para tentar trabalhar sem visto.

Veja quais são todos os tipos de visto para Portugal e como trabalhar com visto de estudo em Portugal.

Conheça todo o processo burocrático

De forma a facilitar a vida dos brasileiros que buscam Portugal para trabalhar e ter a qualidade de vida europeia, criamos o Ebook Como Morar em Portugal, com mais de 300 páginas de conteúdo prático e passo a passo para você colocar seu plano Portugal em ação.

Vale a pena trabalhar em Portugal?

Na minha opinião, vale a pena trabalhar em Portugal, porque aqui aprendemos muito e temos a oportunidade de crescer, conhecer novas pessoas e culturas dentro da mesma empresa e ver como é o mercado de trabalho tanto no país quanto na Europa.

Em alguns lugares temos que ralar muito, engolir muitos sapos, muitas vezes fazer horas extras e tarefas que não fazem parte do nosso trabalho, mas tudo isso faz parte e nos ajuda a crescer como pessoas e profissionais, nos prepara para um mercado de trabalho mais competitivo e para concorrer a uma vaga mais atraente.

Para que você possa refletir se vale a pena para você morar e trabalhar em Portugal, listei abaixo algumas vantagens e desvantagens, veja abaixo:

Vantagens de trabalhar em Portugal

  • Ter uma experiência internacional no seu currículo;
  • Trabalhar com pessoas do mundo todo;
  • Receber em euros (que atualmente custa de 4 a 5 vezes o valor do real);
  • Garantir seu direito a uma autorização de residência – e com 5 anos de trabalho legalizado pode pedir nacionalidade europeia;
  • Caso você esteja trabalhando com contrato, receberá 14 salários anuais;
  • Abre portas para trabalhar no mercado europeu: é mais fácil conseguir uma vaga em outros países da Europa depois de trabalhar em Portugal do que vindo direto do Brasil.

Desvantagens de trabalhar em Portugal

  • Os salários são mais baixos do que na maior parte dos países europeus (em alguns casos mais baixos até que no Brasil, como é o caso dos médicos);
  • É preciso persistir para conseguir uma vaga na sua área de atuação. Precisará concorrer com os nacionais e ter um currículo mais competitivo que eles para conseguir uma vaga;
  • É preciso entender das leis trabalhistas em Portugal, que são diferentes das brasileiras.
  • Dependendo da área de atuação é preciso validar diploma, se escrever em sindicatos ou ordem da sua profissão, um processo longo e dispendioso;
  • Retirar o NISS (Número de Identificação da Segurança Social) é um processo lento e muitas vezes o trabalhador fica com o contrato em espera para assinar até que a Segurança Social liberte o número, a burocracia em Portugal é algo que irrita bastante.

Se quiser saber mais, confira uma lista com as vantagens e desvantagens de morar em Portugal.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Erick é luso-brasileiro, aos 21 anos mudou para a Europa e dedica parte do seu tempo para ajudar outros brasileiros realizarem o sonho de viver na Europa. Mora atualmente em Portugal, trabalha com tecnologia e é fundador da Euro Dicas.