Com real desvalorizado, é fundamental garantir serviços bancários como saques e pagamentos com o mínimo de tarifas e impostos incidentes. E também com a melhor conversão de moeda possível. Para ajudar nesta missão, comparamos algumas opções disponíveis de cartão de débito no exterior. Confira.

Posso usar cartão de débito no exterior?

Sim, você pode usar o cartão de débito no exterior se ele tiver uma bandeira Visa ou MasterCard.

Assim como no Brasil, você pode usar seu cartão de débito no exterior para pagar contas em restaurantes, lojas, supermercados e similares. Basta verificar se o estabelecimento aceita a sua bandeira.

Outro detalhe importante é em relação aos cartões múltiplos. Prefira utilizar cartões exclusivamente com a função débito, pois algumas vezes, mesmo você falando que a compra é no “débito”, ela pode ser processada como “crédito” por engano.

Caixas eletrônicos (ATM)

Para usar seu cartão de débito em um caixa eletrônico (ATM), o caixa eletrônico deve ser compatível com a rede da sua instituição financeira. Verifique quais redes você pode usar olhando no verso do seu cartão de débito.

O Maestro e o Cirrus, duas das maiores redes de caixas eletrônicos, pertencem à MasterCard, enquanto a Visa é proprietária da rede Plus.
Algo muito interessante é que tanto a Visa como a MasterCard oferecem localizadores de caixas eletrônicos online.

Você pode usar esses localizadores para verificar a disponibilidade de caixas eletrônicos nos países ou cidades que você planeja visitar.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →

Lojas, restaurantes, supermercados

Assim como no Brasil, você pode usar seu cartão de débito no exterior para pagar contas em restaurantes, lojas, supermercados e similares. Basta verificar se o estabelecimento aceita a sua bandeira.

Digo isso porque já passei por alguns casos em que os cartões que não eram aceitos e só fui perceber no momento de pagar a conta. Então, fica a dica.

Como usar o cartão de débito no exterior?

Usar o cartão de débito no exterior é muito fácil, mas antes de viajar é preciso tomar algumas providências. Confira a seguir o que você precisa fazer antes de embarcar para sua viagem.

Informe ao seu banco que você está viajando

Antes de viajar, informe isso ao seu banco. Dê a eles a data de sua partida e seu retorno para que eles não bloqueiem seu cartão de débito por possível fraude, o que pode ser um aborrecimento.

Confirme as taxas de transação internacional que você pagará

Entre em contato com seu banco para saber quais as taxas que serão cobradas pelo uso do seu cartão de débito no exterior, tanto para compras quanto para sacar dinheiro nos caixas eletrônicos. A maioria dos bancos cobra uma taxa pela conversão da moeda.

Verifique seu limite diário de gastos e saques

Verifique com seu banco qual o seu limite diário de pagamentos e saques para confirmar se ele é suficiente. Caso contrário, peça ao seu banco para aumentar esses limites durante a sua viagem. Saiba ainda quais são as melhores opções para levar dinheiro para o exterior.

Levantar dinheiro no caixa eletrônico na Europa
Sacar dinheiro em caixa eletrônico continua a ser uma das formas mais convenientes de obter a moeda local.

Cartão de débito no exterior paga IOF?

Sim. Em razão de um decreto federal do governo brasileiro, qualquer operação eletrônica com seus cartões (de débito, crédito ou mesmo pré-pago), pagarão a taxa IOF, que é o Imposto sobre Operações Financeiras.

Em 2022, a utilização dos cartões de débito, crédito e pré-pagos implica o pagamento de IOF correspondente a 6,38%. Por essa razão, poderá ser uma alternativa a considerar levar a moeda local na sua viagem, já que o imposto será mais baixo ou ter um cartão pré-pago internacional, que vamos falar logo abaixo.

Entretanto, em tempos de câmbio volátil, como atualmente, a chance de você ter sustos com a variação cambial é menor ao usar o cartão de débito, na comparação com o crédito.

Cartão Wise é uma boa alternativa

A Wise, anteriormente TransferWise, oferece uma alternativa aos cartões bancários, o cartão Wise. Trata-se de um cartão multimoedas pré-pago, internacional, sem tarifas ocultas ou preços abusivos, que poderá ser usado em qualquer estabelecimento que aceite Mastercard.

As taxas de câmbio são das melhores que pode encontrar no mercado, sendo que as taxas iniciais tendem a ser mais baixas se utilizar uma conta bancária, normalmente menos de 1% do montante da transferência. E o IOF aplicado nesse cartão é de 1,1%, bem mais baixo.

 Como pedir o cartão Wise?

Desde 8 de dezembro de 2021 que já pode pedir o cartão estando no Brasil. A configuração da conta é super simples, basta usar o seu e-mail ou sincronizar com a sua conta Apple, Google ou Facebook. Configura o passo-a-passo:

  1. Cadastre-se na plataforma;
  2. Na página da sua conta, adicione os seus dados onde diz “Cartão de débito”;
  3. Selecione se se trata de uma conta pessoal ou de uma conta empresarial;
  4. Anexe um documento com foto e um comprovante da sua residência;
  5. É ainda necessário adicionar algum dinheiro à conta. E já está.

Não fique impaciente se o processo de verificação demorar alguns dias, é normal se isso acontecer. Receberá em casa o seu cartão Wise, e poderá começar a utilizá-lo depois de o desbloquear no aplicativo.

A página inicial do site Wise tem uma calculadora de custos que facilita a visualização de taxas e preços, e as FAQs estão muito bem organizadas e são muito úteis. Além disso, os aplicativos móveis iOS e Android da Wise têm sido avaliados de forma bastante positiva pelos utilizadores.

Como carregar o cartão?

Para pagar com o seu cartão, vai precisar de dinheiro na sua conta Wise. Para isso, adicione dinheiro abrindo a aplicação Wise, escolhendo a moeda em que quer adicionar dinheiro e o montante que quer carregar. E está pronto a utilizar o saldo do seu cartão.

Cartão Wise funciona no Brasil?

Sim, pode fazer compras online ou compras em lojas físicas no Brasil.

Cartão Wise é seguro?

Sim, é seguro, pode utilizar sem preocupar que a Wise é uma empresa regulada pelo Banco Central.

Qual é a opção de cartão de débito no exterior mais barata?

O Cartão Wise é uma opção bem mais em conta do que os cartões de débito dos bancos tradicionais. Há também a opção do cartão da N26 e da Revolut, por exemplo, que funcionam de forma semelhante à Wise, mas esses dois bancos ainda não entregam o cartão no Brasil.

Em geral, os bancos não cobram pelo uso do cartão de débito no exterior para pagamentos. Mas há a incidência de IOF de 6,38%. Já para saques, há, além do IOF, uma tarifa que fica, na média, em R$25 a casa transação.

Para exemplificar as tarifas cobradas pelos diferentes cartões de débito, fizemos uma tabela comparando o Cartão Wise com cartão de débito do Banco do Brasil, do Santander e do Bradesco. Confira.

Cartão de débito IOF cobrado sobre cada operação Câmbio utilizado na transação Tarifa cobrada
Cartão Wise 1,1% Câmbio comercial Saques gratuitos em caixa eletrônico de até R$1.400 (ou o equivalente em outra moeda) por mês. Acima deste valor, há cobrança de taxa  de 1,75% por saque e uma taxa fixa de R$6,50

De 0,35% a 2% apenas quando é feita conversão da moeda na conta para pagamento ou saque. Quando não há conversão de moedas, não há tarifa.

Banco do Brasil 6,38%, tanto para saque quanto para pagamento Câmbio turismo para saque e comercial para pagamento R$ 25 por saque. Para pagamento, não há tarifa.
Santander 6,38%, tanto para saque quanto para pagamento Câmbio turismo para saque e comercial para pagamento R$ 25,20 por saque. Para pagamento, não há tarifa.
Bradesco 6,38%, tanto para saque quanto para pagamento Câmbio turismo para saque e comercial para pagamento R$ 25 por saque. Para pagamento, não há tarifa.

Simulação

Em uma simulação de pagamento de uma compra no valor de 100 euros, por exemplo, no exterior, você pagaria apenas os 100 euros mais 1,1% de IOF pela compra usando o Cartão Wise. Já através de um dos bancos citados, pagaria os 100 euros mais 6,38% de IOF.

Quando simulamos o saque, você sacaria 100 euros, sem pagamento de tarifas (se estivesse dentro da gratuidade) via Cartão Wise. Pelos bancos, pagaria os 100 euros, mais 6,38% de IOF, mais R$ 25 no mínimo de tarifa.

Qual a melhor opção?

Como demonstrado acima, o Cartão Wise é a opção mais barata para uso da modalidade débito.

Você não paga pelo cartão, não paga pelas operações de pagamento e o IOF é de 1,1%. No saque, os primeiros R$1.400 (ou o equivalente em outra moeda) são gratuitos.

Vale a pena usar o cartão de débito no exterior?

Claro que sim, o cartão de débito ainda é a melhor opção para fazer pagamentos quando viaja pro exterior. Apesar disso, é importante levar  algum dinheiro em mãos na moeda local, para conseguir pagar transportes, refeições, etc.

Se tiver que trocar dinheiro no exterior, evite os aeroportos e locais turísticos, onde as comissões de câmbio podem ser elevadas.

Sabemos que enviar dinheiro para o exterior é uma preocupação habitual dos brasileiros, por isso, deixamos aqui este vídeo com as melhores maneiras que encontramos, adequadas às suas necessidades:

Se você ainda não conhece bem a plataforma, leia esse artigo completo que escrevemos sobre a Wise e veja se é confiável.