A França é um dos países considerados mais amigáveis para imigrar. Por conta da sua política de vistos e acolhimento aos estrangeiros, muitos brasileiros buscam um recomeço em terras francesas. Mas o custo de vida pode assustar muita gente, por isso, vamos te apresentar as cidades mais baratas da França para morar.

Com uma junção entre qualidade de vida e a parte financeira preservada, o país oferece diversas opções. Cidades mais agitadas e estudantis ou ainda vilas pequenas com paisagens de filme. Conheça as cidades antes de escolher onde viver.

Quais as cidades mais baratas da França para morar?

Existem vários critérios para considerar uma cidade barata para morar na França, um dos que mais pesa é o custo de moradia. Assim, considerando o preço do metro quadrado e, consequentemente, o valor do aluguel, que significa boa parte das despesas em qualquer lugar da Europa, vamos mostrar a relação custo-benefício das cidades mais baratas da França.

1. Saint-Étienne

Com o aluguel na faixa de 400€ por mês por um imóvel de 50m², Saint-Étienne está no topo da lista das cidades mais baratas da França para morar. O preço médio é de 7,8€ por metro quadrado. O plano mensal de transporte é em torno de 47€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

A região tem em média 404 mil habitantes e fica na área de Auvergne Rhône – Alpes, nos famosos Alpes franceses. Com fácil acesso a Lyon, é o lugar perfeito para quem busca tranquilidade de uma cidade de pequeno a médio porte e qualidade de vida na França. O time de futebol da região também é muito conhecido e a cidade é cercada de belas paisagens naturais e ideal para quem gosta de fazer atividades ao ar livre.

2. Mulhouse

Com aluguel na faixa de 9€ o metro quadrado, o preço varia entre 410€ e 500€ por 50m². Mulhouse já foi uma cidade mais barata ainda. Mas, hoje em dia, vive uma alta no preço dos imóveis e, consequentemente, do aluguel. Mas ainda se consagra entre o top 3 das cidades mais baratas da França para morar.

O plano mensal de transporte é em torno de 43€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos). A cidade tem, cerca de 250 mil habitantes e fica na região leste do país chamada Alsace, próxima de Estrasburgo e da fronteira com a Alemanha e a Suíça. Por isso, é uma cidade charmosa e que preserva um centro histórico super importante para manter a tradição arquitetônica da região.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →

Mulhouse entre as cidades francesas mais baratas

Tem como atração o famoso parque do Pequeno Príncipe, um livro francês que a história ficou conhecida no mundo todo. Com uma atmosfera acolhedora, Mulhouse é uma ótima opção para quem quer fugir do agito dos grandes centros urbanos.

3. Brest é uma das melhores cidades da França para morar

Para fechar o pódio, Brest tem um aluguel com média de 410€, para um apartamento de 50m². O metro quadrado fica em torno de 9€. É uma cidade universitária e uma das preferidas pelos estudantes por conta do baixo custo de vida. O plano mensal de transporte fica em torno de 40€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

Ela fica na região da Bretanha. Você tem acesso à praia e, ao mesmo tempo, também pode conhecer a história do país através dos castelos antigos e dos museus localizados na cidade. Apesar de ser uma cidade litorânea, o clima é frio até mesmo no verão, onde dificilmente o termômetro vai marcar mais de 30 graus.

Brest na França

O número de habitantes fica em torno de 140 mil. Ou seja, não é uma cidade grande, mas é bem movimentada por conta da vida estudantil.

Saiba como estudar na França, melhor universidades e custos.

4. Limoges

O preço médio do aluguel em torno de 450€ por mês, com metro quadrado por cerca de 10€. Limoges é conhecida como a capital da arte do fogo. O plano mensal de transporte é em torno de 40€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

Suas porcelanas e arquitetura fazem da região um marco no turismo de arte e história. Porém, com uma população que gira em torno de 134 mil habitantes, a economia da cidade não é muito dinâmica. Por isso, pode ser pouco atrativa para os mais jovens.

Limoges cidade-barata

Contudo, não é surpresa o preço do aluguel ser baixo e continuar em queda com o passar dos anos. Assim, é uma cidade interessante para quem deseja viver a aposentadoria na França ou para quem está em busca de uma cidade pequena e com estilo de vida mais pacato.

5. Le Mans

Localizada à margem do Rio Sarthe, Le Mans tem o metro quadrado em torno de 10,3€. Com custo médio de 450€ a 500€ por mês. O plano mensal de transporte é em torno de 35€ a 40€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

A cidade está localizada na região oeste da França e tem aproximadamente 144 mil habitantes. Conhecida como a cidade vermelha, por sua construção típica na cor, preservada desde o século III. A cidade é sede de uma das corridas automobilísticas mais importantes do mundo.

Le Mans é uma cidade barata na França

É chamada de “24 heures du Mans“, ela acontece no segundo final de semana de junho. O evento chega a receber até 243 mil espectadores. Por conta da universidade da cidade de Mans, a vida estudantil também é consideravelmente reconhecida.

6. Valence

Com uma economia dinâmica e uma cidade com boa qualidade de vida, em Valence o metro quadrado é em média 10,5€. O aluguel gira em torno de 500€ por mês para 50m². O plano mensal de transporte é em torno de 20€ para se locomover diariamente pela cidade (para o público em geral).

A cidade fica ao norte do país e conta com uma natureza linda ao redor e uma vida mais tranquila do que nos grandes centros urbanos. Mas também possui fácil acesso às grandes capitais da Europa, por conta da estação de trem da cidade. Têm atraído cada vez mais moradores que não querem criar suas famílias em meio à poluição e stress de cidades cosmopolitas.

7. Perpignan

Com tudo que a natureza pode oferecer de melhor, Perpignan tem um dos metros quadrados mais baratos para a qualidade de vida que a cidade dispõe. O preço médio do aluguel é de 550€, por volta de 10,7€ o metro quadrado. O plano mensal de transporte é em torno de 33€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

Perpignan na França

Cercado pelo mar de um lado e pelas montanhas do outro, essa é a vida e a vista de um morador da cidade. Ela tem cerca de 122 mil habitantes, e fica no sul da França, bem perto da Espanha. Tem um clima mediterrâneo, com temperatura amena até mesmo durante o inverno, que tem poucos dias de frio intenso.

8. Besançon

Por 11€ o metro quadrado, Besançon é uma das cidades preferidas pelos jovens. Com isso, o gasto mensal de 550€ a 600€ de aluguel é definitivamente um atrativo para quem quer aproveitar a vida de estudante. O plano mensal de transporte custa em torno de 43,50€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

cidade com baixo custo Besançon

O preço da cerveja, por menos de 3€, é sucesso entre os moradores da cidade. Localizada ao leste da França, em 2018 ganhou como a capital francesa da biodiversidade. O prêmio foi concedido por seus projetos de concepção e gestão ecológica dos espaços de natureza. O número de habitantes é aproximadamente 120 mil.

Porém, sua proximidade com a Suíça também chama atenção de quem procura uma carreira profissional fora da França, já que o país oferece oportunidades interessantes e bem remuneradas.

9. Metz

Localizada ao nordeste da França, em Metz você encontra por em média 11,3€ o metro quadrado. Ou seja, o aluguel fica em torno de 550€ a 600€, dependendo da localidade. O plano mensal de transporte é em torno de 41€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

custo baixo de vida em Metz

Com cerca de 117 mil habitantes, a cidade é vizinha de Nancy e tem uma rotina menos agitada. A proximidade com Luxemburgo permite a vida de trabalhadores da fronteira. Ou seja, trabalham em um país e moram em outro. Aqui na Europa isso é bem comum, por conta da proximidade dos países.

10. Clermont-Ferrand

Para fechar nossa lista de cidades mais baratas da França, temos Clermont-Ferrand. O preço médio do metro quadrado é de 11,5€, Ou seja, o aluguel fica em torno de 600€. Clermont-Ferrand está situada na região central da França. O plano mensal de transporte é em torno de 46,30€ para se locomover diariamente pela cidade (pessoas acima de 26 anos).

morar em Clermont-Ferrand

É considerada uma cidade universitária por conta do grande número de estudantes. Também é sede de uma das maiores fabricantes de pneus do mundo, com forte atividade industrial na região. A população gira em torno de 145 mil habitantes, é uma cidade de pequeno a médio porte.

Entenda melhor o custo de vida na França e saiba quais itens mais pesam no orçamento além do aluguel.

Comparativo entre as cidades mais baratas da França

Resumindo, podemos enxergar a relação das cidades e preço de aluguel (em média 50m²) assim:

Cidade Preço médio do m² do aluguel
Saint-Étienne 7,8€ m² – em média 400€
Mulhouse 9€ m² – em média 410€
Brest 9€ m² – em média 410€
Limoges 10€ m² – em média 450€
Le Mans 10,3€ m² – em média 450€ a 500€
Valence 10,5€ m² – em média 500€
Perpignan 10,7€ m² – em média 550€
Besançon 11€ m² – em média 600€
Metz 11,3€ m² – em média 600€
Clermont-Ferrand 11,5€ m² – em média 600€ a 650€

Para você ter uma ideia mais clara, o salário mínimo francês, chamado SMIC (Salaire Minimum de Croissance) que é o valor básico para trabalhadores, é de 1.554,58€ por mês (ano 2020 e 2021). Ou seja, nas 10 cidades mais baratas da França para morar que listamos aqui, é possível ter uma boa qualidade de vida ganhando o mínimo, diferente das grandes capitais ou de cidades onde o aluguel pode corresponder a até 80% da renda.

Quer saber quais são as cidades mais caras da França? Já adiantamos que Paris está no topo da lista.

As cidades mais baratas francesas tem boa qualidade de vida?

Nem sempre só o preço do aluguel ou do custo de vida importa. A maioria das pessoas, principalmente pós-pandemia, estão em busca de qualidade de vida e de tempo. A maioria das cidades listadas acima oferecem uma boa estrutura para construir uma rotina de qualidade. Porém, nem todas oferecem uma grande variedade de oportunidades de trabalho, por exemplo.

Portanto, é muito importante olhar além dos números. Para fazer valer a pena, é preciso balancear o seu objetivo de vida com o que a região pode oferecer. Se for uma cidade pequena, por exemplo, a chance de encontrar um trabalho pode ser muito menor do que em uma cidade de médio porte.

Mas, ao mesmo tempo, ela pode ser mais atrativa pelo seu estilo de vida mais calmo ou em contato com a natureza. É uma decisão muito particular, mas acredito que tenha opções para todas as personalidades e preferencias.

Vale a pena morar nas cidades mais baratas da França?

Atualmente moro em Paris, mas já pude experimentar a rotina e a vida de uma vila pequena na França. A maior diferença, segundo minha perspectiva, são a facilidade de acesso à cultura e ao mercado de trabalho.

A vida em uma cidade grande é muito mais agitada. Você pode ver coisas e pessoas novas todos os dias, se quiser. Por outro lado, o contato com a natureza e a uma rotina menos estressante é algo raro. Isso pode afetar a sua saúde mental e qualidade de vida a longo prazo.

Mas, caso você não tenha limite de orçamento e procura uma cidade francesa perfeita para o seu estilo de vida, as 10 melhores cidades da França para morar já estão listadas no nosso ranking.

Comparação entre Paris x Valence x Perpignan

Se compararmos a vida em Valence com a vida de Paris, por exemplo, o valor do aluguel é o que mais chama atenção. Em Paris, a média é de 30€ m², é praticamente 3 vezes mais do que o valor de Valence. Sem contar o valor do supermercado e das opções de lazer.

Perpignan é a minha cidade preferida para quando quiser sair de Paris. O clima ameno durante o ano e o fácil acesso à praia e à montanha têm a junção perfeita que não existe aqui. Além do principal, que é o custo de vida, o aluguel é em média de 500€ por 50m², o que em Paris seria impossível de achar o mesmo espaço por esse valor.

A diferença no valor do transporte também é significativa. Em Paris, o valor mensal para adultos acima de 26 anos é de 75,20€. Ou seja, a diferença entre as cidades pode chegar a até 50€! A diversidade de opções para eventos culturais, cinema, teatro, shows e a facilidade em criar uma rede de amizade, fazem com que as grandes cidades tenham as suas vantagens.

Aliás, o mercado de trabalho na capital é bem movimentado, o que faz com que as pessoas optem por menos qualidade de vida e mais dinheiro. Afinal, morar em Paris pode ser um sonho, mas é uma das capitais mais caras do mundo.

Como se planejar para morar na Europa?

Agora que você já conhece as cidades mais baratas da França para morar, o nosso ebook pode te ajudar a tirar esse plano do papel. O sonho de morar na Europa não é impossível e você vai entender melhor o processo e quais os passos para conquistar seu objetivo. Ele reúne histórias de brasileiros que já trilharam esse caminho com dicas preciosas para o planejamento.