Como trabalhar na França, empregos, salários e como obter o visto.

Trabalhar na França

França  / 

Quem deseja começar uma vida nova, conseguir um emprego exterior e ter uma carreira internacional muitas vezes opta por países como a França. O país europeu é muito desenvolvido, com um alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e possui um salário mínimo de € 1.480,27 – um dos maiores da Europa.

Trabalhar na França

Sonhar em ter uma experiência internacional na carreira não está longe de se tornar realidade. Com a globalização, muitas empresas instalam filiais nos principais países do mundo e buscam profissionais capacitados para preencher as vagas. Hoje vamos te contar como é possível trabalhar na França.

Visto de Trabalho

Para trabalhar na França é necessário ter a autorização de trabalho. Para cidadãos europeus basta fazer a sua documentação quando chegar no país: o Titre de Séjour (identidade), o número de segurança social (sécurité sociale) e a Carte Vitale.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Para cidadãos não-europeus é necessário conseguir um emprego ainda no seu país de origem e fazer o pedido de visto de trabalho no Consulado da França. A empresa que deseja te contratar deve fazer um convite de trabalho ou enviar um contrato de trabalho.

O contrato de trabalho deve conter o nome da empresa, os seus dados, cargo que irá ocupar, carga horária, salário e benefícios. Após ter o contrato, você deve reunir todos os documentos necessários para o visto e fazer o agendamento no Consulado.

Como procurar emprego para trabalhar na França

Para procurar um emprego na França há diversas maneiras, você pode pesquisar nos sites das empresas multinacionais ou francesas em que deseja trabalhar, pesquisar no Linkedin por país ou cidade desejada, pesquisar em sites de agências de recrutamento internacionais como Adecco, Manpower, entre outras.

Além disso, para quem já mora na França existe a opção de procurar o órgão público de emprego Pôle d’Emploir para se cadastrar e concorrer as vagas.

Já escrevemos um guia de como conseguir emprego no exterior ainda no Brasil.

Áreas com mais emprego

Atualmente as áreas com mais oportunidades de emprego na França são em engenharia, tecnologia da informação, construção, comércio e indústria.

Mesmo com 6 milhões de desempregados na França, o que as empresas mais reclamam são a falta de formação dos candidatos para o trabalho.

Entretanto, após a formação de agências de emprego do governo – cerca de 400 horas de treinamento, cerca de 80% dos trabalhadores conseguem voltar ou iniciar no mercado de trabalho. Por isso, é muito importante ter formação acadêmica, experiência na área e o domínio de outros idiomas.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Salário na França e benefícios

O salário mínimo na França é de € 1.480,27 euros (em 2017), profissionais mais qualificadas ganham mais. Desde 2014, os salários médios na França estão subindo todos os anos.

No setor privado o valor médio foi de € 2.230,00 euros por mês (de acordo com a organização de emprego da França Pole Emploi).

Já a média salarial mensal de setor público e do setor privado juntos é € 1.722,50. Diferentemente do Brasil, os servidores públicos na Europa não possuem altos salários (na maioria dos cargos – não aplicável a políticos).

Saiba também qual é o custo de vida na França.

Carga horária e vales

Já a carga horária de trabalho na França é de em média de 35 horas semanais e as horas-extras são opcionais e pagas. O vale-transporte é obrigatório na França, mas o empregador só paga 50% do valor total do transporte público utilizado pelo funcionário.

Já o vale-alimentação não é obrigatório por lei, mas diversas empresas oferecem tickets de alimentação aos seus colaboradores ou então possuem cantinas e restaurantes internos.

Aposentadoria na França

A idade mínima para se aposentar na França é de 62 anos e o tempo de contribuição necessário é de 43 anos para receber a aposentadoria completa, sem descontos.

Veja também se tem o perfil ideal para morar no exterior.

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.