Tipos de visto para a França: quais são e como conseguir

França  / 

Se o seu sonho é morar na França, nem que seja apenas por um tempo, saiba que existem diversos tipos de visto para a França. A primeira coisa que você deve fazer é decidir o que quer fazer, para depois dar continuidade no pedido do visto.

Tipos de visto para a França: onde tirar

Todos os vistos para brasileiros são concedidos apenas nos consulados do Brasil e com horário agendado previamente através do site. No dia marcado para você entregar a lista de documentos, você também deverá pagar uma taxa de 50€ (paga em reais) e depois que ele estiver pronto receberá um email, informando os dias e horários que poderá buscar seu passaporte com o visto.

O processo leva em média de 10 a 15 dias úteis, mas é bom agendar com antedecência, principalmente nos meses de maior movimento no consulado, que são julho, agosto e setembro.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Agora vamos falar sobre os tipos de visto para a França, lembrando que se você pretende ficar até 90 dias, não precisa de visto, pois você entrará na categoria turista. Se você for ficar mais de 90 dias, então precisará de visto e eles podem ser os que a seguir apresentamos.

Tipos de visto para a França: quais existem

Visto de longa duração para estudantes

Este caso abrange qualquer tipo de estudo, desde um curso de francês ou até uma formação em qualquer universidade francesa, seja graduação, mestrado ou doutorado. Pode ser qualquer tipo de curso com duração maior de 3 meses.

A diferença é que se for um curso feito em uma escola particular, como as de francês por exemplo, o estudante deverá pagar o curso inteiro antes de seu início e apresentar o comprovante no consulado, o que não acontece quando ele é matriculado nas universidades, já que são todas públicas.

Tudo o que precisa saber sobre visto de estudante para a França.

Visto de longa duração para estudantes Au Pair

Na frança, o programa de Au Pair pede a inscrição em curso de francês com carga horária de 10 horas semanais. Não possui exigência nenhuma em relação a comprovação da situação financeira do estudante. Porém, nesta categoria, o estudante deverá apresentar o comprovante de pré-inscrição no curso de francês (com carga horária mínima de 10 horas por semana).

Visto de longa duração para cônjuge de francês

Este é um tipo de visto bastante comum e para consegui-lo você precisa apresentar uma justificativa da nacionalidade francesa do cônjuge, junto com um comprovante de residência e a certidão de casamento.

Visto científico

O visto de longa permanência é emitido para todo doutorando, pós-doutorando, professor ou pesquisador que tenha uma ‘Convention d’Accueil’ emitida por um organismo de pesquisa francês e validada pela Préfecture.

Visto de visitante de longa duração

O visto de longa permanência de turista é emitido geralmente para cônjuges de estudante, cursos livres ou cursos de francês sem fins acadêmicos ou profissionais (além de outras categorias). Esta categoria de visto não permite trabalhar na França.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Visto para estudantes estagiários

Este é um tipo de visto para a França que é emitido para o estudante que efetuará um estágio de formação, com uma convenção de estágio.

Concurso

O visto CONCOURS é emitido para os estudantes cuja inscrição definitiva em uma instituição de ensino superior francês é condicionada à aprovação em um concurso de entrada ou entrevista de admissão.

Visto Férias-Trabalho

Esta é uma categoria nova de visto para a França, que entrou em vigor em março de 2018. Neste caso, jovens entre 18 e 30 anos podem solicitar um visto que possibilite que ele viaje e conheça o país, enquanto trabalhe.

Os brasileiros que querem este visto devem comprovar que têm pelo menos 2,5 mil euros (cerca de 10 mil reais) guardados, além do necessário para a compra de passagens e seguro saúde internacional que cubra toda a duração da viagem.

Visto de trabalho

Este é um tipo de visto para a França que também deverá ser solicitado do Brasil, mesmo que você tenha sido convidado para trabalhar em uma empresa francesa, enquanto estava no país. Para este tipo de visto, você precisará do contrato de trabalho.

Estes são os tipos de visto para a França mais comuns e para todos os casos, o site do consulado disponibiliza os formulários necessários e modelos de declaração.

O governo francês planeja transformar a França em um hub mundial de empreendedorismo e diversas startups já estão sendo abertas no país. Com o objetivo de impulsionar e atrair empreendedores para a França, em breve, um novo tipo de visto poderá ser solicitado. Trata-se do French Tech Visa, um programa para atrair talento estrangeiro, com vistos de quatro anos para quem pretende montar uma startup.

Você se enquadra em algum deste tipo de visto? Se sim, é só começar a juntar os documentos, preencher os formulários, agendar seu rendez-vous no consulado e Bonne Chance!

Saiba como morar na França e tudo sobre emprego na França.

Em destaque na Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE

Gabriela é brasileira, jornalista e vive na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada pelo país desde sempre, foi na França que ela se encontrou e aproveita este espaço para dar dicas e contar histórias e curiosidades sobre este país que vive no imaginário de muita gente. Com um gosto particular por cultura e viagens, ela é nômade digital e nunca mais pretende deixar de ser.