Seguro de Viagem Internacional: o que é, como escolher e contratar o seu

Seguro Viagem  / 

Sabemos que qualquer turista que viaje para outro país não espera usar seguro de viagem internacional. Imagine, por um instante, estar em uma situação de emergência precisando de cuidados médicos em um país de língua diferente. Complicado, não é mesmo?!

Você tem dúvidas sobre como conseguir o Golden Visa?

A Atlantic Bridge já ajudou mais de uma centena de brasileiros a obterem com sucesso Vistos para Portugal.


Entre em contato, sem compromissos, com os especialistas do nosso parceiro.

CONTATAR »

Mas, acredite, a situação pode piorar se você não tiver contratado um seguro de viagem internacional. Infelizmente, é na hora da necessidade que o turista conhece a importância desse serviço e como ele poderia ter evitado tantos problemas. Por isso, sempre ressaltamos que o seguro viagem internacional é necessário para todas as pessoas, mesmo não sendo obrigatório para todos os destinos.

E neste artigo você verá quais são suas principais coberturas, onde ele é obrigatório, entre outras informações importantes para a sua viagem.

O que é o Seguro de Viagem Internacional

O seguro viagem internacional é a proteção que você contrata antes de sua viagem, em qualquer lugar do mundo, que vai garantir atendimento médico em casos de emergência ou urgência, além de outras coberturas, como, por exemplo: extravio de bagagem, despesas odontológicas, invalidez permanente por acidente, morte acidenal, cancelamento de viagem, entre outras, de acordo com a apólice contratada.

E, mesmo que o seguro viagem internacional não seja obrigatório para muitos destinos, é uma proteção extremamente importante e necessária.

Para que serve

O seguro de viagem internacional é como se fosse um plano de saúde para o turista, mas por um determinado período. Ou seja, ele é válido durante o tempo contratado da viagem. E uma das principais funcionalidades deste serviço é atender turistas com diferentes perfis e em diversas situações.

Além de auxiliar o turista em emergências médicas e hospitalares, o serviço garante atendimento em casos de acidentes, doenças, falecimento, entre outros benefícios, e também faz o reembolso em casos de roubo ou extravio de bagagem.

Com essa proteção, o segurado conta com uma central de atendimento, normalmente disponível por telefone (24 horas por dia), e-mail ou chat, para informar o turista e direcioná-lo ao procedimento mais adequado a ser tomado.

Coberturas de um Seguro de Viagem Internacional

Cada turista tem um objetivo quando viaja para o exterior. Por isso, um seguro de viagem internacional que é bom para uma pessoa pode não ser bom para outra, pois os perfis, destinos e/ou orçamentos podem ser divergentes.

seguro de viagem internacional coberturas

Por exemplo: quem vai praticar atividades radicais durante sua viagem não deve contratar o mesmo seguro viagem de pessoas que vão viajar em família ou de pessoas com especificidades, como idosos, pois os cuidados são diferentes. O mesmo se aplica para os casos de estudantes que precisam de uma cobertura para períodos mais longos em países estrangeiros.

Já os turistas de cruzeiros marítimos devem pagar taxas específicas para cobrir qualquer emergência referente ao serviço marítimo de cada região. Então, para todos esses casos são necessários planos específicos de seguro de viagem internacional. E, por isso, você deve escolher, nos planos disponíveis, quais coberturas julga essenciais para a sua viagem e para você se sentir protegido.

Principais coberturas

As principais coberturas de um seguro de viagem internacional incluem:

  • Atendimento médico, hospitalar e odontológico 24 horas;
  • Interrupção ou cancelamento da viagem por emergência médica;
  • Cancelamento de voo;
  • Visitas ao segurado;
  • Acompanhante para hospitalização prolongada;
  • Despesas farmacêuticas;
  • Hospedagem pós alta hospitalar;
  • Passagem de volta;
  • Repatriação médica e funerária;
  • Assistência funeral;
  • Indenização em caso de morte e de invalidez permanente ou total;
  • Localização de bagagem extraviada;
  • Indenização por extravio de bagagem;
  • Despesas jurídicas;
  • Pagamento antecipado de fiança.

Valores

O preço de um seguro de viagem internacional normalmente varia entre R$12 e R$40 por dia de viagem. É possível contratar uma boa proteção por cerca de R$20 por dia de viagem, com cobertura de despesas médicas e hospitalares de 60 mil dólares, que é ideal para todos os destinos do mundo, incluindo países europeus, que exigem cobertura a partir de 30 mil euros, e Estados Unidos, que, mesmo não exigindo seguro viagem, tem os custos médicos de emergências e urgências bastante elevados.

Mas o valor pode ser diferente, dependendo do lugar a ser visitado e das práticas turísticas envolvidas no roteiro do segurado. Os planos para idosos, por exemplo, sofrem alterações nas tarifas pelo risco maior de acidentes e problemas de saúde e costumam ser 50% mais caros do que para o público mais jovem.

As principais variáveis nos valores dos planos de seguro internacional são:

  • Quantidade de pessoas;
  • Duração da viagem;
  • Coberturas;
  • Destinos visitados;
  • Perfil do viajante.

Onde o Seguro de Viagem Internacional é obrigatório

Europa

Quem vai para a Europa precisa saber que o seguro de viagem Europa é obrigatório e regido pelo Tratado de Schengen, que exige que o visitante possua um seguro viagem internacional, com cobertura mínima de 30 mil euros para despesas médicas e hospitalares. Este acordo é a segurança para esses países de que o viajante poderá arcar com todos os custos que envolvem emergências.

Se turista tentar entrar em qualquer país deste tratado sem o seguro e este documento for solicitado na imigração, ele será imediatamente deportado à sua origem. Portanto, sem contratar o seguro de viagem internacional, nenhum turista pode pisar no solo dos seguintes países do velho continente:

  • Alemanha;
  • Áustria;
  • Bélgica;
  • Chipre;
  • Dinamarca;
  • Eslováquia;
  • Eslovênia;
  • Espanha;
  • Estônia;
  • Finlândia;
  • França;
  • Grécia;
  • Holanda;
  • Hungria;
  • Islândia;
  • Itália;
  • Letônia;
  • Lituânia;
  • Liechtenstein;
  • Luxemburgo;
  • Malta;
  • Noruega;
  • Polônia;
  • Portugal;
  • República Tcheca;
  • Suécia;
  • Suíça.

Apesar de o Reino Unido não fazer parte do Espaço Schengen, os turistas que visitam a Irlanda também são obrigados a fazer o seguro de viagem internacional. Porém, não é exigida a cobertura mínima como nos países regidos pelo tratado.

Saiba mais aqui sobre o seguro de viagem para a Irlanda.

Outros países

Na Austrália, a contratação do seguro de viagem internacional também é obrigatória para estudantes de intercâmbio. O governo australiano exige a aquisição do Overseas Student Health Cover (OSHC), que dá acesso aos serviços de saúde pública do país. O OSHC inclui uma cobertura básica para cobrir o pagamento de médicos e as despesas dos hospitais públicos do país. Para turistas não é obrigatório, mas altamente recomendado pois os custos com tratamentos de saúde na Austrália são caros.

Não é obrigatório possuir seguro viagem internacional para a maioria dos países da América Latina, com exceção de Cuba (cobertura mínima de USD 10 mil para assistência médica) e na Venezuela (USD 40 mil, com cobertura para assistência e repatriação médica, além de auxílio funerário). O governo venezuelano exige, ainda, que o turista contrate um seguro adicional, para a cobertura de roubos, furtos ou extravio de bagagem.

Viu como o seguro viagem é barato e essencial para uma viagem tranquila? Faça a cotação do seu no nosso comparador de seguro viagem sem compromissos e veja o preço médio.

Seguro de Viagem Internacional para os Estados Unidos

Os turistas que vão pousar em solo americano não precisam contratar obrigatoriamente um seguro de viagem internacional. A imigração americana permite que os turistas de qualquer lugar do mundo entrem em seu território sem qualquer cobertura médica. Porém, a contratação do serviço é 100% recomendada para quem pretende conhecer ao vivo a terra da Disney.

Os custos com urgências e emergências em hospitais norte-americanos costumam ser bastante altos e uma internação pode custar facilmente USD 50 mil. Portanto, para evitar esse risco em sua viagem ao país, contrate um seguro viagem específico para você.

A proteção custa barato, principalmente se colocar na ponta do lápis os gastos que teria, caso não fizesse o seguro viagem internacional e precisasse de atendimento. Certamente, esses gastos comprometeriam o orçamento das suas férias.

Também pode ser interessante saber como comprar passagem aérea barata.

Regras para utilizar esta proteção

O seguro de viagem internacional deve cobrir despesas médicas, hospitalares e odontológicas em solo estrangeiro. Além disso, deve valer para indenizações em casos de morte ou invalidez permanente do contratante que estiver em viagem no exterior.

Outra regra válida para o seguro de viagem internacional é cobrir as despesas de traslado para regresso sanitário. Neste caso, o seguro cobre o retorno do segurado que não tenha possibilidades de voltar ao seu país como passageiro, até o limite de cobertura contratado na apólice de seguro viagem.

Nunca se sabe quando e se vamos precisar usar nosso seguro viagem. Por isso, ande sempre com sua apólice na bolsa ou mochila durante toda a sua viagem e também com o contato da Central de Atendimento do seu seguro de viagem para contatá-la caso haja qualquer problema.

Seguro de vida para viagem internacional

Nenhum seguro de viagem internacional vale como um seguro de vida para o seu segurado. Porém, a maioria dos planos indeniza os familiares de turistas que venham a falecer ou a sofrer invalidez durante a vigência do contrato.

Normalmente, esta indenização é aplicada em caso de falecimento por causas naturais ou acidentais, desde que seja durante o período de viagem.

Como funciona o Seguro de Viagem Internacional para estudantes

Estudantes estrangeiros precisam contratar seguro viagem internacional até mesmo em países onde este serviço não é obrigatório para permanecer no país. O seguro de viagem para estudantes é fundamental para cobrir e garantir assistência, seja por auxílio médico ou odontológico. Dependendo do país, o seguro viagem pode ser um requisito para retirar o visto de estudante.

A cobertura básica de um seguro de viagem internacional para estudantes inclui:

  • Emergência;
  • Internação em caso de acidentes;
  • Exames;
  • Gastos hospitalares e farmacêuticos;
  • Doenças psiquiátricas;
  • Atendimento odontológico, entre outras.

Entre as melhores seguradoras para seguro viagem estudante está a Assist Card e a Intermac Assistance.

Seguro de Viagem Internacional para gestantes

Antes de uma gestante viajar de avião, é necessário se consultar com seu médico para verificar se está tudo ok e se ele autoriza a viagem. Ao programar a viagem, é necessário contratar um seguro de viagem internacional, estando atenta aos detalhes de cada plano.

Para garantir uma cobertura segura e ideal para o seu perfil, é preciso muita pesquisa sobre cada opção disponível no mercado. Infelizmente, o seguro de viagem internacional oferecido pelas bandeiras de cartões de crédito não é válido para turistas gestantes.

Por outro lado, existem empresas do ramo que oferecem cobertura de acordo com o período da gravidez e a idade da gestante.

Há planos voltados apenas para mulheres entre a 26ª e a 32ª semana de gestação, enquanto outros são personalizados para as gestantes que estão entre o 3º e o 6º mês. Alguns planos limitam a idade da segurada aos 40 anos; outros, não estipulam um limite.

Vale lembrar que alguns contratos oferecidos por operadoras de seguro não cobrem eventuais complicações na gestação, sem que sejam provocadas por um acidente.

Por isso, o mais importante é tirar todas as dúvidas com um profissional da empresa com a qual você fará o contrato de seguro. A April Coris é uma boa seguradora para gestantes. Vale a pena conferir!

Veja também se é preciso visto para Europa.

Seguro de Viagem Internacional para idosos

Não é exagero afirmar que o turista da melhor idade tem motivos de sobra para viajar tranquilamente. Alguns planos mais específicos para turistas deste perfil contam com cobertura para medicamentos, despesas em farmácias e até sessões de fisioterapia.

Porém, o seguro com cobertura especial para turistas da melhor idade costuma ser mais caro que os outros. Um dos motivos principais é o fato de haver um risco maior de acidentes ou eventuais problemas de saúde com o segurado durante a viagem.

Vale lembrar que a maioria das companhias de seguro de viagem internacional exige idade limite para a contratação do serviço. Por isso, é importante ler com atenção a apólice de seguro viagem, para saber a idade máxima do plano.

Como o público idoso requer mais cuidados, uma proteção ideal é a partir de USD 100 mil para despesas médicas e hospitalares, além de coberturas de fisioterapia e auxílio-farmácia.

A Assist Trip, a Intermac Assistance e a Assist Card são algumas das seguradoras que costumam atender bem ao público da terceira idade.

Seguro Viagem Internacional para portadores de doenças preexistentes

Se você possui alguma doença preexistente, como diabetes ou hipertensão, por exemplo, deve contratar um seguro viagem com uma cobertura mais alargada e, de preferência, com despesas médicas e hospitalares por evento. Ou seja, caso aconteçam dois acidentes com você em uma mesma viagem, você terá a cobertura integral da sua apólice de seguro viagem para esses dois eventos.

Boas seguradoras, com planos para essa especificidade, são a Assist Trip, a April Coris e a Affinity.

Seguro Viagem Internacional para praticantes de esportes radicais

Caso você vá praticar esportes radicais em sua viagem, como atletismo, natação, mergulho, mountain bike, Rugby, entre outras atividades, deve contratar um seguro viagem específico, que cubra essa prática, caso você se acidente.

O plano Full Sports Special, da GTA seguro viagem, é um das mais recomendados para este caso.

Onde fazer cotação

É importante ressaltar que seja qual for o seu destino, o comprar seguro viagem internacional é sua principal garantia em caso de imprevistos.

O Euro Dicas já testou diferentes formas para cotar e comprar seguro viagem e por isso recomendamos a cotação e a contratação de seu seguro viagem internacional através do nosso comparador de seguro viagem.

Em parceria com o portal Seguros Promo, oferecemos os planos das principais seguradoras do mercado e garantimos o menor preço aos nossos leitores.

Basta acessar o site, inserir seu nome, telefone, destino e data de ida e de volta da sua viagem para realizar a cotação. Escolha o plano mais adequado ao seu perfil de viajante e destino e conheça o mundo com toda a segurança!

O artigo que fizemos sobre o Seguros Promo explica, passo a passo, como usar a plataforma.

Agora que você já sabe tudo sobre seguro de viagem internacional e sua importância, acesse agora mesmo o nosso comparador de seguros e contrate o seu plano!

COMPARTILHE
Autor

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.