5 cidades mais caras da França: quanto custa morar em cada uma

Morar fora do Brasil está entre os planos de milhares de brasileiros. Mas, caso esteja pesquisando quais são os melhores destinos, é sempre bom ter ciência de que alguns são bem caros. Por isso, separamos aqui algumas das cidades mais caras da França, se for o país que você planeja viver.

Veja a lista com as 10 cidades mais caras da França

A França está no top 20 de países mais caros para se viver em 2020, segundo estudo publicado pela Ceoworld Magazine. Apesar de não constar entre os 10 locais com valores mais altos, o país aparece na posição 14 no ranking.

Por isso, ao conferir algumas das cidades mais caras da França, leve em consideração o alto custo do país como um todo. Mas não se preocupe: é possível organizar e escolher o local para sua nova moradia, de acordo com o seu planejamento, seu orçamento e objetivo.

Dentre as cidades mais caras da França, segundo o site Expatistan, estão, em ordem, as seguintes:

1. Paris;
2. Lyon;
3. Nice;
4. Marselha;
5. Montpellier;
6. Nantes;
7. Grenoble;
8. Lille;
9. Bordeaux;
10. Strasbourg.

Por que escolhemos a Goldenergy em Portugal?

Conheça mais sobre 5 das cidades mais caras da França

Que a capital francesa é uma das cidades mais caras de todo o mundo, não é novidade. Mas se for sua intenção viver lá, ou em algum outro destino da lista, separamos qual a média de custos e como é a viver nas 5 cidades mais caras da França.

Utilizamos também o site Numbeo, especializado em custo de vida nas diversas cidades do mundo, para a pesquisa das tabelas detalhadas de cada destino.

1. Paris

Um dos lugares mais visitados da Europa e do mundo, Paris é a terceira do planeta a receber um grande número de turistas. Com pouco mais de 2 milhões de habitantes, Paris é um dos principais centros de finanças, diplomacia, comércio, moda, ciência e artes da Europa, além de ser a capital da França.

Para os que desejam viver na cidade é sempre importante colocar na balança os prós e contras. Dentre os pontos positivos, está a riqueza cultural, artística e histórica. Dentre os pontos negativos, além do alto custo, está a dificuldade de encontrar moradia, tendo em vista o grande volume de pessoas vivendo na cidade.

Leve em consideração, ainda, que o lazer, apesar de ponto alto, é também caro na cidade. Com um inverno ameno e temperaturas que chegam, em média, a 6 graus, a primavera e o verão também não costumam ser muito quentes. Porém, o desenvolvimento urbano provoca uma alta da temperatura, assim com uma baixa no número de dias nublados.

Quer trabalhar na França? Veja uma média dos salários e como encontrar vaga de emprego no país.

Tabela de custos: qual a média de custos em Paris

Despesas Preços
Aluguel de apartamento de 1 quarto no Centro da cidade 1.195€
Preço por Metro Quadrado para Comprar Apartamento no Centro da Cidade 11.472€
Despesas fixas de casa (eletricidade, aquecimento, arrefecimento, água e lixo) 167,21€
Transporte (Passe mensal) 75€
Alimentação (4 refeições por mês em restaurantes econômicos) 60€
Lazer (Refeição médio, para 2 Pessoas, com 3 três Pratos) 50€

Saiba como tirar visto para Paris.

2. Lyon

Localizada na região dos Alpes, Lyon fica entre Paris e Provence e é uma boa alternativa, mesmo estando entre as cidades mais caras da França. A terceira maior cidade do país, com cerca de 600 mil habitantes, tem parte de sua cidade registrada como Patrimônio Mundial pela Unesco.

Economicamente, é um importante centro financeiro francês e está entre as cidades mais habitáveis do mundo. Costuma ter temperaturas médias mais baixas que Paris, chegando a menos de 0 no inverno e de 17 a 20 graus no alto verão, em julho e agosto.

Em Lyon está a segunda maior rede de ensino superior da França. É indicada especialmente para quem busca morar na França em busca de estudos.

Saiba tudo sobre o visto de estudante para a França.

Tabela de custos: qual a média de custos em Lyon

Despesas Preços
Aluguel de apartamento de 1 quarto no Centro da cidade 670€
Preço por Metro Quadrado para Comprar Apartamento no Centro da Cidade 4.871€
Despesas fixas de casa (eletricidade, aquecimento, arrefecimento, água e lixo) 160€
Transporte (Passe mensal) 64€
Alimentação (4 refeições por mês em restaurantes econômicos) 48€
Lazer (Refeição médio, para 2 Pessoas, com 3 três Pratos) 50€

Confira dicas de como alugar apartamento na França.

3. Nice

Uma das cidades mais caras da França, Nice também está em uma das regiões mais bonitas do país: a Côte D’azur, a chamada Riviera Francesa. Zona litorânea, quem quiser morar por lá deve saber que é, também, local procurado por famílias ricas, sobretudo no verão, com luxo, glamour, festa, iates e etc.

E isso, claro, se reflete nos custos de vida. Mas não só: a região também oferece montanhas e esportes na natureza. É considerada a quinta cidade mais populosa da França e capital do departamento dos Alpes Marítimos.

Indicada para quem busca belezas naturais, turismo junto ao mar.

Tabela de custos: qual a média de custos em Nice

Despesas Preços
Aluguel de apartamento de 1 quarto no Centro da cidade 790€
Preço por Metro Quadrado para Comprar Apartamento no Centro da Cidade 6.798€
Despesas fixas de casa (eletricidade, aquecimento, arrefecimento, água e lixo) 124€
Transporte (Passe mensal) 31,21€
Alimentação (4 refeições por mês em restaurantes econômicos) 60€
Lazer (Refeição médio, para 2 Pessoas, com 3 três Pratos) 52,50€

Fizemos um guia para quem quiser viajar para a França.

4. Marselha

E a quarta da lista entre as cidades mais caras da França está a charmosa Marselha, a segunda mais populosa do país. Também a cidade mais antiga francesa, é a capital administrativa da região Provence-Alpes-Côte D’Azur.

Cidades mais caras da França Montpellier

Portuária e cheia de história, tem uma intensa vida urbana e multicultural, com espaços criativos modernos e jovens, é um centro de lazer, além de ter um centro gastronômico reconhecido mundialmente. Indicado para estudantes de todo o mundo que queiram continuar seus estudos de faculdade ou, apenas, para quem deseja aprender francês.

Por ficar próximo ao mar Mediterrâneo, o clima de Marselha é agradável em todo o ano, tendo temperaturas médias de 12 graus no inverno e 24 no verão.

Tabela de custos: qual a média de custos em Marselha

Despesas Preços
Aluguel de apartamento de 1 quarto no Centro da cidade 586€
Preço por Metro Quadrado para Comprar Apartamento no Centro da Cidade 3.125€
Despesas fixas de casa (eletricidade, aquecimento, arrefecimento, água e lixo) 113€
Transporte (Passe mensal) 48,50€
Alimentação (4 refeições por mês em restaurantes econômicos) 54€
Lazer (Refeição médio, para 2 Pessoas, com 3 três Pratos) 50€

5. Montpellier

Considerada cidade universitária, Montpellier, é a sétima em tamanho na França e a que apresenta o maior desenvolvimento no país nos últimos 25 anos. É este, inclusive, um dos principais motivos para que Montpellier esteja entre as cidades mais caras da França.

Localizada na costa sul do país, junto ao mar Mediterrâneo, e por ser um local agradável para o público estudante, Montpellier é cheia de gente jovem e com um dos pontos mais positivos: o clima é agradável o ano inteiro. Junte aí à sua história, contada através de monumentos que marcam o passado medieval, a modernidade dos dias de hoje e a paisagem rodeada de montanhas verdes.

Bastante indicado para quem quiser passar um tempo no país para aprender uma nova língua, ou para quem quiser estudar na antiga Universidade de Montpellier, fundada em 1289 e, ainda hoje, uma das mais conceituadas do mundo.

Tabela de custos: qual a média de custos em Montpellier

Despesas Preços
Aluguel de apartamento de 1 quarto no Centro da cidade 628€
Preço por Metro Quadrado para Comprar Apartamento no Centro da Cidade 3.575€
Despesas fixas de casa (eletricidade, aquecimento, arrefecimento, água e lixo) 110€
Transporte (Passe mensal) 50€
Alimentação (4 refeições por mês em restaurantes econômicos) 48€
Lazer (Refeição médio, para 2 Pessoas, com 3 três Pratos) 51€

Saiba como estudar na França de graça e prepare-se para ir à Montpellier

Por que essas cidades são mais caras da França?

Em primeiro lugar, as cidades europeias, principalmente as mais turísticas, tendem a ser mais caras no quesito moradia, cuidados pessoais, lazer e entretenimento. Veja que entre as 5 cidades mais caras da França, elas também estão entre as maiores do país ao nível de tamanho, população e importância.

Por conta disso, ao compararmos itens como alimentação e supermercado, o valor dos mesmos produtos costumam ter preços mais elevados nas cidades mais caras da França, do que em outros destinos menos conhecidos.

cardapio franca caro

Um dos motivos é, claro, a alta demanda de procura por esses locais. Se for destino turístico, como Paris e Nice, esses custos aumentam ainda mais. Imagine que casas e apartamentos que poderiam ser postos para aluguel para moradores, viram acomodação de temporada, por exemplo.

Junte aí os pontos turísticos, o nível financeiro dos moradores, os impostos cobrados pelo governo francês e a lei da oferta e da procura.

Veja quais são as melhores cidades da França para morar, independente do preço.

Vale a pena morar nas cidades mais caras da França?

Cidades com muitos pontos turísticos, como a capital francesa, costuma ter preços ainda superfaturados próximos a esses locais. Como são muitos, e espalhados pela cidade, se quiser pagar menos na moradia, terá viver em subúrbios ou bairros afastados.

Por isso, quando for responder a pergunta se “vale a pena morar nas cidades mais caras da França”, você precisa, primeiro, analisar o seu orçamento. Se você tem um rendimento para viver confortavelmente em uma dessas cidades, com certeza vale a pena, são cidades incríveis para se viver.

Agora, se você precisa economizar e vai ter de viver nos subúrbios, precisa pensar se vale viver em um local assim afastado. Nesses casos, o gasto de tempo de dinheiro com transporte público pode trazer menos lazer do que escolher um local menor, mais barato, onde o custo traga, também, qualidade de vida.

O seguro viagem é obrigatório para tirar visto para a França

Se seu intuito for tirar um visto para viver em uma das cidades mais caras da França, ou em outro local do país, saiba que o seguro viagem é um dos itens obrigatórios dentre os documentos exigidos. Por isso, sugerimos que você confira os valores no nosso comparador de seguro viagem do Euro Dicas e escolha as melhores opções de seguro para a sua necessidade.

Leitores Euro Dicas podem aproveitar o cupom EURODICAS5 para ganhar ganhe até 10% de desconto. Escolha a opção de pagamento com boleto bancário e já garanta 5%. Insira o cupom ao final da compra e ganhe mais 5% de desconto. Vale tanto para compras no nosso comparador, como diretamente no site do Seguros Promo.

Denise Mustafa é jornalista, fotógrafa e especializada em conteúdo e gerenciamento de marcas. Já passou uma temporada em Portugal, viajou bastante por aí e, agora vivendo no Brasil, escreve para grandes sites brasileiros de viagem, sempre à frente da sua Travessia Conteúdo & Branding, atravessando oceanos e contando suas experiências para outros viajantes.

Artigos relacionados

Salário mínimo na França: o valor em 2020 e custo de vida

Você sabe qual é o salário mínimo na França? Descubra o valor, quando ele aumenta e ainda informações sobre o seguro desemprego no país.

Trabalhar na França: salários, visto e como encontrar vaga

Considerando trabalhar na França? Confira tudo que é preciso saber para conseguir um emprego, o valor dos salários, como procurar e se é preciso visto.

Sites de emprego na França: conheça os melhores

Você quer um emprego na França? Compartilhamos uma lista com os melhores sites de emprego na França e várias dicas para procurar trabalho por lá.

Custo de vida na França: quanto é preciso para viver no país

Veja qual é o custo de vida na França, um dos países mais procurados por estrangeiros para morar. Conheça o custo da alimentação, moradia, saúde e mais.

Morar na França: tudo sobre visto, emprego e custo de vida

Veja qual o visto necessário para morar na França, o mercado de trabalho, as melhores cidades para morar, quanto custa e vantagens e desvantagens.

Profissionais em falta na França: veja quais são e os salários

Sabia que existem profissionais em falta na França? Saiba quais áreas que têm maior carência de profissionais e quais os que setores que mais empregam.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube