Quer estudar em Portugal, mas não sabe em qual categoria se enquadra? Saiba que os concursos especiais em Portugal são boas alternativas para quem deseja ingressar nas universidades portuguesas. Entenda como funciona esse tipo de concurso, quais as categorias existentes, quem pode se inscrever e conheça o calendário das principais universidades portuguesas.

O que são os Concursos Especiais em Portugal?

São concursos específicos para quem deseja estudar em Portugal, seja nas universidades públicas ou privadas, mas não se enquadra nos requisitos do concurso regular. Podem participar dos concursos especiais em Portugal:

  • Estudantes maiores de 23 anos;
  • Titulares de um diploma de especialização tecnológica;
  • Titulares de um diploma de cursos tecnólogos que conferem o grau de ensino superior;
  • Titulares de cursos superiores.

Os candidatos precisam realizar uma prova escrita ou escrita e oral com a finalidade de comprovar aptidão ao curso pretendido. As vagas são disponibilizadas anualmente pelas próprias instituições de ensino através de editais. O site da DGES apresenta as condições de inscrição para cada um dos públicos.

Como se candidatar aos Concursos Especiais?

Para se candidatar aos concursos especiais em Portugal, os interessados precisam ficar de olho nos sites das universidades, pois são elas que determinam as vagas disponíveis e remanescentes para cada curso, assim como estipulam o prazo de candidatura, documentação necessária e critérios de seleção e desempate.

Concursos Especiais para estudantes internacionais

Os concursos especiais para estudantes internacionais são destinados a todos aqueles que não possuem nacionalidade portuguesa. Portanto, aqueles que possuem cidadania portuguesa atribuída ou adquirida não podem concorrer. Além disso, é preciso apresentar:

  • Certificado ou diploma que o qualifique para acessar o ensino superior;
  • Um diploma do ensino secundário português ou o diploma estrangeiro com a devida equivalência reconhecida em Portugal.

Entenda também o que é o ano zero e como funciona para alunos internacionais.

Concursos Especiais para maiores de 23 anos

Para concorrer aos concursos especiais para maiores de 23 anos, os candidatos devem cumprir os seguintes pré-requisitos:

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →
  • Comprovar que sejam maiores de 23 anos;
  • Não podem possuir um título de acesso ao ensino superior, ou seja, não poder ter um diploma superior;
  • Precisam realizar provas especiais destinadas a avaliar a capacidade de frequentar o ensino superior como o concurso nacional português para acessar a universidade pública ou os concursos institucionais para as universidades privadas;
  • Não estar abrangido pelo estatuto do estudante internacional;
  • Contemplar outros pré-requisitos que podem ser exigidos pela instituição de ensino pretendida.

Atenção: não podem participar dos concursos especiais em Portugal aqueles que não chegaram a concluir o ensino secundário ou aqueles que chegaram a concluir o ciclo de estudo, mas por algum motivo não realizaram ou foram aprovados nas provas de ingresso.

estudantes da Universidade de Coimbra

Concursos Especiais para quem tem diploma técnico superior profissional

Os titulares de diploma técnico superior profissional também podem entrar na universidade através dos concursos especiais em Portugal desde que cumpram os seguintes pré-requisitos:

  • Não estar abrangido pelo estatuto de estudante internacional;
  • Realizar os exames nacionais do ensino secundário português correspondentes às provas de ingresso, obtendo uma classificação mínima superior à fixada pela universidade a qual irá candidatar-se.

No caso de se candidatar a uma licenciatura de alguma instituição de ensino politécnico, os candidatos devem cumprir com as condições da própria instituição.

As mesmas regras se aplicam para os concursos especiais para quem tem diploma de especialização tecnológica.

Concursos Especiais para acesso à Medicina por licenciados

As pessoas que possuem um diploma e desejam ingressar no curso de medicina em Portugal, podem participar do concurso especial desde que:

  • Não sejam estudantes internacionais;
  • Se candidatem para acesso ao curso de medicina na universidade pretendida;
  • Sejam titulares de graduação em uma das áreas aprovadas pelo órgão científico da universidade pretendida e pela Comissão Nacional de Acesso ao Ensino Superior (CNAES).

No caso da candidatura ao curso de medicina, as instituições de ensino podem solicitar provas de aptidões físicas, funcionais e vocacionais.

Concursos Especiais para diplomas vias Profissionalizantes

Essa categoria de concurso especial engloba os titulares de cursos artísticos especializados, bem como aqueles que possuem dupla certificação do ensino secundário, ou seja, cursos técnicos que garantem a formação do ensino secundário, enquanto prepara o aluno para uma profissão. O SENAC no Brasil é um exemplo do que se caracteriza como cursos de dupla certificação.

No caso dos participantes desse concurso que desejam ingressar na universidade para uma área de estudo diferente da profissionalizante, faz-se necessário a realização do Exame Nacional de Acesso, assim como qualquer outro estudante do ensino secundário comum.

Qualificam-se para os concursos especiais para diplomas vias profissionalizantes, os estudantes que realizaram os seguintes cursos:

  • Profissionalizantes;
  • Cursos de aprendizagem;
  • Educação e formação para jovens;
  • Cursos artísticos especializados;
  • De formação profissional no âmbito do Programa Formativo de Inserção de Jovens da Região Autónoma dos Açores;
  • Cursos da rede de escolas de Turismo de Portugal, I.P.;
  • Cursos de nível secundário na área da música;
  • Cursos de Estado Membro da União Europeia, que sejam equivalentes ao ensino português e conferem a dupla certificação.

Concursos Especiais para titulares de outros cursos superiores

Todos que possuem um título de bacharel, licenciatura, mestre ou doutor, podem concorrer aos concursos especiais em Portugal. Nessa categoria que abrange todos os outros cursos superiores, é preciso cumprir os seguintes requisitos:

  • Não estar abrangido pelo estatuto de estudante internacional;
  • Cumpra os pré-requisitos exigidos da própria instituição de ensino divulgado no edital de candidatura;
  • Realizar as provas de aptidão física, funcional ou vocacional (caso seja solicitada pela universidade de interesse).

Calendário de Concursos Especiais

Não existe um calendário comum para realizar os concursos especiais em Portugal. As datas de candidatura variam de acordo com cada universidade e são fixadas anualmente de acordo com o número de vagas remanescentes. Recomendo encontrar o curso e a universidade de interesse para acompanhar o calendário oficial da instituição.

Concursos Especiais na Universidade do Porto

A Universidade do Porto além de aceitar o ENEM, também disponibiliza concursos especiais como forma de ingresso. Para o próximo ano letivo, 2021/2022, a universidade abriu um total de 682 vagas exclusivas para estudantes internacionais, com exceção do curso de medicina.

Todas as vagas e informações de candidatura para os respectivos cursos estão disponíveis no site da UPorto. Para os estudantes que possuem nacionalidade portuguesa e podem concorrer pelos outros concursos especiais, também há vagas abertas.

Os prazos de candidatura para os estudantes internacionais em 2021 são:

  • 1ª fase: 2 de janeiro a 1 de março;
  • 2ª fase: 2 de março a 20 de maio;
  • 3ª fase: 19 a 25 de julho.

Concursos Especiais na Universidade de Lisboa

A Universidade de Lisboa também já divulgou o regulamento para os concursos especiais para nacionais portugueses e também para os alunos internacionais. As vagas podem ser visualizadas no site de cada Faculdade.

As candidaturas para 2021 já começaram e seguem o seguinte cronograma:

  • 1ª fase: 1 de janeiro a 19 de fevereiro;
  • 2ª fase: 1 de abril a 31 de maio.

A Universidade disponibiliza o email [email protected] para mais informações.

Concursos Especiais na Universidade do Minho

O regulamento da Universidade do Minho, localizada em Braga e Guimarães, bem como os critérios que serão analisados, condições necessárias que os candidatos devem cumprir, encontram- se disponíveis no site da UMinho. São 429 vagas para estudantes internacionais e várias outras para estudantes nacionais.

As candidaturas para 2021 seguem o cronograma:

  • 1ª fase: 11 de janeiro a 23 de abril (destinado aos titulares de ENEM);
  • 2ª fase: 1 a 23 de abril.

Pensa em estudar no país, mas não sabe como começar a se planejar? O ebook Estudar em Portugal é um guia super completo com todas as informações necessárias para quem deseja estudar no país, desde as informações necessárias para se candidatar até o processo de visto e os primeiros passos após a mudança.