Empregos de verão na Europa: como conseguir uma vaga durante as férias

Trabalhar fora do país é uma experiência única e enriquecedora, tanto no aspecto pessoal quanto no profissional. Por isso, muitos jovens buscam empregos de verão na Europa, que são oportunidades de aproveitar as férias para conhecer um novo país trabalhando.

Por toda a Europa, nos meses de verão, existem diversas vagas temporárias destinadas a quem busca uma vaga por poucos meses. E a boa notícia é que muitas aceitam estrangeiros. Acompanhe o artigo abaixo para saber mais sobre os empregos de verão na Europa. Vamos lá?

Empregos de verão na Europa: transforme as férias em oportunidade

Entre os meses de junho e setembro, durante o verão europeu, há diversas opções de emprego para jovens em férias e eles costumam aceitar trabalhadores estrangeiros. Alguns dos lugares que mais possuem ofertas de empregos de verão são:

  • Hotéis;
  • Hostels;
  • Atrações turísticas;
  • Parques temáticos;
  • Quiosques de praias;
  • Restaurantes;
  • Fazendas;
  • Babás.

Confira aqui algumas vagas de emprego no Porto e encontre o trabalho ideal para você.

Onde procurar vagas?

Para conseguir vagas de empregos de verão na Europa, uma das principais formas é através dos sites de emprego. Eles reúnem vagas temporárias disponíveis por todo continente. Alguns desses sites são:

Precisa enviar dinheiro para o exterior?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Além disso, outra opção são os grupos no Facebook. Na Rede Social, é possível encontrar diversos grupos nos quais são colocadas vagas temporárias para brasileiros na Europa.

Você também pode procurar grupos de empregos do país e cidade que você quer ir. Neles, além de encontrar vagas de emprego, você pode conseguir dicas bacanas de pessoas que já têm experiência em empregos de verão na Europa.

Uma terceira opção, ainda, é a indicação de amigos que já estão na Europa ou já passaram por essa experiência.sites para arrumar empregos de verão na Europa

Conheça os melhores sites de emprego da Espanha neste artigo.

Empregos de verão na Europa: precisa de visto?

Depende do país. A maioria dos países europeus não permite que o turista trabalhe no país e para isso seria necessário conseguir um visto que permita o exercício profissional, que pode ser um visto convencional ou um visto de férias-trabalho.

A verdade é que muitas pessoas vêm para o continente como turistas e conseguem empregos de verão na Europa, mas é arriscado, pois você pode trabalhar e não ver a cor do dinheiro, já que não é registrado como um trabalhador. Confira as leis do país onde você quer trabalhar antes de embarcar e, ao conseguir a vaga para trabalhar, busque orientação com o empregador sobre a legalização.

Nos países do Reino Unido, por exemplo, é preciso solicitar um visto específico para empregos temporários. Portanto, antes de fazer sua viagem, é imprescindível que você decida qual país quer conhecer e consultar o site de seu consulado para saber as regras.

Saiba mais sobre os vistos de trabalho na Inglaterra e veja o ideal para você.

Visto de Férias-Trabalho

Alguns países possuem opções que facilitam o processo para trabalhos de verão. Por exemplo, brasileiros que planejam trabalhar na França podem se beneficiar do visto férias-trabalho, em vigor desde 2018, que permite que jovens entre 18 e 30 anos morem e trabalhem no país por até um ano. Os pedidos do visto poderão ser feitos com antecedência de no máximo dois meses antes da viagem para a França.

No entanto, o programa não permite o prolongamento da estadia na França nem a solicitação de residência no país. Na Alemanha também há o visto de férias-trabalho que funciona de forma semelhante e os brasileiros podem solicitar.

Certamente, essa é uma oportunidade excelente para jovens realizarem um intercâmbio cultural de um ano com a possibilidade de trabalhar legalmente, sem ter que se registrar junto à imigração por um visto tradicional.

Vagas temporárias no inverno

Mas, e as férias de inverno? No verão brasileiro, portanto, inverno europeu, muitos jovens também buscam conseguir vagas de emprego na Europa.

Nesse período, as vagas temporárias são voltadas, principalmente, para as estações de esqui, que aumentam muito o fluxo de turistas. Além disso, muitos hotéis e restaurantes contratam profissionais para a temporada de inverno.

Vantagens de trabalhar nas férias na Europa

Usar as suas férias para trabalhar na Europa pode ser muito vantajoso. Confira agora alguns motivos que podem te fazer se interessar por um emprego de verão na Europa.

Aperfeiçoando habilidades

Você quer aperfeiçoar algumas habilidades e não sabe como? Um Summer Job pode ser a resposta. Os empregos de verão na Europa são excelentes opções para quem deseja viajar pelo continente para aprender um idioma, por exemplo, mas não tem muitos recursos financeiros.

Além de ter contato com diversas pessoas, você pode usar as horas vagas para estudar uma nova habilidade.

Habilidades profissionais

Outra grande vantagem de trabalhar nas férias na Europa é a possibilidade de ganhar mais habilidades profissionais em um ambiente muito diferente do que você está acostumado.

As empresas costumam valorizar muito as experiências apresentadas no currículo como os empregos de verão na Europa. Isso porque eles são grandes oportunidades de aprender a ter compromisso e ser proativo, qualidades muito valorizadas pelas empresas.

Dessa forma, depois que você voltar para o Brasil, as chances de conseguir uma melhor colocação no mercado de trabalho serão relativamente mais altas.

Contatos

Network é a palavra-chave para qualquer meio profissional. Os empregos de verão na Europa fazem com que você conheça e se aproxime de diversas pessoas, criando relacionamentos positivos enquanto faz suas tarefas diárias.

São essas pessoas que podem te indicar para um novo trabalho futuramente. Da mesma forma, um emprego de verão pode acabar se transformando em um emprego de tempo integral no futuro.

Além disso, você pode fazer grandes e verdadeiros amigos durante a estadia.

Férias trabalho na Europa

Confira as 5 principais empresas em Portugal que contratam brasileiros e envie seu currículo.

Ganhar independência

Um emprego de verão na Europa também pode ser um ótimo ponto de partida para ganhar um pouco de autonomia financeira e pessoal. Isso porque, além de ganhar dinheiro, você também ganha novas experiências e mais autoconfiança. Da mesma forma, você terá que aprender a administrar suas finanças sem a ajuda de outras pessoas.

Conhecer uma nova cultura

O mundo inteiro é muito diferente. Um emprego de verão na Europa é uma oportunidade de você conhecer novas culturas e costumes. A experiência é única e irá mudar não só o seu currículo como sua vida pessoal.

Além disso, você terá também a possibilidade de viver em lugares históricos, com museus, castelos e cidades medievais. Dessa forma você irá conhecer a história sob uma nova perspectiva, torna toda a experiência de trabalhar fora ainda mais rica.

Desvantagens

As vantagens de trabalhar na Europa durante suas férias são muitas. Por outro lado, também existem algumas desvantagens.

A primeira dela é que alguns locais de trabalho menores, como bares e restaurantes, por exemplo, normalmente não oferecem um contrato de trabalho formal. Por isso, muitos acabam tirando proveito da situação. Para que isso não aconteça, converse sempre antecipadamente sobre remuneração e horário de trabalho.

Além disso, pode acontecer uma certa dificuldade em se adaptar ao país escolhido. Alguns países são bem fechados em relação à integração dos estrangeiros, tornando essa adaptação um pouco mais difícil. É preciso ter calma e saber que com o tempo você irá conhecer pessoas novas e irá se adaptar.

Confira aqui um relato sobre os prós e contras da adaptação a Portugal.

Requisitos essenciais para conseguir vagas

Para conseguir um dos empregos de verão na Europa, existem alguns requisitos básicos que você deve possuir. São eles:

  • Ser responsável;
  • Estar disposto a aprender;
  • Ser compromissado;
  • Ter pensamento crítico;
  • Possuir capacidade de resolução de problemas;
  • Ser proativo e ter iniciativa;
  • Saber trabalhar em equipe;
  • Disponibilidade de horário;
  • Saiba ouvir para aprender o que não sabe;
  • Falar inglês ou o idioma do país de destino;
  • Elaborar seu currículo de forma que mostre suas habilidades e competências.

Depois que acabar o período de trabalho, como ficar na Europa?

Após acabar o período de trabalho temporário, é possível permanecer a Europa apenas ao solicitar uma autorização de residência no país.

Muita gente pensa que será preciso solicitar um visto, mas o visto só pode ser concedido quando a pessoa ainda está no seu país de origem. Quando já se está no país europeu, será preciso solicitar a troca do seu visto de férias-trabalho para uma autorização de residência adequada (de trabalho, de estudo, etc) ou fazer a solicitação de um autorização de residência nova no departamento de imigração do país.

O nosso alerta é: não costuma ser algo simples solicitar essa troca ou pedido de autorização de residência já estando no país. É possível, mas costuma ser lento, caro e burocrático. Vale a pena avaliar se é melhor estar no país a espera dessa autorização ou se é melhor voltar ao Brasil e fazer a solicitação de um visto adequado no consulado do país desejado.

Quem já participou, o que acha?

A experiência de trabalhar nas férias é sempre muito enriquecedora para cada um. Beatriz Bonafini, de Curitiba (PR), afirma que:

“O Summer Job proporciona ao estudante experiências incríveis, aprendi o trabalho em grupo e que cada tem sua importância na equipe independente da formação. Foi um desafio abdicar das férias, sair da zona de conforto, mas o esforço valeu a pena!”.

Já para Guilherme Caçador Monteiro de Sorocaba (SP) a experiência foi única:

“O Summer Job é uma experiência única para qualquer estudante, mesmo para os que já trabalharam antes. Esqueçam tudo que acham que já sabem e abram suas mentes para absorver cada ensinamento e cada ponto de vista que puderem. Deixem os preconceitos e receios em casa, no final do programa conceitos terão sido desconstruídos e você será um profissional com todo o potencial de fazer a diferença.”

Cada pessoa que usa suas férias para ter um emprego de verão na Europa tem sua vida transformada, tanto no âmbito profissional como pessoal. E você, quer ter essa experiência incrível?

Dicas finais

Conhecer um novo país é excelente para quem deseja um crescimento pessoal e profissional. Os empregos de verão na Europa são excelentes opções para quem deseja conhecer o continente porque a remuneração pode ajudar a custear os gastos.

Gostou dessa dica? Acompanhe nosso site para ficar sabendo de tudo que você precisa para viajar pela Europa.

Andrea é jornalista e também tem formação em Linguística. Apesar de nascida em Curitiba, não demorou muito tempo para seu coração ganhar o mundo. Começou a trabalhar com agronegócio, área que a fez ganhar gosto para trabalhar fora do escritório, com pessoas de culturas e lugares diferentes. Com uma câmera na mão, desbravou inúmeras cidades e nunca mais parou. Decidiu unir a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, sete países da África e Ásia. Ao lado do filho já morou no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a maternidade, produção de conteúdo e viagens pelo Reino Unido e Europa.

Artigos relacionados

Family Search: saiba se é seguro e como funciona

Para ajudar a conectar familiares existe o Family Search, ferramenta que coleta, preserva e compartilha registros genealógicos no mundo todo.

Apostila de Haia: o que é, como fazer e quanto custa

Entenda o que é a Apostila de Haia, por que ela ajuda quem quer morar fora do Brasil, quais documentos pode apostilar e onde apostilar.

Cidades que pagam para morar: 10 regiões encantadoras

Confira a lista de cidades que pagam para morar ou dão moradia ou terreno e veja quais são as condições para isso. Há várias na Europa.

Carta de motivação: modelos e dicas para preparar o documento

Confira dicas para preparar uma carta de motivação, um modelo desse documento e veja exemplos de como escrevê-la para intercâmbio, mestrado e universidade.

Países fáceis de imigrar: veja os 4 mais receptivos da Europa

Confira a lista de países fáceis de imigrar e descubra o porquê da facilidade. Veja como é a adaptação, visto e burocracias para brasileiros nesses países.

Morar na Noruega: motivos para morar e para não morar no país

Razões para morar e para não morar na Noruega, custo de vida no país, história, moeda, língua, imigração, vistos e dados sobre a população local.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube