10 filmes espanhóis que todo cinéfilo precisa assistir

Espanha  / 

A Espanha é famosa por produzir grandes pérolas do cinema mundial. Se você quer fugir dos blockbusters americanos e assistir a longa-metragens com roteiros surpreendentes, comandados por diretores consagrados, você deve ficar de olho nos filmes espanhóis que foram consagrados pelo público e crítica.

Para ajudar a sua busca, fizemos uma lista com os 10 melhores títulos para você começar a sua maratona. Confira!

10 filmes espanhóis que você precisa assistir

Veja abaixo e anote em sua listinha de filmes a ver:

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

O Que os Homens Falam (2013)

Título original: Una pistola en cada mano

O filme dirigido por Cesc Gay é uma excelente amostra de comédia dramática espanhola. A longa reúne os consagrados atores Ricardo Darín, Eduardo Noriega e Eduard Fernández para narrar a crise masculina na meia-idade.

Essa reunião de oito homens passando por momentos de crise cria situações engraçadas e até deprimentes. É um filme despretensioso, muito bem realizado. Uma ótima opção de diversão e reflexão, com elenco de primeira!

Veja também nossa lista com os melhores filmes italianos de todos os tempos.

Branca de Neve (2012)

Título original: Blancanieves

Quando não se esperava mais nenhuma novidade em cima desse clássico das histórias infantis, vem a Espanha com uma releitura em versão muda e preto e branco da película que se popularizou como desenho animado da Disney.

Pois o resultado foi tão positivo que o filme, dirigido por Pablo Berger, levou muitos prêmios, como do Festival Internacional de Cinema de Palm Springs e Associação de Críticos de Espectáculos de Nova Iorque e representou o país na disputa pelo Óscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

[REC] (2007)

Título original: [REC]

Um clássico do terror espanhol, dirigido por Jaume Balagueró e Paco Plaza. A história fez tanto sucesso que rendeu três continuações, REC 2 , REC 3 e REC 4. Além disso, a longa-metragem inspirou um jogo de videogame lançado em 2012.

Na história, uma repórter grava um programa dentro de um prédio repleto de zumbis. O desafio, repleto de cenas de medo e terror, é sair vivo dali com todos os registros videográficos. A história foi sucesso de público e de crítica.

Entenda mais sobre a cultura e tradições espanholas neste artigo.

Mar Adentro (2004)

Título original: Mar Adentro

Um drama espanhol dirigido pelo chileno Alejandro Amenábar em co-produção com França e Itália. Na trama, o personagem de Javier Bardem é tetraplégico e decide lutar na justiça pelo direito à eutanásia.

A longa, além de levantar uma discussão mundial sobre o tema, teve uma carreira de sucesso no seu ano de lançamento e levou o Oscar e o Globo de Ouro em 2005, ambos os prêmios na categoria Melhor Filme Estrangeiro.

Fale com Ela (2002)

Título original: Hable con ella

Não dá para falar de filmes espanhóis sem falar dos clássicos de Pedro Almodóvar, um dos maiores gênios do cinema do país. O filme mostra a história de amizade entre dois homens que cuidam de suas amadas em um leito de hospital. Sucesso de direção, trilha sonora e fotografia impecáveis, o longa levou o Oscar de melhor roteiro.

Os grandes destaques são um divertidíssimo curta-metragem mudo inserido na trama, inspirado no cinema do início do século XX, e a luxuosa participação especial de Caetano Veloso, cantando ao vivo em uma cena do filme.

Quer saber mais sobre a Espanha? Veja esse artigo com 10 curiosidades da Espanha.

Tudo Sobre Minha Mãe (1998)

Título original: Todo sobre mi madre

Mais uma pérola de Pedro Almodóvar!  A longa marca uma guinada na carreira do diretor, quando ele abandona as comédias extravagantes e investe em histórias com dramas mais complexos.

Na trama, uma jovem (Penélope Cruz) de 17 anos, vive uma saga para conhecer o paradeiros de seu pai. A obra é um dos filmes espanhóis de maior sucesso da década de 90, e ganhou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro no ano 2000.

Amor e Presunto (1992)

Título original: Jámon, Jámon

Essa comédia romântica foi dirigida por Bigas Luna e trouxe Penélope Cruz e Javier Bardem no elenco. Na trama, um rapaz rico se apaixona pela filha de uma prostituta e decide casar com ela. Porém, sua mãe arma um plano para afastá-lo da jovem e contrata um jovem para seduzi-la.

O filme caiu no gosto popular e o sucesso foi além da Espanha. A película saiu como vencedora do Leão de Prata no Festival de Veneza de 1992. Mais um para a sua lista de filmes espanhóis imperdíveis!

Conheça o melhor da culinária espanhola por regiões e também as bebidas espanholas mais famosas.

Cría Cuervos (1976)

Título original: Cría Cuervos

Um dos mais consagrados filmes espanhóis, dirigido pelo mestre Carlos Saura, conta a história de uma menina que acredita ter em suas mãos o poder de vida e morte sobre aqueles que a rodeiam. Porém, ela é obrigada a lidar com a trágica morte do próprio pai.

A história foi aclamada pela crítica do mundo inteiro e levou o Prêmio do Juri no Festival de Cannes, em 1976, além de ter sido indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro neste mesmo ano.

Ana e os Lobos (1973)

Título original: Ana y los lobos

Mais uma pérola de Carlos Saura que traz no elenco a atriz americana Geraldine Chaplin, filha de Charles Chaplin. Na trama, a jovem Ana é contratada para trabalhar como governanta em uma mansão no campo da Espanha. Mas sua beleza gera uma disputa entre três irmãos que vivem na casa.

O drama é cheio de simbolismo e alusões políticas, provocativo no ponto certo para fugir à censura. É visto como uma grande crítica à burguesia espanhola do regime de Franco. A escritora Elena Soriano afirmou que o filme foi uma adaptação gratuita de seu romance Caza Menor, publicado em 1951.

Viridiana (1961)

Título original: Viridiana

Luis Buñuel, um dos grandes mestres do cinema espanhol, é conhecido pelos seus longa-metragens de temas delicados, geralmente misturando sexo à religião. Na trama, Viridiana é uma noviça que tem a sua vida transformada após ser seduzida pelo tio.

A trama dividiu a Palma de Ourodo Festival de Cannes de 1961 com o filme italiano Une Aussi Longue Absence e foi considerado pelo jornal americano The New York Times como um dos 1000 melhores filmes do mundo.

Tem vontade de morar na Espanha? Saiba tudo neste artigo e leia também sobre a comunidade de brasileiros na Espanha.

Em destaque na Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE

Ana é uma jornalista brasileira que em 2017 saiu do Rio de Janeiro e se mudou com a família para o Porto. Ao lado do marido, o fotógrafo André Furtado, criou o site Portuguiando, espaço que usa para contar um pouco sobre a rotina de uma família de brasileiros em Portugal. Hoje se dedica à paixão pela escrita, à maternidade e a explorar a cultura lusitana.