Contar com o transporte público em Portugal é uma das melhores coisas para desfrutar o dia a dia e manter a rotina. Se está pensando em ter um carro no país luso, já adianto que dependendo da cidade você raramente vai tirá-lo da garagem.

Neste artigo, vou te explicar como funciona o transporte público nas principais cidades, quanto custa, se são bons e como se deslocar entre uma cidade e outra.

Como é o transporte público em Portugal?

O transporte público em Portugal é muito bom, principalmente se comparado ao Brasil. No entanto, pode deixar a desejar quando comparado aos outros países europeus.

Eu, que sempre andei de “busão” em Belo Horizonte, acho que o transporte público de Portugal funciona muitíssimo bem.

Os autocarros, como são chamados os ônibus em Portugal, são bons (com ressalva), nas principais cidades podem contar com um ótimo serviço de metro (sem acento mesmo) que te leva para vários cantos e ainda é possível ver os elétricos pelas ruas de algumas (poucas) cidades, mas em Lisboa eles são bem comuns.

E já ia me esquecendo, a rede de comboios, que chamamos de trens no Brasil, também é muito boa. Assim, se você pretende morar em Portugal, saiba que é possível viver apenas com o transporte público.

Estrutura de transporte em Lisboa: saiba como se deslocar na cidade.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →

Transporte público nas principais cidades portuguesas

Nas principais cidades portuguesas, existem três tipos de transporte público:

Autocarro

Mais conhecido no Brasil como ônibus, os autocarros aqui em Portugal geralmente têm ar-condicionado e wi-fi e a frota costuma ser bem confortável. Precisa de mais? Sim, eles também são mais espaçosos e é possível sentar um de frente para o outro, ou seja, pegar o autocarro com amigos é sempre bom para conversar.

Muitas cidades, como o Porto e Lisboa já recebem ônibus elétricos ou a gás, na prática, além de poluírem menos, eles quase não fazem barulho.

Um detalhe importante: não existe o trocador. Caso você não esteja com o seu cartão carregado para validar, o próprio motorista recebe o dinheiro e te dá o troco. E não venha com notas altas porque provavelmente ele não terá troco e também não vai correr atrás disso. Outro detalhe, pagar o ônibus direto para o motorista é mais caro, o ideal é sempre recarregar o cartão nas máquinas disponíveis e apenas validá-los ao entrar.

Autocarro em Lisboa

No tópico de cima eu comentei que os autocarros são bons, mas com uma ressalva. Pois é! Perdi a conta de quantas vezes eu voltei da aula a pé porque o autocarro simplesmente não passava. Acusava no painel que faltava 30, 20, 10, 5, 1 minutos e nada desse autocarro aparecer. Daí desaparecia do painel e quando voltava, mais 30 minutos de espera. E não é só comigo que isso acontece. Já conversei com várias pessoas que dependem do autocarro e todas já relataram a mesma coisa. Na região do Algarve, as reclamações são frequentes.

Portanto, se você for morar no Porto ou Lisboa, opte por utilizar o Metro. Já nas cidades menores onde não existe o serviço, os autocarros funcionam bem e pode confiar que eles vão passar.

Metro

O metro (se pronuncia “métro”) está presente apenas em Lisboa e no Porto e, em ambas funcionam bem com várias linhas diferentes e preços acessíveis.

O metro de Lisboa é o mais antigo do país, são quatro linhas que além da capital também atendem Amadora e Odivelas, na Região Metropolitana. O metro na capital também passa por obras de expansão, sendo que duas linhas, a verde e a rosa, devem ganhar novas estações e atender outras regiões da cidade até 2024.

No Porto são seis linhas de metro que atendem diferentes pontos da região metropolitana. Além do Porto, Vila Nova de Gaia, Matosinhos, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Maia e Gondomar são atendidas pelo transporte. O metro do Porto vai ganhar mais uma linha, a rosa, que vai ligar a estação de São Bento à estação Casa da Música, ambas dentro da cidade do Porto. A linha amarela, em Gaia também vai ganhar mais 3 estações.

Em Coimbra, chegou a existir um projeto chamado de Metro Mondego, mas ele nunca saiu do papel de fato. Na verdade, ele acabou sendo transformado em autocarros elétricos.

Elétrico

Quem é que não se apaixona ao ver os bondinhos pelas ruas? Os Elétricos, como são chamados em Portugal, são muito comuns em Lisboa, onde existem cinco linhas. Além de ser um transporte público em Portugal, os Elétricos acabaram se tornando uma grande atração turística, ganhando até um museu dedicado a eles – o Museu dos Carris.

Já o Porto conta com três linhas e é basicamente dedicado ao turismo, mas também pode ser usada como transporte regular.

Temos a certeza de que os elétricos são turísticos quando olhamos para o preço dos bilhetes individuais. Em Lisboa custa 3€ e no Porto 3,50€.

Quanto custa o transporte público em Portugal?

Montei uma tabela com as 4 principais cidades do país para te mostrar quanto custa o transporte público em Portugal, considerando o passe mensal.

Tipo de mensalidade Lisboa Porto Coimbra Faro
Municipal 30€ 30€ 30€ 27,85€
Região metropolitana 40€ 40€ 35€* 40€
Custo do cartão 7€ 6€ 6€

*Sistema Ecovia em Coimbra.

O cartão geralmente tem validade de 5 anos.

Preço dos bilhetes individuais

O preço dos bilhetes individuais para o transporte público nas principais cidades variam conforme a zona (região) que será utilizada:

Cidade Preço do cartão Preço tarifa pré-paga (mais barata)
Lisboa 0,50€ 1,50€
Porto 0,60€ 1,20€
Coimbra 0,50€ 1,60€
Faro 1,15€

Geralmente o cartão para o título unitário é de papel e tem validade de 1 ano.

Principais transportes para o deslocamento intercidades

Se precisar fazer deslocamentos intercidades, também pode contar com o transporte público em Portugal. Você pode fazer o trajeto de dois jeitos:

Trens ou comboios em Portugal

O primeiro transporte a ser cogitado na hora de fazer deslocamentos intercidades são os trens ou comboios, como são chamados em Portugal. A empresa nacional é a Comboios de Portugal e existem várias categorias:

  • Urbanos: as cidades de Lisboa, Porto e Coimbra contam com os trens urbanos, que ligam essas cidades a outras localidades próximas, eles são muito semelhantes ao metro de superfície e costuma realizar várias paradas no trajeto, além disso, tem mais frequência de horário;
  • Intercidades: que vão de norte a sul do país passando pelas principais cidades, mas costumam ser viagens mais longas, pois existem muitas paradas;
  • Regionais e Inter-regionais: passam por cidades onde a mobilidade é importante, fazendo ligações nas principais estações das demais categorias de comboios;
  • Alfa Pendular: são modalidades mais rápidas de transporte e com menos paradas.

Há também a divisão de 1ª e 2ª classe, mas sinceramente, não vejo tanta diferença assim.

De maneira geral, as principais regiões atendidas são o norte, centro e sul. No interior do país as linhas deixam a desejar. Você pode visualizar o mapa completo das cidades atendidas no site oficial da CP – Comboios Portugal.

No dia 30 de maio de 2021, fiz uma simulação de preços pelos trechos mais buscados para você ter uma ideia dos valores praticados. Os valores variam conforme a categoria do comboio. Vamos lá!

Trecho Preços da passagem (bilhete único)
Lisboa x Porto 25,10€ a 35,90€
Lisboa x Faro 22€ a 23,50€
Lisboa x Coimbra 14€ a 24,10€
Porto x Braga 3,25€ a 15,10€
Porto x Aveiro 3,55€ a 15,10€
Porto x Guimarães 3,25€ a 12,15€
Coimbra x Figueira da Foz 2,85€
Coimbra x Leiria 7,74€ a 9,30€
Coimbra x Porto 8,90€ a 17,60€

Saiba se vale a pena morar no interior de Portugal.

Ônibus ou autocarros

Não encontrou uma linha de comboio para a cidade que precisa ir? Então, o negócio é encontrar um autocarro que te levará ao destino final ou o mais próximo possível. Digo isso, pois Portugal é cheio de cidadezinha que só se chega de carro.

Os autocarros também estão disponíveis nas principais cidades e dependendo do destino e das promoções, as passagens podem ser muito mais baratas. Para ter uma ideia, no site oficial da Rede Expressos tem várias passagens para viajar a partir de Lisboa a partir de 5 euros.

De maneira geral, os autocarros são bons e costumam contar com ar-condicionado e wi-fi. E como as estradas de Portugal são boas, a frota é bem conservada.

transporte público intercidades em Portugal

Não está convencido da qualidade do transporte público? Saiba como comprar carro em Portugal.

Quais os meios de transporte mais usados em Portugal?

O último estudo sobre mobilidade urbana em Portugal aconteceu em 2017 e foi realizado pelo INE – Instituo Nacional de Estatística. O estudo considerou alguns pontos, como:

  • Caracterização da população residente (socioeconômico e despesas com a mobilidade);
  • Análise da mobilidade na área metropolitana de acordo com duas perspectivas: as deslocações totais realizadas, segundo a residência do cidadão e as deslocações intrametropolitanas (origem e destino na área metropolitana);
  • Opinião dos residentes.

Alguns dados revelados no estudo:

  • De maneira geral, os meios de transporte mais usados em Portugal são os veículos próprios, ou seja, 69% da população da área metropolitana do Porto (AMP) e 59,8% da população da área metropolitana de Lisboa (AML) se locomovem por conta própria. Apenas 11,1% se desloca com o transporte público na AMP e 15,8% na AML;
  • O principal motivo para os deslocamentos com o transporte público é o de trabalho com 30,3% na AMP e 30,8% na AML, seguido de ir às compras, com 18,5% e 19,8%, respectivamente;
  • Já o tempo desperdiçado por dia é de 66,8 minutos na AMP e 72,5 minutos na AML. Os gastos mensais em ambas é de 30€ ou mais por pessoa;

Os entrevistados também pontuaram de 0 a 6 diversas categorias sobre o transporte público em Portugal e as notas não são espetaculares. Veja só:

Categoria Área Metropolitana de Lisboa Área Metropolitana do Porto
Proximidade à rede (paragens) 4,13 4,27
Facilidade de transbordo 3,81 4,03
Duração do percurso/rapidez 3,78 3,89
Segurança 3,69 3,99
Sistema tarifário 3,62 3,82
Qualidade dos veículos/frota 3,42 3,79
Conforto/comodidade/limpeza 3,40 3,77
Horários – período de funcionamento 3,40 3,58
Informação ao público 3,28 3,55
Horários – frequência dos serviços 3,16 3,35
Preço/Custo do transporte público 3,14 3,49
Fiabilidade/pontualidade 3,05 3,44
Lotação 2,90 3,27
Acesso por pessoas portadoras de deficiência 2,85 3,27

*Informações obtidas com base no relatório divulgado pelo INE.

Como usar os aplicativos de transporte público em Portugal?

Os aplicativos que ajudam bastante quando o assunto é transporte público em Portugal são:

  • Moovit: você seleciona o país e a região, insere o ponto de partida e o ponto de chegada e o app vai te mostrar quais os transportes disponíveis, bem como o horário e o tempo para chegar;
  • Google Maps: esse não precisa nem explicar, né? Ele te dá o trajeto dos transportes público, bem como o número da linha que precisa pegar para chegar ao seu destino;
  • Lisboa Viagem: também funciona para consultar os trajetos mais curtos e as melhores opções de transporte público em Lisboa e região metropolitana;
  • Anda: o aplicativo do Porto e região metropolitana não foi desenvolvido para te passar os horários e trajetos, mas sim, para substituir o Andante – o cartão físico do bilhete único ou passe mensal.

O transporte público em Portugal é bom?

Sim. Eu pelo menos acho excelente o transporte público em Portugal. O valor é muito acessível e se gasta bem menos do que com gasolina e manutenção do carro. Além disso, existem várias opções de transportes e um comboio que liga o país de norte a sul.

Apesar de a pontuação dos residentes não estar maravilhosa, é preciso considerar que o estudo de mobilidade foi realizado em 2017 e até 2021 muita coisa já mudou. Já foram realizadas obras em Lisboa e no Porto, por exemplo, já estão construindo uma nova linha de metro.

Além disso, o preço dos transportes públicos baixou nas duas cidades, o teto atual é 40€ por mês para circular em todo a área metropolitana de cada uma das cidades. Outra medida para incentivar as pessoas a usar o transporte público é o passe família, o valor máximo que o agregado familiar paga é 80€ no metropolitano e 60€ no município, assim para famílias com mais de três pessoas vale muito a pena usar os transportes públicos.

Em algumas cidades, os passes para os estudantes e jovens até os 18 anos é gratuito, ou seja, é possível circular pela cidade sem ter que pagar por isso. Também há descontos para idosos e famílias carentes, todos esses benefícios impactam muito o custo de vida no país.

Eu diria que para os portugueses pode não ser bom, mas comparado com o transporte público no Brasil, é impossível dizer que seja ruim.

Agora que você já sabe tudo sobre o transporte público em Portugal é hora de começar a planejar a sua mudança. O Programa Morar em Portugal é um guia super completo com 22 videoaulas e um ebook com mais de 300 páginas de informação, assim, você tem o passo a passo super completo para planejar a mudança.