O metro de Lisboa é bastante eficiente e acessível. Mas como qualquer cidade onde você chega pela primeira vez, poderá precisar de alguns dias até perceber como a cidade e o sistema de transporte está organizado. Neste artigo, vamos explicar como pegar o metro em Lisboa para conseguir se locomover sem problemas pela cidade.

Como pegar metro em Lisboa?

Antes, deixa eu só esclarecer a diferença de pronúncia. No Brasil, falamos metrô, já em Portugal, falamos metro (lê-se “métro”). Agora vamos ao que interessa, pois se vai viajar para Portugal ou está de mudança para o país vai precisar saber como pegar o metro em Lisboa.

A maioria das atrações turísticas são acessíveis por metro ou por comboio (trem), contudo, tendo em conta que Lisboa é uma cidade montanhosa, se estiver pensando em andar a pé o dia todo para explorar a cidade certamente chegará ao hotel no final do dia exausto. Por isso, andar de metro é, sem dúvida, a melhor opção para descobrir a cidade da melhor maneira!

O Metro de Lisboa possui 56 estações de metro, com 4 linhas (cada uma identificada com uma cor: amarela, azul, verde e vermelha) com 44,5km de extensão, e com alguns projetos de expansão a serem concretizados nos próximos anos. Mas a estrutura de transporte em Lisboa não é tão difícil como parece.

Ao contrário de algumas estações no Porto, as da capital portuguesa não estão localizadas à superfície, portanto, para encontrar a estação deverá procurar pelo ícone do metro (um “M” vermelho) e descer pelas escadas ou elevador até ao subsolo.

No subsolo terá várias máquinas automáticas onde poderá comprar as viagens (e respectivo cartão), bem como um sistema eletrônico de validação do cartão para ter acesso ao espaço onde poderá finalmente pegar o metro desejado.

Linhas do metro de Lisboa

O sistema do metropolitano de Lisboa está dividido por cores, sendo que muitas das estações mais populares se interseptam, permitindo que, sem subir à superfície, os seus utilizadores consigam mudar de linha sem ter que comprar um novo bilhete.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →
  • Linha Amarela: vai da estação do Rato à Odivelas;
  • Linha Azul: a linha vai de Santa Apolónia à Reboleira;
  • Linha Verde: a linha verde vai desde o Cais do Sodré até Telheiras;
  • Linha Vermelha: se estiver no aeroporto é essa a linha que pegará, pois vai do Aeroporto de Lisboa à São Sebastião.
Mapa do metro de Lisboa, Portugal
Visualizar o mapa é importante para saber como pegar metro em Lisboa.

Principais estações do metro de Lisboa

Ao saber como pegar o metro em Lisboa é bom se atentar que as estações que dão acesso aos locais turísticos e às sedes de grandes empresas ou escritórios são as mais movimentadas, em especial no início do dia (entre 8h e 9h) e no final da tarde (entre 17h30 e 18h30).

Por isso, durante esses horários evite estações como: Oriente, Saldanha, Campo Grande, Campo Pequeno, Entrecampos, Rato, Baixa-Chiado, Rossio, Cais de Sodré, Alameda, Praça de Espanha e Marquês de Pombal.

Bastará chegar 30 minutos antes ou depois da hora de ponta para não apanhar multidões a entrar e a sair apressadamente dos metros e das estações.

Como funciona o metro de Lisboa?

Para saber como pegar o metro em Lisboa é preciso conhecer o horário de funcionamento, bem como funciona a validação dos bilhetes e as integrações com as linhas.

Horário de funcionamento

Os horários do metro são bem alargados, no entanto, devido à ativa vida noturna da capital portuguesa, poderá encerrar demasiado cedo para muitos madrugadores.

Todas as estações de metro abrem às 6:30 da manhã em dias úteis, fins de semana e feriados.

Já o horário de fecho difere, isto porque, a estação dos Restauradores encerra 1 hora da manhã, enquanto as restantes fecham às 21h30, nos dias úteis, fins de semana e feriados.

A única ressalva que importa fazer é que há quatro estações que não abrem aos fins de semana e feriados: Marquês do Pombal, Avenida, Picoas e Anjos.

Validação de bilhete

A validação do bilhete é obrigatória a partir do momento em que passa pelo sistema eletrônico, uma espécie de canal de entrada e saída das estações, com uma catraca que abre quando passa o bilhete.

O bilhete nada mais é do que o cartão Viva que pode comprar nas máquinas das estações e reutilizá-lo sempre que fizer nova viagem de metro ou ônibus.

A validação é bem simples, basta aproximar o cartão ao sensor da máquina para que a catraca se abra e consiga entrar. Guarde esse cartão, pois vai precisar dele para sair da estação do metro.

Cartão Viva para transporte público em Lisboa
O cartão Viva pode ser utilizado em vários tipos de transporte.

E tenha cuidado para não o molhar ou dobrar, caso contrário poderá perder as viagens compradas.

Integração entre as linhas

O transporte público em Portugal é eficiente nas principais cidades como Porto e Lisboa. Dependendo de onde estiver, vai precisar fazer uma troca entre uma linha e outra, a chamada baldeação. Por isso é importante que você entenda como pegar o metro em Lisboa, para não pegar o caminho errado e se perder por aí.

Cada cor de linha integra com outra em uma determinada estação. Veja cada uma delas para o caso de precisar fazer baldeação:

  • Linha Amarela: faz interseção com a linha azul na estação do Marquês de Pombal, com a vermelho no Saldanha e com a verde no Campo Grande;
  • Linha Azul: atravessa a linha vermelha em São Sebastião, a linha amarela no Marquês de Pombal e a linha verde na Baixa-Chiado;
  • Linha Verde: integra com a linha azul na Baixa-Chiado, a linha vermelha na Alameda, e a linha amarela no Campo Grande;
  • Linha Vermelha: faz interseção com a linha verde na Alameda, com a linha amarela no Saldanha e com a azul em São Sebastião.

Veja algumas curiosidades de Lisboa para conhecer a cidade mais afundo.

Quanto custa o metro de Lisboa?

Outro ponto importante sobre como pegar o metro em Lisboa é saber o valor dos bilhetes. Existem passes únicos, diários (24h) e mensais. Além disso, podem ser utilizados tanto nos metros, quanto nos carris (os bondinhos, como chamamos no Brasil).

Bilhetes para crianças até aos 12 anos

As crianças até aos 12 anos não pagam, contudo, dos 4 aos 12 anos deverão ser titulares do cartão Viva Criança ou de um cartão Viva de estudante (chamado “Cartão Navegante Escola”), nessa segunda opção é preciso fazer prova de que a criança está inscrita num estabelecimento de ensino em Lisboa.

Bilhetes Carris/Metro

Acima dos 13 anos é necessário adquirir um bilhete normal, de adulto, que tem o valor de 1,50€, sendo que é indispensável que a viagem esteja associada a um cartão Viva, recarregável, que tem o custo de 0,50€ e poderá utilizar várias vezes durante 1 ano a partir da data em que o adquiriu.

Depois de 1 ano, o cartão deixa de ser válido e já não poderá carregá-lo com mais viagens, terá mesmo que adquiri um novo cartão Viva nas máquinas disponíveis nas estações.

máquina comprar bilhetes metro de Lisboa
Essa é a máquina para comprar bilhetes do metro de Lisboa

As viagens carregadas no cartão Viva são válidas em todos os ônibus da Carris e do Metro num número ilimitado de viagens durante 60 minutos, contado entre a primeira e a última validação de entrada nas catracas.

Se estiver dentro da estação de metro poderá deslocar-se entre elas sem limitação, contudo, uma vez que saia pelas catracas não é permitido voltar a entrar no metro com a mesma viagem.

Vale a pena mencionar que cada cartão Viva só pode ter um utilizador por viagem, mesmo que o tenha carregado com várias viagens, por outras palavras, não é possível usar o mesmo cartão para a entrada de duas ou mais pessoas.

Bilhete diário

Se está explorando a cidade, aconselhamos um bilhete diário, que consiste num bilhete que permite viajar sem limite em todos os ônibus da Carris e Metro durante 24 horas, que começa a contar a partir da primeira validação. O valor desse bilhete é 6,45€.

Carris/Metro/Transtejo

Se desejar conhecer a margem sul de Lisboa de barco, então este será o bilhete ideal, isto porque permite, tal como o anterior, viajar sem limite durante 24 horas, em todos os ônibus da Carris, Metro e na ligação Cacilhas/Cais de Sodré da Transtejo. Esse bilhete custa 9,60€.

Carris/Metro/CP

Novamente, um bilhete para exploradores, isto porque permite a utilização ilimitada por 24 horas para viajar em todos os ônibus da Carris, Metro, assim como nos trens da CP (Comboios de Portugal) que circulam na cidade (chamados “comboios urbanos”).

O bilhete tem o custo de 10,70€ e dá acesso às Linhas de Sintra, Azambuja, Cascais e Sado, as cidades perto de Lisboa. Inclusive, graças a ligação entre as cidades, é muito comum morar em Sintra e trabalhar em Lisboa, assim como outras cidades ao redor da capital.

Zapping

Finalmente, esta alternativa consiste num título de transporte pré-pago que pode ser usado no metro, ônibus e trens urbanos. Nesse caso, o valor da viagem efetuada é descontado ao saldo remanescente do seu cartão, consoante a tarifa e as condições de utilização em cada operador (metro, ônibus e trens).

Sublinha-se que a viagem zapping só permite a utilização de um operador, ou seja, se fizer uma viagem no ônibus da Carris, não poderá utilizar o mesmo cartão para viajar de metro ou trem, e vice-versa.

O cartão zapping pode ser carregado, não com viagens (como o cartão Viva), mas com um dos seguintes montantes: 3€, 5€, 10€, 15€, 20€, 25€, 30€, 35€ e 40€. A medida que vai utilizando o cartão para entrar nos transportes vai descontando no valor. Se estiver a prever viajar apenas de metro esta opção fica um pouco mais barata: 1,35€.

Passes Mensais

Para as pessoas que vão morar em Lisboa, uma boa opção são os passes mensais, que podem custar 30€ (apenas para área metropolitana de Lisboa, que é a zona mais central da capital) ou 40€ (abrange toda a cidade de Lisboa ou Amadora, ou Odivelas). Se tiver mais de 65 anos o passe mensal tem um valor mais baixo, custa 20€ (são os passes para aposentados).

Esses passes referem-se a um mês fixo, ou seja, estão à venda até ao dia 20 de cada mês e são válidos para o mês em questão.

Catracas da estação de metro em Lisboa
Essas são as catracas onde você deve validar o seu bilhete para pegar o metro em Lisboa

Veja também qual é o custo de vida em Lisboa e aprenda a calcular todos os gastos para viver bem!

O metro de Lisboa é integrado com outros transportes?

O metro de Lisboa é sim integrado com outros transportes, aliás, é um dos seus grandes benefícios, uma vez que permite que os seus utilizadores se desloquem pela grande Lisboa com facilidade e rapidez.

Você já sabe como pegar o metro em Lisboa, agora vai aprender como ele integra com outros tipos de transporte público.

Integração com ônibus – autocarros

Uma grande mais-valia do metro de Lisboa é que a maior parte das estações têm localizações privilegiadas, isto é, estão no centro da capital, dito isso, poderá encontrar paradas de ônibus (as chamadas “paragens de autocarro”) mesmo em frente às saídas das estações de metro ou a poucos minutos a pé.

Integração com trens – comboios urbanos

Contam-se 9 estações de metro que param perto ou dentro de estações de trem e, portanto, permitem passar de um para outro de forma rápida e fácil, são elas:

  • Estação do Oriente, na linha vermelha;
  • Estação de Roma, na linha verde;
  • Estação do Areeiro, na linha verde;
  • Estação do Cais do Sodré, linha verde;
  • Estação de Entrecampos, linha amarela;
  • Estação da Reboleira, linha azul;
  • Estação dos Restauradores, linha azul;
  • Estação de Santa Apolónia, linha azul;
  • Estação do Jardim Zoológico, linha azul.

Veja também como funciona o transporte público na Espanha.

Dicas e cuidados para usar o metro em Lisboa

Apesar de o metro de Lisboa ser bastante acessível e barato, convém ler atentamente os mapas que encontrará nas estações. É bastante frequente que as pessoas menos habituadas ao metro lisboeta sigam na direção oposta a que pretendem.

Para evitar esse tipo de situação, leia no letreiro do metro o seu destino final e veja no mapa se é aquela a direção que quer seguir. Na dúvida de como pegar o metro em Lisboa, pergunte as pessoas que também estão esperando o transporte, se o metro que vai para a estação “X” passa naquele lado ou no outro, de modo geral encontrará pessoas disponíveis para esclarecer as suas dúvidas.

Outro cuidado importante que deverá ter é em relação à segurança dos seus bens. Apesar da segurança em Portugal, existem muitos roubos de bolsas, carteiras e outros bens deixados sem supervisão ou de fácil acesso, especialmente em hora de ponta, quando as estações e os metros estão cheios de gente e um simples encontrão poderá resultar em ficar sem o celular ou carteira.

O metro de Lisboa dispõe de uma patrulha policial que se dedica a garantir, em exclusivo, a segurança dos utilizadores do metro, e os policiais circulam em pares pelas várias estações para prevenir esses pequenos furtos, por isso, se precisar de ajuda procure por um policial na estação mais próxima.

Se mesmo depois de ler os nossos artigos sobre Portugal, ainda assim tiver muitas dúvidas e inseguranças sobre a mudança para o país, aconselhamos que não perca tempo e se inscreva no nosso Programa Morar em Portugal. Desenhado por brasileiros para brasileiros, o Programa traz toda a informação que necessita para planejar a sua mudança e ajudá-lo na integração no país.