Quem são os brasileiros na Inglaterra? Qual sua idade, gênero, atividade econômica e até composição familiar? Porque essas pessoas escolhem morar no Reino Unido? Para ajudar a entender todos esses pontos, fizemos uma análise profunda do perfil do imigrante brasileiro na Inglaterra.

Para ajudar com os dados, usamos uma pesquisa feita pela historiadora Yara Evans em parceria com o Consulado Geral do Brasil em Londres. O relatório Brasileiros no Reino Unido de 2020 aponta dados muito interessantes sobre quem são as pessoas que deixam o Brasil para morar na Inglaterra. Acompanhe os detalhes.

Quantos são os brasileiros na Inglaterra?

De forma geral, o número de brasileiros na Inglaterra ainda é bastante incerto e controverso. Além disso, os dados não são totalmente atualizados. O que se sabe é que a comunidade brasileira é uma das maiores latino-americanas no país.

O último censo britânico foi feito apenas em 2011 pela Office for National Statistics (ONS), órgão oficial do Governo inglês. Na ocasião, cerca de 52 mil pessoas nascidas no Brasil moravam no Reino Unido. Um novo censo aconteceu em março de 2021, mas os dados ainda não foram divulgados.

No entanto, além de desatualizados, esses dados não consideram o número de pessoas irregulares. Por isso, segundo o Relatório Brasileiros no Reino Unido, a mais recente estimativa feita pelo Consulado Geral do Brasil, é que cerca de 220 mil brasileiros vivem no Reino Unido, considerando dados oficiais, estudos acadêmicos e registros consulares. Com isso, mais de 92% vivem na Inglaterra e País de Gales. Dessas, cerca de metade vive apenas em Londres, o maior polo deimigrantes brasileiros.

O dado oficial mais recente que temos é o relatório da população do Reino Unido por país de nascimento e nacionalidade, divulgado pelo ONS em junho de 2021. No documento, a estimativa é que 119 mil brasileiros vivem no país.

Qual o perfil dos brasileiros na Inglaterra?

Para entender melhor o perfil dos brasileiros que vivem na Inglaterra, fizemos uma análise do Relatório de Brasileiros no Reino Unido 2020 realizado pela historiadora Yara Evans em parceria com o Consulado Geral do Brasil em Londres. Acompanhe abaixo mais detalhes sobre o perfil das pessoas que saem do Brasil para morar no Reino Unido.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →

Gênero

Segundo o estudo feito, as mulheres são a maior parte dos brasileiros que vivem no Reino Unido. A divisão ocorre da seguinte forma:

  • Mulheres: 63%
  • Homens: 37%

No entanto, a autora aponta que essa divisão pode apenas representar que as mulheres estavam mais dispostas a responder às questões para sua pesquisa. Isso porque, outros dados apontam um equilíbrio maior entre os gêneros.

Por exemplo, relatório da população do Reino Unido por país de nascimento e nacionalidade de 2021 aponta uma divisão um pouco mais equilibrada, segundo esses dados os números são:

Gênero Número de indivíduos Porcentagem
Mulheres 63 mil 53%
Homens 57 mil 47%

Idade

Afinal, qual a idade dos brasileiros na Inglaterra? De acordo com a pesquisa, a maior parte de pessoas nascidas no Brasil que vivem no país têm entre 30 e 39 anos, o que representa 41% do total. Veja no gráfico abaixo um resumo da divisão por idade.

gráfico com idade brasileiros na Inglaterra
Fonte: Brasileiros na Inglaterra/2020

Nível Educacional

Outro tópico importante é o nível educacional dos brasileiros na Inglaterra. Segundo a pesquisa, os brasileiros que vivem no país tem alta escolaridade, aliás, somando todos os níveis de graduação e pós-graduação, temos 75% (sendo: 27% pós-graduados, 33% graduados, e 15% não finalizaram a graduação).

Gráfico com escolaridade dos brasileiros na Inglaterra
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra/2020

Esse é um dado importante porque também pode ser usado como um indicador social, uma vez que quanto maior o grau de escolaridade, mais chances de melhores empregos, por exemplo.

Raça

Já quando o assunto é raça e etnia, a maior parte, 76%, se declarou branco. Em segundo lugar estão as pessoas que se declaram mestiças com 19%, seguida de outros grupos raciais.

Gráfico de Raça dos brasileiros residentes no Reino Unido
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra

Vale lembrar que essa é uma autoidentificação, ou seja, a raça considerada é a que a pessoa se autodeclarou.

Estado Civil e Família

Outro dado interessante é o estado civil, isso porque apenas 18% dos brasileiros na Inglaterra são solteiros. Na verdade, a grande maioria, 63%, são casados e outros 8% em união estável.

Gráfico do Estado civil dos Brasileiros no Reino Unido
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra/2020

Já quando se trata de filhos, a pesquisa considerou três grupos:

Têm filhos menores de 18 anos 47%
Têm filhos maiores de 18 anos 12%
Não têm filhos 41%

Tratando-se de pais com filhos menores de 18 anos, a maior parte, 26%, são filhos únicos e outros 17% são duas crianças.

Brasileiros com filhos menores de 18 anos
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra/2020

Acompanhe aqui as vantagens e documentos para morar na Inglaterra com filhos.

Provenientes de qual região do Brasil?

A verdade é que apesar da grande extensão que o Brasil tem, a maior parte das pessoas que vão para o Reino Unido saem das regiões Sul e Sudeste, sendo o Estado de São Paulo o principal.

Por outro lado, na pesquisa realizada, só não haviam pessoas nascidas no Acre e Amapá morando na Inglaterra, o que mostra uma grande diversidade de regiões.

Veja no mapa abaixo, uma ilustração que mostra o estado de nascimento dos brasileiros que foram para a Inglaterra. Quanto maior for o círculo, mais pessoas saíram desse estado para ir morar no Reino Unido.

Origem dos brasileiros na Inglaterra
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra, 2020

Motivos da Imigração para a Inglaterra

Mas, por que a Inglaterra? Bem, morar na Inglaterra é bastante atrativo porque apresenta várias vantagens para quem deseja viver em solo inglês, principalmente quando comparadas ao Brasil.

Segundo a pesquisa, os motivos para os brasileiros escolherem a Inglaterra são diversos e o principal, na maior parte dos casos, é a qualidade de vida (33%). Além disso, a falta de oportunidades do Brasil também foi um motivo apontado por 19% dos entrevistados.

Gráfico com o Motivo da Imigração para Inglaterra
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra 2020

Documentação

Mas, e quanto à documentação? Afinal, como os brasileiros conseguem viver na Inglaterra?

A maior parte consegue morar na Inglaterra por possuir um passaporte europeu, por conta de sua descendência. Mas, esse é um fator que deve diminuir nos próximos anos por conta do Brexit. Veja aqui como brasileiros podem morar no Reino Unido pós-Brexit.

O mais preocupante é que 14% dos brasileiros estavam sem nenhum visto, ou seja, permanecem de forma ilegal no país.

Veja aqui os documentos necessários para morar na Inglaterra legalmente.

Composição domiciliar

Outro dado interessante é a composição domiciliar, isso porque a maior parte dos imigrantes brasileiros moram com sua família, cerca de 72%. Além disso, apenas 10% moram sozinhos.

Composição familiar dos Brasileiros na Inglaterra
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra, 2020

Atividade econômica

A maior parte dos brasileiros na Inglaterra têm alguma atividade com remuneração, cerca de 81%.

Como vimos acima, a maior parte dessas pessoas têm algum nível de ensino superior e isso reflete diretamente na atividade econômica exercida. Isso porque, quando reunimos todas as profissões que se pressupõe um certo nível de qualificação (Profissional; Profissional da educação / meio acadêmico; Pessoal de empresa/negócios; Profissional de saúde; Executivo(a) de empresa/negócios; Assistente de saúde e Supervisor(a) / gerente de empresa / negócios) temos uma porcentagem agregada de 49%.

Por outro lado, os trabalhadores na área de limpeza e motoboy / courier / motorista, atividades que requerem pouca qualificação, representam outros 21%. Veja no gráfico abaixo as principais ocupações de brasileiros na Inglaterra.

Ocupação dos brasileiros no Reino Unido
Reprodução: Brasileiros na Inglaterra, 2020

Vale lembrar que a Inglaterra possui um alto volume de vagas de emprego abertas em diferentes setores, o que atrai muitos brasileiros. No país, é possível encontrar vagas para brasileiros com ou sem nenhuma qualificação. Algumas ocupações que mais possuem brasileiros na Inglaterra são:

  • Babá (au pair);
  • Recepcionista;
  • Atendente em pub;
  • Barman e cozinheiro/a;
  • Administração e Marketing;
  • Trabalhadores de construção civil;
  • Garçom e atendentes de restaurante;
  • Serviços de entregas;
  • Profissionais da área de Tecnologia da Informação.

Outro dado interessante é que 58% dos brasileiros declararam não ter interesse em empreender no Reino Unido. E se você tiver curiosidade, veja quais são as profissões mais bem pagas na Inglaterra.

Remuneração

A atividade econômica interfere, é claro, na remuneração que essas pessoas recebem. Além disso, também interferem fatores como, quantidade de horas trabalhadas, idade, leis trabalhistas para diferentes ocupações e os níveis de remuneração estipulados pelo mercado de trabalho.

Durante o estudo, 76% dos brasileiros trabalhavam em período integral, ou seja, mais de 30 horas semanais. Segundo dados do governo britânico, o salário médio semanal para funcionários em período integral era de £ 611 em abril de 2021.

Vale apontar que o salário depende de vários fatores, como citamos acima, mas entender o salário mínimo é um bom indício, já que ninguém pode receber menos que o valor estipulado.

No Reino Unido, a política do salário mínimo considera a idade do trabalhador. Ou seja, trabalhadores mais experientes e com mais idade têm direito a valores maiores. Além disso, muda anualmente. Sendo assim, o salário mínimo a partir de abril de 2022 será:

  • Aprendizes: £4,81 /hora;
  • Menores de 18 anos: £4,81 /hora;
  • Entre 18 e 20 anos: £6,83 /hora;
  • Entre 21 e 22 anos: £9,18 /hora;
  • Acima de 23 anos: ££9,50 /hora.

Veja aqui os melhores sites de emprego na Inglaterra e encontre sua vaga.

Entrevista com Brasileiros na Inglaterra

Além dos dados que são tão importantes, conversamos com alguns brasileiros para entender melhor como é a experiência de morar na Inglaterra. Veja.

Como é estudar na Inglaterra para brasileiros?

Segundo a pesquisa, cerca de 7% dos brasileiros se mudaram para a Inglaterra para fazer um curso de pós-graduação e outros 12% pela experiência cultural, inclusive estudar inglês. Afinal, como é estudar na Inglaterra?

A qualidade do ensino britânico, a história do país e a oportunidade de aprender inglês onde a língua nasceu, foram algumas razões que motivaram Luciano Pereira Baldauf a cursar o General English na Inglaterra e morar no país.

Atualmente, ele é dono da Global Active Study, uma agência educacional credenciada no governo britânico e que ajuda centenas de brasileiros a cada ano a ir estudar e trabalhar no exterior!

Acompanhe a seguir como foi a experiência dele estudando na Inglaterra e inspire-se também.

Como foi a sua experiência em estudar na Inglaterra?

Luciano – Muito boa, aprendi bastante inglês em pouco tempo por ter muitas oportunidades de praticar fora da escola o que aprendi nas aulas. Também fiz muitos amigos de todas as partes do mundo durante o curso.

Gostou de viver na Inglaterra como um estudante?

Luciano – Com certeza, além de conviver com a língua inglesa o tempo todo, tem sempre muita coisa para fazer, atrações e lugares para visitar.

E os custos para morar como estudante na Inglaterra?

Luciano – Londres tem um custo maior para morar como estudante, porém existem boas opções de escolas nas cidades do interior da Inglaterra, com custo de vida bem menor do que na capital. Uma das melhores maneiras de economizar no custo de vida é compartilhar um quarto com outro estudante.

Recomenda o país para outros estudantes brasileiros? Trocaria de país?

Luciano – Certamente recomendo a Inglaterra para os estudantes brasileiros que querem ter uma experiência incrível, combinando um curso de inglês com atividades, passeios e conhecendo as inúmeras atrações que a Inglaterra oferece. Além disso, é barato ir visitar outros países na Europa durante o intercâmbio.

Como é trabalhar na Inglaterra para brasileiros?

A busca por uma melhor qualidade de vida e oportunidades melhores que no Brasil estão entre os principais motivos para a mudança, esses fatores incluem, é claro, as oportunidades de trabalho. Para saber como é trabalhar na Inglaterra, conversamos com dois brasileiros que vivem no país.

Thais Gonçalves é de Bauru/SP e, atualmente, mora e trabalha como dog walker em Londres. Também morando em Londres e trabalhando como barista, está Lucas dos Santos, que nasceu em Curitiba/PR.

Como é trabalhar na Inglaterra?

Thais – Eu diria que a Inglaterra é um país com muitas oportunidades, ainda mais em Londres, uma cidade com muita demanda de trabalho em várias áreas, é uma vida bem corrida, mas, ao mesmo tempo, é viver em um lugar com uma gama enorme de opções e gente do mundo todo;

Lucas – Trabalhar na Inglaterra é bom. Mas, a maioria dos brasileiros acha que aqui eles podem ter vida fácil. Você tem que trabalhar bastante igual no Brasil, porém aqui a recompensa é bem maior, e você pode desfrutar de tantas coisas.

Como é o trânsito/deslocamento para o trabalho?

Thais – Posso falar de Londres, o trânsito aqui é difícil, como em qualquer cidade grande, principalmente nos horários de rush, mas o transporte público em Londres funciona bem, tem ônibus e underground por toda a cidade, então é possível se locomover bem.

Lucas – Depende! Se vou trabalhar de manhã ou durante o dia. Se for trabalhar cedo eu pego um ônibus, ou se for durante o dia pego o metrô (Underground) para evitar o trânsito.

Veio já com trabalho ou conseguiu trabalho depois que chegou?

Thais – Vim aqui com a ideia de trabalhar e melhorar meu nível de inglês, mas a princípio não tinha nada definido. No fim acabei encontrando trabalho rápido e consegui me organizar para ficar por um tempo.

Lucas – Eu me mudei para Inglaterra quando tinha 8 anos e fiquei aqui por 9 anos e meio. Então, voltei para o Brasil com os meus pais e fiquei 7 anos. Em 2017, decidi me mudar de novo para a Inglaterra, mas dessa vez, sozinho, porque não me acostumei com o jeito brasileiro, apesar de ter um trabalho bom e morar com os meus pais. Decidi vir e recomeçar a minha vida aqui, em 2 meses achei um trabalho em um supermercado orgânico.

Finanças: vale a pena estar na Inglaterra?

Thais – Na Inglaterra se paga por hora, tem um valor mínimo que deve ser pago conforme a idade do trabalhador. Acho difícil fazer uma comparação porque existem fatores que influenciam diretamente, como o valor da moeda, por exemplo.

A libra esterlina vale mais de 6 vezes o real, mas acho que o que mais me chama a atenção aqui é que com o salário você consegue pagar suas contas, comer e viver bem e ainda juntar algum dinheiro. O poder de compra é maior, talvez no Brasil seria possível somente pagar as contas e ter uma vida pacata, com 25 anos é difícil eu morar sozinha no Brasil se não tiver um salário relativamente alto, aqui com um salário “normal” consigo me virar bem e ainda guardar algumas economias.

Lucas – Eu acredito que vale a pena estar na Inglaterra se você for responsável com o dinheiro. Porque aqui algumas coisas são caras, mas é possível sair pelo menos uma vez na semana e ainda guardar dinheiro para outras coisas como viagens na Europa. Aqui você acha preços baratos para Espanha, Itália, França, por exemplo.

Gosta de trabalhar na Inglaterra?

Thais – Por fim, no meu parecer vale sim a pena trabalhar aqui, considerando os ganhos, e não somente ganhos financeiros, pois é um país cheio de oportunidades de trabalho e estudo para quem tem essa possibilidade e vontade.

Lucas – Eu adoro trabalhar aqui! Porque eu sou mais livre financeiramente. Além disso, normalmente, os colegas de trabalho são muito legais e é fácil fazer novas amizades.

Os brasileiros na Inglaterra são felizes?

De forma geral, acreditamos que os brasileiros são felizes na Inglaterra. Segundo o estudo, 38% dos brasileiros que vivem na Inglaterra não têm intenção de voltar para o Brasil, outros 43% mostraram incerteza e apenas 18% afirmou a intenção de retornar.

Uma vez que os principais motivos para a imigração foram a perspectiva de uma melhor qualidade de vida e de mais oportunidade do que no Brasil, esses dados demonstram que os brasileiros encontraram boa qualidade de vida, segurança, educação e saúde pública de qualidade no Reino Unido. Fatores que contribuem muito para uma vida mais feliz.

E você, também sonha em morar na Inglaterra? Então confira aqui tudo que você precisa saber para morar na Inglaterra.