Burocracia na Espanha, descubra como as coisas funcionam na Espanha.

Burocracia na Espanha

Espanha  / 

Estamos acostumados com a burocracia brasileira e já vou logo avisando, prepare-se para enfrentar a burocracia na Espanha. Tenha paciência e aos poucos conseguirá vencer cada obstáculo imposto por papéis e mais papéis.

burocracia na Espanha

Como em qualquer país do mundo, a Espanha tem suas leis e regras que devem ser respeitada. As exigências para estrangeiros existem e muitas vezes a dificuldade de conseguir fazer um documento está na falta de informação ou na informação desencontrada, errada. Superado este problema, aos poucos, você consegue ter todos os documentos.

O que é preciso para viver na Espanha?

Um brasileiro com passaporte europeu pode “decidir” viver na Espanha aproveitando do acordo entre os países da União Europeia. O que não quer dizer que não terá que fazer:

  • NIE – chegou na Espanha tem que fazer
  • TIE (documento de estrangeiro) – somente se estiver trabalhando ou estudando com carga horária de muitas horas
  • Seguridad social (seria como o nosso INSS) – bem simples de fazer, ir com passaporte até uma agência de Seguridad Social. Será necessário ter este número quando for assinar um contrato de trabalho. Não precisa esperar para fazê-lo.
  • Empadronamiento (declarar onde está morando) – documento que pode ser exigido em algum momento, por exemplo, para fazer a carteira para atendimento de saúde pública.
  • Tarjeta sanitária – para ter atendimento de saúde pública, porém, mesmo com o passaporte europeu é necessário ter contrato de trabalho, caso contrário, ver se o país europeu de sua procedência tem um acordo com a Espanha (mais burocrático ainda)

No caso de brasileiros com passaporte brasileiros, a burocracia começa no Brasil, com o pedido do visto para Espanha, seja de estudante ou de trabalho.

burocracia na Espanha, no seu dia a dia

Superada a fase “fazer documentos na Espanha” e você pensa “que alívio”, mais ou menos. Algumas coisas serão bem fáceis e outras nem tanto.

Precisando abrir uma conta bancária na Europa?

Literalmente, em 5 minutos, você pode ter a sua conta bancária no banco N26, um banco digital que funciona na Europa toda.


Você não precisa de comprovar que está trabalhando nem que tem recebimentos mensais. Precisa apenas ter um endereço na Europa e o seu passaporte em mãos. Confira:

CRIAR CONTA NO N26 »

Internet em casa x conta em banco

Para começarmos de maneira positiva, uma coisa bem simples é contratar um plano de internet em casa. Escolha a empresa, entre no site, preencha com dados: nome, endereço, NIE, telefone, conta bancária e pronto.

No mesmo dia uma telefonista liga pra você e agenda a instalação. Fácil? Sim, se você abriu a conta bancária, não, pode esquecer, se você não tem a conta bancária. Sem ela, já é um serviço que não vai dar para fazer.

A conta bancária na Espanha sim é um grande problema e por isso, dedicamos aqui um artigo somente sobre o assunto. Alguns bancos vão exigir contracheque (nóminas), outros um valor alto de mínimo para deixar na conta, será obrigado a fazer um seguro de saúde privado ou um seguro de vida e por aí vai.

Compras financiadas

Aqui de novo vamos ter que falar da conta em banco. Pensou em comprar algo financiado ou pagar contas mensalmente, o primeiro passo é ter a conta bancária, para que o valor seja debitado a cada mês.

Sem ela, não precisa nem perder o seu tempo.
Se o financiamento é de algo grande, como um carro, a burocracia na Espanha só vai começar a aumentar.

Para comprar um carro na Espanha

Antes de comprar: se for um carro usado, conferir determinadas taxas que o vendedor deve pagar, como “impuesto de circulación”, por exemplo.

Caso não queira comrpar um carro, veja o que já falamos sobre o transporte público da Espanha.

Pagar taxa de troca de titularidade

Contrato de compra e venda que devem ter os seguintes dados: documentação completa de vendedor e comprador. Dados do veículo: marca, modelo, matrícula, preço, prazo de entrega e forma de pagamento.
Depois cumprir com todos os trâmites burocráticos para concluir a compra.

Veja também quais os tramites necessários para trocar sua carteira de motorista na Espanha.

Para alugar um apartamento na Espanha

A burocracia na Espanha é exatamente a mesma que no Brasil, sendo mais complicado se a tentativa de alugar um apartamento na Espanha for através de trâmite em uma agência imobiliária.

Sendo que, em cidades menores é mais fácil encontrar um apartamento vazio para alugar, em cidades como Madri e Barcelona a oferta é bem menor do que a procura, dificultando e aumentando as exigências.

Conversando com os espanhóis, o que acontece na Espanha que faz com que os proprietários exijam tanto para alugar um imóvel é que a lei é muito branda com quem não paga aluguel. Se uma pessoa entra em uma casa e não paga, o dono pode levar até 2 anos para conseguir tirá-la. Então, natural que tenham tanta precaução ao alugar.

Conto rapidinho a experiência em Madri. O primeiro impasse é que exigem os últimos três contracheques para alugar o apartamento. Se você acabou de chegar e não tem trabalho. Aceitam fiador, porém, deve ser um espanhol que viva em Espanha e que tenha os 3 últimos contracheques.

Alugar apartamento na Espanha

Minha experiência em Madri

Quando se trata de imobiliária é muito pior. Vai exigir o contrato de trabalho e além de pagar um mês de aluguel, o mês em vigor, você paga um mês para agência. Algumas agências podem ser bem “legais”, eu por exemplo, tive a “super oferta”: “se você deixar 6 meses de fiança”.

Agora o pior deixo para contar no final, aconteceu com um casal de amigos da Rússia. A agência bem bacana deixou que eles alugassem sem contracheque e contrato de trabalho desde que pagassem 1 ano de fiança. Com a ajuda da família e o desespero de não estar encontrando nada, aceitaram.

No dia de assinar o contrato, eles receberam uma ligação da agência e que dizia “que a proprietária estava com medo de alugar para eles, pois eles poderiam ser da máfia russa”. Sem comentários.

Conheça também nosso post sobre brasileiros na Espanha.

Espanha é mais burocrática que o Brasil?

Eu diria que a burocracia na Espanha e no Brasil são bem parecidas. Porém, na Espanha, uma vez que você entende o que tem que fazer, as coisas funcionam, o atendimento é rápido e eficiente e ninguém tenta nos enrolar de alguma maneira.

Dicas para lidar com a burocracia na Espanha

Para enfrentar a burocracia na Espanha o primeiro passo é buscar as informações corretas. Aliás, a informação errada é o grande problema e o que atrasa tudo e nos faz perder tempo.

Saiba mais sobre o custo de vida na Espanha.

Mas fique atento

Cuidado com as fontes de informação que você busca. Uma coisa muito boa na Espanha é que qualquer dúvida que você tenha e mande um e-mail para o “info” daquela repartição, eles respondem em menos de 48 horas.

Outro problema é entender o que tem que ser feito antes de alguns processos. Lembre-se que para começar o NIE, não é o TIE. Claro que havendo dúvidas, você pode consultar esse texto novamente, e se a dúvida persistir, nos deixe um comentário.

Danielle é brasileira, jornalista e já viveu em Milão, na Itália e Linz, na Áustria, somando 5 anos na Europa. Atualmente, mora em Madrid e está cursando Cinema no Instituto del Cine de Madrid. Apaixonada por viagem e moda, deu início ao projeto Italy Fashion Time, em Milão, cujo objetivo é proporcionar aos brasileiros uma experiência no mundo da moda italiana.