Emprego na Inglaterra para brasileiros: como conseguir o seu

A Inglaterra é um dos principais destinos de brasileiros que sonham em viver fora do país. O custo de vida é alto e trabalha-se bastante, mas com certeza o retorno vale a pena. Saúde gratuita, segurança, excelente infraestrutura e serviços de qualidade. Mas aí você se pergunta se realmente existe emprego na Inglaterra para brasileiros. A resposta é sim! Então se você ficou curioso, leia nosso artigo completo a seguir.

Emprego na Inglaterra para brasileiros: como conseguir

Atraídos por maior qualidade de vida e expectativa de crescimento econômico, a cada ano mais brasileiros buscam uma nova vida no exterior e a Europa tem sido um dos destinos favoritos para a aventura de um recomeço.

O Reino Unido, com a sua imponente e globalmente conhecida Inglaterra, ganha destaque e atrai os olhares de muitos desses imigrantes. Mas, antes de fazer as malas e embarcar para o Velho Continente, é preciso entender se há emprego na Inglaterra para brasileiros e como é possível conseguir uma oportunidade no país.

Cidades que mais atraem brasileiros

A Inglaterra tem sido vista como “terra de oportunidades” para muitos brasileiros que estão na Europa. A capital inglesa, Londres, concentra grande parte desses imigrantes em busca de trabalho, e junto a Manchester e Birmingham, compõe o grupo das três cidades mais populosas do país.

Confira nosso guia completo para morar na Inglaterra.

Por que escolhemos a Goldenergy em Portugal?

Por que muitos brasileiros querem ir para a Inglaterra?

A fama da oportunidade em terras inglesas foi construída pelo alto volume de vagas abertas em diferentes setores e pelo sonho dos brasileiros em receber o salário em libra esterlina, a moeda oficial do Reino Unido que mantém uma cotação acima dos R$5 para cada 1£.

Muitos dos estrangeiros que trabalham na Inglaterra enviam dinheiro para o Brasil na tentativa de ajudar a família ou para investir na compra de imóveis. Mas, antes de receber o tão esperado salário, é preciso seguir alguns passos para acessar o mercado de trabalho inglês.

Conheça também os melhores aplicativos para morar em Londres, se esse for o seu destino.

Documentação para trabalhar na Inglaterra

Inicialmente é preciso ter o direito de residir e trabalhar no Reino Unido para conseguir uma oportunidade. Para os brasileiros que possuem passaporte europeu o caminho costuma ser mais fácil, mas é necessário atenção porque com a aprovação do Brexit, que representa a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), algumas mudanças e registros em relação à permanência dos cidadãos europeus na Inglaterra devem ser feitos.

Para os brasileiros que dependem de visto para trabalhar na Inglaterra, é necessário fazer uma pesquisa sobre qual tipo de documento é melhor para cada situação em específico. No site do governo britânico é possível verificar todas as opções de visto, que são muitas e variam pelo tempo de permanência no país, pela situação do empregado ou outros motivos. No site também há informações de como fazer, qual é a média do tempo de espera e qual é o valor da aplicação.

Visto de trabalho na Inglaterra

  • Tier 1: visto para empreendedores; empreendedores recém-formados; investidores; talentos excepcionais;
  • Tier 2: trabalhadores de alta capacitação profissional que possuem suporte da empresa; serviços prioritários; transferência de empresa estrangeira para a Inglaterra; trabalhadores de ordem religiosa;
  • Tier 5: trabalhadores temporários – intercâmbio, voluntariado, participação em eventos esportivos ou religiosos; treinamento e pesquisa.

Mais detalhes sobre os vistos de trabalho na página oficial do Governo Inglês .

Estudantes podem trabalhar na Inglaterra?

O governo britânico também permite que estudantes estrangeiros trabalhem legalmente no país com o visto geral “Tier 4” se o seu curso tiver duração superior a seis meses, seja ele de graduação, pós-graduação ou um curso de idiomas. Caso você aplique para o visto “Tier 4 – child” é possível trabalhar se você for maior de 16 anos, mas com algumas ressalvas:

  • Meio período durante as aulas por até 10 horas semanais;
  • Tempo integral durante as férias;
  • Em um estágio como parte de seu curso (mas não por mais de 50% do tempo do seu curso).

Por outro lado, você não pode trabalhar legalmente na Inglaterra se o seu curso tiver duração inferior a seis meses.

O idioma pode ser uma barreira ao procurar emprego na Inglaterra para brasileiros?

Também há emprego na Inglaterra para brasileiros que não falam inglês ou não têm um bom domínio do idioma. Especialmente em Londres, onde há um grande número de imigrantes de diferentes países e que fazem da capital um centro multicultural conhecido globalmente. As oportunidades variam bastante, desde para quem não tem nenhum conhecimento da língua inglesa até para aqueles que têm fluência no idioma.

Geralmente para quem não consegue falar a língua sobram as vagas onde não há muito contato com o público, que acabam sendo de limpeza ou em cozinhas para auxiliar em tarefas básicas. Esses tipos de empregos normalmente são mais exaustivos, pois exigem maior esforço físico em longas jornadas de trabalho e a remuneração costuma ser o valor mínimo pago por hora (atualmente £8,21 para adultos acima de 25 anos).

procurar emprego na inglaterra

Já os profissionais que escolheram a Inglaterra como casa e buscam emprego em profissões específicas, o nível de inglês exigido geralmente é mais alto. Também para aplicar para alguns vistos é preciso comprovar o conhecimento da língua em diferentes níveis. Por isso, investir em um curso de inglês ou estudar mesmo que pela internet é importante antes da aplicação.

Em que áreas trabalham os brasileiros na Inglaterra?

Principalmente por causa do nível de conhecimento de inglês, a maioria dos brasileiros que mora na Inglaterra ainda trabalha em áreas que não exigem qualificação profissional, como em serviços de hotel, restaurante, bar e cozinha, área de limpeza, construção e babá.

Mas é claro que você encontra profissionais brasileiros extremamente bem qualificados em empresas de marketing, tecnologia e inovação, pesquisa, TI, informática, comunicação, beleza, entre outras áreas. Se você tiver um excelente currículo, inglês fluente e boa vontade, suas chances de arranjar um bom emprego por aqui são grandes. Confira a seguir algumas das vagas mais ofertadas:

  • Garçom;
  • Babá;
  • Assistente de vendas;
  • Profissionais de limpeza;
  • Recepcionista;
  • Barista/Bartender;
  • Chef de cozinha/cozinheiro;
  • Profissionais da construção civil;
  • Motorista/Motoboy;
  • Programador (tecnologia da informação).

Há também vagas para falantes da língua portuguesa (portuguese speaking) geralmente em empresas que atuam com atendimento ao consumidor ou pesquisas. Porém, para esse tipo de serviço normalmente é necessário ter também algum conhecimento na língua inglesa.

Comunidade brasileira na Inglaterra

Grande parte da comunidade brasileira que vive na Inglaterra atua em empregos que não condizem com a área de formação do Brasil, seja por enfrentar dificuldades como a fluência na língua inglesa ou por optar por um ritmo de trabalho mais flexível.

A Casa do Brasil em Londres, associação que presta apoio e diferentes tipos de serviços para o público brasileiro na Inglaterra, estima que cerca de 300 mil brasileiros estejam vivendo no Reino Unido e que parte dessa comunidade esteja trabalhando principalmente com serviços de entregas, limpeza e como babá (babysitter).

O Consulado-Geral do Brasil em Londres afirma que em torno de 28 mil pessoas estão registrados para votar no consulado, mas que esse dado não representa o total de brasileiros que vivem na Inglaterra, já que esse número deve ser bem maior.

Onde trabalham os brasileiros na Inglaterra?

Trabalho com empresas de entregas online, como a Deliveroo ou a Uber, bastante populares no Reino Unido, é uma das opções mais comuns entre a comunidade brasileira. Nestes casos, é possível receber por entrega ou por hora e ter flexibilidade de escolher o período a ser trabalhado. Um dos pontos negativos, no entanto, é estar exposto ao risco do trânsito e a baixas temperaturas do inverno inglês, já que as entregas geralmente são feitas com bicicletas ou motocicletas.

Outra opção de emprego na Inglaterra para brasileiros são trabalhos de limpeza. Existem agências que contratam profissionais para limpar apartamentos, casas ou residências que funcionam como Airbnb. O pagamento é realizado por hora e varia com o número de casas que é feito por dia, semana ou mês. O controle sobre todo o funcionamento do trabalho é feito diretamente via aplicativo entre o empregado e a agência.

Trabalhar como babá também é uma opção bastante procurada para quem é recém-chegado no país. Uma das facilidades é de que algumas famílias buscam profissionais que falem com as crianças em idiomas como espanhol ou português. Em muitos casos também é exigido algum tipo de experiência anterior para conseguir esse tipo de vaga.

Onde procurar emprego na Inglaterra

Existem diversos canais para procurar emprego na Inglaterra para brasileiros, onde é possível criar um perfil pessoal, fazer download do currículo e filtrar o tipo de vaga que está sendo procurada. Na maioria das plataformas, em websites ou aplicativos de celular, é possível escolher por setor, valor mínimo por hora de trabalho, zona e o tipo de contrato (part time, full time, temporário ou permanente). Veja abaixo a lista dos mais populares:

Devido à alta demanda de envio de currículos, algumas empresas também costumam usar o serviço de agências de recrutamento para anunciar vagas. Essas agências podem utilizar o próprio site para fazer os anúncios ou também os sites de empregos.

O que é oferecido nas vagas disponíveis

As vagas de emprego ofertadas na Inglaterra geralmente seguem um perfil padrão que conta com uma breve descrição sobre a empresa, as regras do trabalho ofertado, o que o candidato precisa atender para ser apto para o cargo e alguns benefícios que variam de acordo com o perfil da companhia (bônus, assistência médica, acesso a eventos sociais e descontos). O valor pago por hora e o tipo de contrato também são descritos no anúncio e não devem sofrer alterações.

vida em londres

As habilidades (skills) valorizadas pelos recrutadores geralmente são sobre o candidato haver flexibilidade de horários para o trabalho, facilidade para trabalhar em equipe (team player) e ter boas habilidades de comunicação (communication skills).

Trabalho remoto na Inglaterra

E nos dias atuais, por que não trabalhar de maneira remota? Você não necessariamente precisa ir trabalhar em um escritório todos os dias, não é mesmo? Muitas pessoas que vivem aqui também trabalham de casa e realizam os mais diferentes tipos de trabalho. Vale a pena tentar!

É claro, se for o seu caso, como é o meu, lembre-se de se registrar como profissional autônomo no governo inglês. É importante para garantir todos os seus direitos.

Conheça o salário na Inglaterra

O salário mínimo na Inglaterra, chamado de National Minimum Wage, é calculado pelo valor da hora, que muda de acordo com a idade do empregado. A atualização do valor da hora é feita todos os anos no mês de abril.

Atualmente, quem tem 25 anos ou mais deve receber no mínimo £8.21 a cada hora trabalhada. A partir de abril de 2020 o valor para esta faixa etária deve passar para £8.72 para cada hora trabalhada. Veja todos os valores por hora conforme a faixa etária:

Abril 2019

Idade/Categoria Valor pago por hora
25 anos ou mais £8,21
21 a 24 anos £7,70
18 a 20 anos £6,15
Abaixo de 18 £4,35
Aprendiz £3,90

Abril 2020

Idade/Categoria Valor pago por hora
25 anos ou mais £8,72
21 a 24 anos £8,20
18 a 20 anos £6,45
Abaixo de 18 £4,55
Aprendiz £4,15

O pagamento do salário varia de acordo com a escolha da empresa. O empregado pode receber de forma semanal (weekly), a cada duas semanas (every two weeks) ou mensal (monthly). Geralmente, as empresas maiores efetuam o pagamento uma vez ao mês.

Currículo para o mercado inglês

Nessa busca por emprego na Inglaterra para brasileiros o currículo acaba sendo um dos aliados mais importantes. Por isso, é imprescindível mantê-lo atualizado com as últimas experiências vivenciadas, mesmo que elas tenham acontecido no Brasil. Os empregadores ingleses costumam valorizar a experiência passada dos candidatos estrangeiros.

É importante também construir o currículo todo em inglês com atenção a possíveis erros de tradução. Textos curtos explicando o tipo de experiência, com datas e com verbos de ação podem facilitar a leitura dos recrutadores.

Há ainda a possibilidade de contratar uma agência para formatar o currículo de uma forma que se adapte melhor aos interesses do mercado ou da vaga. Diversas empresas oferecem esse tipo de serviço. No entanto, existem modelos grátis como o currículo Europass, uma iniciativa da União Europeia para facilitar a compreensão das competências e qualificações profissionais de uma pessoa na Europa.

Conhecimento em outros idiomas também ajuda

Outra dica importante é destacar o conhecimento em outros idiomas. Em alguns casos, dominar linguagens como espanhol, por exemplo, pode ser um fator determinante para a decisão final dos recrutadores na escolha do melhor candidato para a vaga.

Use o LinkedIn

Atualizar o perfil do LinkedIn para o inglês também é tarefa obrigatória para quem está em busca de emprego na Inglaterra para brasileiros. Essa rede social de negócios é bastante usada por recrutadores e pode também ser um canal importante para a descoberta de novas vagas.

Escreva uma carta de apresentação

A cover letter ou carta de apresentação é exigida para muitas vagas disponíveis no mercado de trabalho inglês. Geralmente construída em uma página, é uma forma do candidato explicar quem é e porque está se candidatando para a vaga.

Utilize as redes sociais para fazer contatos

As redes sociais também são importantes aliadas na busca de emprego na Inglaterra para brasileiros. No Facebook existem diversos grupos de brasileiros, como o Trabalhos na Inglaterra, que conta com mais de 20 mil pessoas. Nessas plataformas, a comunidade brasileira troca experiências entre si sobre empresas e vagas disponíveis, assim como também sobre possíveis golpes ou empregadores que não pagam conforme o combinado.

Após o primeiro contato via Facebook, é possível solicitar aos administradores a participação em grupos existentes também no WhatsApp, onde a oferta de vagas costuma ser mais dinâmica.

Atualize o seu diploma

Caso o intuito seja trabalhar na mesma área de atuação do Brasil, o profissional deverá tomar algumas providências em relação à certificação da sua graduação. Em alguns casos é necessário validar o diploma brasileiro na Inglaterra ou fazer um novo curso dependendo da grade curricular em questão.

Para estes assuntos, o Reino Unido conta com o National Recognition Information Centre (NARIC UK), que é a agência britânica responsável para o reconhecimento e comparação de qualificações e habilidades internacionais de profissionais no país.

contrato de trabalho na inglaterra

Com a documentação em mãos, é necessário ainda entender a nova situação da Inglaterra que decidiu, assim como os outros países do grupo, sair da União Europeia. Isso deve afetar a busca de emprego na Inglaterra para brasileiros?

O que é o Brexit

O Brexit representa a saída do Reino Unido (grupo formado por Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte) da União Europeia (bloco composto por 28 Estados-membros independentes), após decisão formalizada através de referendo realizado em 2016. Na ocasião, a maioria dos votantes (51,9%) optaram pela saída e a minoria (48,1%) votaram pela manutenção, diferença que acabou gerando diversos protestos e manifestações públicas pedindo uma nova votação, que acabou não acontecendo.

O que muda para os brasileiros

Os brasileiros com passaporte europeu que já estão na Inglaterra ou chegarão até o dia 31 de janeiro de 2020 terão que fazer o registro no EU Settlement Scheme, o sistema de registro de cidadãos da União Europeia no Reino Unido. Essa é a forma de solicitar ao governo britânico o direito do europeu em continuar vivendo no Reino Unido com a família depois de 30 de junho de 2021.

Antes do Brexit

Todos os detalhes sobre a aplicação no EU Settlement Scheme estão disponíveis no site do governo britânico. A aplicação é gratuita e pode ser feita através de um computador ou smartphone. Será necessário provar a identidade do cidadão europeu e a residência no Reino Unido respondendo a uma série de perguntas.

Se a candidatura no Settlement Scheme for bem sucedida, será atribuído pelo governo o estatuto de residente permanente (settled status) ou o estatuto de residente provisório (pre-settled status). Dessa forma, é assegurado o direito de trabalhar no Reino Unido, utilizar o serviço nacional de saúde (NHS), fazer matrícula no sistema de ensino ou continuar a estudar, participar de prestações sociais e pensões (caso seja aplicável) e entrar e sair do Reino Unido.

Depois do Brexit

Os cidadãos da União europeia que chegarem no Reino Unido depois do Brexit poderão solicitar um status de imigração temporária por 36 meses, a Licença Temporária para Permanecer na Europa (Euro TLR). As inscrições para esse sistema também serão gratuitas e serão feitas após a chegada ao Reino Unido.

No site do governo britânico há um guia para os cidadãos europeus e seus familiares que decidirem mudar-se para o Reino Unido após o Brexit. Conforme o governo britânico, a expectativa é de que após o Brexit devem acontecer mudanças visíveis na fronteira do Reino Unido e serão aplicadas regras mais rígidas para criminosos.

E não esqueça: se você pensa em trabalhar na Inglaterra, saiba que o seguro viagem é fundamental. Para fazer a cotação do seu seguro de forma personalizada, recomendamos que você utilize o nosso comparador de seguro viagem. Ele apresenta planos das principais seguradoras do mercado e ainda garantimos os melhores preços aos leitores do Euro Dicas.

Jézica é uma jornalista ítalo-brasileira com experiência em jornal impresso e assessoria de imprensa. Já morou no Brasil, na Itália e atualmente está baseada na Inglaterra, onde atua como freelancer em produção de conteúdo sobre economia, política e turismo. Apaixonada por viagens e literatura, adora dar dicas de novos destinos, contar boas histórias que encontra pelo mundo e conhecer novas pessoas. Também é autora do livro-reportagem "Heróis de sua própria história", obra em que retrata a singularidade do ser humano através de dramas vivenciados por personagens reais.

Andrea é jornalista e também tem formação em Linguística. Apesar de nascida em Curitiba, não demorou muito tempo para seu coração ganhar o mundo. Começou a trabalhar com agronegócio, área que a fez ganhar gosto para trabalhar fora do escritório, com pessoas de culturas e lugares diferentes. Com uma câmera na mão, desbravou inúmeras cidades e nunca mais parou. Decidiu unir a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, sete países da África e Ásia. Ao lado do filho já morou no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a maternidade, produção de conteúdo e viagens pelo Reino Unido e Europa.

Artigos relacionados

Morar na Inglaterra: tudo o que deve saber para morar no país

Quer saber como é morar na Inglaterra? Saiba detalhes sobre tipos de visto, melhores cidades, mercado de trabalho, custo de vida e muito mais

Profissões mais bem pagas na Inglaterra: conheça o top 10

Descubra aqui quais são as profissões mais bem pagas na Inglaterra, como encontrar vagas de trabalhar e estabelecer a carreira no país.

Emprego na Inglaterra: tudo o que precisa para encontrar a sua vaga

Saiba como encontrar um emprego na Inglaterra, as áreas, os salários, o custo de vida no país, dicas e sites para encontrar a sua vaga.

Visto para Inglaterra: principais tipos e como solicitar

Entre os vistos na Inglaterra encontramos o que chamamos de Tier 1, Tier 2 e o Tier 5. Cada um deles possui algumas subdivisões.

Documentos para morar na Inglaterra: saiba o que vai precisar

Você planeja sair do Brasil e viver no Reino Unido? Leia nosso artigo completo e saiba quais são todos os documentos para morar na Inglaterra.

Cidades da Inglaterra: as 10 melhores e maiores do país

Você quer morar na Inglaterra mas não conhece o país e não sabe onde morar? Preparamos um guia detalhado sobre as melhores e maiores cidades da Inglaterra.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube