Nos últimos anos, o mercado de trabalho português viu muitos de seus jovens talentos emigrarem para mercados mais promissores europeus. Com isso, as oportunidades dentro do país começaram a surgir e a atrair estrangeiros. São muitas as áreas com boas oportunidades, uma deles é a atuação de engenheiro brasileiro em Portugal. Se você está em busca de uma oportunidade, entenda como engenheiros brasileiros podem atuar no país, onde estão as oportunidades e como encontrar a sua vaga.

Como trabalhar como engenheiro brasileiro em Portugal?

Morar em Portugal é o sonho de muitos brasileiros, mas é comum a dúvida sobre como se manter na profissão sendo imigrante. Atuar como engenheiro brasileiro em Portugal é mais simples do que em muitas outras áreas profissionais e a carreira pode ser promissora no país.
Se você tem cidadania portuguesa ou de outro país europeu, a mudança é ainda mais simples, como vamos explicar a seguir. Mas se você não tem cidadania, recomendamos que comece a busca por emprego ainda estando no Brasil, assim, você só vai precisar do visto de trabalho para dar os próximos passos da sua carreira em terras lusitanas.

Portugal precisa de engenheiros?

Sim, o país está em pleno crescimento e uma das áreas em que há emprego em Portugal é a engenharia. Segundo o diretor do Instituto Superior Técnico, em Portugal faltam de 15 a 20 mil engenheiros. E, nos anúncios nas mais diversas plataformas de emprego é possível encontrar um ampla oferta de vagas para engenheiros em Portugal.
Enquanto o país não forma profissionais suficientes para preencher as vagas, atuar como engenheiro brasileiro em Portugal pode ser uma oportunidade para quem pensa em se mudar para o exterior e construir uma carreira.

Acordo da Ordem dos Engenheiros de Portugal e do Brasil

Um dos principais facilitadores e atrativos para engenheiros brasileiros atuarem em Portugal é o acordo entre a Ordem dos Engenheiros de Portugal – OE – e o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia do Brasil – CONFEA. O acordo assinado em 2016 facilita o processo de inscrição dos profissionais brasileiros na entidade portuguesa e, consequentemente, torna mais fácil atuar no mercado português.
O acordo que é bilateral, ou seja, apresenta as mesmas vantagens para os engenheiros portugueses que pretendam trabalhar no Brasil. Sendo assim, os profissionais ao requererem a inscrição na entidade do país estrangeiro, gozam dos mesmos direitos do profissional diplomado no país, estando, também, sujeito a regulação e fiscalização da entidade competente.

Como se inscrever na Ordem dos Engenheiros em Portugal?

Para o engenheiro brasileiro se inscrever na Ordem portuguesa, o primeiro passo é estar devidamente inscrito no CONFEA/CREA no Brasil e adimplente quanto às obrigações. Outro pré-requisito, é que o profissional tenha cursado a graduação com carga mínima de 3.600 horas.
Na sequência, é preciso apresentar os seguintes documentos na Delegação Distrital do domicílio, já em território português:

  • Requerimento preenchido;
  • Cópia autenticada da cédula profissional que deve ser feita no CREA, mediante apresentação do documento original;
  • Cópia autenticada de passaporte;
  • Uma fotografia a cores do requerente.

Não é preciso realizar prova e as taxas que devem ser pagas são as mesmas aplicadas aos profissionais portugueses, tanto para inscrição, quanto de manutenção anual.
O prazo para expedição da cédula profissional portuguesa é de 30 dias a contar do momento de entrada com o pedido. Em caso de dúvida todas as informações sobre o acordo estão dispostas no Termo de Reciprocidade firmado pelas entidades.

Salário de engenheiro em Portugal

O salário de um engenheiro em Portugal pode variar muito, tudo vai depender da área de atuação e, também, da cidade onde trabalha.
Na construção civil, por exemplo, um levantamento apontou que os salários de um diretor de obras está entre 55 mil euros e 82 mil euros por ano, tanto no Porto, quanto em Lisboa. Já um encarregado de obra pode ganhar de 21 mil euros no Porto a 35 mil euros por ano em Lisboa.
Engenheiros na indústria tem salários ainda melhores, um diretor-geral pode ganhar de 110 mil euros até 165 mil euros por ano.
engenheiro brasileiro na indústria em Portugal

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →

Há vagas para engenheiros brasileiros em Portugal?

Sim. Há vagas e muitas, especialmente para os profissionais mais capacitados, com atuação também em gestão de equipes e conhecimento em tecnologia.

Como encontrar?

Se você é engenheiro brasileiro e quer trabalhar em Portugal, comece buscando oportunidades na internet, sobretudo no Linkedin e sites de emprego.
O Linkedin é uma importante ferramenta de recrutamento e, se você quer trabalhar em Portugal, comece caprichando no seu perfil. Mantenha o perfil atualizado e, preferencialmente, em inglês, além de facilitar o processo é um ponto valorizado pelos empresas com atuação internacional.
Além disso, você procurar pelas vagas nos principais sites de emprego de Portugal. Em alguns dos principais sites de emprego como o Sapo Emprego e o Expresso Emprego são muitas as vagas de emprego abertas no mês de abril e maio de 2020.

Quais as melhores áreas?

As áreas da engenharia com mais oportunidade em Portugal são:

  • Construção civil;
  • Indústria;
  • Energia.

Além das habilidades profissionais exigidas, o inglês e conhecimento de outros idiomas também é um requisito fundamental. Muitos dos projetos no país são executados por ou em parceria com empresas estrangeiras, sendo assim, fundamental domínio de outros idiomas. Veja aqui como aprender inglês.
Nos anúncios encontrados também são muitas as vagas abertas para Engenheiro Agrônomo, Eletrotécnico, Mecânico e Informático.

Melhores cidades para engenheiro brasileiro em Portugal

Segundo o levantamento de uma consultoria, realizado em 2019, uma das regiões com mais oportunidades para profissionais da engenharia em Portugal é a região norte, especialmente a zona do Porto.
Além do Porto, Lisboa e a região metropolitana também são polos de emprego para quem busca uma oportunidade na engenharia.
Assim como outras áreas com vasta oportunidade de trabalho, as duas principais cidades portuguesas apresentam mais oportunidades, seja pelo crescimento constante da construção civil ou pela concentração de indústrias.

Precisa validar diploma?

Não, engenheiros brasileiros que desejam atuar em Portugal não precisam validar o diploma. A validação é exigida em muitas áreas, mas a engenharia é uma das exceções. Assim como outras áreas, como os Advogados brasileiros em Portugal, que também são regidos por acordo entre entidades, não necessita de reconhecimento do diploma.
Como explicamos, é preciso solicitar a inscrição na Ordem dos Engenheiros para que o profissional brasileiro atue no país. O cadastro é simples e qualquer engenheiro registrado na entidade brasileira pode solicitar a inscrição em Portugal.
Se a sua vontade é morar em Portugal e ter muito mais qualidade de vida, que tal participar de um programa com 22 vídeo aulas com o Erick Gutierrez, fundador do Euro Dicas? Conheça o Programa Morar em Portugal, um curso online com tudo o que você precisa saber para mudar para o país lusitano sem imprevistos ou surpresas, conheça o programa!