Limite de remessas para o exterior: saiba quanto dinheiro pode enviar

Enviar dinheiro para o exterior  / 

É comum vermos pessoas com dúvidas a respeito do limite de remessas para o exterior. Muitas delas precisam enviar dinheiro para algum familiar ou amigo ou, até mesmo, pretendem morar em outro país e precisam se organizar e saber quanto podem enviar.

Devemos destacar que é importante respeitar o limite de remessas para o exterior, pois há fiscalização intensiva em relação a isso. É válido frisar, também, que de acordo com a cartilha de câmbio do Banco Central (BACEN), o remetente e o beneficiário do dinheiro devem estar envolvidos na transação financeira.

Ainda segundo o BACEN, a transação deve ser realizada por uma instituição autorizada por ele a operar no mercado cambial.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Então, neste artigo vamos apresentar para você o limite de remessas para o exterior e explicar como fazer o envio do dinheiro para outro país. Em seguida, você verá informações sobre a Remessa Online, uma instituição 100% online, credenciada pelo BACEN a intermediar transferências internacionais, e entenderá por que essa é a melhor forma para realizar a operação.

Limite de remessas para o exterior: até quanto posso enviar

O limite de remessas para o exterior é variável. Porém, o Banco Central do Brasil considera que adquirir até R$10.000 em moeda estrangeira ou enviar até US$3.000 é movimentação de pequeno valor.

Caso você pretenda adquirir ou enviar montantes mais altos do que o limite estipulado pelo BACEN, será necessário apresentar seu imposto de renda e o seu limite passa a ser de acordo com a sua declaração.

Nestes casos, a instituição financeira escolhida por você para realizar a operação deverá informar o BACEN e a Receita Federal e o dinheiro deve ser adquirido ou enviado por débito em conta, transferência bancária ou cheque.

Confira o artigo com tudo o que você precisa saber sobre o preço do dólar.

Limite de remessas para o exterior: como enviar o dinheiro

O Banco Central do Brasil autoriza que a remessa de dinheiro para o exterior seja feita por ordem de pagamento, por meio dos Correios e também por intermédio de uma instituição autorizada pelo banco a operar com o mercado de câmbio.

A seguir, apresentaremos as três maneiras.

Ordem de pagamento

De acordo com a cartilha do BACEN, as ordens de pagamento do Brasil para o exterior devem ser realizadas exclusivamente em moeda estrangeira e o remetente deve negociar a taxa cambial com a instituição no Brasil.

O remetente do dinheiro deve procurar uma instituição autorizada no Brasil a operar no mercado de câmbio para fazer a transferência do dinheiro para o beneficiário que estiver no exterior e se informar sobre os dados necessários para a remessa. Em seguida, obter informações com o beneficiário e informá-las à instituição para que o dinheiro seja enviado.

Geralmente, os dados mais importantes são:

  • Nome e a localização da instituição no exterior para onde será feita a remessa;
  • Endereço do beneficiário;
  • Identificação do beneficiário.

A empresa faz a remessa de dinheiro para o banco ou outra instituição transferidora no exterior, o beneficiário é notificado e recebe o valor.

Correios

Os Correios estão autorizados a prestar serviço de transferências financeiras internacionais. O envio e o recebimento do dinheiro são realizados de forma eletrônica entre o Brasil e os países conveniados.

No site dos Correios, você tem acesso aos países conveniados, ao limite de remessas para o exterior, às tarifas, aos prazos e às outras condições das transferências postais.

Para realizar transferência do dinheiro, o remetente deve procurar uma agência dos Correios, a empresa faz a remessa para o exterior e o beneficiário recebe o dinheiro.

Instituição autorizada pelo BACEN: indicamos a Remessa Online

limite de remessas para o exterior indicacao

Há diversas instituições autorizadas pelo Banco Central do Brasil a realizar transações financeiras internacionais. A equipe da Euro Dicas indica a Remessa Online.

Confira todas as instituições autorizadas pelo BACEN. E, caso queira comprovar que a Remessa Online segue as normas do Banco Central, pesquise pela razão social BEE TECH SERVICOS DE TECNOLOGIA LTDA.

Por que a Remessa Online é melhor?

A Remessa Online possui um bom custo x benefício na negociação das taxas, atendimento personalizado em português e o destinatário recebe seu dinheiro rapidamente.

Além disso, o limite de remessas para o exterior é elevado, o maior para cadastro pré-aprovado do mercado. Confira a seguir.

Limite de remessas para o exterior pela Remessa Online

O limite de remessas para o exterior varia de acordo com o correspondente. E há dois tipos de limite na Remessa Online (dados de 2018):

  • Limite para cliente com cadastro simples: até R$32.500 por dia ou, no máximo, R$65.000 por ano;
  • Limite para cliente com cadastro completo: neste caso, o limite é calculado com base nas informações do seu imposto de renda, fornecido durante seu cadastro. Geralmente, corresponde a 70% do valor dos bens declarados.

Como enviar dinheiro pela Remessa Online?

Primeiramente, você deve criar uma conta no Remessa Online. É rápido; demora menos de 5 minutos!

Após se cadastrar, selecione “Fazer Remessa” ou “Acessar/Cadastrar”, insira as informações solicitadas e confirme. Complete os dados da sua conta e faça o upload do seu documento de identidade e de seu comprovante de residência na plataforma.

Depois de inseridas todas as suas informações, inicie o processo de envio do dinheiro, clique em “Enviar dinheiro” e escolha o tipo de envio de acordo com as suas necessidades.

Em seguida, preencha os dados da conta do beneficiário, efetue o pagamento por transferência eletrônica (TED) e aguarde o dinheiro entrar na conta de destino.

Atenção: nunca utilize o mercado paralelo

Vemos muitos casos de pessoas que tentaram buscar uma maneira de “burlar” o limite de remessas para o exterior por meio do mercado paralelo e não se deram bem. Esse mercado de câmbio é ilegal e oferece riscos aos usuários.

O Banco Central do Brasil alerta que o mercado paralelo não garante que o dinheiro chegará ao destinatário, de modo que a transferência é efetuada por meio de um transferidor irregular de recursos.

Além disso, não são registradas as transferências do dinheiro e elas podem ser misturadas com recursos advindos do tráfico de drogas, de armas ou de outras atividades ilícitas e causar consequências indesejáveis a quem acha que está fazendo um bom negócio.

Portanto, para evitar problemas com as autoridades, é extremamente importante e necessário procurar empresas regularmente estabelecidas. As instituições autorizadas pelo BACEN são supervisionadas sistematicamente pelas autoridades, oferecendo, dessa maneira, mais segurança ao processo de envio e recebimento de recursos, assim como proteção do seu dinheiro.

Talvez possa ser útil saber como enviar dinheiro para o exterior.

COMPARTILHE
Autor

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.