Estudar nas melhores universidades da Inglaterra é uma ótima maneira de alavancar sua carreira e conhecer uma nova cultura. Embora o processo seletivo dessas faculdades seja rigoroso, existem várias vagas para estrangeiros. Acompanhe nosso artigo e descubra quais são as universidades mais renomadas e como se inscrever.

Top 3 das Melhores universidade da Inglaterra

Anualmente, o Center for World University Rankings (CWUR) publica um ranking com as melhores universidades da Inglaterra e do mundo. Certamente, é uma ferramenta valiosa de referência para os alunos que desejam avaliar suas opções de estudo no exterior.

Então, para a construção do ranking são utilizados diversos critérios de avaliação, que englobam desde a qualidade da educação até a taxa de empregabilidade de ex-alunos:

  • Qualidade da educação: avalia o número de ex-alunos da universidade que conquistaram importantes distinções acadêmicas;
  • Emprego de ex-alunos: considera a taxa de ex-alunos que conseguiram ocupar cargos de alto escalação em grandes empresas do mundo;
  • Qualidade do corpo docente: analisa quantos membros do corpo docente da instituição possuem importantes distinções acadêmicas;
  • Desempenho da pesquisa: considera a realização de pesquisas da universidade. Isso engloba quantos estudos foram realizados, quantidade de artigos publicados em periódicos de primeira linha ou de grande influência e número de artigos citados.

Sem dúvida, a Inglaterra tem uma forte presença no Ranking Mundial de Universidades de 2020-2021 do CWUR. Também continua sendo um dos destinos de estudo mais populares do mundo, sobretudo devido às instalações modernas, variedade de disciplinas de estudo, métodos de ensino, entre outros diferenciais.

Portanto, confira abaixo quais são as melhores universidades da Inglaterra e saiba como concorrer às vagas em cada uma delas.

1. Universidade de Cambridge

A Universidade de Cambridge é a segunda faculdade mais antiga do mundo, fundada em 1209. A sua lista de ex-alunos é formada por nomes importantes para a história, como Charles Darwin, Alan Turing e Isaac Newton.

Localizada na cidade de Cambridge, a universidade é formada 31 faculdades autônomas que possuem suas próprias regras e estatutos. Mas funcionam como uma parte da instituição em sua totalidade.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →

Principais cursos

A universidade de Cambridge está organizada em seis escolas, sendo que cada uma oferece um grupo específico de cursos:

  • Tecnologia;
  • Ciências Físicas;
  • Medicina Clínica;
  • Artes e Humanas;
  • Ciências Biológicas;
  • Ciências Humanas e Sociais.

Como concorrer

O aluno que deseja se inscrever em uma das melhores universidades da Inglaterra, precisa obter os melhores resultados na sua turma do ensino médio. Além disso, é importante ter bom desempenho nas matérias relacionadas às áreas que gostaria cursar, também é necessário escolher o curso e a faculdade.

Então, a partir disso, todos os alunos internacionais podem seguir o processo de inscrição pelo UCAS. Ele é o serviço unificado de admissões para as universidades dos países do Reino Unido, similar ao ENEM. As etapas para a inscrição são as seguintes:

  • Preencher o SAQ: o candidato deve preencher o Questionário de Inscrição Suplementar (SAQ) com seus dados pessoais e escolares;
  • Inscrever-se no COPA: caso queira concorrer a uma bolsa de estudo ou a ser entrevistado no exterior, o aluno deve enviar a Inscrição Preliminar Online da universidade (Cambridge Online Preliminary Application);
  • Enviar o histórico escolar: o aluno internacional deve enviar o histórico do ensino médio como parte da inscrição, exceto se o aluno concluiu o equivalente no Reino Unido, como o IGCSEs/GCSEs e A/AS Levels;
  • Fazer teste de proficiência no Inglês: é preciso comprovar a proficiência adequada para a admissão por meio de uma das seguintes provas: TOEFL, IELTS, Cambridge English;
  • Participar da entrevista presencial: caso seja pré-selecionado, o candidato deve passar por uma entrevista presencial na universidade;
  • Fazer a avaliação escrita: a maioria dos alunos são submetidos a avaliações específicas sobre a área de estudo que deseja cursar, as provas são escritas;
  • Cumprir os requisitos específicos do curso: todos os cursos da faculdade exigem um desempenho exemplar dos alunos em certas disciplinas durante o ensino médio.

cambridge e uma das melhores universidades da inglaterra

2. Universidade de Oxford

A Universidade de Oxford é a primeira instituição de ensino superior da Inglaterra. Localizada na cidade de mesmo nome, tem uma excelente qualidade de ensino, fator que atrai alunos de mais de 150 países e torna a faculdade um grande centro de conexões culturais.

A instituição é formada por 38 faculdades e possui mais 250 cursos de graduação. Também formou 26 vencedores do Nobel e diversas celebridades de todas as épocas como Margaret Thatcher, Stephen Hawking, Thomas Hobbes, entre outros.

Principais cursos

Existem aproximadamente 100 departamentos para áreas de estudo específicas na Universidade de Oxford. Todos eles são supervisionados por quatro divisões acadêmicas, são elas:

  • Humanas;
  • Ciências Sociais;
  • Ciências Médicas;
  • Ciências Matemáticas, Físicas e da Vida.

Como concorrer

Embora o processo de inscrição em Oxford seja igual para todos os candidatos, os alunos estrangeiros devem passar por uma série de etapas adicionais. Além do reconhecimento das qualificações educacionais internacionais, também é preciso realizar o exame de proficiência na língua inglesa.

Geralmente, o prazo de inscrição em Oxford começa no mês de outubro, antes da maioria das melhores universidades da Inglaterra. Portanto, os alunos devem ter todos os documentos necessários e passar pelas seguintes etapas do processo até essa data:

  • Realizar a inscrição pelo UCAS: fazer a inscrição pelo UCAS, informando os dados pessoais e educacionais;
  • Fazer a declaração pessoal: na inscrição do UCAS, o candidato deve escrever uma redação pessoal explicando as razões para escolher a sua área de estudo. O documento será lido por todas as instituições nas quais o aluno estiver se inscrevendo;
  • Enviar a carta de referência: a Universidade de Oxford exige uma carta de referência escrita por um professor ou orientador do aluno durante o processo de admissão;
  • Participar dos testes de admissão: por terem cursos concorridos, algumas faculdades de Oxford exigem testes de admissão no processo seletivo dos novos alunos;
  • Comprovar as qualificações internacionais: então, para ser aceito na Universidade de Oxford, o candidato deve ter qualificações educacionais que equivalham ao A-Levels, ou seja, o ensino preparatório do Reino Unido;
  • Proficiência na língua inglesa: os candidatos que não possuem o inglês como idioma oficial devem fazer um exame de proficiência e obter uma nota mínima exigida pelo curso;
  • Participar da entrevista: caso seja pré-selecionado, o candidato deve passar por uma entrevista para ser admitido em Oxford.

3. Universidade College London

Fundada em 1826, a Universidade College London (UCL) é uma das melhores universidades da Inglaterra. A sua base principal está localizada em Londres, mas possui 31 filiais na Inglaterra, que acomodam mais de 22 mil alunos matriculados, nos cursos de graduação e mestrado.

A UCL detêm vários prêmios Nobel entregues aos ex-alunos e pesquisadores como, por exemplo, o de William Ramsay, que descobriu os gases nobres e trabalhava como professor na instituição. Além disso, a lista de ex-alunos conta com grandes nomes como Mahatma Gandhi, Alexander Graham Bell e Kwame Nkrumah.

Principais cursos

A Universidade College London (UCL) oferece mais de 3.700 cursos anualmente e em diversos campos do conhecimento, como:

  • Artes;
  • Direito;
  • Música;
  • Ciência;
  • Teologia;
  • Medicina;
  • Educação;
  • Engenharia;
  • Administração;
  • Cirurgia Dentária;
  • Medicina Veterinária;
  • Comércio e Ciências Humanas.

Como concorrer

Os requisitos para concorrer a UCL variam de acordo com o curso escolhido. No entanto, os alunos brasileiros devem ter concluído o ensino médio com excelentes notas para ingressar no Foundation Year. Trata-se de um curso preparatório para a graduação que os alunos estrangeiros precisam fazer.

Logo, os alunos devem apresentar alguns documentos e seguir as etapas abaixo:

  • Inscrição no UCAS: os candidatos devem fazer a inscrição na universidade utilizando o mesmo processo dos demais alunos do Reino Unido;
  • Histórico acadêmico: uma das etapas do processo de inscrição é o envio do histórico acadêmico e do diploma do ensino médio;
  • Carta de motivação: os alunos devem escrever uma carta de motivação, explicando os motivos de ter escolhido o curso que deseja estudar;
  • Carta de recomendação: os alunos precisam ter uma carta de recomendação escrita por um professor ou orientador para ingressar na UCL;
  • Proficiência em inglês: caso não possua o inglês como idioma original, os candidatos devem ter o certificado de proficiência em inglês.

Como estudar nas melhores universidades da Inglaterra?

A Inglaterra é o berço das universidades mais prestigiadas do mundo. Por isso, é um dos destinos preferidos de alunos de diversos países, que desejam estudar na Inglaterra em uma instituição de qualidade e obter melhores oportunidades de emprego no futuro.

Assim, os brasileiros que querem ter a chance de estudar em uma das melhores universidades da Inglaterra, devem seguir uma sequência de ações simples, mas que exigem bastante organização e planejamento. São elas:

  • Escolha até cinco cursos que deseja estudar;
  • Pesquise sobre os requisitos de entrada de cada universidade;
  • Inscreva-se para o estudo de graduação no UCAS Hub;
  • Informe-se quanto à mensalidade, forma de ingresso e possibilidade de bolsa das instituições;
  • Descubra quando pode enviar sua inscrição, assim como, os prazos para o curso da sua escolha;
  • Responda às suas ofertas no site do UCAS, caso seja aprovado e faça a sua inscrição no curso.

É possível usar o Enem?

Sim. Existem diversas universidades na Inglaterra que aceitam a nota do ENEM como um dos requisitos para ingressar em cursos de graduação. No entanto, diferente do Brasil, ela não é o único requisito exigido pelas instituições, também são considerados:

  • Média geral no ensino médio;
  • Aprovação no exame da universidade escolhida;
  • Comprovação do nível de proficiência em língua inglesa;
  • Conclusão do Foundation Year, um curso de pré-graduação utilizado para nivelar os alunos internacionais.

Dessa forma, apesar de aceita em algumas universidades, a nota do ENEM não garante a entrada em uma instituição de ensino superior na Inglaterra. Saiba quais faculdades consideram essa pontuação:

  • Loughborough University;
  • Kingston University London;
  • Birkbeck, University of London;
  • Queen Mary University of London.

Universidades de Portugal que aceitam o Enem: lista atualizada.

Documentos necessários para se inscrever

Para estudar em uma das melhores universidades da Inglaterra, os alunos devem ter em mãos alguns documentos pessoais e educacionais. Portanto, confira abaixo quais são eles:

  • Cópia do passaporte;
  • Visto de estudante;
  • Histórico escolar;
  • Certificado de conclusão do Ensino Médio (tradução juramentada);
  • Certificado de proficiência em língua inglesa (IELTS, TOEFL, PTE Test);
  • Recomendações escritas por professores ou orientadores (em inglês);
  • Carta pessoal de motivação (personal statement).

Quanto custa estudar nas melhores universidades da Inglaterra?

As taxas dos cursos na Inglaterra variam de acordo com o nível de estudo do aluno e a faculdade que planeja estudar. Assim, os brasileiros podem esperar pagar entre £10.000 e £30.000 em cursos de graduação com duração de 3 anos.

Além disso, os cursos de medicina e aqueles com duração maior, por outro lado, podem custar mais. Então, acompanhe abaixo quais são os valores dos principais cursos nas melhores universidades da Inglaterra:

Instituição de Ensino Direito Economia Engenharia Medicina
Universidade de Cambridge £22.227 £22.227 £33.825 £58.038
Universidade de Oxford £29.500 £32.480 £39,010 £36,800
Universidade College London £23.300 £25.800 £31.200 £28.500

Ademais, vale destacar que o custo de vida na Inglaterra é alto. Geralmente, os alunos pagam entre £800 e £1.300 por mês para cobrir gastos com comida, contas, moradia, entre outros custos.

Vale a pena estudar nas melhores universidades da Inglaterra?

Sim, sem dúvida, vale a pena estudar nas melhores universidades da Inglaterra. Embora conseguir uma vaga seja um processo burocrático e envolva muitas etapas, a qualidade de vida, de ensino e as oportunidades de trabalho após a conclusão do curso são excelentes.

Além disso, a vida de aluno no exterior é repleta de experiências incríveis que contribuem para o seu crescimento pessoal e profissional. No entanto, é preciso ter muito foco e planejar bastante a ida para outro país para conseguir estudar em uma faculdade na Inglaterra.

Quer saber mais sobre a vida, os desafios e vantagens de morar em outro país para fazer um bom planejamento? Confira o Ebook O Sonho de Viver na Europa e veja as experiências de outros brasileiros que mudaram de vida e embarcaram para a Europa.