Viagem para Itália, como organizar a sua, visto e documentos

Itália  / 

A Itália é um país que faz parte maioria dos roteiros de quem pretende viajar para a Europa. Por ser um país belíssimo e muito rico em história, muitos brasileiros planejam uma viagem para Itália. E não só brasileiros, já que a Itália é um dos países da Europa que mais recebe visitantes.

Viagem para Itália a turismo

Quem deseja visitar a Itália a turismo, pode comprar um pacote de viagem com tudo incluído (hospedagem, passagem aérea e passeios) ou montar seu próprio roteiro, adquirindo as passagens aéreas e a hospedagem por conta própria.

A Itália é daqueles países que vai te encantar, pela sua história, cultura, arquitetura e claro, gastronomia. Você pode conferir várias dicas sobre os famosos monumentos da Itália, que você deve visitar.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Uma viagem inesquécivel

Tudo vai depender do tipo de viajante que você é. De qualquer maneira, serão férias inesquecíveis, pois fazer uma viagem para Itália é incrível.

A Itália é um país com muitos locais turísticos, então, com certeza, todo roteiro será uma experiência muito rica em história e cultura.

Viajar de trem é uma boa opção

Uma dica que dou é viajar de trem pela Itália. Além de confortável, a relação custo/benefício pode valer bastante a pena. A rede ferroviária italiana é muito boa e a população local costuma viajar bastante de trem.

É preciso visto para fazer uma viagem para Itália?

Brasileiros que vem a turismo para a Itália não precisam de visto, pois o país é um dos signatários do espaço de Schengen. Um brasileiro pode permanecer na Itália (ou em qualquer dos países que façam parte do espaço Schengen) por até 90 dias sem necessidade de um visto de entrada.

Apesar de não ser necessário um visto para os brasileiros visitarem a turismo a Itália, é preciso possuir alguns requisitos, que são:

  • Passaporte com validade de, no mínimo, 3 meses além do período de estadia;
  • Comprovação de Disponibilidade Financeira, ou seja, que possui condições de se manter financeiramente durante a estadia (pode ser em dinheiro, cartões de viagem pré pagos, cartão de crédito internacional com limite suficiente, etc);
  • Comprovação de hospedagem idônea, que nada mais é do que a reserva do hotel onde você vai se hospedar ou uma carta convite assinada por quem vai te hospedar aqui na Itália (e esta pessoa deve residir legalmente aqui ou ser italiano);
  • Passagem de volta, que é um item fundamental para provar que você deixará o país no fim da sua estadia e turismo;
  • Seguro saúde com cobertura de, no mínimo, 30 mil euros.

Seguro de viagem obrigatório

O seguro saúde, também conhecido como seguro de viagem internacional, é item obrigatório para quem deseja viajar para Itália.

Se você está em dúvida de onde cotar seguro de viagem em um site 100% seguro e confiável, indico a Seguros Promo. Além da segurança, o site oferece preços bastante convidativos. E ainda é possível ganhar 5% de desconto na compra do seu seguro de viagem! Basta inserir o código: EURODICAS5 (tudo junto e maiúsculo) no campo de desconto do site Seguros Promo!

Quando mostrar a documentação

A documentação acima poderá ser pedida pelos agentes de imigração quando você chegar na Itália (se seu vôo for direto ou com conexão fora do Espeço Schengen) ou no aeroporto do país europeu onde é a sua conexão (desde que o país pertença ao Espaço Schengen).

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Passando a imigração em Itália

Os agentes da imigração podem também fazer perguntas sobre o motivo de sua viagem, quantos dias ficará, o que visitará e tudo mais o que ele achar pertinente. A dica que dou é sempre falar a verdade e agir com tranquilidade.

E, é claro, levar na sua bagagem de mão uma pasta com toda a documentação necessária.

Viagem para Itália para morar

Viagem para Itália para Morar

Se a sua viagem para Itália for para morar, e você não é um cidadão europeu, será necessário solicitar um visto no Consulado Italiano da sua região.

A solicitação do visto é bastante burocrática e pode demorar um pouco. É preciso bastante paciência quando estamos lidando com esse tipo de burocracia.

Tipos de visto para morar

Existem diversos tipos de vistos para morar na Itália, entre eles visto para estudar na Itália e trabalhar na Itália.

E para cada tipo de visto é exigida uma documentação específica. Para saber exatamente qual a documentação necessária para cada tipo de visto, neste site você seleciona o tipo de visto que precisa, sua nacionalidade e o tempo que ficará na Itália e obtém a lista com a documentação necessária a ser apresentada no Consulado de sua residência no Brasil.

Veja nessa imagem uma simulação dos documentos necessários para estudar na Itália por um período superior a 90 dias.
Tipos de visto para Itália

Você precisa de uma autorização de permanência

Porém, o visto é apenas para entrar no país. Para residir legalmente, mesmo possuindo um visto, é preciso de uma autorização de permanência, chamada na Itália de Permesso di Soggiorno.

Toda pessoa que possui um visto de entrada na Itália, dentro de 8 dias após a chegada ao país, deve fazer o pedido do Permesso di Soggiorno.

Para tanto, é preciso ir a uma agência da Poste Italiana (os correios daqui) que possua o serviço de Sportello Amico e solicitar gratuitamente um Kit Giallo.

Veja ainda um guia para alugar apartamento na Itália.

Kit Giallo

O kit nada mais é do que um envelope com os formulários necessários para a solicitação do Permesso di Soggiorno.

Após preencher o formulário específico, é preciso entregá-lo juntamente com a documentação necessária na mesma agência da Poste Italiana recebeu o kit giallo e pagar a taxa relativa ao topo de permesso.

O funcionário da Poste então, fará o agendamento para a coleta das digitais na Questura (delegacia) e entregará um comprovante (ricevuta) do pedido do Permesso di Soggiorno.

O comprovante será suficiente para você estar legal

Com este comprovante, a pessoa permanece legalmente na Itália até a emissão da permissão de permanência. O tempo para a emissão do permesso di soggiorno varia conforme o local de solicitação e o tipo de permissão, e pode levar de 30 dias a quase 1 ano.”

Quais as vantagens de ter cidadania italiana? Veja o que já compartilhamos sobre o assunto.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Ana Eliza, ou Ni como é conhecida, é brasileira, apaixonada por viagens e mãe da Olívia. Mora em Turim, na Itália e, juntamente com seu marido Fabiano, escreve o In Turim, um blog sobre a vida e turismo na cidade que foi a primeira capital da Itália.