De mudança ou já residindo na Alemanha e em busca do melhor banco para abrir conta na Alemanha? Nós te damos uma forcinha. Confira as nossas recomendações.

Como abrir conta na Alemanha?

Você tem duas maneiras de abrir conta bancária na Alemanha: presencialmente ou online. Para ambas, será preciso, antes de tudo:

  • Escolher o banco da sua preferência. Para isto, apresentaremos uma relação dos melhores e mais utilizados;
  • Reunir os documentos necessários. Também vamos indicar quais são;
  • Separar um depósito inicial que pode ser solicitado, dependendo da instituição escolhida;
  • Fazer a abertura da conta. Se a opção for por abertura de conta em banco com agência física, já se programe para duas visitas ao local: uma para agendar a abertura e outra para fazer a abertura de fato.

Quais os melhores bancos para abrir conta na Alemanha?

Selecionamos abaixo os principais bancos da Alemanha, que podem ser privados, públicos ou formados por cooperativas.

Seja qual for a cidade em que você esteja, ter conta em qualquer um deles facilitará a sua vida.

A opção do N26: melhor escolha digital

Fundado na Alemanha em 2013, o N26 é um banco 100% digital que opera na Europa, nos EUA e está chegando em solo brasileiro. Os países europeus são: Áustria, Bélgica, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Islândia, Irlanda, Itália, Liechtenstein, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Suíça.

A vantagem do N26 é que todo o processo pode ser feito online, em poucos minutos, sem a necessidade de comprovar renda para abrir a conta. Porém, é preciso possuir comprovante de endereço em um dos países citados acima, passaporte válido e cartão de residência europeu com um ano de validade.

Semelhante ao Nubank no Brasil, o N26 oferece uma conta bancária gratuita, sem taxas e gerenciada pelo smartphone.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →

Na Alemanha, o usuário recebe cinco saques gratuitos nos três primeiros meses e, caso a conta não tenha uma movimentação regular de pelo menos mil euros por dois meses consecutivos, depois de três meses, passa a apenas três saques gratuitos.

Quando excede o limite de saques gratuitos no mês, a taxa é de 2€.

No Brasil, o banco N26 se encontra em fase de testes e já tem autorização do Banco Central para funcionar. Atualmente, existe uma lista de espera para abrir conta bancária na central brasileira assim que as atividades iniciarem – previsão para o segundo semestre de 2022.

Bancos tradicionais

Agora, vamos te dar as opções de bancos tradicionais para abrir conta na Alemanha.

Sparkasse

O Sparkasse é um banco estatal da Alemanha. É o que possui maior número de agências pelo país. Para quem prefere a opção de banco tradicional com agência física, é o mais recomendado.

Volksbank

O Volksbank é uma cooperativa alemã, fundada por operários da indústria e do comércio. Outros na mesma modalidade são o Sparda Bank, fundado por funcionários das ferrovias e o PSD Bank, dos funcionários dos correios.

Apesar de serem cooperativas, eles são abertos a qualquer pessoa física.

Deutsche Bank

Marca mais conhecida dos brasileiros entre as opções de bancos alemães. O Deutsche Bank é o maior banco privado do país, em termos de ativos totais e também de funcionários.

No entanto, apesar disto, encontramos alguns relatos na internet de que são poucas as agências e os caixas eletrônicos disponíveis em Berlim.

Commerzbank

O Commerzbank Aktiengesellschaft é o segundo maior banco privado da Alemanha. Foi fundado em 1870 e afirma ter mais de 11 milhões de clientes pessoas físicas.

Postbank

O Postbank é o maior banco alemão do setor financeiro de varejo, pertencente ao grupo Deutsche Bank.

Qual a melhor opção para abrir conta na Alemanha?

Depende do que você procura. Se quiser um banco moderno, digital, seguro e com taxas baixas (ou mesmo nenhuma taxa) a minha recomendação é o Banco N26.

Homem analisa taxas para abrir conta na Alemanha
Para abrir conta na Alemanha é necessário entender as taxas e tipos de conta.

Para abrir a conta no N26, você precisará de:

  • Nome completo;
  • Endereço na Europa;
  • Passaporte;
  • Cartão de residência europeu com validade de um ano;
  • E-mail;
  • Telefone;
  • Data de nascimento;
  • Nacionalidade;
  • País de nascimento.

Como abrir a conta no N26

Siga o passo-a-passo:

  1. Baixe o aplicativo ou faça o cadastro no site do N26;
  2. Clique em “Open Bank Account”;
  3. Preencha os seus dados;
  4. Confirme a sua identidade por meio de videochamada (feita em inglês) ou verificação de fotografia no passaporte;
  5. Selecione o tipo de conta que pretende abrir (falaremos delas abaixo);
  6. Informe o código de ativação de quatro dígitos que irá receber através de SMS.

Tipos de contas no N26

O N26 oferece diferentes tipos de contas, entre gratuitas e pagas, e para o público comum e corporativo.

N26 Standard

A conta mais simples do N26 permite a realização de até três saques com o cartão Mastercard em caixas eletrônicos (ATM) de qualquer país da União Europeia sem custos. Caso precise efetuar mais saques, o número excedente é pago. Pagamentos em débito não tem taxa, mesmo no exterior.

  • Gratuito;
  • Sem mensalidade;
  • Cartão transparente;
  • Até três saques gratuitos por mês na zona do euro.

N26 Smart

O N26 Smart amplia a possibilidade de saques para cinco mensais sem custos adicionais em caixas eletrônicos (ATM) de qualquer país da Europa.

  • Mensalidade de 4,90€;
  • Cartão com cinco opções de cores;
  • Até cinco saques gratuitos por mês na zona do euro.

N26 You

Com a conta N26 You, você tem direito a cinco saques gratuitos dentro da Alemanha e saques ilimitados fora do país, sem custo adicional. Além disso, esse plano oferece outras vantagens, como seguro viagem e parcerias com empresas para ganhar descontos.

  • Mensalidade de 9,90€;
  • Cartão disponível em cinco cores;
  • Cinco saques gratuitos na zona do euro;
  • Saques gratuitos fora da Alemanha;
  • Seguros de viagem, saúde, bagagem, entre outros.

N26 Metal

O N26 Metal possui todos os benefícios da conta You, mais seguro de carro durante viagens e seguro para danos causados ao celular.

  • Mensalidade de 16,90€;
  • Cartão de metal, disponível em três cores;
  • Cinco saques gratuitos na zona do euro.
  • Saques gratuitos em outras moedas;
  • Seguros de viagem, saúde, bagagem, aluguel de carro, telefone.

Contas N26 Business

As contas N26 Business podem ser abertas em todas as modalidades, mas destina-se a trabalhadores independentes, que querem manter separados os seus negócios das suas contas pessoais.

Tipos de conta na Alemanha

Os nomes assustam, mas os tipos de conta são simples de serem entendidos.

Girokonto

É a conta-corrente que você usa para receber salário, sacar dinheiro, pagar contas, etc. Ao abrir a conta, você recebe um cartão de débito (EC-Karte), que permite saques e pagamentos em maquininhas. A conta não é recomendada para quem deseja investir o dinheiro.

Tagesgeldkonto

É uma conta poupança geralmente vinculada à Girokonto. Rende pouco, assim como a poupança no Brasil também rende pouco. Você pode sacar o dinheiro a qualquer momento.

Sparkonto

Outro tipo de conta poupança, com rendimento anual um pouco superior, mas que não permite o saque a qualquer momento: existem limites mensais de retirada.

A Sparkonto também é a modalidade usada por quem vai estudar na Alemanha por apresentar a chamada “conta bloqueada”, que serve de comprovante financeiro para a obtenção do visto.

Geralmente eles fazem um depósito na conta, como comprovante de quem têm condições financeiras de se manter. E podem fazer saques mensais para pagar as contas.

Festgeldkonto

Conta de investimento, que bloqueia o dinheiro por um período pré-determinado. Tem rendimentos bem melhores que a poupança. Mas exige depósito mínimo.

Kreditkartenkonto

Modalidade de conta que não existe no Brasil, ela se destina a acumular as dívidas feitas com cartão de crédito e pagar a conta automaticamente com os fundos disponíveis na Girokonto.

Depotkonto

A Depotkonto é uma conta para investidores que queiram aplicar em bolsa de valores e em fundos.

O que precisa para abrir conta na Alemanha?

As exigências podem mudar de banco para banco, mas três documentos são fundamentais:

  • Comprovante de residência;
  • Autorização de residência e/ou visto para Alemanha;
  • Passaporte.

Como abrir uma conta na Alemanha presencialmente?

Se ao morar na Alemanha, você decidir abrir a conta presencialmente, primeiro deve ir à agência escolhida para agendar a abertura da conta, quando você será informado de tudo o que é necessário.

Na data marcada, você retorna com os documentos. Mesmo que você já saiba tudo o que é preciso, não adianta tentar abrir a conta em uma única visita à agência. É preciso fazer o agendamento.

Os bancos disponibilizam atendimento em inglês para quem fizer a solicitação.

Como abrir conta na Alemanha estando no Brasil?

Além do N26, outra opção também gratuita e ainda mais prática e vantajosa é a Wise, que permite a abertura da conta ainda em território nacional.

Dessa forma, você já sai do Brasil com o seu IBAN, podendo receber dinheiro como se tivesse conta bancária na Europa. As conversões são feitas com câmbio comercial sem percentual em cima e todas as tarifas são destacadas de forma transparente, evitando surpresas desagradáveis.

O cartão de débito da conta Wise é disponibilizado e enviado para o seu endereço no Brasil.

Mas, então, como mando dinheiro para a Alemanha?

A melhor opção para enviar dinheiro do Brasil para a Alemanha é utilizando as fintechs de envio de dinheiro para o exterior, como Remessa Online e Wise.

Com elas, você garante o melhor câmbio, comercial ao invés de turismo, e as menores taxas. O IOF que incide é de 0,38% para transferências entre contas de titularidades diferentes; e de 1,1% para contas de mesma titularidade.

Saque de dinheiro em caixa eletrônico na Europa
A Wise permite abrir conta na Alemanha de forma simples e rápida.

O dinheiro pode ser enviado para uma conta sua na Europa ou, então, para a de algum amigo ou parente que possa receber a quantia por você, até você regularizar a sua situação bancária no país.

Como fazer transferência via Wise

A Wise (antiga TransferWise), cobra tarifa que varia de 1,4% a 2,5%. Para usá-la, siga o passo-a-passo:

  1. Acesse o site da Wise;
  2. Faça uma simulação do valor que deseja transferir e de quanto o destinatário irá receber. O valor exibido será o mesmo que será depositado na conta do destinatário;
  3. Veja a cotação da moeda e as taxas incidentes na movimentação. Além da taxa de transferência, também incide o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que é de 0,38% para envio de dinheiro para outra pessoa e de 1,1% para a mesma titularidade. Você pode escolher se quer efetuar o pagamento do valor a ser transferido mais taxas via boleto ou via TED. Note que há diferença de valores entre as duas modalidades;
  4. Prossiga para a página de cadastro (caso não tenha a sua conta), onde será pedido um endereço de e-mail ou uma conta com o Google, ou Facebook;
  5. Indique a conta do destinatário. O Iban é o código-padrão internacional para a identificação de contas bancárias. O Bic/Swift é o número de identificação do banco. O destinatário não precisa ter uma conta na Wise, apenas uma conta bancária;
  6. Finalize, gerando a ordem de pagamento;
  7. Faça o pagamento e pronto.

Como fazer transferência via Remessa Online

A Remessa Online cobra 1,30% sobre o valor enviado e o pagamento pelo serviço deve ser feito por transferência eletrônica. Para utilizá-la, siga o passo-a-passo:

  1. Vá ao site da Remessa Online;
  2. Faça uma simulação de transferência;
  3. Cheque todos os itens de cobrança (IOF, tarifa bancária e cotação cambial), se estiver de acordo, clique em “Enviar dinheiro”;
  4. Faça o seu cadastro como pessoa física ou jurídica, fornecendo CPF e demais informações e documentos solicitados;
  5. Informe a natureza da operação (o motivo pelo qual está fazendo a remessa, como pagamento de curso, manutenção de dependente no exterior etc);
  6. Informe os dados da conta de destino;
  7. Pague, via transferência bancária entre contas de titulares diferentes (TED), pela transferência dentro do prazo;
  8. Após a confirmação do pagamento, o dinheiro chegará ao destinatário em um dia útil.

Além das diferenças nas taxas de serviço, as duas plataformas podem também apresentar diferença no câmbio do dia. Por isso, recomendamos que você compare a Remessa Online ou Wise para tomar a melhor decisão.

Dúvidas frequentes sobre abrir conta na Alemanha

Vamos a um pingue-pongue com as dúvidas mais recorrentes de quem quer abrir conta na Alemanha.

Como abrir uma conta bloqueada na Alemanha?

A comprovação financeira é um requisito para obter o visto para estudar na Alemanha e autorização de residência para estudos se você for de um país que não pertence à União Europeia. E para provar que possui condições de cobrir as despesas de moradia na Alemanha, é necessário criar uma Sperrkonto (conta bloqueada).

A Fintiba é uma empresa bastante recomendada pelas autoridades alemãs que permite a abertura de uma conta bloqueada online. Outra opção é o Expatrio, também com abertura online e bastante intuitivo.

No site da empresa escolhida você encontra o passo a passo, mas o processo costuma ser bastante parecido:

  1. Preencha o formulário de candidatura;
  2. Deposite o dinheiro (normalmente as transferências internacionais levam até 5 dias para serem concluídas, ou até mais);
  3. Você receberá o e-mail de confirmação quando o valor estiver na sua conta;
  4. Marque o seu horário no consulado alemão e leve a comprovação financeira para obter o seu visto;
  5. Assim que chegar na Alemanha, você terá acesso ao seu dinheiro (deverá ser transferido para uma conta-corrente no país), conforme o valor bloqueado mensalmente.

Como abrir conta de estudante na Alemanha?

Estudante pode abrir conta na Alemanha. A Girokonto normalmente é a opção escolhida e elas são isentas de taxas para estudantes. Para fazer a abertura da conta, basta fazer o agendamento na agência escolhida e apresentar alguns documentos exigidos pelo banco.

Importante salientar que, em geral, as contas de estudantes não estão disponíveis para pessoas menores de 18 anos ou maiores de 28, mas os critérios podem variar conforme a instituição.

  • Formulário de solicitação para abertura de conta preenchido;
  • Passaporte válido e autorização de residência na Alemanha;
  • Comprovante de endereço;
  • Depósito inicial (isso depende do banco);
  • Comprovante de renda/emprego (pode ser bolsa de estudo);
  • Comprovante de que você é estudante;
  • Schufa credit rating (nem todos os bancos exigem).

É preciso comprovar renda?

Não necessariamente. Para abrir conta no N26, por exemplo, que é uma excelente opção para quem busca taxas baixas e praticidade, não é preciso apresentar comprovante de renda.

Como abrir conta bancária na Alemanha online?

Você pode abrir uma conta bancária sem precisar sair de casa. Existem algumas opções de banco que atuam dessa forma, como a Wise e o N26, em que nem sempre a comprovação de renda é necessária e as taxas são baixíssimas ou nulas.

Essa opção é muito prática para quem está indo com a conta bloqueada, por exemplo, e precisa de uma conta-corrente para receber o dinheiro mensalmente. A Monese também oferece cartão de débito e abertura facilitada de forma remota, com atendimento 100% online.

Vale a pena usar banco brasileiro?

Não. Alguns bancos brasileiros, como Banco do Brasil e Itaú contam com agências na Alemanha, o que pode te ajudar caso você tenha alguma questão que queira resolver presencialmente.

No entanto, para as operações bancárias de quem reside na Alemanha, a recomendação é ter uma conta em um banco local. Isto porque, além da variação do câmbio, você terá que pagar Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre cada movimentação, que pode chegar a 6,38% do valor total movimentado, no caso de cartões de crédito ou pré-pagos.

Então, para fazer o seu dinheiro render o máximo possível, não transacione valores via bancos brasileiros.

Cartão de crédito na Alemanha, vale a pena usar?

Não. Nem de crédito, nem cartões pré-pagos, pelas razões explicadas acima. Além disso, os bancos alemães são bastante cautelosos quando o assunto é o fornecimento de cartões de crédito. Pode-se dizer que durante alguns meses a sua conta será observada, assim o banco terá certeza que o dinheiro está sendo creditado nela.

No momento da abertura de uma conta o cliente ainda não tem um registro no sistema de proteção ao crédito, o chamado Schufa. Para brasileiros seria como o nosso Serasa ou SPC.