Abrir conta na Europa: veja o que é preciso e os melhores bancos

Contas bancárias no exterior  / 

O ano já começou e está na hora de colocar em prática o objetivo de morar fora do país. Um dos primeiros passos será abrir conta na Europa, já que será necessário fazer transações e até mesmo comprovar moradia através dos dados bancários.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

O processo não é muito diferente da abertura de contas no Brasil e pode, inclusive, ser feito por aqui para agilizar a burocracia. Alguns países da União Europeia exigem apenas que o cliente explique seus motivos para abrir conta na Europa sem morar por lá. Veja abaixo como abrir conta, os melhores bancos e também como enviar dinheiro para conta na Europa.

Abrir conta na Europa: tudo o que você precisa saber

Provavelmente você já possui uma conta-corrente no Brasil, nem que seja só para efetuar pagamentos. Para facilitar o processo pode se informar com seu gerente sobre operações do banco no exterior.

Santander, Bradesco e Itaú são exemplos de instituições consolidadas e seguras que operam fora do país.

Ao abrir conta na Europa o cliente recebe um IBAN – sigla em inglês para Identificação de Contas para Transferências Internacionais – que nada mais é que um número de identificação internacional de contas para realização de transferências.

Melhores bancos na Europa

Em termos de facilidade, compensa abrir conta em bancos digitais, sem custos, sem burocracia e totalmente online. As operações podem ser feitas através de aplicativos ou pela internet sem necessidade de estar fisicamente no país para realizar as transações.

Entre as melhores opções de bancos digitais estão:

1. N26

Sediado em Berlim, na Alemanha, o Banco N26 oferece cartão de débito gratuito e possibilidade de até cinco saques sem cobrança de tarifas em caixas eletrônicos da União Europeia. Esse é um banco de confiança que nós do Euro Dicas costumamos usar e recomendar para os nossos leitores. Veja um artigo completo sobre como funciona Banco N26.

Para abrir conta na Europa pelo banco é preciso apresentar um endereço europeu, ter mais de 18 anos e informar nome completo, passaporte, cartão de residente europeu, e-mail, telefone, data de nascimento, nacionalidade e país de nascimento. Depois disso será feita uma vídeo chamada em inglês para comprovação dos documentos.

O processo todo leva menos de dez minutos e a abertura da conta não tem custo nenhum. O cliente tem direito a um cartão de débito Mastercard gratuito.

2. WB21

Com sede em Singapura, o WB21 permite abertura de conta na Europa para pessoa física ou jurídica para 180 países em 28 moedas diferentes. São mais de dois milhões de clientes, que podem negociar através do saldo bancário, cartão de débito e até Bitcoins.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Abrir conta na Europa pelo WB21 é rápido e gratuito e pode ser feito pelo site ou pelo aplicativo, com verificação e ativação imediatas. Entre as informações solicitadas estão nome completo, data de nascimento, número do passaporte e endereço europeu.

Ainda é possível conferir um vídeo tutorial, que ensina como abrir a conta-corrente, e ligar para o FAQ pedindo mais informações – no Brasil, o número é +55 51 3937 7888. Veja nosso artigo sobre como funciona o WB21 aqui.

3. Leupay

Com a possibilidade de enviar e receber dinheiro em 10 moedas diferentes, o Leupay é uma boa opção para quem está organizando a mudança para um país europeu, pois permite a abertura de conta mesmo por quem não é residente da União Europeia.

Além disso, o Leupay permite o envio e recebimento de dinheiro para bancos nacionais e internacionais e não cobra taxas. O cliente tem direito a um cartão de débito Visa gratuito e não paga nenhuma tarifa mensal, além de poder criar uma conta para empresa ou para pessoa física.

Ao fazer o cadastro é preciso informar um endereço, que pode ser no Brasil, além de nome completo, data de nascimento, documento de identificação, e-mail e telefone. Conheça mais detalhes desse banco no nosso artigo sobre o Leupay.

Bancos da Europa tradicionais

Talvez vossa prefira bancos mais “tradicionais” e pouco digitais. Se esse for o caso eu recomendo que veja essa lista de “melhores bancos na Europa“, segundo a avaliação da Realbanks:

  1. HSBC;
  2. BNP Paribas;
  3. Credit Agricole Group;
  4. Deutsche Bank;
  5. Banco Santander.

Também pode ser útil ver como abrir conta bancária em Portugal, na Espanha e na Alemanha.

abrir conta na Europa calcular

Mas por que abrir conta na Europa?

Além de ser necessário caso esteja de mudança para outro país (afinal, você terá que pagar os boletos), abrir conta na Europa permite investimentos internacionais e operações em diferentes moedas.

Você pode receber em Euro ou em Dólar, que são mais valorizados que o real, e movimentar seu dinheiro de uma forma mais vantajosa.

Quanto custa abrir conta na Europa?

No geral, a abertura de conta-corrente, também chamada de conta de base na Europa, é gratuita, desde que seja para pessoa física. Operações simples, como receber e transferir dinheiro e pagar contas, não exigem pagamento de taxas extras.

E cartão de crédito?

O Banco N26 oferece cartão de crédito Mastercard gratuito, o que é uma grande vantagem desse banco. Mas nos demais – tanto digitais quanto tradicionais – o serviço é pago e o cliente tem que arcar com uma anuidade. Nem sempre as taxas são vantajosas, e por isso é preciso avaliar se vale a pena.

Como enviar dinheiro para conta na Europa

As formas mais tradicionais e fáceis de enviar dinheiro com taxas baixas para a conta europeia são pela Remessa Online e TransferWise.

1. Remessa Online

A Remessa Online é uma plataforma brasileira onde o envio é todo feito online e você recebe em 1 dia útil o valor em euro na conta de destino. Este serviço tem a vantagem de ter limites maiores que os concorrentes e as menores taxas do mercado. Aqui no Euro Dicas é a nossa plataforma preferida.

2. TransferWise

A já conhecida TransferWise oferece taxas baixas de transferência de dinheiro para o exterior – até oito vezes mais barato do que através de bancos tradicionais, é muito transparente e fácil de usar. Basta criar uma conta no site, selecionar o valor, informar os dados do destinatário e gerar um boleto; o dinheiro cai na conta até cinco dias depois da operação. A principal desvantagem da TransferWise é a demora para cair na conta.

3. Outras opções

Outra opção, além das transferências bancárias e até do correio (ultrapassado, mas existe, não é?) é o Wester Union, transação financeira disponível para correntistas do Banco do Brasil e Bradesco. A operação pode ser feita presencialmente no banco ou online e exige carteira de identidade, CPF, endereço e IBAN do destinatário.

Saiba também o que é e como funciona a conta borderless da TransferWise.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.