Pouca gente conhece o Algarve no inverno. A região sul de Portugal é conhecida por ser um destino turístico com praias paradisíacas que lotam no verão. Mas como é viver lá durante o ano todo?

Faz muito frio no inverno? As ruas continuam cheias? É possível arranjar emprego? Nesse artigo vamos te contar os altos e baixos do inverno do Algarve para você saber se vale a pena ou não apostar em criar raízes aqui. Acompanhe!

Como é a vida no Algarve no inverno?

Durante o inverno, o Algarve se transforma numa verdadeira terra de calmaria. O distrito de Faro muda completamente entre dezembro e março, e tem quem ame e quem odeie.

As praias e atrações turísticas que, nos meses de férias de verão, costumam ficar lotadas, estão vazias. As ruas não têm trânsito, os supermercados não têm fila.

Os dias são frios e as noites mais ainda, mas o inverno aqui não é nada parecido com o inverno europeu que nós imaginamos no Brasil. Chove, mas o clima geralmente permanece seco e os dias de céu azul são muito comuns.

A qualidade de vida no Algarve, porém, não tem nada a ver com a estação do ano.

Como fica o Algarve no inverno?

Frio e sem turistas. E, uma vez que as principais empresas da região do Algarve giram em torno do turismo, essa é a época do ano em que os habitantes locais descansam e viajam.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →

Quantidade de pessoas

Enquanto no verão o Algarve tem cerca de 1 milhão e meio de pessoas, durante o inverno ficam apenas os cerca de 500 mil residentes. Ou seja, apenas um terço do que se vê na alta temporada.

Os moradores vivem espalhados entre os 12 municípios do distrito de Faro, portanto é fácil entender como muitas cidades do Algarve parecem cidades-fantasma. Há muito menos movimento, o que pode ser maravilhoso para umas pessoas e desesperador para outras.

Especialmente as cidades cuja economia gira em torno do turismo, como Albufeira e Lagos, ficam muito mais vazias.

Faro e Portimão, que possuem universidades e outros serviços independentes do turismo, continuam tendo movimento graças aos moradores locais. Muito menos que no verão, mas o suficiente para fazer girar a economia.

Opções de lazer

Como não tem muita gente, não tem muitos eventos. As opções de lazer para quem gosta de uma vida agitada ficam bem limitadas. Então, se você gosta da vida vibrante da cidade grande, cuidado, o Algarve pode te entediar no inverno.

Não é o melhor lugar para conhecer pessoas novas nessa estação, já que não há muitas festas, concertos, etc. Mas, se você já tem seu grupo de amigos por perto ou não se importa em sair o tempo todo, vai sobreviver ao inverno.

Veja também 15 bons motivos para se aposentar no Algarve na opinião de quem já vive na região.

O que acontece com os restaurantes?

Uma das coisas que mais me chocou no meu primeiro inverno no Algarve foi ver ruas turísticas vazias. Muitos restaurantes que no verão têm lista de espera, no inverno nem sequer abrem as portas.

Hotéis, restaurantes e serviços ligados ao turismo, logicamente, ficam sem clientes. Sem clientes, não há negócio. É então que nessa época do ano, os trabalhadores dessas indústrias tiram férias ou ficam sem emprego.

Muitos restaurantes do Algarve fecham no inverno

Mas isso não significa que esses negócios tenham prejuízo. Essa dinâmica é comum nas regiões turísticas e, na realidade, a maioria do faturamento dessas empresas é feito durante o verão. Como não vale a pena pagar salários e contas sem clientes no inverno, é época de descanso no Algarve.

Clima do Algarve

O inverno no hemisfério Norte vai de 21 de dezembro a 20 de março e, embora neve em Portugal e em vários países europeus, o Algarve tem um inverno muito suave. Há quem diga que é o melhor clima de Portugal, parecido com o sul do Brasil.

Veja na tabela abaixo as variações de temperatura e chuva do inverno algarvio segundo os dados oficiais do Climate Data:

Dezembro Janeiro Fevereiro Março
Temperatura máxima 16ºC 15,2ºC 15,5ºC 16,9ºC
Temperatura mínima 12,1ºC 10,9ºC 11ºC 12,2ºC
Chuva 95mm 58mm 50mm 57mm

No dia a dia do inverno você vai sentir bastante frio, principalmente dentro de casa. Cobertores e meias vão te ajudar a poupar na conta de luz, já que o aquecedor é o inimigo do seu bolso. Na rua, quase sempre vai ser preciso usar um bom casaco e botas, mas luvas e toucas já são um exagero.

Muitos dias são nublados e costuma chover, mas também é muito comum ter dias de céu azul no inverno do Algarve. O sol continua quente, embora o vento seja frio. Tem até quem vá para a praia se bronzear.

O custo de vida no Algarve no inverno diminui?

Sim. O famoso “preço de turista” já não funciona com os habitantes locais. O custo de vida no Algarve, embora geralmente maior que a maioria das regiões de Portugal, fica ligeiramente menor durante o inverno.

Principalmente no que diz respeito a hotéis e ao aluguel de apartamentos, já que o turismo inflaciona os preços na região.

É comum ter dificuldade para encontrar um lugar para morar a um preço justo no verão. Por exemplo, o senhorio, ao invés de alugar seu apartamento para uma família por 800€ por mês, aluga para turistas por 80€ por noite e triplica a sua receita.

Portanto, quando chega o inverno geralmente há bons apartamentos para alugar a bons preços. Só tenha atenção para a duração do seu contrato de aluguel. Alguns senhorios fazem contratos que não incluem os meses de verão, então você precisaria procurar de novo.

Além disso, diminuem as chances de cairmos em armadilhas para turistas. Muitos comerciantes aumentam os preços dos produtos para vender aos visitantes estrangeiros durante o verão. Por exemplo, refeições que custariam 7€ num restaurante típico em outras épocas do ano, no verão ficam por 14€.

As oportunidades de emprego no inverno diminuem?

Como não há clientela nem negócio, muitos postos de trabalho também são extintos durante o inverno no Algarve. Cozinheiros, atendentes de restaurantes, hotéis e lojas costumam ter contratos de trabalho apenas para a época turística. Definitivamente não é a melhor hora para procurar emprego nessas áreas.

Ruas e praias vazias no inverno do Algarve

Sabendo disso, o melhor a fazer é se programar ao longo do ano para buscar outra fonte de renda no inverno. Uma opção ainda mais prática é fazer como os algarvios. Geralmente as pessoas poupam o que ganha no verão para ter dinheiro no inverno.

Por outro lado, há outras áreas que ficam em alta especialmente no inverno. Muitas empresas no Algarve aproveitam o inverno para fazer reformas e construções ou melhorar o negócio online. Profissionais de construção civil, manutenção elétrica e de encanamentos costumam ter bastante trabalho nessa época. Profissionais de TI e Marketing Digital também trabalham bastante nesse período para empresas do turismo.

E claro, quem trabalha remotamente não enfrenta nenhuma dificuldade a morar no Algarve.

Como encarar o inverno no Algarve?

Se tem uma coisa que a experiência de mudar de país ensina, é que a adaptação é a chave para se viver bem.

Essa é a realidade do Algarve no inverno: é mais frio, é vazio e é calmo. Você pode escolher ver as coisas pelo lado negativo ou pelo lado positivo.

Tem é que colocar na balança. Se o estilo de vida calmo se encaixa na sua vida, ótimo. Mas, se você precisa de agitação para viver, vá para Lisboa ou para o Porto no inverno.

Quando eu me mudei para o Algarve, vinha de uma cidade grande com vida social animada. No meu primeiro inverno aqui, achei muito estranho ver prédios vazios a 300 metros da praia. As festas acabaram, precisei comprar um aquecedor e senti muita saudade do Brasil.

Mas, como estava disposta a ser feliz aqui também, logo descobri que tem sim muita coisa boa no Algarve no inverno.

O que fazer no Algarve no inverno?

Aproveite o Algarve! Essa região é maravilhosa e não importa o clima. O inverno te dá muito mais privacidade para curtir a natureza da região, ir ao shopping à vontade e tomar um café numa esplanada com sol na cara.

Aliás, até ouso dizer que o verão é a pior época para morar no Algarve. Claro, calor é bom, mas tudo fica muito cheio de gente de férias. Ou seja, cheio de gente que dirige sem atenção, não conhece os corredores do mercado e lotam a sua praia favorita. Gente demais no nosso paraíso!

Então, já que está no Algarve no inverno, o jeito é aproveitar. Mas como?

Conheça as várias trilhas do Algarve

A pé ou de bicicleta, o Algarve tem trilhas incríveis esperando para serem exploradas. Uma das mais famosas é a Via Algarviana, que percorre trechos do interior e da costa do Algarve entre montanhas e rios, com diferentes dificuldades. Para conhecê-la completamente vai precisar de vários dias, mas vale a pena ir a alguns trechos.

Outro passeio belíssimo é pelo percurso pedestre dos Sete Vales Suspensos, no topo das falésias na beira do mar. Cenários maravilhosos para qualquer época do ano, e no inverno ainda com ondas impressionantes. Só cuidado para não se arriscar na beira dos penhascos.

E não se esqueça do Parque Nacional da Ria Formosa e o percurso do Ludo, que também oferecem belos ambientes de caminhada em meio à natureza.

Aproveite as ondas do inverno para surfar

Embora seja uma região costeira, o Algarve não costuma ter um mar muito agitado. Graças à sua posição geográfica, ele não recebe diretamente na costa os fortes ventos do Atlântico. Porém, quando chega o inverno, a coisa muda. Para a alegria dos surfistas, as ondas ficam mais fortes e mais divertidas. É a melhor época do ano para se praticar surf na região, principalmente em Sagres.

Os surfistas adoram vir ao Algarve no inverno

Não sabe surfar? Hora de tentar aprender. Se não conseguir, tudo bem, com certeza renderá algumas gargalhadas e histórias para contar.

Caso esteja se perguntando, a água do mar no Algarve fica muito fria no inverno, com uma média de 15,4ºC. Não é recomendado nadar em praias com mar agitado sem instrutores, principalmente se você não conhece a região. Lembre-se, segurança em primeiro lugar!

Vá à praia caminhar

Afinal, a vista continua linda e o céu provavelmente está azul. É só levar um casaco. Muitos habitantes locais aproveitam as praias de areal grande no inverno para passear com os cachorros, fazer yoga e até tomar sol!

Dica: cuidado, algumas praias atraem nudistas no inverno e você pode acabar tendo uma surpresa. Embora no Brasil não seja nada comum, é normal se deparar com zonas de nudismo em praias de Portugal. O educado a fazer é seguir o seu caminho sem contato visual, respeitando a privacidade dos banhistas que só querem curtir a praia sossegados.

E sim, em várias ocasiões é possível ir à praia de roupa de banho no Algarve durante o inverno. Já em Lisboa ou no Porto? Eu não teria tanta certeza.

Organize a sua agenda social

Marque jantares na casa dos amigos, junte um grupo para ir ao cinema, se inscreva numa academia ou aula diferente. A solidão no inverno fica poderosa, e é muito importante para o bem-estar dos imigrantes que se mantenha boas relações interpessoais. Ou seja, cultive boas amizades.

Se já sabe que seus amigos não vão estar no Algarve no inverno e não quer ficar sozinho, marque uma viagem e vá ver a neve. Nem precisa ir longe, a Serra da Estrela, famosa região onde neva no norte de Portugal, fica a apenas 5 horas de carro de Albufeira.

Descubra o lado cultural do Algarve

Afinal, nem só de praia vive o Algarve. Há museus, castelos medievais e muita história por toda a região. Podem não ser as atrações mais famosas nem as mais impressionantes, mas também são legais para se visitar.

Sabia que em Sagres fica a Fortaleza e antiga escola de navegação onde os portugueses desenvolveram as tecnologias das caravelas? Ou que Silves e seu castelo já abrigaram uma das principais rotas de comércio dos mouros?

Para quem gosta de música ao vivo, a cidade de Faro possui uma agenda cultural com eventos também no inverno. Não precisa ficar entediado no Algarve!

Para os turistas, vale a pena visitar o Algarve no inverno?

Se você é o tipo de viajante que adora privacidade e não gosta de calor, pode ser uma boa conhecer o Algarve no inverno.

Porém, é preciso saber que nem sempre os dias serão lindos, você vai ter que usar casaco e, provavelmente, não vai poder aproveitar a região ao máximo. Bons restaurantes vão estar fechados e você não vai conhecer a vida noturna. Então eu não indicaria essa viagem a todos os turistas. Afinal de contas, o Algarve é um destino de verão.

Para quem quer visitar o Algarve pelas praias, a minha sugestão é marcar a sua viagem nos meses de junho ou setembro. Nesses meses não há tantos turistas, e o clima é quente o suficiente para curtir as praias sem medo. Além, claro, de poder ver o Algarve em seu estado de máxima funcionalidade, tudo aberto, tudo cheio de vida.

Vale a pena viver no Algarve no inverno?

Tendo trabalho e casa, sem sombra de dúvidas. Sim, vale muito a pena viver no Algarve durante o inverno, durante a primavera, outono e até mesmo no verão. Se você gosta de calmaria, vida ao ar livre e está em busca de um inverno ameno na Europa, o Algarve é o ideal.

A qualidade de vida aqui é inexplicável. Há segurança, bom clima, lugares lindos, todo o necessário para te fornecer um ambiente ideal para construir a vida plena. Só precisa ter condições para isso.

Na hora de planejar a sua mudança, é muito importante considerar a época do ano em que vai chegar no Algarve. Encontrar emprego é muito mais fácil no verão, mas encontrar casa não. Saber como as coisas funcionam em Portugal facilita muito a sua adaptação.

Essas e muito mais dicas você encontra no nosso Programa Morar em Portugal. Nós reunimos todas as informações necessárias em um guia completo para te ajudar no processo de mudança, dando o máximo de tranquilidade possível. Ele apresenta todas as informações necessárias em 22 aulas em vídeo e um ebook, desde o planejamento até o período de adaptação da sua família. Vale a pena!