Morar no Algarve é um verdadeiro privilégio. Seja para aproveitar a aposentadoria, criar família, estudar ou começar um negócio, a região do sul de Portugal é um pequeno paraíso que nos últimos anos foi redescoberto. Se você tem interesse em viver nessa belíssima região, acompanhe esse artigo e conheça tudo sobre as diferentes cidades e vilas, oportunidades e estilos de vida para residentes no Algarve. Você vai amar o Algarve.

Como é morar no Algarve?

Dias ensolarados, ar fresco e calmaria. É isso que o Algarve proporciona a quem tem a sorte de viver lá. Por isso, é um dos principais destinos escolhidos por estrangeiros que decidem morar em Portugal.

Enquanto a região é famosa pelas praias e turismo, também é um lugar de cidades pequenas, gente simples e natureza. Há quem diga que é o melhor lugar para se viver na Europa e quem pode fica e não sai mais.

Embora não ofereça tantas oportunidades de trabalho quanto Lisboa e Porto, o sul de Portugal com certeza é um lugar perfeito para viver com tranquilidade e segurança e quem sabe, investir em um novo negócio.

Onde fica o Algarve?

Ao contrário do que muita gente pensa, inclusive programas de televisão falam, Algarve não é uma cidade, e sim uma região. Ele fica no extremo sul de Portugal e também é conhecido como o distrito de Faro, tendo Faro como a cidade mais populosa e capital deste distrito. É também a cidade mais populosa da região, com aproximadamente 65 mil habitantes, distribuídos por 210 km².

De carro, indo pela autoestrada A2, Faro fica a cerca de 2h45min, 280 km, da capital Lisboa. Dependendo da pressa e da sua disponibilidade financeira, é possível ir de avião e a viagem dura apenas 40 minutos.

Com 16 municípios, o Algarve é composto pelas cidades de Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Faro, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Tavira, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →

Viver aposentado no Algarve

Não há idade para morar em outro país, ainda mais quando se trata de morar no Algarve. Com praias exuberantes de águas cristalinas, belas paisagens, custo de vida possível e clima excelente, a região do Algarve está sempre no radar das pessoas que estão aposentadas (ou quase), que buscam um lugar para descansar e aproveitar a vida da melhor forma.

aposentadoria no Algarve

A região já foi eleita pelo World Travel Awards, Oscar do turismo, o Algarve foi eleito o melhor lugar do mundo para viver a aposentadoria.

Entre os maiores chamativos para se viver no Algarve, estão a elevada qualidade de vida, tranquilidade no dia a dia, ar puro, segurança e bons serviços de saúde disponíveis.
O custo de vida no distrito de Faro varia conforme a zona e o turismo, atraindo desde os milionários até a classe média, mas acomoda todos em igual qualidade.

As cidades e vilas algarvias mais populares entre os aposentados são:

  • Lagos;
  • Alvor;
  • Tavira;
  • Carvoeiro;
  • Lagoa.

Estudar no Algarve

Devido à elevada qualidade de vida, do clima e paisagens, o Algarve pode ser um destino dos sonhos para os estudantes internacionais. Assim como diz o slogan da Universidade do Algarve (UAlg), lá é o lugar para se “estudar onde é bom viver”.

Fazer faculdade no Algarve

Estudantes brasileiros podem concorrer a uma vaga nos cursos de mestrado integrado e de licenciatura (equivalente à graduação, em Portugal) da UAlg utilizando a nota do ENEM.

A Universidade do Algarve é reconhecida internacionalmente pelos cursos de Turismo e Biologia Marinha e possui 8 faculdades espalhadas por Faro e Portimão. São eles:

Campus da Penha, localizado no centro de Faro

  • Escola Superior de Educação e Comunicação;
  • Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo;
  • Instituto Superior de Engenharia.

Campus das Gambelas, próximo do aeroporto e da praia da Ilha de Faro

  • Faculdade de Ciências Humanas e Sociais;
  • Faculdade de Ciências e Tecnologia;
  • Faculdade de Economia;
  • Faculdade de Medicina e Ciências Biomédicas;
  • Escola Superior de Saúde.

Campus de Portimão

  • Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo.

Escola de Tecnologias Inovação e Criação

Além da UAlg, se destaca outra instituição de ensino superior da região, a ETIC Algarve (Escola de Tecnologias Inovação e Criação).

Localizada no centro de Faro, a ETIC oferece cursos profissionalizantes nas áreas do digital, comunicação e artes, também com acesso a estudantes brasileiros.

Veja também o guia completo para estudar em Portugal.

A cidade universitária

A UAlg foi uma das primeiras universidades portuguesas a aceitar o ingresso de alunos brasileiros com a nota do Enem em 2015. Desde então a comunidade de estudantes brasileiros na cidade de Faro passou a crescer muito.

A vida noturna nos bares e boates da baixa da cidade é muito ativa durante os semestres letivos, e os alunos internacionais aproveitam as praias do Algarve e a localização para viajar pela Europa por preços mais baratos. Além disso, o centro de Faro é pequeno e é possível caminhar de um lado ao outro da cidade em 40 minutos.

Ao lado dos brasileiros, UAlg também atrai alunos de todo o mundo em programas de mobilidade, como o Erasmus. Esse público faz com que a cidade de Faro ofereça preços mais simpáticos para jovens estudantes.

Veja a lista de custos gerais para um estudante em Faro:

Despesas Custos
Aluguel de quarto em apartamento partilhado 250€/mês
Contas da casa partilhada 40€/mês
Conta de celular para estudantes 16€/mês
Alimentação 200€/mês
Refeição em restaurante universitário 8,50€
Passagem de ônibus no centro 1,20€
Vale de ônibus mensal 35€
Entrada em discoteca 5€
Chopp 1,50€

Melhores cidades para morar no Algarve

Apesar de ser uma região de muitas praias, existem vários tipos de cidades no Algarve, cada uma mais indicada para um perfil. A seguir listamos as quatro melhores e os motivos pelos quais elas fazem parte desta lista.

1. Faro

A capital do Algarve é uma cidade muito tranquila para se viver. Morar em Faro significa viver em uma cidade com temperaturas incríveis e uma infraestrutura que permite a uma família que se desenvolva à vontade.

Em Faro há um hospital público grande, várias clínicas e hospitais privados, escolas, a única universidade da região. Além disso, no que se refere a cultura e lazer, a cidade tem um centro histórico charmoso, bons restaurantes e teatros, centros comerciais, dois cinemas, parques, centros de bombeiros, polícia, estádios e o 3º maior aeroporto de Portugal.

Faro fica a uma curta distância Lisboa, de carro são 2h40min, em menos tempo chega-se a Sevilha, na Espanha, são 2h10min de viagem.

No que se refere ao custo de vida, Faro não é, por sinal, a cidade mais cara do distrito, mas também não é a mais barata.

2. Lagos

A cidade que até 10 anos era a favorita dos turistas, Lagos cresceu a partir de uma vila de pescadores. Hoje é o lar de 30 mil pessoas, das quais cerca de 26% são estrangeiras. Possui clínicas de saúde, escolas e é dona da marina mais charmosa do Algarve. Definitivamente um destino dos sonhos.

A bela cidade histórica à beira-mar não é muito grande e nem conta com arranha-céus, mas sim pequenas ruas de prédios brancos que fazem um belo cartão postal.

cidades para morar no Algarve

Por falar em belas vistas, é aqui que estão algumas das praias e formações rochosas mais estonteantes de Portugal. As rochas da Ponta da Piedade e as praias Dona Ana, do Camilo e do Pinhão tiram o fôlego de turistas e moradores.

3. Portimão

Com 55 mil habitantes, Portimão é a maior cidade do oeste do Algarve e combina boa infraestrutura e atividades de turismo.

Existem vários centros comerciais, hospitais e clínicas, escolas, restaurantes, um campus da Universidade do Algarve, estádios e o autódromo internacional do Algarve.

Além de ter vida durante todo o ano, Portimão também recebe muitos turistas em seus vários hotéis devido às belíssimas praias da zona e da proximidade com a atração mais famosa da região, a gruta de Benagil.

4. Tavira

Charmosa e muitas vezes esquecida pelas massas turísticas, a pequena cidade histórica de Tavira fica no leste algarvio, banhada pelas águas mais quentes de Portugal (28ºC em agosto). Localizada entre Faro e a fronteira com a Espanha, Tavira possui cerca de 25 mil habitantes.

A cidade possui um ar de calmaria que é perfeito para quem quer se aposentar com estilo. É uma das favorita para quem quer morar no Algarve.

Quanto custa morar no Algarve?

O custo de vida no Algarve pode variar muito conforme o seu bolso e a região escolhida, mas o nosso levantamento mostra que um casal sem filhos consegue morar no Algarve com um orçamento de cerca de 1.500€ por mês.

Despesa Custo
Aluguel de apartamento T1 700€
Alimentação 400€
Contas da casa 140€
Passe de transporte mensal para 2 pessoas 70€
Seguro de saúde mensal para 2 pessoas 100€
Academia para 2 pessoas 60€
Restaurantes por refeição 30€
Praia Grátis

Claro que as despesas variam de acordo com os hábitos de consumo de cada pessoa, mas o nosso levantamento mostra uma média para um casal.

Vale a pena comprar de imóvel no Algarve?

O Algarve possui zonas nobres com o m² mais caro de Portugal, mas também zonas no interior com preços muito mais simpáticos.

Seja como for a sua preferência, é preciso ter em mente que nos últimos anos o preço dos imóveis no Algarve subiu muito, devido ao elevado interesse de aposentados ingleses e alemães. O que pode resultar na necessidade de uma maior pesquisa por bons preços.
Veja na tabela a seguir a comparação de preços por m² para compra de imóveis em diferentes distritos de Portugal, segundo dados do site de imóveis português Idealista:

Região de Portugal Média de preço do m² em fevereiro de 2021
Distrito de Lisboa 3.411 €/m²
Distrito de Faro (Algarve) 2.364 €/m²
Distrito do Porto 2.168 €/m²
Distrito de Setúbal 1.731 €/m²
Distrito de Coimbra 1.211 €/m²
Distrito de Braga 1.101 €/m²
Distrito de Évora 899 €/m²

Embora não seja das regiões mais baratas para se comprar um imóvel, é definitivamente um preço que se justifica pela qualidade de vida na região e alta procura.

Então, se você pode viver no paraíso, por que não? Existem boas oportunidades de casas para venda no Algarve.

Mercado de trabalho no Algarve

As belezas naturais do Algarve, como as praias e a gruta de Benagil, atraem visitantes de todo o mundo que lotam hotéis durante o verão. Isso faz com que o turismo seja a principal área de trabalho na região e que todos os residentes sejam impactados por ela de uma forma ou de outra.

Em contraste com as cidades grandes portuguesas, Lisboa e Porto, o Algarve oferece muito poucas oportunidades de emprego em carreiras em grandes multinacionais, já que não é comum ter a grande indústria na região.

Empreender é, porém, uma boa ideia para trabalhar na região, já que há menos empresas aqui e vários incentivos para novos negócios que possam vir a gerar mais empregos na região.

Saiba como empreender em Portugal, melhores áreas e por onde começar.

Áreas com mais oportunidades

No típico perfil algarvio, as oportunidades de emprego na região estão voltadas às seguintes áreas:

  • Hotelaria;
  • Atividades de animação turística;
  • Construção civil;
  • Restaurantes;
  • Lojas de roupas;
  • Escolas, cursos e universidades;
  • Hospitais privados.

Salários no Algarve

Enquanto um trabalhador por conta de outrem em Portugal, ou seja, com o equivalente a CLT no Brasil, recebe em média 1.300€ brutos por mês, no Algarve este valor é um pouco menor. O salário bruto médio no Algarve é de 968,2€ (dados mais recentes expostos pelo Ministério do Trabalho em 2017).

Uma fato que não se está explícito, mas faz parte do dia a dia de quem vive no Algarve, é que muitos dos rendimentos da população local não vem de trabalhos por contrato e salário fixo. Isso porque uma enorme parcela dos algarvios trabalha com turismo e restaurantes, eles chegam a aumentar os salários com gorjetas de clientes satisfeitos em até 200€ por mês durante os quatro meses da época alta (junho, julho, agosto e setembro).

Saiba em detalhes como trabalhar em Portugal, das áreas com mais oportunidades aos salários.

O paraíso do teletrabalho

Enquanto é verdade que o Algarve não oferece uma variedade de empregos como Lisboa, a região chamou muito a atenção dos trabalhadores nômades após a pandemia do COVID-19.

Por ser uma zona com clima ameno e elevada qualidade de vida, o Algarve sem turistas atraiu muitos europeus para viverem nos hotéis e pousadas vazias enquanto continuam trabalhando à distância.

praias do Algarve

Os hotéis no Algarve que apostaram em estadias de longa duração para trabalhadores em regime home office conseguiram contornar um pouco a crise e, os nômades digitais puderam aproveitar o melhor da região enquanto continuavam o seu dia-a-dia com segurança.

Como é o clima do Algarve

Ao contrário clima em Portugal, no Algarve se mantém quente e seco durante a maior parte do ano, com sensações térmicas de 40º no auge do verão e dias ensolarados em fevereiro. A região conta com apenas cerca de 70 dias de chuva por ano.

Não é à toa que o sul de Portugal atraia tantos europeus à procura de um paraíso ensolarado.

Estação do ano Temperatura mínima Temperatura máxima Quantidade de dias de chuva
Inverno 8ºC 18ºC 40
Primavera 13ºC 21ºC 15
Verão 24ºC 30ºC 0
Outono 15ºC 23ºC 15

Curiosidades sobre o Algarve

Se você optar por morar no Algarve, especialmente entre Faro e Albufeira, é possível que você encontre pessoas muito famosas no supermercado ou em algum restaurante.

Muitos dos jogadores de futebol com reconhecimento mundial correm para o Algarve no verão em busca de sossego e dias de sol. Cristiano Ronaldo, um dos melhores jogadores de futebol do mundo, tem uma casa na região. Luís Figo é outro português famoso do mundo da bola que adora as praias do Algarve.

Ayrton Senna tinha casa no Algarve

O piloto brasileiro Ayrton Senna tinha uma mansão no Algarve, na Quinta do Lago. Em 2015, a propriedade estava à venda por 9,5 milhões de euros. A casa tem 900 metros de área privativa, seis quartos, sete banheiros, uma cozinha enorme, várias salas, área interna e externa para jogos e uma piscina digna de filmes de Hollywood.

Descubra outros artistas brasileiros que escolheram Portugal para morar.

Há espaço para os amantes do esporte

O Algarve foi eleito o Melhor Destino de Golfe em toda a Europa continental pelo segundo ano consecutivo. A região também levou o prêmio de Melhor Relação Entre Qualidade e Benefício, ambos na premiação da prestigiada revista Today’s Golfer.

Vale a pena morar no Algarve?

Quem vive no Algarve sabe, aqui é onde o sol mais brilha na Europa. A qualidade de vida é impagável.

Para um estudante universitário ou jovem trabalhador, a vida pode ser um tanto parada quando comparada às cidades grandes do país. Porém, se o seu objetivo for empreender ou se aposentar, a oferta torna-se ainda mais promissora.

Há menos estresse, mais áreas verdes, mais segurança, praias ridiculamente maravilhosas por toda a costa e o clima mais quente de Portugal inteiro. É também uma das regiões de Portugal com os menores índices de Civid-19 desde o início da pandemia.

Morar no Algarve é um privilégio, eu vivo aqui há 4 anos e afirmo com toda a certeza que vale a pena todo o esforço. Mas, claro, mesmo no paraíso algarvio nem tudo é perfeito, existem alguns pontos que deixam a desejar na ragião.

O transporte público do Algarve

Ao contrário de Lisboa e do Porto, a região do Algarve não tem metrôs e o sistema de transporte não é excelente. Há ônibus e trens, mas não são muitos e é preciso verificar com antecedência se quiser usar.

Além disso, as cidades ficam espaçadas entre vilas, então para morar no Algarve pode ser uma boa ideia investir em um carro. As estradas são boas e os motoristas são muito mais tranquilos que em Lisboa (menos no verão, quando vêm os turistas).

Conheça melhor o sistema de transporte em Portugal.

O sistema de saúde público do Algarve

Assim como acontece nos transportes, o sistema público de saúde no Algarve deixa a desejar. Embora no norte e centro de Portugal os hospitais públicos funcionem lindamente, no sul não se encontra um médico de família há gerações. Tanto que na região muitos portugueses preferem investir em um seguro de saúde para usufruir dos hospitais privados. Se quiser optar por usar o sistema público de saúde, a dica é que se vá aos Centros de Saúde de cidades menores, com menos filas e melhor atendimento.

Como se planejar para morar no Algarve?

E você, quando vem morar no Algarve? Quer saber como se planejar para morar no Algarve com calma e tranquilidade? Conheça o nosso programa Morar em Portugal! Encontre todas as informações para preparar a mudança em 22 aulas em vídeo e um ebook com mais de 300 páginas de conteúdo, desde o planejamento até o período de adaptação da sua família. Vale a pena!