A decisão de morar no exterior geralmente vem acompanhada de muitas dúvidas e pesquisas sobre o país de destino. Assim, a experiência de quem já vive no local é extremamente importante. Neste artigo vamos apresentar o relato de estudantes e trabalhadores brasileiros na Alemanha.
Assim, você pode conhecer melhor como é a vida dos brasileiros na Alemanha a partir da experiência de quem já vive no país, conhecer melhor as motivações, além dos desafios e dos pontos positivos e negativos de viver no país.

Brasileiros na Alemanha: quantos são?

A quantidade de brasileiros na vivendo na Alemanha não é muito precisa. De acordo com as estatísticas populacionais do Itamaraty das comunidades brasileiras no mundo de 2015 (atualizado em 2016), cerca de 85 mil brasileiros moram na Alemanha.
Dados da empresa alemã Statista, entretanto, informam o número de 49.280 brasileiros vivendo na Alemanha em 2019, tendo este número crescido nos últimos anos. Uma provável justificativa para tal diferença entre os dados é o fato de que muitos dos brasileiros que residem no país contam com dupla cidadania (brasileira e europeia).
Assim, é possível que as outras nacionalidades estejam consideradas como sendo a nacionalidade principal nas estatísticas do país. Em 2014, de acordo com uma notícia publicada no jornal B.Z. Berlin, a maioria dos brasileiros registrados no país moravam na capital alemã, seguida pelas cidades de Stuttgart, Darmstadt, Düsseldorf e Munique.

Perfil do imigrante brasileiro na Alemanha

Na Alemanha é possível encontrar muitas pessoas com origem brasileira. Neste artigo apresentaremos as perspectivas daqueles que se mudam para o país com as finalidades de estudo e trabalho, principalmente.

Brasileiros na Alemanha para estudar

Muitos brasileiros se mudam com o objetivo de estudar na Alemanha, tendo em vista que o ensino é reconhecido mundialmente por sua qualidade, além de ser gratuito na maioria das universidades públicas.
perfil dos brasileiros na alemanha

Camila, estudante de mestrado na Alemanha

Camila Ribellato Baldin tem 28 anos e mudou-se para a Alemanha em outubro de 2019. A mudança foi feita com o objetivo de iniciar um curso de mestrado na Alemanha em Perigos e Riscos Naturais na Engenharia Estrutural.
Para a Camila, a experiência de estudar na Alemanha tem sido enriquecedora, não apenas pela qualificação profissional, mas também por poder aprender outro idioma e conhecer outra cultura e outro clima. Entre algumas dificuldades, ela destaca a quantidade necessária de estudo e dedicação. Além disso, o fato de o mestrado ser em inglês é uma facilidade inicial, mas que pode acabar limitando o aprendizado do alemão.
Quando perguntada se pretende retornar ao Brasil ao término dos estudos, ela afirma que a ideia inicial era voltar. Contudo, atualmente ela diz que não tem data definida para o retorno, pois acredita que ter uma experiência completa, que inclua a real atuação no mercado de trabalho alemão, seria a cereja do bolo.
Por fim, Camila recomenda a Alemanha como um país para estudar e viver uma experiência de intercambio, não só pela imersão cultural e pela sua excelente localização no centro europeu, o que facilita as viagens pelo restante do continente. Mas, também, pela sua forte economia, o que de fato ajuda muito para que os estudantes possam também trabalhar algumas horas por semana e custear as suas despesas.

Rogério, estudante de mestrado na Alemanha

Rogério Antonio Mota Santos tem 31 anos e se mudou para a Alemanha em 2018 para iniciar o curso de mestrado em Engenharia Digital. Ele conta que a experiência está sendo bastante desafiadora, pois o sistema de ensino é bastante rigoroso. Há apenas uma única prova ao término das disciplinas, o que é muito diferente e acaba sendo difícil. Apesar disso, ele diz gostar muito da experiência.
Sem planos para voltar ao Brasil no curto prazo, Rogério acredita que retornar não faria sentido, tendo em vista a atual situação econômica do país. Além disso, atualmente o estudante trabalha em paralelo aos estudos em um restaurante, assim consegue ganhar a mesma coisa que ele ganharia se estivesse trabalhando como engenheiro no Brasil.
Rogério acredita que o melhor seria adquirir muito conhecimento na Alemanha antes de retornar ao Brasil. Dessa forma, ela pensa em retornar somente cerca de 5 ou 7 anos após concluir seus estudos. Rogério recomenda a Alemanha por aspectos como segurança e saúde, e reforça o fato de a educação ser praticamente de graça.

Brasileiros na Alemanha para trabalhar

A Alemanha busca profissionais estrangeiros, tendo em vista que falta mão-de-obra qualificada para trabalhar no país. Além disso, o salário mínimo é um dos mais altos da Europa, oferecendo um alto poder de compra em um país em que o custo de vida é relativamente baixo.
Estes fatores fazem com que muitos brasileiros que desejam trabalhar no exterior tenham a Alemanha como destino.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →

Experiência na área de gastronomia

Marjorie Luciano, possui 26 anos e reside na Alemanha há cerca de 4. Ela trabalha no país como garçonete. Com cidadania italiana, Marjorie conta que escolheu a Alemanha para trabalhar por ser um país muito bem desenvolvido e com boas condições de trabalho.
Ela descreve a experiência como algo totalmente diferente do que ela já tinha vivido antes. Embora goste de trabalhar na Alemanha, afirma que pretende voltar ao Brasil daqui 5 anos, após ter conquistado liberdade financeira.
Marjorie recomenda a Alemanha para trabalhadores brasileiros que tenham vontade de sair do Brasil, mas destaca o idioma como um dificultador. Além disso, ela acredita que é mais complicado quando a pessoa é muito apegada à família e ao Brasil, uma vez que é necessário superar certas dificuldades em um novo país e em uma nova cultura.

Experiência na área de gestão e marketing

Franco Luigi Mendes tem 28 anos e mora na Alemanha desde 2015. Ele se mudou para o país para terminar o seu curso de bacharelado em Administração, obtendo um duplo diploma por meio de uma parceria entre a instituição alemã e a sua universidade no Brasil. Atualmente Franco reside em Düsseldorf.
A decisão de permanecer na Alemanha se deu por conveniência, tendo em vista que ele já havia recebido uma oferta de emprego no país. Franco descreve a experiência de trabalhar na Alemanha como positiva, principalmente sob o ponto de vista da flexibilidade e autonomia no trabalho.
Além disso, destaca gostar do fato de poder se envolver em projetos interessantes enquanto trabalha no país. Franco não pretende retornar ao Brasil no momento, mas não descarta essa possibilidade para o futuro. Ele recomenda a Alemanha para outros trabalhadores brasileiros e acredita que é o melhor país para trabalhar na Europa, em função dos salários, das oportunidades de emprego, e da forte economia.

Experiência na área de engenharia

Alfredo Lorenz Sadi Wenzel é engenheiro civil e tem 28 anos. Ele conta que sempre teve o sonho de morar na Alemanha, desde mais novo. Em 2018 decidiu se mudar para o país com o objetivo de iniciar um curso de mestrado na cidade de Zwickau.
Após terminar o curso, em 2020, deu início a busca por empregos na Europa. Além da Alemanha, ele também se candidatou para países como Inglaterra e Áustria. Hoje, Alfredo trabalha na Alemanha como Planejador de Operações de Construção em uma grande empresa.
Alfredo conta que trabalhar na Alemanha está sendo uma experiência incrível, mas também um desafio, principalmente devido ao idioma. Ele relata que antes de concluir o mestrado, enquanto fazia estágios e mini empregos, vivenciou algumas experiências negativas, reflexo de xenofobia e diferenças culturais.
Alerta, ainda, sobre a importância de escolher bem a cidade em que vai morar e a empresa em que irá trabalhar, pois isso influencia muito na experiência do trabalhador. Apesar das dificuldades, Alfredo acredita que vale a pena morar na Alemanha, uma vez que o país oferece boas oportunidades de emprego e melhor qualidade de vida. Por enquanto, o Alfredo não pretende retornar ao Brasil.
vale a pena morar na alemanha
Você gostaria de trabalhar na Alemanha? Veja nossas dicas sobre como encontrar um emprego no país.

Brasileiros aposentados na Alemanha

Além de estudantes e trabalhadores, há também brasileiros aposentados na Alemanha. O país atrai especialmente quem deseja desfrutar da qualidade de vida e tem rendimentos comprovados para se manter no país.

A imagem dos brasileiros na Alemanha

De uma forma geral, a imagem dos brasileiros na Alemanha é positiva. Os brasileiros são vistos como pessoas que trabalham de forma diligente e comprometida, além de se comunicarem de forma clara e expansiva.
Há, entretanto, relatos de xenofobia. A maior parte dos relatos não estão relacionados especificamente à nacionalidade brasileira, mas sim aos estrangeiros de modo geral. Alguns alemães não aceitam os imigrantes e não entendem a importância destes para o desenvolvimento do país. Felizmente, estes são a minoria.

A Alemanha é um bom lugar para se viver?

Sim! A Alemanha oferece muita segurança e qualidade de vida e é um ótimo país para se viver. Embora o idioma possa ser uma barreira inicial, ele deve ser encarado como uma oportunidade para aprender ainda mais. Além disso, apesar dos dias curtos e escuros no inverno, o clima não é tão frio ou chuvoso como em outros países europeus. Por fim, a cultura alemã é muito interessante e podemos aprender muito por lá.
Viver na Alemanha é entender que a vida pode ser mais simples. É perceber que não custa muito cuidar do seu lixo e descobrir que não é preciso esbanjar suas conquistas materiais. Quem vive na Alemanha sabe encontrar alegria em coisas banais, como uma caminhada em um dia ensolarado, e mais do que isso, aprecia cada uma das estações do ano. Viver na Alemanha pode não ser fácil, mas certamente é enriquecedor.
Morar em terras germânicas está nos seus planos? Então conheça as principais cidades da Alemanha e saiba como é a vida em cada uma delas antes de decidir seu destino no país.