Encontrar um emprego para brasileiros na Alemanha tem sido cada vez mais simples devido à escassez de mão de obra no país. A maior economia da Europa se forçou a flexibilizar as barreiras para estrangeiros com a implementação de novos vistos.

Segundo a Agência Federal do Trabalho (Bundesagentur für Arbeit), existem gargalos em ao menos 148 áreas trabalhistas no país, além de risco em outras 122. Ainda de acordo com analistas, em 2035, o déficit no mercado de trabalho deverá chegar a 7 milhões de profissionais.

Atualmente, conforme a DIHT (Confederação Alemã das Câmaras de Indústria e Comércio, em português), estão abertas mais de 1,7 milhões de vagas no país. Confira algumas das oportunidades de emprego na Alemanha e como conseguir a sua.

Existe emprego para brasileiros na Alemanha?

Sim, existem inúmeras oportunidades de emprego para brasileiros na Alemanha e a nossa mão de obra é muito bem vista pelos nativos. Seja para emprego qualificado ou temporário, o país possui vagas em diferentes segmentos de atuação, tornando-se uma opção bastante atrativa para quem busca uma experiência no exterior.

Porém, vale reforçar que, apesar de as oportunidades de emprego na Alemanha serem uma realidade, há uma série de etapas que sugiro que sejam seguidas para você iniciar essa busca pela vaga de emprego da forma mais tranquila e assertiva possível.

Como um brasileiro pode trabalhar na Alemanha?

De forma simples e direta, um brasileiro pode trabalhar na Alemanha se possuir um visto que lhe permita trabalhar. Para quem já possui a cidadania alemã ou o passaporte de qualquer outro Estado-membro da União Europeia, o visto não é exigido.

Antes de começar a trabalhar, é preciso obter a permissão de residência que lhe autoriza exercer a sua profissão no país. O visto para trabalho qualificado é normalmente emitido apenas por meio da Agência Federal de Trabalho (Bundesagentur für Arbeit) através do consulado da Alemanha da sua região.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →

Vale lembrar que as formações realizadas no exterior (ou seja, fora da Alemanha), precisam ser reconhecidas no país, sendo necessário validar diploma na Alemanha.

Cartão Azul UE

Para estrangeiros que possuem um diploma, é possível obter o Cartão Azul da União Europeia — ou Blaue Karte EU. Os requisitos para esse visto são:

  • Possuir um diploma universitário alemão, um diploma estrangeiro reconhecido ou um diploma estrangeiro comparável a um diploma universitário alemão;
  • Ter uma oferta de emprego concreta em uma empresa na Alemanha;
  • O trabalho deve ser adequado às suas qualificações (diploma universitário).
  • Com a oportunidade de emprego na Alemanha, você ganhará um salário anual bruto de pelo menos 56.400€ (2022).

Para profissionais de áreas como Matemática, Tecnologia da Informação, Ciências Naturais, Engenharia e Medicina humana, o salário anual bruto pode ser de pelo menos 43.992€ (2022). Nestes casos, a Agência Federal de Emprego (BA) deve aprovar o seu emprego.

Empregos na área de tecnologia

A área de tecnologia costuma ser uma das que mais oferecem oportunidades e possuem processos de vistos para trabalhar na Alemanha muitas vezes simplificados pela grande necessidade dessa mão de obra no país.

Nestes casos, nem sempre é necessário comprovar a qualificação como trabalhador qualificado se o profissional preencher os seguintes requisitos:

  • Ter qualificações comparáveis, adquiridas por meio de experiências profissionais ao longo de pelo menos três anos durante os últimos sete anos;
  • Conseguir obter um salário anual bruto de pelo menos 51.120€;
  • Ter conhecimento nível B1 na língua alemã (porém, se for possível comprovar que a língua não é exigência para o emprego em questão, esse requisito pode ser dispensado).

Emprego de motorista na Alemanha e outras profissões

Não são apenas trabalhadores com altos níveis de qualificação que conseguem obter um emprego na Alemanha. Atente-se para os tipos de vistos para Alemanha e veja em qual destas categorias você se enquadra melhor.

Podem ser emitidas autorizações de residência para trabalhadores abrangidos pelas disposições do regulamento de emprego de estrangeiros (Beschäftigungsverordnung).

Dentre os profissionais desta categoria, destacamos: Au pair, atletas profissionais, motoristas profissionais, cozinheiros especializados, artistas, dentre outros.

Green card Alemanha

A busca por mão de obra qualificada na Alemanha já acontece há pelo menos 4 anos, a partir de estudos apontarem que o envelhecimento da população pode causar sérios problemas na economia do país.

Tecnologia é uma das áreas de emprego para brasileiros na Alemanha
A área de TI está em ascensão e oferece inúmeras oportunidades de emprego para brasileiros na Alemanha.

Por esse motivo, o atual ministro do trabalho da Alemanha, Hubertus Heil, sugeriu a implementação de um Green Card, semelhante ao modelo dos EUA, que tem como premissa o sistema de pontuação e facilita a busca de emprego para brasileiros na Alemanha (e estrangeiros em geral).

Previsto para ser lançado em breve, o novo visto permitirá que qualquer pessoa que preencha ao menos três dos quatro requisitos receba uma autorização para procurar um emprego no país, mesmo sem ter uma oferta concreta.

 Os requisitos para o “Green Card” alemão são:

  1. Ter um diploma universitário ou qualificação profissional;
  2. Ter experiência profissional de pelo menos três anos;
  3. Ter conhecimento do idioma ou residência anterior na Alemanha;
  4. Ter menos de 35 anos.

Apesar do novo visto vir com a proposta de facilitar e desburocratizar a ida de estrangeiros qualificados para a Alemanha, ainda enfrenta muitas críticas de especialistas, que apontam alguns dos requisitos como obstáculos, como a validação dos diplomas (que citamos acima) e o conhecimento na língua.

De qualquer forma, é sempre válida qualquer nova oportunidade para buscar emprego em outros países, que incluam grupos de pessoas que antes não eram contempladas nos demais vistos disponíveis.

Como encontrar vagas de emprego na Alemanha para brasileiros?

A primeira coisa a ter em mente é que essa busca por emprego para brasileiros na Alemanha deve, idealmente, iniciar no Brasil — se você não tiver um visto para procurar emprego na Alemanha.

A internet veio para facilitar a nossa vida nesse sentido, contribuindo para quem busca uma oportunidade de emprego no exterior, simplificando todo o processo que antes deveria ser feito presencialmente.

Você pode fazer networking sem sair de casa através de mídias sociais como o LinkedIn, que oferecem diariamente milhares de vagas de emprego no mundo todo. Faça um filtro por posições que você está apto a se candidatar e, se já tiver algumas empresas em mente, inicie a busca pelo próprio site da companhia ou nas redes sociais.

Sites de emprego na Alemanha

Assim como no Brasil, é possível encontrar uma oportunidade de emprego para brasileiros na Alemanha por meio de sites de emprego, que trazem informações completas das vagas disponíveis no país.

Os principais sites são:

Confesso que de todos esses sites de emprego na Alemanha, o meu favorito acaba sendo o LinkedIn, pela facilidade e familiaridade que já tenho com a plataforma. No entanto, sugiro que inicialmente explore todos eles, faça o seu cadastro e acompanhe as vagas em diferentes locais.

Adapte o seu currículo

Mesmo que você não tenha conhecimento na língua alemã, sugiro que tenha duas versões do seu currículo — uma em inglês e outra em alemão — já no padrão europeu.

Na hora de se candidatar a uma vaga, outros documentos podem ser exigidos, como diplomas e certificados, carta de apresentação e/ou recomendação. Lembre-se que quanto mais documentos, melhor — os alemães amam essa “burocracia”.

É fácil conseguir emprego na Alemanha sendo brasileiro?

Não diria que é fácil, mas é completamente viável, desde que você cumpra com os requisitos da vaga. A Alemanha está buscando mão de obra qualificada em diferentes partes do mundo e muitas empresas não apresentam resistência em passar pelo processo de visto.

É importante que você esteja disposto a se mudar para o país, pois apesar de muitas vagas serem remotas, é necessário estar no mesmo fuso horário. Além disso, o idioma é um ponto-chave para você garantir o seu emprego na Alemanha, mas vamos falar disso mais adiante.

Quanto ganha um brasileiro na Alemanha?

É difícil estimar um valor exato, pois os salários podem variar bastante conforme o cargo e área de atuação. Mas uma coisa é certa, o fato de ser brasileiro não afeta negativamente o seu salário, desde que você venha com toda a documentação certinha e viva legalmente no país.

Em 2022, o salário mínimo na Alemanha é de 12€ por hora e esse valor deve permanecer pelo menos até janeiro de 2024. Funcionários que trabalham em tempo integral — 40 horas por semana — ganham um salário mínimo bruto de aproximadamente 1.920€.

Porém, a maioria das empresas paga mais do que o salário mínimo, sendo a média salarial na Alemanha em 2021, segundo o site Statista, de USD 56.663 anual bruto, equivalente a cerca de 54.407€.

Sites como Gehaltsvergleich e Glassdoor permitem que você filtre salários por vagas, regiões e até mesmo empresas, facilitando na hora de comparar as vagas.

Tipos de emprego para brasileiros na Alemanha

São inúmeras as oportunidades de emprego para brasileiros na Alemanha, desde os níveis mais altos, que exigem maior grau de qualificação, até vagas de nível técnico.

Uma fama que carregamos no mundo todo é de “povo trabalhador”, o que muitas vezes nos dá certa vantagem, especialmente em trabalhos não qualificados. Confira a seguir alguns dos setores que empregam brasileiros na Alemanha.

Área da saúde

Esse segmento tem uma alta demanda de profissionais e possuem algumas vantagens na hora de buscar um visto no país. Médicos, enfermeiros, dentistas, técnicos e até mesmo cuidadores de idosos são muito bem-vindos.

Nestes casos, como já mencionamos, é necessário validar a sua formação para atuar no país e ter um conhecimento mínimo de alemão — nível B1 — também é importante.

Área de TI

A crescente procura por profissionais para trabalhar com TI na Alemanha faz desse segmento um dos mais atrativos para os brasileiros, pois o conhecimento na língua alemã na maioria das vezes não é necessário.

Outra vantagem em relação às demais profissões é que os desenvolvedores nem sempre precisam de um diploma para atuar na Alemanha. Se você conseguir comprovar experiência na área, pode ser suficiente para conseguir uma boa vaga de emprego na Alemanha — muitas vezes 100% remota.

Área de estética

Todo mundo tem um caso de sucesso de algum brasileiro que vive como esteticista na Europa. Somos referência na Alemanha e em diversos países nesse segmento, e é bastante comum encontrar lugares que divulgam “Brazilian Waxing” (depilação brasileira) para atrair clientes ou salões com manicure e cabeleireiras brasileiras.

Emprego para brasileiros na Alemanha para profissionais qualificados.
O mercado está aberto para estrangeiros, o que facilita encontrar emprego para brasileiros na Alemanha.

O site Leisurejobs traz algumas oportunidades na área e você pode circular pela cidade e entrar em contato diretamente com o estabelecimento para verificar as oportunidades disponíveis.

Pesquisadores

Diferentes oportunidades para quem trabalha com pesquisa estão abertas na Alemanha, seja para quem tem vínculo com universidades brasileiras ou para quem pretende seguir com os estudos em solo europeu.

Gastronomia e turismo

Muitos diplomas brasileiros são reconhecidos aqui na Alemanha e é possível trabalhar em vagas qualificadas nesse segmento. No entanto, também existem muitas oportunidades abertas para quem busca um emprego de meio período ou algo para complementar a renda, como os chamados minijobs na Alemanha.

Outras áreas, como transportes, serviços sociais, eletricistas, arquitetos e engenheiros estão com alta demanda de empregos para brasileiros na Alemanha. Com certeza haverá uma oportunidade que se encaixe no seu perfil e, caso você ainda não tenha os requisitos necessários para competir a uma vaga, sempre é tempo de se qualificar.

Exemplos de vagas abertas na Alemanha

Em uma pesquisa rápida feita no final de dezembro de 2022 no site Indeed, um dos principais da Alemanha, com vagas de diferentes níveis, encontramos as seguintes oportunidades de emprego para exemplificar:

  • Instalador de cercas: início imediato *tempo integral 3.500€ de segunda a sexta*:
    • Salário: a partir de 3.500€ por mês;
    • Qualificações: alemão (obrigatório); CNH categoria B (obrigatório).
  • Ajudante de abrigo de animais: meio período ou turno integral (de segunda a sexta):
    • Salário: 14,37€ por hora (até 2.190€ bruto mensal);
    • Qualificações: não é necessário conhecimento em alemão; mínimo 18 anos.
  • Engenheiro Químico
    • Salário: não informado;
    • Qualificações: bacharel ou mestre com ótimos resultados acadêmicos em Engenharia Química; ótimas habilidades analíticas e aprendizado rápido; atividades extracurriculares; fortes habilidades de comunicação e liderança; capacidade de trabalhar efetivamente com outras pessoas; estágios e/ou estadias no exterior; bons conhecimentos de inglês e alemão.
  • Engenheiro de software (inglês):
    • Salário: não informado;
    • Qualificações: bacharel em Ciência da Computação ou experiência prática equivalente; experiência em codificação em C++; capacidade de falar e escrever fluentemente em inglês.
  • User Experience Design:
    • Salário: não informado;
    • Qualificações: bacharel em Design (por exemplo, interação, gráfico, comunicação visual, produto, industrial) ou experiência prática equivalente; portfólio de amostras de trabalho mostrando proezas de UX, criatividade e pensamento para aplicativos móveis e da web robustos.

É possível arrumar emprego na Alemanha sem falar alemão?

Encontrar um emprego na Alemanha para quem fala português pode ser uma tarefa difícil, mas não impossível. A língua portuguesa pode ser um diferencial na hora de buscar uma vaga no país, mas vale ressaltar que apenas o conhecimento da língua materna não é suficiente.

Muitas oportunidades de emprego para brasileiros na Alemanha não exigem conhecimento em alemão ou pedem apenas o básico. Por trabalharem com profissionais do mundo inteiro, acabam adotando o inglês como língua principal, e esse sim, deve ser o seu foco caso ainda não tenha um bom nível.

É importante que o seu nível de inglês seja suficiente para se comunicar e ser entendido, e caso você esteja apenas enferrujado, vale buscar cursos que tenham como foco a conversação profissional.

Agora, se o seu nível de inglês já é considerado fluente, sugiro buscar quanto antes um curso para aprender alemão para chegar, se possível, até o nível B1, que é normalmente exigido em alguns tipos de visto.

O idioma alemão assusta muito, mas mesmo que você não o utilize no trabalho, é importante saber o mínimo para lidar com as burocracias e com situações do dia a dia no país, como ir ao mercado, utilizar algum serviço, ir ao médico, etc.

Ao morar na Alemanha, não espere que todos saibam se comunicar em inglês.

Como é o mercado de trabalho alemão?

O mercado de trabalho alemão é diverso e muitas vezes concorrido, mas rico em oportunidades. Com o nível de desemprego baixo, há muitas vagas, especialmente em áreas que exigem menos qualificação, como atendimento ao cliente, telemarketing, vendas e outras.

No entanto, ao contrário do Brasil, existe na Alemanha uma cultura da certificação. Para diversas carreiras que os estrangeiros podem seguir sem nenhum tipo de escolaridade específica, existem os Ausbildung, cursos profissionalizantes que duram normalmente dois anos e com foco na prática. Em muitos deles, o estudante recebe um salário pequeno, já que os estágios obrigatórios fazem parte do currículo.

Profissões como secretaria, jardinagem, vendas e tantas outras exigem certificação. Ao mesmo tempo, profissões como enfermagem, pedagogia e outras, não exigem curso universitário.

Esta é apenas uma das diferenças entre o sistema educacional brasileiro e o alemão, mas elas impactam no mercado de trabalho. Além disso, estes cursos oferecem disciplinas que ensinam como se candidatar a uma vaga, como escrever um currículo, como realizar a contabilidade das despesas pessoais, coisas que os brasileiros não aprendem.

ONGs e o próprio governo oferecem cursos

Neste ponto, muitos alemães saem na frente. Mas há diversas entidades não-governamentais que oferecem cursos para que estrangeiros preencham esta lacuna. Além disso, o próprio governo alemão oferta alguns cursos que permitem aos estrangeiros se qualificar nas áreas mais necessitadas, seja com Ausbildung, curso de línguas e outros.

Tradições e hábitos no mercado de trabalho alemão

Por fim, o mercado de trabalho alemão traz alguns choques culturais aos brasileiros que se aventuram a imigrar. O estereótipo de que os alemães são sérios e pontuais é verdadeiro, portanto, cuidado para não se atrasar. Além disso, funcionários tendem a tratar os seus colegas e chefes com o pronome Sie, o jeito formal de dizer “você”.

Trabalhadores passam anos usando este pronome de tratamento, mantendo distância dos colegas, e apenas mudando para o informal Du quando lhe dão abertura. Às vezes isso não acontece nunca, pois colegas de trabalho às vezes não se consideram amigos.

Essa cultura muda em empresas internacionais, nas quais o inglês é a língua oficial ou onde há maior proximidade entre os colegas.

Dicas para se destacar no mercado de trabalho alemão

A principal dica que posso dar é: estude o mercado de trabalho alemão e esteja preparado para essa mudança cultural.

Também tenha em mente que, por mais que você esteja concorrendo com pessoas de diversas partes do mundo — que possuem diplomas muitas vezes melhores que os dos brasileiros — a sua experiência pode ser seu maior diferencial. Portanto, valorize cada uma delas no seu currículo e tenha todos os documentos em mãos para agilizar o processo seletivo.

Além disso, antes de aplicar para as vagas, verifique em qual dos tipos de visto você melhor se encaixa para já preparar qualquer tradução de documentos antes mesmo de iniciar o envio dos currículos. Ter os documentos em dia e já organizados pode ser uma vantagem na hora de concorrer a uma vaga na Alemanha ou conseguir um emprego na europa.

E por fim, mas não menos importante, busque quanto antes um curso de alemão. Mesmo sendo possível conseguir uma vaga 100% em inglês, ter o mínimo de conhecimento na língua pode ser crucial para conseguir uma vaga no país. Isso mostra que você tem interesse em se integrar na cultura e muitas vezes é o que lhe destaca de outros candidatos.

Separamos um vídeo com algumas dicas para quem busca um emprego na Alemanha para quem fala português:

E aí, preparado para correr atrás da sua vaga de emprego? Quer mais uma inspiração? Recomendo a leitura do ebook “O sonho de viver na Europa”, que reúne histórias de diferentes brasileiros que atravessaram o oceano em busca de uma oportunidade e mudança de vida. A leitura vale a pena até mesmo para refletir se essa mudança é mesmo o que está buscando.