Comidas típicas da Alemanha: os 10 principais pratos e sobremesas

Alemanha  / 

Se precisássemos de uma só palavra para definir a culinária alemã, ela certamente seria “substancial”. Pesada, por vezes gordurosa e bastante condimentada, é evidente que as comidas típicas da Alemanha visam preparar seus locais para rigorosos invernos.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Estamos diante de um povo que não admite o desperdício na cozinha, e aproveita tudo aquilo que o país oferece através de inúmeras variações de preparo, cozimento e apresentação.

Eles podem até não estar entre as refeições mais sofisticadas, mas os pratos robustos de combinações curiosas – como o paladar misto entre doce e salgado – fizeram dos restaurantes alemães os segundos mais consagrados do mundo, perdendo somente para os franceses.

Comidas típicas da Alemanha: 10 delícias de diferentes partes do país

Dentre as comidas típicas da Alemanha temos alguns protagonistas, que provavelmente deverão marcar presença na grande maioria das variáveis: a carne de porco, aproveitada até os restos; o repolho e as couves, utilizadas em saladas, refogados e recheios; as batatas, servidas em mais de nove maneiras diferentes; e claro, as salsichas, servidas em diversos formatos, cores, temperos e carnes.

Pães, sobremesas e demais itens de confeitaria também não ficam atrás, e mostram muita personalidade através da criatividade alemã e algumas influências deixadas por austríacos, belgas, franceses e suíços pelo caminho.

Cada região da Alemanha tem a sua tradição gastronômica

Lembrando que cada região do país é uma nova descoberta gastronômica, e se você se aventurar para além dos maiores centros como Frankfurt, Hamburgo ou Berlim, verá que a Alemanha é muito mais que salsichas, cerveja e chucrute. A exemplo, temos as cidades ao sul, que incluem a icônica região administrativa da Suábia e outras, que compartilham muito de sua culinária com os países vizinhos, como a Áustria e a Suíça.

Anotou no roteiro? Então confira logo a seguir 10 comidas típicas da Alemanha que você precisa provar se estiver de passagem pelo país.

Confira também quais são os melhores locais para tomar cerveja na Europa.

1. Wurst

Abrindo a lista das 10 principais comidas típicas da Alemanha, impossível não ressaltar as famosas salsichas alemãs. Sob a nomenclatura local e genérica de Wurst, existem mais de 1500 tipos e variações desse alimento, que podem ser servidas como uma linguiça, uma salsicha ou até mesmo um patê.

Sua composição inclui carnes de vaca, vitela, porco e também pode ser encontrada em uma combinação de carnes; tudo depende em qual parte do país você está. Como exemplo, a Bratwurst é frita e costuma ser a mais fácil de se encontrar, independentemente de qual parte da Alemanha está, levando carne de porco e vitela.

wurst

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Variações das salsichas

Mais ao sul, especialmente na Baviera, a Weisswurst é quem faz as vezes. De aparência branca, é produzida somente com carne de vitela e deve-se tirar a pele dela antes de comer. Já em Berlim, o carro chefe é a Currywurst, e consiste em carne de porco cortada e temperada com curry e ketchup. Muitos berlinenses acham uma ofensa provar esse prato em outra região que não na capital.

Atualmente comida de fast food, as Currywurst tiveram origem logo após a Segunda Guerra Mundial, especificamente em 1949, quando Herta Heuwer passou a vender a iguaria, temperada com o curry obtido com soldados ingleses, nas ruas de uma Alemanha devastada.

Como é morar na Alemanha? Veja a opinião de brasileiros na Alemanha sobre morar no país nesse artigo especial.

2. Schwäbische Maultaschen

Ou simplesmente ravioli da Suábia, essa é mais uma das comidas típicas da Alemanha que você não pode deixar de provar. Acredita-se que a sua origem se deu devido a uma tentativa de transgressão dos monges que se recusavam a jejuar nas sextas-feiras santas, escondendo carne dentro das massas.

Sendo verdade ou não, o fato é que esse prato costuma ser servido nos restaurantes durante as sextas, dia em que muitos cristãos seguem sem comer carne.

schwsbische maultaschen

Ravioli recheado com carne

Sua apresentação é de um ravioli recheado com carne bovina e um toque de suína, espinafre e especiarias diversas, que pode ser levemente frito ou regado por um caldo especial. Já no prato, é servido em conjunto com rodelas de cebola fritas.

O ravioli é uma especialidade da cozinha de Suábia, uma região administrativa do Estado da Baviera, localizada ao sul do país.

Se está interessado em saber mais sobre o país, leia o nosso artigo com tudo sobre a Alemanha.

3. Sauerkraut

Popularmente conhecido por aqui como chucrute, apesar de ser associado automaticamente ao povo alemão, muitos acreditam que o prato tem origem chinesa, e era fornecido como uma espécie de “ração” aos trabalhadores na construção da Grande Muralha. Na França, especificamente na região da Alsácia, o chucrute também é popular.

sauerkraut

O Sauerkraut se enraizou na Alemanha

Ainda que sua origem tenha se dado no Oriente, o fato é que o repolho azedo se enraizou na Alemanha, e dificilmente você verá algum restaurante ao longo de todo o país que não ofereça essa opção no menu. Na capital, Berlim, você provavelmente também será surpreendido com variações mais ousadas do prato, como na utilização de repolho roxo.

Preparado a partir de uma conserva de repolho fermentado, o chucrute pode até não ser uma especialidade alemã, mas com frequência é servido com pratos típicos como o joelho de porco, as carnes refogadas, bacon ou salsichas picantes (especialmente as brancas).

4. Eisbein

Também consumido em solo brasileiro, o Eisbein nada mais é que joelho de porco cozido. No entanto, assim como os demais pratos alemães, sabor em intensidade é o que conta pontos a favor. Servido em um pedaço enorme e bastante gorduroso, o prato tem preparo variado de acordo com a região do país.

comidas típicas da Alemanha schweinshaxe

Em Berlim a carne é curada

Em Berlim, por exemplo, a carne é curada antes de ser cozida, e é servida juntamente a uma porção de chucrute e purê de ervilhas. Já mais ao sul do país, o prato é chamado de Haxe e pode agradar a novos paladares depois de grelhar ou assar a carne, deixando-a dourada e crocante.

Além dos acompanhamentos citados, é muito comum que esse prato, seja como Eisbein ou Haxe, seja servido com uma infinidade de variações em batatas.

5. Brezel

Outra das comidas típicas da Alemanha, conhecidos por aqui como Pretzels, os Brezels são como pães bem simples, chamando atenção pelo seu formato: ovalado, com um nó no meio, deixando três áreas vazadas em seu interior. Versáteis, eles são encontrados em toda a Alemanha – apesar de tradicionais da Baviera há cerca de 500 anos – em versões doces e salgadas, e podem servir tanto como sobremesas quanto aperitivos.

Você pode acompanhar com cobertura doce ou salgada

A versão tradicional salgada possui um inconfundível sal grosso sobre a massa, convidativa para acompanhar as cervejas locais. Além da básica, é possível encontrar por todo o país Brezels com coberturas doces, como as de chocolate ou amêndoas, e salgadas, onde queijo predomina.

Comida barata e um dos símbolos da gastronomia alemã, os Brezels estão disponíveis em diversos tamanhos; desde miniaturas até os imensos, que servem praticamente como uma refeição.

6. Spätlze

Se você é vegetariano e já está atordoado com tanta carne, eis um alívio dentre as comidas típicas da Alemanha. Um dos maiores símbolos da culinária alemã, o Spätlze é basicamente um macarrão feito com ovo e farinha de trigo, de aspecto que pode se assemelhar aos fios de macarrão instantâneo ou a pequenos grãos de nhoque.

Comumente, é servido como prato principal quando acompanhado por um delicioso molho de queijo, que leva o nome de Käsespätzle. Esse molho muitas vezes leva ainda uma camada de cebola frita por cima, que dá ao prato todo um diferencial. Quando escolhido como acompanhamento, leva carnes com o molho de seu cozimento ao lado.

Origem do Spätlze

Prato típico em todo o país, os Spätlzes tiveram origem nas cozinhas da Suábia, mas podem ser encontrados em qualquer restaurante, a preços bastante convidativos. Geralmente, são servidos à mesa direto da panela quente, garantindo todo um charme ao pedido.

Gostou? Então aproveite para dar uma passada no museu dedicado ao prato, o Spätzle Museum, localizado ao sul da Alemanha, no estado de Baden- Baden-Württemberg.

Se você tem vontade de morar na Alemanha, leia esse artigo e saiba como.

7. Schnitzel

Opção mais suave para os que estão de passagem pela Alemanha, basta pedir por um Schnitzel para se aproximar ao nosso bife à milanesa – fica faltando só o arroz e feijão mesmo. De tamanho família, como todos os pratos alemães, o Schnitzel é geralmente feito com carne de porco ou vitela, em um bife fino, suculento e crocante, graças à casquinha de pão que empana a carne.

Apesar de muito comum na Alemanha, esse é um prato que muitos atribuem origem aos italianos, apesar de os austríacos terem levado a maior fama. Independentemente de quem criou primeiro, o fato é que a iguaria é encontrada em qualquer restaurante alemão, geralmente acompanhada de uma porção de batatas (fritas ou em salada) e uma fatia de limão.

schnitzel

Variações do Schnitzel

Algumas variações acontecem ao pedir por um Weiner Schnitzel, que é preparado com carne de vitela, ou um Weiner Schnitzel, feito com carne de porco. Outros pratos também levam o conceito. Um hambúrguer no estilo Schnitzel virá com um ovo frito sobre ele, e se pedir por uma Holsten no estilo Schnitzel, terá no seu prato a carne acompanhada com ovos, alcaparras e anchovas.

Para quem quiser ir ainda mais longe na experiência gastronômica, o antigo restaurante do DDR Museum, em Berlim, oferece o Schnitzel à moda comunista (Jägerschnitzel), acompanhado por massa.

8. Schwarzwälder Kirschtorte

Mais uma vez, nós já vimos algo semelhante por aqui. Conhecido como bolo Floresta Negra, o Schwarzwälder Kirschtorte é originário da região de Floresta Negra, ou Schwarzwälder, a sudoeste da Alemanha e que compõe seu nome.

schwarzwalder kirschtorte

Um doce alcoólico

Devido a particularidade da região de origem estampada em seu nome, o doce é mais facilmente encontrado no sul do país. Apesar de muito parecido esteticamente com os exemplares de Floresta Negra que conhecemos, a versão original alemã tem como diferencial ser mais “alcoólica”. Feito com licor de cerejas ginja, o sabor é característico da localidade.

Outros ingredientes que compõem o doce são muitas camadas de chocolate, creme de chantilly e muitas cerejas intercaladas juntamente com o licor.

Se você é gosta de açúcar e doces, aproveite para conhecer os doces portugueses.

9. Apfelstrudel

Também encontrado em algumas confeitarias mais especializadas no Brasil sob o nome de strudel de maçã, o Apfelstrudel é uma tradicional sobremesa alemã, popular especialmente na região sul desde o século XVIII – ainda que tenha sido criada na Áustria.

apfelstrudel

Massa folhada, maçã, açúcar e canela

A sobremesa é feita a partir de uma massa tão fina quanto massa folhada, enrolada em muitas camadas recheadas com maçã, açúcar e canela. Muitas vezes ela também pode conter passas e migalhas de pão em seu interior. Os Apfelstrudel costumam vir acompanhados de sorvete ou creme. Esse prato típico é servido quente ou morno, em fatias polvilhadas com açúcar de confeiteiro.

Apesar da popularidade do strudel de maçã, ele também pode ser encontrado em outras versões, como a de nozes ou recheada com quark, um tipo de queijo coalhado à base de iogurte.

Vai viajar para a Europa em breve? Saiba se é preciso visto para Europa.

10. Lebkuchen

Novamente entre opções de sobremesa, o Lebkuchen é uma das comidas típicas da Alemanha e um dos doces favoritos na Alemanha (apesar de ter sido inventado em Dinant, na Bélgica), especialmente durante as festas de fim de ano. Vendido em formato de coração, ele é um tipo intermediário entre pão de mel e um biscoito de sabor doce. Nos países de língua inglesa, o doce é conhecido como o famoso ginger bread (geralmente em forma de bonequinho).

Produzido em camadas finas, os simpáticos doces são feitos a partir de uma receita com farinha, açúcar, ovos, mel, nozes, frutas cristalizadas e algumas especiarias provenientes do Oriente. Para dar um toque final, os corações recebem confeitos coloridos, decorações e geralmente alguma frase como “Estive em Munique” para que os turistas os levem como souvenir.

comidas típicas da Alemanha lebkuchen

Procure pelos Lebkuchen em lojas especializadas

Nas feiras e festas tradicionais do país, o doce toma conta das vitrines, no entanto, recomenda-se comprar destes locais somente como lembrancinha mesmo. No quesito experiência gastronômica, procure pelos Lebkuchen em lojas e docerias especializadas, que comercializam o doce em versões redondas ou quadradas, banhadas em chocolate ou polvilhadas com açúcar. Apesar de não tão “fofinhos” quanto os vendidos nas feiras, eles são muito mais saborosos e macios – além de serem mais baratos também.

Aprovou a sugestão? Então passe pelas cidades de Nürnberger e Aachen para ter as melhores experiências com o doce.

Se está interessado em conhecer a gastronomia na Europa, veja também quais são:

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Brasileira, tem formação em Design de Games e Comunicação em Computação Gráfica. Apaixonada por tecnologia, cinema e literatura, desapegou e foi viver na Europa em 2015. De volta ao Brasil, hoje é grande entusiasta de um estilo de vida quase nômade.